casa » TRÂNSITO » Com o sistema de recarga fora do AR, telefones cortados nos Socorrões I e II e sem comando, São Luís agoniza em todos os setores

Com o sistema de recarga fora do AR, telefones cortados nos Socorrões I e II e sem comando, São Luís agoniza em todos os setores

COMPARTILHE

A situação de São Luís está cada dia pior, quando o assunto é gestão pública. Desde terça feira (21), os usuários do transporte público da região metropolitana estão encontrando dificuldades para recarregar seus cartões de passagem, sejam trabalhadores ou estudantes.

Os terminais de integração estão todos fora do AR há três dias e a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de São Luís (SMTT), tenta explicar o inexplicável. Em contato com O Sindicato das Empresas de Transportes de São Luís (SET) através do número (0xx98) 2106-1800, a atendente disse que teria sido informada por técnicos, que nesta quinta feira (23) não iria funcionar, mas também não explicou os motivos da paralisação, que atinge toda população em véspera de final de semana.

Nos bastidores da cidade, a conversa é que a prefeitura não pagou a empresa responsável pela manutenção e por esse motivo teria desligado o sistema. Segundo uma funcionária do SET, o sistema funcionou ontem (22) de forma precária, caindo a cada instante e não funcionou em todos os terminais.

Em contado com a Secretaria de Comunicação da prefeitura, a jornalista Conceição Castro, via Whatzap, ela não respondeu e por isso ainda aguardamos uma nota. Mesmo Conceição Castro tendo visualizado as mensagens, não respondeu, como se nada estivesse acontecendo.

TUDO PARADO NO SERVIÇO DA PREFEITURA

Segundo denúncia em rádios e TVs, além do sistema de recarga da prefeitura que está de fora, os telefones dos Hospitais Djalma Marques, o Socorrão I e Clementino Moura, o Socorrão II estariam cortados por falta de pagamento, e todos os servidores estão sem comunicação interna. Nem os diretores da casa de saúde, escaparam da falta de pagamentos dos serviços úteis. Além disso, servidores também estão sem receber salários.

Sem gestão, as reclamações tomam conta dos veículos de comunicação, que passam o dia inteiro tentando ajudar a população. É SMTT, Agricultura, Esporte, Saúde, Infraestrutura e demais pastas, estão sem comando, sem gerencia e não conseguem mostrar um pingo de trabalho. A única que escapa é SMTT, mas com ressalvas, já que quando o assunto é transporte coletivo, a população não perdoa.

 

Sobre João Filho

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

x

Além disso, verifique

Vereadora Fátima Araújo solicita e a SMTT anuncia nova linha de ônibus para o bairro João de Deus

A luta foi grande, mas as conquistas são maiores ainda. Faz tempo que a vereadora ...

Vereadora Fátima Araújo participa da solenidade de entrega de ônibus coletivos em São Luís

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), participou na manhã desta terça-feira (09) da ...

Indicação de autoria de Fátima Araújo solicita recuperação de rua no bairro Pirapora

Um Indicação de Nº 210/2019 de autoria da vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), ...

Fátima Araújo visita ruas intrafegáveis no Jardim São Cristóvão II

Após olhar vídeos nas redes socais mostrando o estado de calamidade pública encontram-se as ruas ...

Vereadora Fátima Araújo visita ruas no bairro São Cristóvão

Cansados de aguardar o poder executivo para resolver os problemas de infraestrutura do bairro São ...