POLÍTICA

Duarte Jr vira pau mandado de Flávio Dino

Com tanta coisa pra fazer, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor do Maranhão (Procon/MA), juntamente com o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar notificaram nesta segunda-feira (23), o Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Maranhão por suspeita de venda ilegal de combustíveis inflamáveis para tocadores de fogo em ônibus em São Luís.

Na prática, isso significa que a conhecida maneira de levar um recipiente plástico para comprar gasolina direto da bomba é ilegal. Combustíveis comercializados fora da bomba devem estar embalados em recipientes com o selo da ANP. A sensação que temos, é que o Governo está à procura de um bode expiatório para os ataques ao Sistema de Transportes Coletivos da capital.

O diretor do Procon Maranhão, Duarte Júnior, deveria saber no mínimo, que além de gasolina, existem outros produtos que facilmente provocam chamas, como por exemplo: Álcool, querosene, dissolvente e tantos outros. Inclusive, os produtos citados são comprados em comércio normal e podem ser usados pelos marginais.

Os bandidos presos pela polícia, todos estavam com vidro de álcool e não gasolina. O certo mesmo, é que o governador não tem coragem de assumir seus erros e achou um laranja pra procurar culpados. É inadmissível um cara tão inteligente e estudioso, como Duarte, servir de massa de manobra. Triste!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo