TRABALHO

Greve de novo bancários?

rejeitafenaban190914

No calendário das greves, agora será a vez dos bancários. Ainda neste mês, o Sindicato da categoria deve se reunir com os representantes dos bancos, para então decidir por paralisação dos funcionários. Sem acordo de coletivo, os bancários podem parar na terça feira (30/09) e sem data para retorno das atividades.

A PROPOSTA

Depois de exatos 30 dias de “enrolação”, a Fenaban, ofereceu nesta sexta-feira (19/09), reajuste salarial rebaixado de 7%, enquanto os bancários maranhenses reivindicam 35%. Para as demais verbas (PLR e auxílios), o índice de reajuste é o mesmo.

O piso salarial também está longe de atender a reivindicação. Os bancos oferecem somente 7,5%. A categoria quer R$ 2.979,25, valor do mínimo definido pelo Dieese. Em suma, a proposta apresentada não passa nem perto do que consta na pauta do SEEB-MA e do que os bancos podem pagar.

Em relação à PLR (Participação nos Lucros e Resultados), a regra segue os mesmos moldes do acordo coletivo de 2013. Quer dizer, 90% do salário reajustado em setembro de 2014, acrescido do valor fixo de R$ 1.812,58, limitado a R$ 9.723,61.

A parcela adicional é de 2,2% do lucro líquido apurado no exercício de 2014, dividido pelo número total de empregados elegíveis de acordo com as regras da convenção, em partes iguais, até o limite individual de R$ 3.625,16. Tem mais, o benefício não pode ser superior a 15% do lucro líquido. A antecipação segue o mesmo modelo de 2013.

Cláusulas sociais de suma importância, como o fim das demissões, contratação de mais bancários para desafogar as agências, fim das metas e do assédio moral, segurança e igualdade de oportunidades foram deixados de lado novamente.

REIVINDICAÇÕES

Vale ressaltar que além do reajuste decente de 35%, os bancários querem avanços nas demais pautas, como: PLR de 25% do lucro líquido distribuídos de forma linear, reposição das perdas salariais, isonomia, contratação de mais bancários, saúde, segurança, respeito à Lei das Filas, dentre outras reivindicações.

NOVA ASSEMBLEIA

Os bancários maranhenses se reúnem novamente na quinta-feira (25/09) às 18h30, na sede do Sindicato, para definir os últimos detalhes da greve que atingirá bancos públicos e privados. Bancários compareçam à assembleia! 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo