casa » Arquivos do Altor: João Filho (página 344)

Arquivos do Altor: João Filho

Pedetista reúne assessores em café da manhã

COMPARTILHE

P3

O vereador de São Luís e vice-líder do governo na Câmara, Ivaldo Rodrigues (PDT), reuniu na última sexta feira (27) toda sua equipe de assessores em um café da manhã para traçar os últimos detalhes sobre a audiência pública, que será realizada no dia 6 de abril, às 10h da manhã no plenário Simão Estácio da Silveira, na câmara municipal de São Luís, no centro da capital maranhense.

O painel que terá como Tema: “Reforma Política” vai discutir os novos rumos do Brasil, começando pela capital maranhense, onde Ivaldo Rodrigues, autor do requerimento, já atua como vereador há três mandatos. Além de Reunir a classe política, o evento vai levar para o debate à classe religiosa, a sociedade civil, a classe estudantil, entre outras organizações.

P1 P2 P5

“A Reforma Política – é um tema de grande relevância e será o primeiro evento dessa natureza, logo após a semana santa. Já participamos de um evento dessa natureza, quando a câmara fez uma parceria com a Assembleia, mas agora será dentro da casa Simão Estácio da Silveira, e tenho certeza, que mais uma vez será um grande sucesso, assim como tantos outros já realizados” – disse o vereador Ivaldo Rodrigues.

Após o início deste ano, o vereador Ivaldo Rodrigues já participou de vários eventos, mas este do dia seis de abril, será de sua autoria e deve mexer com a cidade e principalmente com a classe política de um modo em geral. A expectativa é de câmara cheia e muita discursão por parte dos participantes.

Vereador participa do lançamento do Projeto “Peixe na Mesa” 2015

COMPARTILHE

RRJ

O vereador Roberto Rocha Júnior (PSB) participou na manha de sexta-feira, (27) de mais uma edição do programa municipal “Peixe na Mesa”. A edição deste ano foi lançada no bairro Coroadinho, ao lado da Fundação Bradesco.

Além de lideranças políticas, o evento contou com a presença de muitos populares que fizeram questão de participar do ato e comprar os pescados por preços bem mais acessíveis. O programa “Peixe na Mesa” é uma iniciativa da Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura Pesca e Abastecimento (Semapa).

Durante todo o período que antecede a Semana Santa, a comercialização do pescado será feita em feiras itinerantes pelo “Caminhão do Peixe” em dois turnos, disponibilizando 3 kg do produto por consumidor. O programa irá garantir preços de 25% a 30% inferiores aos preços praticados no mercado convencional.

Entre os bairros que serão atendidos com o programa, a Prefeitura priorizará aqueles cuja população tem um menor poder aquisitivo, tais como Anjo da Guarda, Coroadinho, Vila Fialho, Vila Izabel, Vila Embratel, Liberdade, Vila Magril, Itapera, Cidade Operária, Sacavém, Alemanha, bairros do entorno da Praça da Bíblia, São Francisco, Cohab, entre outros.

Para Roberto Rocha Júnior, o programa “Peixe na Mesa” irá favorecer os consumidores, pois tem o propósito de vender pescados de qualidade com preços diferenciados à população mais carente de São Luís.

Esse é um programa com uma importância social muito grande para a população de nossa cidade, sobretudo, para aquelas que não abrem mão da tradição de comer peixe durante a Semana Santa. De forma direta, o programa irá beneficiar pessoas de baixa renda, que terão a garantia de está consumindo um alimento saudável e de qualidade”, afirmou.

O vereador disse ainda que ele, juntamente com o secretario da Semapa, Aldo Rogério, já estão buscando parcerias com o objetivo de fazer com que o programa se estenda para além do período da Semana Santa, garantindo, dessa forma, o peixe na mesa das famílias ludovicenses durante todo ano.

Texto: Suely Moura

Fotos: Assessoria

 

“Câmara em Destaque” reúne grandes profissionais em programa inédito.

COMPARTILHE

ISSO

Misturar jornalistas, radialistas e blogueiros, não é coisa de outro mundo. Existem muitos programas jornalísticos no rádio e televisão que já conseguiram fazer isso. Mas, e se os profissionais convidados fossem de emissoras concorrentes? Parece impossível, porém não é. A fórmula nasceu há um mês dentro do programa “Câmara em Destaque”, veiculado pela Rádio Difusora AM e apresentado pelo radialista Mário Carvalho.

O projeto, lançado no inicio do ano pelo presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PMN), segue o ineditismo do rádio maranhense. Nenhum outro órgão público ousou tanto. Astro não se gaba, mas ele não apenas foi o pioneiro, como também fez isso em duas plataformas: rádio e internet, já que o programa supervisionado pela Coordenadora de Comunicação da Câmara, Itamargarethe Corrêa Lima, vai ar ao vivo todos os dias de segunda a sexta-feira, das 10h às 13h, simultaneamente, também, pelo idifusora.com, braço forte da emissora na internet.

Além de entrevistas, notícias do legislativo ludovicense e da participação do ouvinte, outra novidade do programa é a mesa redonda, onde reúne uma vez por mês, praticamente, todos os profissionais de imprensa que cobrem a Casa Legislativa, incluindo jornalistas, radialistas e blogueiros.

Na sexta-feira (27), o “Câmara em Destaque”, desde o seu lançamento, em fevereiro passado, promoveu a primeira mesa redonda. Foram convidados para participar do debate o radialista André Martins, da Rádio Capital; o blogueiro John Cutrim, do Jornal Pequeno que por motivos pessoais, não pode comparecer, mas foi substituído pelo jornalista Isaías Rocha, do Jornal O 4º Poder e o radialista Rogério Silva, da Rádio São Luís.

O programa teve duração de aproximadamente duas horas e, na oportunidade, vários assuntos foram abordados. Ao final, com intuito de dar continuidade a tantos assuntos interessantes dos bastidores da imprensa, todos saíram pedindo uma segunda edição.

A Coordenadora de Comunicação da Câmara de São Luís, Itamargarethe Corrêa Lima, avaliou como muito positivamente a realização do encontro e já anunciou a próxima edição. “O programa superou todas as expectativas. Esta foi mais uma maneira de mostramos um relacionamento não só dos vereadores com a população, mas também, dos profissionais que cobrem a Casa” – afirmou Itamargarethe.

Para o radialista André Martins, o programa diminuiu a distância do parlamento com a comunidade, melhorando, significativamente, a cobertura do legislativo ludovicense nos últimos três meses.

“Agora a Câmara não será mais a mesma. O programa proporciona ao cidadão acompanhar o que está acontecendo no Parlamento Municipal, além de promover a interatividade dos profissionais que cobrem a Casa”, declarou Martins.

Na opinião do radialista Rogério Silva, por meio do programa, qualquer pessoa poderá fiscalizar as atividades da Casa; interagir com os vereadores e, ainda, sugerir projetos de lei e outras preposições.

“O programa vai fazer com que o parlamentar possa de fato ouvir os cidadãos. E essa ferramenta vai permitir que o cidadão participe não só do acompanhamento de projetos, mas, também, propor projetos e participar de debates e discussões através do rádio”, informou Silva.

OPINIÃO DO OUVINTE

O taxista José Raimundo Oliveira, de 56 anos, ouvinte assíduo e morador do Cruzeiro do Anil endossa a fala dos radialistas e garante ser ouvinte cativo para as edições do jornalístico.

 “Todos os dias eu acompanhando o programa. É algo diferente no rádio que propõe a interatividade com um determinado vereador. Por exemplo, se o parlamentar quiser colocar o projeto que é relator e pedir opiniões, o cidadão poderá interagir”, declara o ouvinte, que faz questão de afirmar que acompanha o apresentador do programa desde a rádio Mirante AM.

 “Só a Câmara mesmo para levar um profissional como o Mário Carvalho para a Difusora. Eu o acompanho desde a época da rádio Mirante AM”, completou.

SAIBA MAIS       

O programa “Câmara em Destaque” é apresentado pelo radialista Mário Carvalho e aborda assuntos relacionados à política, economia, cultura e a cobertura do legislativo municipal, debatendo de forma independente os acontecimentos de interesse público.

A bancada do programa é composta por 03 apresentadores que apresentam análise da notícia e seus desdobramentos. Participam do programa, também, Adriana Nogueira e Ademar Monteiro, ambos integrantes do quadro de comunicadores da Casa Legislativa.

 

Texto: Isaías Rocha

Fotos: Ademar Monteiro

 

Sebrae capacita empreendedores da Baixada maranhense

COMPARTILHE

SEB

A identificação dos aspectos que contribuem para a satisfação do cliente e a reflexão crítica sobre as ações e procedimentos de atendimento nas empresas são objeto do curso “Atendimento ao Cliente – Obtendo resultados com satisfação”, realizado pelo Sebrae, no período de 23 a 27 de março, nos municípios de São Bento e Olinda Nova do Maranhão, na Baixada Maranhense.

Voltado para gestores de pequenos negócios, estudantes e colaboradores de empresas locais, o curso reuniu 30 participantes em São Bento e outros 30 em Olinda Nova do Maranhão, oferecendo também a dinâmica de planejamento de ações que garantam a satisfação dos clientes e possam gerar um impacto positivo nos resultados das atividades das empresas participantes.

Em São Bento, o curso foi realizado em parceria com a Prefeitura Municipal, que enviou colaboradores das secretarias de Educação, Assistência Social e Agricultura para participar das atividades, a fim de qualificar o atendimento público concedido nos principais órgãos da administração pública local.

De acordo com o analista do Sebrae, Leonardo Oliveira, responsável pela ação,  as atividades do curso buscam capacitar pessoas que possam dar qualidade no atendimento das empresas, transformando a região em referência nesta prática. Ele informa ainda que o curso voltará a ser realizado em Pinheiro, no período de 13 a 17 de abril, totalizando 90 profissionais qualificados em dois meses.

Os interessados em participar da turma a ser oferecida em Pinheiro, as inscrições poderão ser feitas pelos telefones (98) 3381 2711 e 3381 3843, ou na sede da unidade regional do Sebrae em Pinheiro, situado à Av. Getúlio Vargas, 770 – Centro.

Texto e Foto: Vanda Pereira

Escola de tempo integral é solicitada ao governador

COMPARTILHE

PV

O vereador Pavão Filho (PDT) apresentou uma indicação encaminhada ao governador Flávio Dino (PCdoB) solicitando que seja construída uma escola de tempo integral no Monte Castelo. O bairro foi escolhido por lá ter o prédio do antigo Horto Mercado, que foi desativado há cerca de uma década.

De acordo o vereador, as escolas em tempo integral funcionam como uma solução para retirar das ruas crianças e adolescentes. “A implantação dessa escola é a melhor solução para a educação de nossa juventude, pois tal medida promove a retirada de adolescentes e crianças da ruas, e também modifica a cultura familiar de hoje, tendo em vista que os pais podem deixar seus filhos na escola pela manhã e buscá-los no final da tarde, permitindo assim que os pais trabalhem” – afirmou o pedetista.

Além de retirar as crianças das ruas, a escola em tempo integral favorece ainda aos estudantes oportunidades de formação diferenciada da tradicional ensinada nas escolas de meio período. São estudos de artes, música e outras áreas.

“Por meio desse modelo de ensino é esperado que cada estudante tenha uma formação mais completa possível, formação essa que vá além dos conhecimentos tradicionalmente veiculados a escola que possa abranger as dimensões intelectual, artística, fisio-corporal e tecnológica” – disse.

