BEQUIMÃO

Prefeito Zé Martins publica novo decreto nesta segunda-feira (23), com ações para enfrentamento ao coronavírus

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, publicou nesta segunda-feira (23), o decreto nº 002/2020, com medidas para evitar o coronavírus no Município. Foram suspensas, por 15 dias, as atividades e serviços não essenciais, como academias, bares, restaurantes, lanchonetes, centro comerciais, lojas e similares. Essas determinações levam em consideração as recomendações do Ministério da Saúde para evitar aglomerações.

Baseado na declaração da Organização Mundial da Saúde (OMS), que declarou situação de pandemia global do coronavírus (COVID-19) e respeitando as orientações do Ministério da Saúde (MS), por meio da portaria nº. 188, de 03 de fevereiro de 2020, que declarou situação de emergência em saúde pública no Brasil, o prefeito Zé Martins entende que compete ao município disciplinar, acatar e reforçar as recomendações do Decreto nº 35.677, do Governo do Estado do Maranhão, além de complementar o Decreto Municipal nº 001/2020 publicado para evitar uma proliferação do vírus em Bequimão.

De acordo com o decreto publicado nesta segunda-feira (23), continuam funcionando, no município de Bequimão, hospitais, clínicas, laboratórios e demais estabelecimento de saúde. Além disso, vão continuar a distribuição e o comércio de alimentos pelos supermercados e similares, assim como os serviços de abastecimento de água, gás e combustíveis, serviços de coleta de lixo, limpeza da cidade, segurança oficial ou privada. O Mercado Municipal funcionará até 11h.

Já restaurantes, lanchonetes e similares poderão adotar a entrega de alimentos por Delivery (serviço de entrega) ou o cliente retirar no próprio estabelecimento. Segundo o prefeito Zé Martins, essas medidas são necessárias para diminuir a circulação das pessoas, ampliar o distanciamento social, já que essa é a única forma de prevenção e mais eficaz contra o vírus.

Ainda de acordo com o decreto, as Secretarias Municipais ficarão com horário de expediente reduzido para atendimento ao público, nos próximos 15 dias, exceto aquelas que prestam serviços essenciais à população de Bequimão.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo