EDUCAÇÃO

Em Turiaçu crianças estudam e dividem espaço com jumento em escola de taipa

Na cidade de Turiaçu a cerca de 469 quilômetros da capital maranhense, a educação anda a cavalo, ou melhor de jumento. Aproximadamente 52 crianças com idade entre 3 e 6 anos estudam em condições completamente precárias, onde dividem espaço com Jumento e até cocô do animal dentro do barracão. Com uma estrutura totalmente deficiente, a escola municipal é conhecida como “Escolinha de Taipa” um verdadeiro tapa na cara da população.
A escola municipal existe há 11 anos e foi construída pelos próprios moradores da comunidade. As paredes são feitas de madeira e barro e a cobertura é de palha de babaçuzeira. O local possui apenas um espaço que os alunos chamam de sala e uma simples cozinha. Já os banheiros foram improvisados com pedaços de madeira nos arredores da unidade escolar, pois antes os alunos faziam as necessidades no meio do mato.

U1 U3

A merenda servida no local é insuficiente e a qualidade ruim, além de ser um alimento sem higiene por causa da poeira que cai no local. Outro problema é que muitas turmas são multisseriadas (quando alunos de diferentes níveis e idade dividem a mesma turma). A cidade, administrada pelo prefeito Joaquim Umbelino Ribeiro, também não tem transporte público para os alunos se descolarem até a unidade escolar.
Mas Umbelino Júnior vive fantasiando nas redes sociais, que o município de Turiaçu está entre os mais bem administrados do Maranhão. E os piores, como estão Umbelino Jr?

UB

FALAIHMARANHÃO

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo