casa » Archivo de Etiquetas: Empreendedores

Archivo de Etiquetas: Empreendedores

Bequimão vai receber o Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos

COMPARTILHE

Bequimão é o mais novo município do Litoral Ocidental Maranhense a receber o Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP). Vinte e sete gestores de escolas das redes pública e privada de ensino e de faculdades particulares, participaram na manhã da última sexta-feira (02), da reunião de sensibilização do Programa Nacional de Educação Empreendedora (PNEE) do Sebrae. O PNEE foi criado para ampliar, promover e disseminar nos currículos das instituições de ensino os conteúdos sobre empreendedorismo aos jovens.

A meta da Secretaria Municipal de Educação de Bequimão é realizar em 2018 o programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) de maneira piloto, inicialmente em duas escolas, sendo uma na sede e outra na zona rural, atendendo cerca de 600 alunos. A casa Familiar Rural, um projeto sem fins lucrativos apoiado pela Prefeitura de Bequimão, também será contemplada, os 50 alunos da instituição também receberão ensino empreendedor.

A rede privada de escolas de Bequimão será representada pela Escola Os Batutinhas que também implantará o programa JEPP. Com 120 alunos, a escola já se destaca por manter em sua grade curricular uma disciplina que contempla o ensino do empreendedorismo. O JEPP será mais uma ferramenta a ser aplicada com os alunos em sala de aula.

A implantação da educação empreendedora no município de Bequimão é resultado de uma articulação da superintendência do Sebrae Maranhão, através do Diretor Superintendente João Martins, junto a prefeitura municipal de Bequimão, com a execução da unidade regional do Sebrae em Pinheiro.

A reunião contou com a presença do gerente em exercício da unidade regional do Sebrae em Pinheiro, Breno Soeiro, da coordenadora estadual de Educação Empreendedora do Sebrae no Maranhão, Raissa Amaral, do secretário municipal de Educação de Bequimão, Professor Aristides França e do coordenador da Sala do Empreendedor, Rodrigo Martins, além de professores, diretores, coordenadores e gestores das redes de ensino do município.

Fotos: Rodrigo Martins

Sebrae leva capacitação a empreendedores do campo e da cidade em Bequimão

COMPARTILHE

O balanço de ações do Sebrae no Maranhão em Bequimão, na Baixada Maranhense, fechou o ano de 2016 com um saldo afirmativo que correspondeu às estratégias traçadas conjuntamente entre a instituição e a prefeitura municipal, por meio de sua Sala do Empreendedor, buscando fortalecer o desenvolvimento local com o fomento ao empreendedorismo e reforçando a aposta de gerar renda no próprio município – fazendo esta renda circular e consolidando a economia local e regional.

Além do programa de qualificação dos empresários bequimãoenses e de suas equipes, o Sebrae trabalhou firmemente na inclusão produtiva rural; na capacitação técnica de Agentes de Desenvolvimento (ADs) nomeados pela prefeitura; no apoio a eventos realizados por empreendedores locais, como a Expocapril; e na implantação da Rede Simples – a Rede Nacional para Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios, num trabalho em parceria com a Junta Comercial do Estado (Jucema), objetivando facilitar a abertura, alteração e baixa de empresas.

Ao atuar na melhoria dos empreendimentos que funcionam na cidade, o Sebrae ofereceu cursos e consultorias individuais para cada participante, com foco em gestão contábil e financeira, gestão de pessoas e equipes, vendas, marketing e modelagem de negócios. Aos empreendedores ligados ao segmento de moda, uma parceria com o Senai levou ao município o 6º Ciclo do Inova Moda – programa nacional realizado pelo Sebrae e pelo Senai que trabalha para aumentar a competitividade das pequenas indústrias de confecção.

Sucesso no campo – O esforço para a melhoria das iniciativas empreendedoras no campo também foram intensas: as comunidades quilombolas Juraraitá e Ramal do Quindiua receberam diversos cursos e consultorias para implantação de tecnologias sociais que induzam ao aumento da produtividade das lavouras, fortalecendo a mandiocultura e a horticultura. A qualidade do que é produzido na zona rural de Bequimão também foi foco do Sebrae, com trabalhos voltados para as boas práticas na manipulação de alimentos como a farinha de puba – muito produzida no município.

O pequeno produtor Cleuton Miranda, da comunidade quilombola de Jurarataí, destaca a diferença que os treinamentos do Sebrae fizeram para sua produção. “Eu achava que sabia produzir farinha, mas percebi que ainda tinha muita coisa para aprender”, lembra o jovem empreendedor. Após passar por cursos de técnicas de vendas, também do Sebrae, Miranda conta que até as estratégias para alcançar o cliente reforçaram a renda de sua família. “Hoje posso afirmar que a farinha da nossa comunidade é a melhor de Bequimão”, declara.

