TRABALHO

Mais uma Comunidade rural de Bequimão recebe qualificação na produção de farinha pelo Sebrae-Ma

Encerrou nesta quarta-feira (30), o Curso de Melhoramento da Produção de Farinha de Mandioca, promovido pelo Sebrae/Ma, por meio da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão. Foram capacitados 18 (dezoito) pequenos produtores de farinha da comunidade Quilombola do Ramal do Quindíua em Bequimão.

qd3 qd4

O município tem a mandiocultura como uma das principais bases da economia local. Bequimão possui uma alta concentração de casas de farinha. São mais de 40 unidades espalhadas por toda região. Por esse motivo, o Sebrae em parceria com a prefeitura de Bequimão está promovendo a capacitação dos pequenos produtores, com cursos e palestras orientadas para o segmento.

qd2 qd5

O intuito é estimular a competitividade do negócio, através de cursos que serão repassadas orientações de como comercializar o produto e criar estratégias para conquistar novos mercados. Diante da qualificação, os produtores ganham mais estímulo para produzir, já que a venda aumenta pela qualidade do produto, e boa aceitação do mercado.

qd12 qd19

QUALIFICAÇÃO E RESULTADOS

A primeira Comunidade Quilombola em receber a qualificação na produção e manejo da farinha de mandioca em Bequimão, foi Juraraitá, que hoje tem demanda de pedidos do produto colocada na agenda. A farinha “Pingo de Ouro” de Juraraitá está entre as mais vendidas em Bequimão, sendo mostrada em feiras da baixada. Após o sucesso da Pingo de Ouro, a Comunidade de Ramal de Quindiua foi a segunda comunidade a ser beneficiada com a qualificação do Sebrae, em parceria com a prefeitura de Bequimão.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo