casa » Archivo de Etiquetas: Deputado Federal (página 2)

Archivo de Etiquetas: Deputado Federal

Unicectma em reunião com o Presidente da Câmara Federal

COMPARTILHE

A União de Conselheiros (as) e ex-Conselheiros (as) Tutelares do Maranhão (Unicectma) reuniu nesta sexta-feira (20) de janeiro em São Luís, com o Presidente da Câmara Federal, Deputado Rodrigo Maia do partido Democratas (DEM-RJ) e com os Deputados Federais do Maranhão, Juscelino Filho (DEM) e Werventon Rocha, líder do Partido Democrático Trabalhista (PDT) na Câmara.

O representante da Unicectma, Darlan Mota entregou dois ofícios para o Presidente da Câmara: um que trata da inclusão de projetos de leis que versam sobre a ampliação de garantias constitucionais aos conselheiros tutelares na pauta da câmara federal e o outro pedindo apoio e intercessão diplomática do Presidente para que o Ministro da Justiça e Cidadania venha fazer a entrega de 20 kits de equipamento (carro, geladeira, computadores, impressora e bebedouro) para os Conselhos Tutelares das vinte cidades contempladas.

“ Pedimos que estas leis que tramitam na Câmara sejam aprovadas e sejam sancionadas pelo Presidente da República o mais breve possível e que o Ministro da Justiça venha a São Luís Fazer a entrega dos kits aos Conselhos Tutelares” disse o Presidente da Unicectma, Darlan Mota.

Informações:

Email: unicectma.ma@gmail.com

Instagram: unicectmaoficial

Facebook: unicectma MA.

Marcos Japi – Jornalista especialista em gestão pública, Assessor de Comunicação  da União de Conselheiros (As) e ex-Conselheiros (as) do Maranhão (UNICECTMA) – (98)988466101/(98) 992004672  Luzinao Campos, 98 9884661019

 

Weverton Rocha já começa articular rumo ao Senado em 2018

COMPARTILHE

O deputado federal, Weverton Rocha (PDT), que segundo ele nunca teve padrinho político, já começa preparar seu terreno visando uma vaga para o Senado em 2018. Com uma visão política invejável, não foi atoa que o saudoso Jackson Lago entregou PDT nas mãos do atual deputado federal, que com pouco tempo como parlamentar, já entra para a história do estado, como um dos políticos mais articulado. Isso mostra na vitória do prefeito de São Luís.

O Blog do Marrapa escreveu em uma publicação deste domingo (8), citando a seguinte frase: Se planejamento e articulação são os principais pilares para vencer uma eleição, o deputado federal Weverton Rocha (PDT) já pode ser considerado o grande favorito para ocupar uma cadeira no Senado pelo Maranhão em 2019. É claro que planejamento é essencial em tudo. Nada que venha galgar o sucesso possa ter êxito sem um bom planejamento. Mas na política, além de planejamento, existe outro fator que nem todo político consegue estudar, o cenário momentâneo. Como um bom articulador, Weverton já deve ter estudado muito bem o cenário político para o Senado e viu que entre as duas vagas que vão surgir em 2018, uma será facilmente preenchida por ele.

O novo líder pedetista tem feito tudo como se o Mestre Jackson Lago, estivesse em casa esperando o resultado de todo encontro entre Weverton e as lideranças políticas no interior do estado. Não é atoa que o deputado tem conseguido o apoio de diversos prefeitos e ex-prefeitos do Maranhão. O que mostra, um fortalecimento nos cenários Estadual e Nacional.

Prefeitos como Juran, de Presidente Dutra; Erick, de Barra do Corda e Erlânio, de Igarapé Grande estiveram reunidos com Weverton esta semana, já traçando metas e planejamento visando 2018. Entre outros temas tratados, a candidatura ao Senado. No fim de dezembro do ano passado, o pedetista reuniu 25 lideranças políticas do Maranhão entre deputados, vereadores e prefeitos como Luciano Leitoa de Timon; Gil Cutrim, ex-prefeito de São José de Ribamar e Talita Laci, da Raposa, na cidade de Santa Inês. Não podemos deixar de lembrar que a reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, teve ajuda direta do deputado Weverton Rocha, principalmente nas articulações com os vereadores da capital.

Na Câmara Federal, mais uma vez Weverton foi escalado líder do PDT, e ganhou o respeito de toda classe política pela coragem em defender a punição de juízes e membros do Ministério Público que cometerem crimes de abuso de autoridade. Apesar de críticas por parte da imprensa local e nacional.

Weverton já é nome certo para ser um dos candidatos ao Senado na chapa do governador Flávio Dino (PCdoB), e como são dois candidatos, o que geralmente transforma o voto casado, tem muito político sem cacife brigando por essa vaga a fim de garantir um mandato sem muito esforço. Como Weverton sabe que o ombro de Flávio Dino não é o mesmo de 2014, o bom mesmo foi começar a preparar terreno antecipado. Se nunca dependeu de padrinho político, não seria agora que vai esperar do céu um milagre!

Do Blog do Marrapa (com edição)

“Emenda de Weverton Rocha favorece a corrupção” – escreve Professor Universitário

COMPARTILHE

O radialista e apresentador Fausto Silva, da rede Globo de Televisão, usa um bordão durante seu programa dominical, de que “quem sabe faz ao vivo”. Essa lógica eu uso para classificar o professor Ed Wilson Araújo, ao descrever perfeitamente em seu blogue o perfil do deputado federal, Weverton Rocha (PDT) após aprovar emenda que vai aliviar corruptos e apertar os magistrados.

Abaixo o doutor em comunicação, coloca cada corrupto em seu quadrado. O texto mostra o quanto políticos desqualificados aproveitam de suas “nobrezas” para tentarem se dar bem durante seus mandatos, sejam eles executivos ou legislativos. CONFIRA O TEXTO NA ÍNTEGRA...

 

POR ED WILSON – Enquanto o Brasil chorava a tragédia de Chapecó, na madrugada do dia 30 de novembro, o deputado federal Weverton Rocha (PDT) apresentava a pior de todas as emendas ao projeto de combate à corrupção no Brasil.

Apoiadas por mais de 2 milhões de pessoas, as 10 Medidas contra a Corrupção eram a última tentativa de amenizar a sangria do erário, acionada pelas quadrilhas de gestores e parlamentares que aviltam a ética.

Na madrugada, em surdina, o projeto foi estraçalhado.

De hoje em diante, os beneficiados pela emenda de Weverton Rocha ficarão ainda mais empoderados, porque poderão processar promotores, procuradores, policiais e juízes sob o argumento de abuso de autoridade.

Prefeitos contumazes em desviar dinheiro da merenda escolar e dos hospitais públicos tocam foguete Brasil afora.

A emenda de Weverton Rocha é uma espécie de salvo conduto para gestores e parlamentares corruptos continuarem saqueando os cofres públicos.

É importante registrar que o jovem deputado maranhense não agiu sozinho. Seu cúmplice no Senado, Renan Calheiros (PMDB), conspira sem tréguas para impedir as iniciativas do Ministério Público e da Justiça que atuam no combate à corrupção.

Weverton Rocha operou os interesses de Renan Calheiros e da corporação criminosa que sangra o país. Agora, eles têm nas mãos o trunfo de coagir e intimidar os agentes e guardiões da Lei.

Como não poderia deixar de ser, a emenda tem certeza e esperteza. É certo que o pedetista agiu para proteger as organizações criminosas que dilapidam o patrimônio público. A esperteza fica por conta de uma suposta boa intenção do deputado, qual seja: impedir o abuso de autoridade dos procuradores, promotores e juízes.

O deputado maranhense será sempre lembrado e festejado pela escória da política – os parasitas do dinheiro público.

Iniciado nas estripulias políticas quando dirigia a União Municipal dos Estudantes Secundaristas (Umes), em São Luís, ele atingiu o auge da carreira quando mandou uma empreiteira derrubar o ginásio Costa Rodrigues (ainda hoje abandonado) e passou a ser conhecido pelo epíteto de “deputado black bloc”.

Mas, na madrugada do dia 30 de novembro, Weverton Rocha superou os próprios limites.

Entre a certeza e a esperteza, uma síntese: o deputado meteu os pés na lama da História.

 

 

Prefeito Anderson visita Câmara Federal acompanhado do deputado Victor Mendes em busca de recursos para Alcântara

COMPARTILHE

O prefeito eleito de Alcântara, Anderson (PCdoB), esteve esta semana em Brasília acompanhado do deputado federal Victor Mendes, que garantiu emendas para saúde e recuperação de estradas vicinais no município de Alcântara a partir de 2017. Anderson ainda visitou o Ministério da Saúde e faz levantamentos de projetos e programas à serem implantados em Alcântara a partir de 2017.