“O trabalho do Sebrae em Bequimão foi muito intenso, contabilizando 12 cursos, 200 horas de consultorias e mais de 200 empreendedores atendidos nas diversas ações. Este resultado mostra como pode ser produtiva uma parceria firmada entre a instituição e a prefeitura municipal”, reflete Rosa Amélia Borges, gerente da Unidade Regional do Sebrae em Pinheiro, que atende à cidade de Bequimão.

Apoio aos empreendedores e ao poder público – A 9ª edição da Exposição de Ovinos e Caprinos de Bequimão – Expocapril recebeu, mais uma vez, o apoio do Sebrae para sua realização, consolidando a parceria existente há diversas edições do maior evento da cadeia da ovinocaprinocultura da Baixada. A instituição esteve presente com o Bode Móvel, realizando exames de sanidade animal, manejo sanitário e orientações para acesso ao mercado.

Ainda em apoio ao desenvolvimento local, a cidade foi incluída no mapeamento dos festejos religiosos da Baixada e Litoral Ocidental Maranhense, com vistas a estruturar roteiros e produtos turísticos nas duas regiões e o propósito de ampliar oportunidades aos pequenos negócios nestas duas regiões, numa pesquisa comandada pelo Observatório Sebrae.

A instituição ainda estudou os impactos socioeconômicos da construção de uma ponte sobre o Rio Itapetininga, ligando o município ao povoado de Balandro, para os pequenos negócios já estabelecidos ou a se instalar na localidade. Dezoito comunidades estão se beneficiando com a obra – com previsão de conclusão para o próximo mês – onde vivem cerca de nove mil pessoas. O levantamento constatou produção de milho, feijão e arroz, ligado à agricultura familiar, pesca artesanal, piscicultura e identificadas potencialidades para a horticultura, turismo e ecoturismo, hotelaria, gastronomia e comércio.

Parceiro dos municípios – O diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, esclarece que a instituição trabalhou em 2016 para reforçar o papel do Sebrae no apoio ao desenvolvimento  local através das ações de melhoria dos pequenos negócios nos municípios e vai atuar para estender o trabalho para as gestões municipais interessadas em melhorar o ambiente legal para os pequenos negócios.

“A instituição quer caminhar lado a lado com os municípios, pensando estratégias para gerar riquezas e políticas públicas, como forma de apoiar os pequenos negócios, também através do suporte às prefeituras no sentido de implantarem as políticas públicas para as micro e pequenas empresas nos municípios, seguindo os preceitos da Lei Geral“, destaca Martins.

O prefeito do município, Zé Martins, reeleito para mais um mandato no comando da cidade, afirmou que a parceria com a instituição vai continuar. “Queremos construir um município de empreendedores, com um povo protagonista de sua história e de suas conquistas. Por isso, já estamos renovando as ações em parceria com o Sebrae, e intensificando a atuação de nossos agentes de desenvolvimento local e da Sala do Empreendedor”, garantiu o gestor público.

 

Empreendedores buscam informações para vender ao poder público

COMPARTILHE

Há quase 30 anos, Maria José Melo trabalha com tecidos, agulhas, linhas, moldes, fita métrica e máquinas. Já sonhou alto, ganhou muito dinheiro, faliu e precisou recomeçar para pagar as dívidas. Há cinco anos, a corajosa Marizé, como é conhecida por seus clientes, resolveu dar um salto a mais e partir para a formalização do seu ateliê. Com determinação e coragem, ela diz que passou pelos obstáculos, diversificou a produção, abriu uma loja de pronta entrega de fardamentos profissionais e, hoje, quer vender para o poder público, mas não sabe por onde começar.

Como Marizé, milhares de empreendedores de pequenos negócios no país comungam do mesmo problema: estão com um bom produto no mercado, oferecem serviços de qualidade, mas não conseguem espaços para participar das licitações por falta de desconhecimento dos trâmites e do tratamento diferenciado e favorecido que passaram a ter com a lei Geral da Microempresa e Empresa de Pequeno Porte.

Pensando nisso, o Sebrae realizou nesta semana, em São Luís, o Encontro de Oportunidades para a MPE nas Compras Governamentais – Fomenta. O objetivo do evento é justamente orientar e capacitar empresários e microempreendedores individuais que querem participar do nicho das compras públicas, ampliando, assim, o seu mercado e lucratividade.

