casa » Archivo de Etiquetas: SUAS

Archivo de Etiquetas: SUAS

Prefeitura de Bequimão avança na implantação do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

COMPARTILHE

A Prefeitura de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, reuniu famílias das comunidades quilombolas Santa Tereza e Rio Grande, no dia 09 de março, para viabilizar a implantação de um novo grupo do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). Na reunião, os profissionais do município orientaram as famílias sobre a oferta do serviço.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) tem o objetivo de realizar atendimentos em grupo. São atividades artísticas, culturais, de lazer e esportivas, dentre outras, de acordo com a idade dos usuários. É uma forma de intervenção social planejada, que cria situações desafiadoras, estimula e orienta os usuários na construção e reconstrução de suas histórias e vivências individuais, coletivas e familiares.

O serviço pode ser ofertado no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) ou nos Centros de Convivência e Fortalecimento de Vínculo. Podem participar crianças, jovens e adultos; pessoas com deficiência; pessoas que sofreram violência, vítimas de trabalho infantil, jovens e crianças fora da escola, jovens que cumprem medidas socioeducativas, idosos sem amparo da família e da comunidade ou sem acesso a serviços sociais, além de outras pessoas inseridas no Cadastro Único.

Além de orientar as famílias sobre o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, os profissionais da Secretaria Municipal de Assistência Social de Bequimão orientaram e realizaram inscrições dos novos usuários.

O QUE É SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA?

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) é um serviço de Proteção Social Básica do SUAS, que é ofertado de forma complementar ao trabalho social com famílias realizado por meio do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF) e do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado às Famílias e Indivíduos (PAEFI).

Prefeitura de Bequimão reúne com famílias de comunidades da zona rural

COMPARTILHE

A Prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Assistência Social realizou no último dia 09 de março, reunião com famílias das comunidades Santa Tereza e Rio Grande na zona rural do município. O objetivo das reuniões é implantar o novo grupo do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) no município. Durante a reunião os profissionais da Prefeitura de Bequimão orientaram às famílias sobre a oferta do serviço.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) tem o objetivo de realizar atendimentos em grupo. São atividades artísticas, culturais, de lazer e esportivas, dentre outras, de acordo com a idade dos usuários. É uma forma de intervenção social planejada que cria situações desafiadoras, estimula e orienta os usuários na construção e reconstrução de suas histórias e vivências individuais, coletivas e familiares.

O serviço pode ser ofertado no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) ou nos Centros de Convivência e Fortalecimento de Vínculo. Podem participar crianças, jovens e adultos; pessoas com deficiência; pessoas que sofreram violência, vítimas de trabalho infantil, jovens e crianças fora da escola, jovens que cumprem medidas socioeducativas, idosos sem amparo da família e da comunidade ou sem acesso a serviços sociais, além de outras pessoas inseridas no Cadastro Único.

Além de orientar as famílias sobre o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, os profissionais da Secretaria Municipal de Assistência Social de Bequimão orientaram e realizaram inscrições dos novos usuários.

O QUE É SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA?

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) é um serviço de Proteção Social Básica do SUAS que é ofertado de forma complementar ao trabalho social com famílias realizado por meio do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF) e do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado às Famílias e Indivíduos (PAEFI).

Prefeituras já podem transferir recursos da assistência social para novas contas

COMPARTILHE
BRASÍLIA – Gestores municipais tem até a segunda quinzena de maio para transferir os recursos da assistência social para as novas contas vinculadas aos blocos de financiamento do Sistema Único de Assistência Social (Suas). As novas contas são parte da medida publicada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) para aprimorar os repasses efetuados pelo governo federal.

A secretária nacional de Assistência Social do MDS, Ieda Castro, explica que a prefeitura que não fizer a transferência pode ter os repasses suspensos. “O prazo está vigente e o gestor deve ficar atento para agilizar esse processo. Terminado o prazo, o município pode ter o recurso suspenso até regularizar a situação.”

As contas foram abertas pelo Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS). Para ativar a conta e fazer a transferência dos recursos, os gestores municipais precisam atualizar os dados junto ao Banco do Brasil.

Ieda Castro destaca que é fundamental que os gestores estejam atentos às metas da assistência social. “O plano de ação tem que estar preenchido para receber os recursos. No final do ano tem que comprovar que as metas foram atingidas e o Conselho Municipal de Assistência Social deve acompanhar toda essa operação.”

EVOLUÇÃO – A regulamentação dos blocos de financiamento do Suas organiza o repasse em cinco blocos: Proteção Social Básica, Proteção Social Especial de Média Complexidade, Proteção Social Especial de Alta Complexidade, Gestão do Suas e Gestão do Bolsa Família. A medida define que as contas bancárias sejam separadas, possibilitando uma melhor fiscalização pelos órgãos de controle e monitoramento mais preciso dos valores investidos em todo o país.

A mudança era uma reivindicação antiga dos gestores municipais. Para a secretária nacional de Assistência Social, a tendência, com o passar dos anos, é diminuir ainda mais o número de blocos e contas. “Tudo isso para simplificar a gerência e gestão financeira da assistência social em cada Município e Estado.”

Mais informações no blog do FNAS, no endereço http://blog.mds.gov.br/fnas/.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/area-de-imprensa

 

Secretaria de Assistência Social de Bequimão promove Curso de Salgados

COMPARTILHE

A Secretaria Municipal de Assistência Social, por intermédio da prefeitura de Bequimão, realizou no mês de dezembro de 2015, curso de salgados, que beneficiou usuários do Programa Bolsa Família e do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). De acordo com a secretária Maria Neide Rodrigues, 40 pessoas participaram do curso, divididas em duas turmas.

SAL1 SAL2

O curso foi realizado no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e durou uma semana. A oficina foi orientada pela coordenadora do CRAS, Neudilene Almeida Cantanhede. Durante o curso, os alunos puderam aprender fazer vários tipos de salgados, entre os mais simples aos mais sofisticados.

SAL3 SAL5

No encerramento do curso, foi realizada uma comemoração, onde todos os salgados foram feitos pelos estudantes. Além dos formandos, secretários municipais participaram da solenidade de encerramento.

A secretária municipal de Assistência Social, Maria Neide dos Santos Rodrigues, responsável pela organização do curso, falou da importância de uma qualificação dessa grandeza. “É mais uma realização do esforço do prefeito Zé Martins, através da secretaria de Assistência Social, para concretizar e promover a inclusão produtiva das famílias, através de cursos profissionalizantes que vão gerar emprego e renda” – disse.

SAL6 SAL8

O secretário municipal de Indústria e Comércio, Ademar Costa, que também representou o SEBRAE, como consultor, acabou fazendo uma exposição do trabalho de sua secretaria e também do Sebrae no município de Bequimão, se comprometendo com os participantes do curso, em dar apoio para realização de feiras de salgados.

SAL4 SAL7

Para o secretário municipal de Administração, Zé Orlando Martins, que representou o prefeito Zé Martins durante o ato, uma oficina como essa muda a vida de muita gente. “Parabenizo os participantes e quero deixar claro da importância dessa iniciativa. Estamos à disposição para apoiar outras oficinas. O prefeito abraça essa ideia e nós sabemos do esforço de Zé Martins, em melhorar a qualidade de vida das famílias bequimãoenses” – destacou.

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free