casa » BEQUIMÃO » CREAS de Bequimão conversa sobre Lei Maria da Penha no Dia Internacional da Mulher

CREAS de Bequimão conversa sobre Lei Maria da Penha no Dia Internacional da Mulher

COMPARTILHE

Dia 08 de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher e para lembrar esta data, o CREAS de Bequimão realizou Roda de Conversa com o objetivo de informar e conscientizar as mulheres, de seus direitos garantidos na Lei 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha, que visa garantir proteção contra a violência doméstica e familiar.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) esteve reunido com moradores do Povoado Centrinho de Buritizeira, zona rural do município de Bequimão.

A ação contou com a articulação das secretarias de Educação e Assistência Social que mobilizaram as comunidades de Centrinho de Buritizeira, Coelho e Jeniparana na divulgação da Lei, seus objetivos e meios de acesso ao Sistema de Garantia de Direitos (SGD).

A facilitação da roda de conversa ficou por conta do psicólogo Wanderson Farias Privado, técnico de referência do CREAS/Bequimão, que acompanha 52 mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. Uma garantia de proteção tipificado nos direitos socioassistenciais.

A agente administrativa Rose Pinheiro, graduada em Serviço Social, discorreu sobre a origem do Dia Internacional da Mulher e a luta da mulher contemporânea por direitos humanos, respeito e dignidade.

As discussões giraram em torno dos tipos de violência descritos na Lei, como violência física, psicológica, sexual, moral e patrimonial. Estendeu-se, também à Lei 13.104/2016, conhecida como Lei do Feminicídio e destaque para as Medidas Protetivas de Urgência.

A organização do espaço de discussão ficou por conta do gestor da Escola Municipal do povoado Mojó, Professor Magno.

As funcionárias do CREAS, Joana Pereira, Analice Martins e Rose Pinheiro, além da coordenadora Maria da Natividade (Sinole), distribuíram rosas e sortearam um presente para a mulher com mais idade.

Conhecer, aprender e denunciar é um processo que auxilia no rompimento do ciclo de violência doméstica e familiar. A prefeitura de Bequimão apoia essa ideia, promovendo ações de conscientização na Sede e nos Povoados, oferecendo serviço de proteção social de média complexidade para as mulheres vítimas de violência domestica e familiar por meio do PAEFI (Serviço de Proteção e Atendimento Especializado à Famílias e Indivíduos), serviço desenvolvido pelo CREAS/Bequimão.

Por Wanderson Farias Privado

Sobre João Filho

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

x

Além disso, verifique

Prefeitura de Bequimão reúne com famílias de comunidades da zona rural

A Prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Assistência Social realizou no último dia ...

Secretaria de Saúde de Bequimão vai realizar coleta de sangue dia 24 de março

A Prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com Hemomar de ...

Parceria entre Prefeitura e UNDB cria ação em saúde em Bequimão-MA

Moradores do município de Bequimão poderão fazer consultas, gratuitamente, nas clínicas de Odontologia, Fisioterapia, Psicologia ...

Parceria entre Prefeitura e UFMA vai realizar exames preventivos em mulheres quilombolas de Bequimão-MA

Após reunião com representantes da Prefeitura de Bequimão, o Professor Drº José Eduardo Batista (Chefe ...

Bequimão cumpre metas na educação e avança nos desafios para o Selo Unicef

Distante a pouco mais de 80 quilômetros da capital, São Luís, o município de Bequimão, ...