 

Alteré Bernardino

DIRETCOM/CMSL

 

Astro participa de lançamento de projeto com ministro da Cultura

COMPARTILHE

ASTRO1

“Esse é um projeto que vem lançar novas luzes sobre a cultura popular de São Luís. Essa parceria entre a Prefeitura e o Ministério da Cultura pode ser considerada como um momento histórico, principalmente para a capital, onde há uma grande diversidade cultural e poucos recursos. O convênio estabelece novas diretrizes e é muito salutar para todos nós, que atuamos na área cultural”.

A afirmação foi feita pelo presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PMN), que participou, na tarde desta quinta-feira (26), no Teatro Artur Azevedo, da solenidade em que o ministro da Cultura, Juca Ferreira, assinou o documento de efetivação do projeto Rede São Luís Pontos de Cultura, para garantir a promoção de ações que viabilizem o acesso às políticas culturais na capital maranhense. A parceria conta também com a participação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) não participou do evento em decorrência de problemas de saúde na família.

Para o presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Marlon Botão, o projeto Rede São Luís Pontos de Cultura é um marco histórico relevante para a cultura de São Luís, não somente porque premiará as 40 organizações culturais de destaque, mas também, porque a capital maranhense passa a integrar o Programa Cultura Viva, do Ministério da Cultura (MinC), além de efetivar o processo de capacitação para a formação da Rede São Luís Pontos de Cultura.

“São Luís foi a única cidade brasileira a ter autorizado pelo ministério de 40 pontos de cultura, um número significativo, o que representa um avanço nas políticas culturais do Município e na valorização das manifestações e tradições culturais de raiz da nossa cidade”, declarou Marlon Botão, ressaltando ainda que, ainda este ano, São Luís terá implementado o Sistema Municipal de Cultura.

O convênio sinaliza o acréscimo de ações e investimentos do governo municipal na área da Cultura. No total, serão aplicados R$ 2,2 milhões para a execução de projetos no período de 18 meses.

A criação da Rede será executada ainda este ano pela Prefeitura de São Luís, em parceria com o Ministério da Cultura, atendendo diretamente a uma das diretrizes do plano de metas do Programa Nacional de Promoção da Cidadania e Diversidade Cultural, o Cultura Viva, sancionado pela Lei Nº 13.018, de 23 de julho de 2014. O principal objetivo do Programa Cultura Viva é a ampliação do acesso da população aos direitos culturais.

Juca Ferreira assinou um pacote de convênios culturais com  o governador Flávio Dino, na esfera estadual. Ao final, Flávio Dino agradeceu ao deputado federal Sarney Filho, pela liberação de uma emenda da ordem de R$ 1 milhão, para serem aplicados na aquisição de instrumentos para escolas de músicas e disse que seu governo não tem retaliação e criticou duramente a política do ódio e do rancor. Ao final, o ministro da Cultura passou por uma sabatina feita por integrantes de movimentos culturais.

 

Djalma Rodrigues

DIRETCOM/CMSL

 

Vereador solicita no Senado retomada do projeto “Passe Livre Estudantil”

COMPARTILHE

PL

O vereador Pedro Lucas Fernandes (PTB) protocolou, na manhã da quarta-feira (25), na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal, o pedido de retomada da tramitação do Projeto de Lei (PSL 248/2013) que garante o passe livre estudantil.

“Essa tem sido uma de nossas lutas desde 2013. O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), relator inicial do projeto, deu parecer favorável ao projeto. Mas com a ida dele para o Tribunal de Contas da União, precisamos retomar essa questão que é de extrema importância para os estudantes de nossa cidade, estado e, claro, do país”, afirmou o vereador Pedro Lucas.

No documento protocolado, o vereador Pedro Lucas solicitou à CCJ, que seja designado um novo relator para que a tramitação da matéria seja retomada o mais breve possível. “Entendemos que esse é um projeto que vai beneficiar diretamente uma grande parte da nossa população. Por isso, não podemos deixar de, mais uma vez, pedir o apoio desta Casa [Senado] para assegurar a gratuidade no transporte de nossos estudantes”, garantiu o parlamentar.