Com agenda cheia na capital federal, Anderson esteve em audiência com o Presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), José Raimundo. Durante o encontro, o prefeito alcantarense solicitou o empenho da Agência na reforma imediata do Cais Flutuante na sede do município de Alcântara e a implantação do projeto da Usina de Reciclagem de Resíduos Sólidos. A reunião foi tão positiva, que Anderson deixou agendada uma visita do presidente da AEB ao município de Alcântara.

anders2 anders1

Ainda acompanhado do deputado federal Victor Mendes, Anderson visitou a sede do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), em que foi recebido pelo presidente da entidade, Gastão Vieira, onde discutiram investimentos para o município de Alcântara. O resultado da agenda em Brasília foi positivo, onde o prefeito Anderson já visa o planejando para 2017.

Nesta sexta feira (11), o prefeito Anderson vai realizar a primeira reunião das comissões de transição, para avaliar o trabalho já feito e planejar novas estratégias para finalizar o processo, visando uma gestão com êxitos a partir de janeiro de 2017.

Weverton Rocha exige secretarias que mais faturam para fazer negociatas

COMPARTILHE

O deputado federal Weverton Rocha (PDT), também conhecido no meio político como “Maragatuno”, está insatisfeito com as pastas que o PDT administra no governo do Estado. Com isso, a “Máquina” da maldade, como foi “batizado” por especialistas em comunicação, já almeja as secretarias de Educação, Comunicação, Esportes, Trânsito e Transportes, além do IPAM (Instituto da Previdência e Assistência do Município), onde segundo o deputado em conversa com “amigos”, essas  pastas rolam muita grana e negociatas.

Com cargos apagados no governo comunista, e faminto por grana e poder, o PDT não tem expressão estadual no governo Flávio Dino. Todas as secretarias de grandeza ocupadas pelo PDT no Estado foram entregues por incompetência de gestão. Na Seduc era Áurea Prazeres (PDT), acabou deixando a pasta após Weverton exigir que a professora fosse despachar em seu gabinete, o que deixou Flávio Dino de orelha em pé.

O PDT ainda ocupa a secretaria de Trabalho, que tem como secretário Julião Amim, mas quem vigia é Márcio Jerry e Flávio Dino, tudo por causa do “Maragatuno”, que se piscar, dança. O Maranhão nunca esqueceu do rombo, que Weverton Rocha deixou aos cofres públicos quando era secretário de Estado de Esportes e Juventude, no governo Jackson Lago. Na ocasião o deputado meteu a mão no jarro e levou toda grana, aproximadamente 5 milhões de reais que seriam para reformar o Ginásio Costa Rodrigues, com a falsa conversa de que a empresa responsável pela reforma deu calote.

O esporte não é o forte do PDT. A prova de tudo isso, é o verdadeiro abandono da única praça esportiva do município, o Estádio Nhozinho Santos, que está fechado para reforma há mais de 2 anos. O atual secretário de Esportes de São Luís, Júlio França, que já foi pauta de uma CPI na câmara municipal, por desvio de peixes no governo Castelo, é um leigo no assunto e serve apenas de laranja. No Detran-Ma, a pedetista que está lá chegou com as mãos atadas e isso incomoda Weverton.

Espertão, Weverton só indica para assumir pastas do PDT, pessoas que obedecem ordens e tenham coragem de fazer o que o “rapaizinho” manda. Com projetos de candidatura para o senado federal, Weverton escolhe seus amigos pelo bolso ou pela arquitetura de maldade, segundo quem já conviveu com ele e não quer nem aproximação. Com a vontade de beber água na fonte comunista, a corda pode estremecer e a relação ser cortada ainda no ano de 2017. Weverton não é bem visto no Palácio dos Leões pelos comunistas.

Weverton Rocha propõe que os recursos de fundo de segurança sejam destinados a municípios com penitenciária.

COMPARTILHE

Tramita, em caráter conclusivo, na Câmara dos Deputados, proposta do deputado federal Weverton Rocha (PDT), que assegura a transferência de recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) para os municípios que possuam penitenciárias, colônias agrícolas ou industriais, casas do albergado, centros de observação e hospitais psiquiátricos. O Projeto de Lei 4484/16 também explicita o uso dos recursos do FNSP nas ações de apoio às famílias de presos e da população dos municípios em questão.

A medida, segundo Weverton, criaria incentivos à construção de estabelecimentos penais, mas com uma compensação para os municípios. “De forma compreensível, os municípios em geral reagem à construção de estabelecimentos penais nas áreas de sua circunscrição. Por outro lado, é notória a carência de recursos em nível municipal que permitam a implementação de projetos sociais destinados à redução e à prevenção da criminalidade”, avaliou.

De acordo com o parlamentar maranhense o texto não altera a destinação do FNSP, uma vez que a lei do fundo já prevê a implementação de programas de prevenção ao delito e à violência, o que incluiria projetos sociais de apoio à família de presos e à população. Ele aponta também que a proposta não inclui a cadeia pública entre os estabelecimentos que ensejam o acesso ao FNSP, em razão de ela se destinar à detenção provisória de presos.

O projeto será analisado pelas comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

PDT do Maranhão realizará ato em defesa da democracia

COMPARTILHE

Após a decisão da Câmara dos Deputados em dar prosseguimento ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), o PDT do Maranhão fará, nesta quarta-feira, 20, na sede do partido, um ato pela democracia e contra o golpe.

O encontro contará com a presença do presidente do Diretório Estadual do PDT, líder do partido na Câmara e deputado federal, Weverton Rocha, de lideranças da sigla, de movimentos da legenda, entre eles, Juventude Socialista, Ação da Mulher Trabalhista, Movimento Negro, e Movimento Popular de Ação e Cultura.

Na oportunidade, Weverton abordará questões ligadas a atual conjuntura política nacional. “O ato vem em uma hora necessária, porque há um golpe em curso e precisamos resistir. Ao mesmo tempo, pedirei à nossa militância que se desarme, e que lute em defesa da Constituição com responsabilidade”, ressaltou.

Em seguida, os pedetistas participarão de um grande ato em defesa da Democracia e da Constituição, organizado pelo governador Flávio Dino (PCdoB), em homenagem aos deputados que votaram contra o golpe. O evento será realizado na Assembleia Legislativa, a partir das 18h.

Waldir Maranhão não está mais no comando do Partido Progressista (PP) no Maranhão

COMPARTILHE

O Globo — O vice-presidente da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), que mudou de posição nesta sexta-feira com relação ao impeachment e votará a favor da presidente Dilma Rousseff, já perdeu o comando do diretório estadual do partido no seu estado por conta da decisão.

O anúncio foi feito nesta noite pelo próprio presidente do partido, o senador Ciro Nogueira. Essa é a primeira consequência prática da formalização da decisão do PP em favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff. No lugar de Maranhão, passará a comandar o diretório maranhense o deputado federal André Fufuca.

Maranhão esteve na manhã desta sexta-feira com a presidente Dilma, no esforço do governo federal em reverter os votos declarados de deputados em favor da sua deposição. Durante a tarde, o PP fechou questão a favor do impeachment e ameaçou expulsar os dissidentes, em resposta à ida de Maranhão ao Planalto.

Deputado petista fala sobre texto da redução da maioridade pena‏l

COMPARTILHE

O deputado federal José Carlos Nunes Junior, o Zé Carlos (PT/MA), em seu 1º mandato, diz ser contra a redução da maioridade penal, aprovada ontem pela Câmara dos Deputados em segundo turno, por 320 votos a favor, 152 contra e 1 abstenção. No entanto, o petista argumenta que da forma como a proposta foi aprovada, não vai ajudar aqueles que cometerem crimes, pois, em sua opinião, com a redução da maioridade, os presídios que já estão em fase de calamidade, podem se transformar em verdadeiras ‘bombas’ prestes a ‘explodir’.

“Sou contra [da maioridade penal], o que acontece é que a forma como foi colocada, ela não vai ajudar aqueles que cometerem crimes. Nós já sabemos que os presídios brasileiros estão em fase de calamidade, ali não é mais um presídio, é uma bomba preste a explodir”, declarou em entrevista ao BLOG.

O parlamentar afirmou ser favorável a uma reformulação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para que o crime hediondo tenha a mesma pena compatível com outros crimes. Assim, segundo ele, o País trabalhará para redução penal.

“Sou favorável que se refaça o ECA e tome para estes crimes hediondos uma pena compatível com o crime e assim, estaremos trabalhando para redução penal. Do jeito que estar o preso vai se especializar em crimes, então a imprensa informa que a maioria da população está favorável eu não vejo desta forma, a população está favorável, que estes criminosos sejam presos, e que paguem em regime fechado, assim a sociedade vai está livre enquanto eles estão cumprindo a pena”, declarou.

TERCEIRIZAÇÃO

Outra proposta polêmica abordada na entrevista foi à terceirização. No bate-papo, o parlamentar afirmou ao blog que lutou contra a aprovação da matéria na Câmara dos Deputados. Ele afirmou que o projeto de lei que permite às empresas a subcontratação de todos os seus serviços.

“Lutei contra a terceirização, projeto de lei que permite às empresas a subcontratação de todos os seus serviços, na qual apresentei emendas para garantir o pagamento das obrigações trabalhistas e previdenciárias aos trabalhadores. Onde um trabalhador terceirizado ganha 23% a menos”, informou.

REFORMA POLÍTICA

Zé Carlos abordou também uma das pautas mais aguardada pelos brasileiros, que levou milhares de cidadãos as ruas nos últimos meses em protesto a uma Reforma Política. “Na Câmara federal, lutei pela Reforma Política, mas infelizmente não haverá nenhuma reforma política. Luto também por uma reforma tributária, que precisa ser revista, onde pequena, medias empresas possam crescer, possam vender mais, mais barato,” afirmou.

Ele disse ainda que a Reforma Política que não promoveu as mudanças esperadas pelo povo brasileiro e ainda deixou de avançar em algumas propostas como, por exemplo, o fim do financiamento das campanhas por empresas e o aumento da cota de mulheres para os cargos de deputados e vereadores.

CRISE ECONÔMICA

O petista não nega a situação delicada do PT diante da crise econômica e política, que tem encontrado resistência para governar. “Estamos passando por uma situação delicada porque tem a crise com o governo do PT, uma crise econômica, que por sua vez alimenta a crise política, sem dúvida o mais grave e o mais forte é a crise política. O governo ainda não se encontrou e não conseguiu articular sua base e resolver suas questões, para ter tranquilidade para governar”, alertou.

Segundo o parlamentar umas das causas da crise, é devido ao escândalo de propinas envolvendo a Petrobras e dirigentes do PT. “A crise do PT vem também por causa da Petrobras, eu defendo que tudo deve ser apurado de forma exemplar, as pessoas que cometeram o crime devem pagar. Vejo o partido muito maior que pessoas, mas quem é o partido? É aquele trabalhador rural, aquele assalariado, este é o partido, ele não pode ser penalizado. Sou favorável que tudo seja apurado”, ratificou Zé Carlos.

ELEIÇÕES 2016

As eleições para prefeitura de São Luís também foi abordada durante entrevista, onde de acordo com deputado Zé Carlos, o PT no Maranhão, ainda não se posicionou, uma vez que há ritos a serem realizados.

“Quanto às eleições da capital, o PT ainda não se posicionou, pois é uma decisão que deve ser tomado em conjunto, juntamente com a Executiva e Diretório do partido, onde será decidido, se teremos candidatura própria ou não”, concluiu.

RAIO-X

José Carlos Nunes Junior

NASCIMENTO

26 de Maio de 1955, no São Luís (MA); 60 anos.

FORMAÇÃO

Engenheiro Civil

ATUAÇÃO

Deputado federal (PT-MA), eleito com 90.531, ficando na 6º posição dos mais votados.

Deputado Estadual, MA. Partido: PT. Período: 2011 a 2015;

Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal no Maranhão. Período: 2003-2010

TEXTO: Dalvana Mendes

Agora é oficial meu povo!

COMPARTILHE

DR Julião

Após recontagem dos votos para deputado federal, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), oficializou o advogado Dr. Julião Amin, como deputado eleito em 5 de outubro de 2014. A diplomação aconteceu hoje (14) a tarde na sede do TRE na Avenida Vitorino Freire, anel viário.

A nova diplomação de Julião Amim ocorreu após publicação no Diário da Justiça Eletrônico do Relatório Geral das Eleições 2014 relativo ao primeiro turno. Já a diplomação de Deoclídes Macedo, que assumirá a vaga deixada por Amin, só poderá ser realizada quando a prestação de contas dele for julgada pelo TRE-MA, o que deve ocorrer na primeira sessão do órgão, prevista para o dia 27 de janeiro.

DR Julião IVD!JUL

ENTENDA

Deoclides Macedo concorreu ao cargo de deputado federal sub judice porque seu registro de candidatura havia sido indeferido pelo TSE por ele ter figurado como gestor ordenador de despesas julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão.

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free