Sobre o projeto – O projeto de Lei 248/2013, em tramitação no Senado, assegura a gratuidade no sistema de transporte coletivo para o estudante de ensino fundamental, médio e superior que esteja regularmente matriculado e com frequência comprovada em instituição pública ou privada de ensino.

O custo, estimado em R$ 16 bilhões, ficará a cargo da União e será originário dos royalties do petróleo explorados no pré-sal. O valor a ser repassado aos municípios será com base no número de estudantes beneficiados e o valor da tarifa local.

 

Texto: Igor Almeida

Fotos: Divulgação

 

Estado garante retomada de reforma após solicitação de vereador

COMPARTILHE

PRB

Após participar de uma reunião com o secretário adjunto de Estado da Educação, Dalton Almeida, na manhã da última terça-feira, (24), acompanhado por uma comissão de alunos de ensino médio da Escola Roseana Sarney Murad, no Habitacional Turu, o vereador Antônio Marcos, Marquinhos, (PRB), anunciou que nos próximos dias estarão sendo retomados os trabalhos de reforma da unidade de ensino.

A reforma da escola Roseana Sarney foi iniciada em agosto do ano passado, mas não foi concluída. No início deste ano, a obra foi paralisada. Devido a isso, o vereador Marquinhos solicitou uma reunião na Secretaria Estadual de Educação. O vereador cobrou o retorno das obras para que a reforma seja concluída.

Inicialmente ao ser procurado por uma comissão de alunos, o vereador dirigiu-se primeiro ao vice-governador do estado, Carlos Brandão (PSDB), que se mostrou solícito e o encaminhou à Secretaria de Educação do Estado, onde foi atendido pelo secretário adjunto Dalton Almeida, recebendo a confirmação de que no máximo, em 20 dias, as obras serão reiniciadas.

“Estou muito feliz com o resultado, pois, tive a certeza de que as obras irão ser retomadas e as aulas muito em breve estarão normalizadas. Estudei nessa escola e, vendo estes jovens lutando por uma estrutura melhor, hoje me remete ao passado e me faz entender porque estou vereador”, disse o parlamentar.

A luta pela reforma da escola Roseana Sarney teve início quando foi feita a reivindicação por meio de uma indicação ao governo aprovada pela Câmara Municipal. Na proposição, Marquinhos solicitou o trabalho e foi atendido com a reforma que vai beneficiar milhares de alunos.

Texto: Flávio Chocolate & Altere Bernardino

Foto: Flávio Chocolate

 

Trizidela do Vale reúne pilotos para 2ª edição do Rally Vale da Lama

COMPARTILHE

RALLY

O município de Trizidela do Vale na região do Médio Mearim vai reunir centenas de pilotos neste domingo (29), para 2ª edição do Rally Vale da Lama. O evento que já faz parte do circuito estadual de esporte e aventura não tem caráter de competição apenas de lazer e diversão. Além de vários municípios do Maranhão, também participam do evento pilotos de Belém, Piaui, Tocantins e Brasília.

O secretário de esportes, Francisco Rodrigues explica que o evento não tem caráter competitivo, o único objetivo é difundir ainda mais a região como circuito de rally e enduro.  “As únicas exigências para participar do evento é seja maior de idade e que no ato da inscrição o participante doe alimentos para serem doados a famílias carentes do município”.

Para esta edição estão sendo esperados mais de 300 pilotos entre profissionais e iniciantes que participam do evento nas categorias, moto, carro e quadriciclo.

RALLY DA LAMA

O evento será iniciado a partir das 8h, na Avenida Coronel Manoel Inácio com passeio pelas ruas da cidade retornando para o mesmo ponto de onde será dada a largada para o circuito que terá cerca de 15 km de lama e adrenalina.

Ao longo de todo o percurso serão montadas sinalizações além de postos de atendimento médico, medidas que Rodrigues acredita serem fundamentais para a tranquilidade do evento. “Em 2014 não tivemos registros graves de acidente e por isso reforçamos o atendimento ao longo de toda a trilha para garantir segurança aos participantes”, disse.

Vereador participa de audiência pública sobre Segurança

COMPARTILHE

AG

O vereador de São Luís e vice-líder do governo na câmara, Ivaldo Rodrigues (PDT), esteve hoje (25) pela manhã no plenário da câmara municipal, participando de uma audiência pública sobre segurança na capital e no restante do Estado do Maranhão. Com um plenário lotado, Ivaldo fez parte da mesa, onde ocupou a função de primeiro secretário em exercício. Presidida pelo vereador Chico Carvalho (PSL), a sessão que tinha como autor do painel, Pavão Filho (PDT), teve o maior número de comandantes de batalhões das polícias militar e Civil em uma audiência publica no plenário Simão Estácio da Silveira.

Q1 Q2 Q3

Em seu discurso, o vice-líder do governo na câmara, fez vários relatos do cotidiano que envolve o social principalmente em São Luís. “Nós que somos vereadores e moramos em comunidade, e os vereadores Chaguinhas e Basileu sabem disso, eles que moram em suas comunidades assim como eu que moro na Vila Luizão há 15 anos e vivo o dia-dia de cada morador, isso é muito importante para a vida de um vereador. Nós que somos vereadores desta cidade, podemos até não se reeleger, mas sairemos desta casa mais humanos” – disse Ivaldo Rodrigues, que rasgou elogios ao vereador Pavão Filho pela iniciativa de levar para a câmara um tema de relevância para ser debatido com a população.

De acordo com Ivaldo Rodrigues, o vereador é um pouco de cada profissão exercida nas comunidades. “Nós somos um pouco de Padre, Delegado, Juiz, Pastor, Enfermeiro, Professor e eu que sou Educador achava que o professor seria o pai das funções, mas aqui nesta casa descobri que o parlamentar municipal é tudo isso e mais alguma coisa” – relatou o vice-líder do governo.

Q4 Q5 Q6

Segundo Ivaldo em seu relato, existe algo pior que a cultura criminalidade; em sua opinião a impunidade é pior que a criminalidade. “Como já fui assaltado dentro de minha casa, sei da experiência de está nas estatísticas da criminalidade. Eu devo imaginar a vida de um policial quando se depara diante de uma situação onde o criminoso está armado e não pode atirar” – disse Ivaldo que relatou a experiência de Pavão Filho, já que o autor do painel também já foi deputado por vários mandatos.

Eu sei que a pratica deste combate é muito grande, com falta de recursos, onde os criminosos andam com armas avançadas e o policial não tem esse instrumento. Por isso que digo que isso é muito importante discutir esse tema aqui na câmara porque reflete na comunidade. A polícia ganha pouco, mas faz seu trabalho com amor a profissão. A maioria das corporações tem gente dedicada à segurança deste estado, para proteger e defender seus irmãos. Para finalizar, Ivaldo Rodrigues frisou que a segurança é problema que não depende só do poder público e sim todo cidadão brasileiro, porque o Estado acontece dentro das comunidades, porque a Câmara jamais se ausentará desses debates.

Q7 Q8 Q9

Estiveram presentes, os vereadores Professor Lisboa (PCdoB), Marquinhos (PRB), Gutemberg Araújo (PSDB), Basileu (PSDC), Chaguinhas (PSB), Rose Sales (PCdoB), Eidimar Gomes (PSDB), Honorato Fernandes (PT), Ivaldo Rodrigues (PDT), Francisco Carvalho (PSL), Pavão Filho (PDT), Nato (PRP), além dos convidados; Dr. Murilo Andrade (Secretário da Sejap), Breno Galdino (secretário municipal de segurança e cidadania), Coronel Marco Antônio Alves da Silva, Delegado Augusto Barros, além de todos os representantes das polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros do Maranhão.