“O evento foi muito importante porque eu aguardava há algum tempo essas informações. Elas serão muito úteis para que eu coloque em prática o plano que tenho de vender para o poder público”, apontou a empresária Marizé, que entrou recentemente no Projeto de Pequenas Indústrias na Região Metropolitana de São Luís, executado pela regional do Sebrae em São Luís.

Durante o evento de São Luís, foram tratadas temáticas tais como: Desenvolvimento sustentável tendo como base estratégias locais; Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor; RDC 49: Categoria Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária; Como impulsionar a economia do município priorizando as MPE locais nas compras governamentais; Como o governo pode simplificar as compras governamentais para favorecer a participação das MPEs– Inovações da Lei Complementar 147/2014; Como vender para o poder público reduzindo os riscos, dentre outras.

MERCADO PROMISSOR

Na solenidade de abertura do evento, realizada na manhã de terça-feira, 15, o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, ressaltou que a instituição está pronta para apoiar os empreendedores nas compras públicas, ajudando-os a entender os processos licitatórios e as vantagens adquiridas com a Lei Geral.

“São bilhões de reais destinados às licitações e bens e contratação de serviços para órgãos públicos que podem ser fornecidos pelos pequenos negócios. Nas compras de até R$ 80 mil, por exemplo, a prioridade é das MPEs e dos MEIs. Temos uma política pública importante na Lei Geral da Microempresa e Empresa de Pequeno Porte e estamos difundindo os seus preceitos para que os empreendedores possam usufrui-la de maneira plena”, ressaltou Martins.

Representando o governador Flávio Dino no evento, o secretário de Estado de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, destacou alguns avanços do governo no que diz respeito a ampliar a participação dos pequenos negócios na economia maranhense: a criação do Conselho Empresarial do Maranhão, o Projeto de Compras Governamentais do Estado e a desburocratização de processos por meio do Empresa Fácil, o sistema sincronizador da REDESIM no estado.

“Desde o início de sua gestão, o governador Flávio Dino tem sido incansável ao afirmar que não se pode pensar a economia do Maranhão sem os pequenos negócios. O modelo de desenvolvimento que o governo busca para o estado é baseado no aprimoramento, fortalecimento e crescimento das MPEs e MEIs, contrapondo-se a um modelo que levava em consideração os grandes investimentos. Hoje, a ótica do desenvolvimento do estado perpassa pelo adensamento das cadeias produtivas”, enfatizou Simplício.

O Fomenta aconteceu na terça e quarta-feira, 15 e 16, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana. Nos dias 29 e 30, será avez do município de Bacabal receber o evento e, no dia 56 de outubro, o município de Imperatriz. Mais informações sobre o Fomenta no site: www.comprasgovernamentais.com.br.

REDESIM

Aproveitando a oportunidade do Fomenta, o Sebrae e Governo do Estado, por meio da Junta Comercial do Maranhão (Jucema), assinaram um Termo de Cooperação Técnico e Financeiro onde a instituição repassará para dar continuidade à implantação da REDESIM no Maranhão, que simplificará os processos mercantis, reduzindo o tempo e os custos de abertura, modificação e fechamento de empresas.

Sebrae capacita empreendedores da Baixada maranhense

COMPARTILHE

SEB

A identificação dos aspectos que contribuem para a satisfação do cliente e a reflexão crítica sobre as ações e procedimentos de atendimento nas empresas são objeto do curso “Atendimento ao Cliente – Obtendo resultados com satisfação”, realizado pelo Sebrae, no período de 23 a 27 de março, nos municípios de São Bento e Olinda Nova do Maranhão, na Baixada Maranhense.

Voltado para gestores de pequenos negócios, estudantes e colaboradores de empresas locais, o curso reuniu 30 participantes em São Bento e outros 30 em Olinda Nova do Maranhão, oferecendo também a dinâmica de planejamento de ações que garantam a satisfação dos clientes e possam gerar um impacto positivo nos resultados das atividades das empresas participantes.

Em São Bento, o curso foi realizado em parceria com a Prefeitura Municipal, que enviou colaboradores das secretarias de Educação, Assistência Social e Agricultura para participar das atividades, a fim de qualificar o atendimento público concedido nos principais órgãos da administração pública local.

De acordo com o analista do Sebrae, Leonardo Oliveira, responsável pela ação,  as atividades do curso buscam capacitar pessoas que possam dar qualidade no atendimento das empresas, transformando a região em referência nesta prática. Ele informa ainda que o curso voltará a ser realizado em Pinheiro, no período de 13 a 17 de abril, totalizando 90 profissionais qualificados em dois meses.

Os interessados em participar da turma a ser oferecida em Pinheiro, as inscrições poderão ser feitas pelos telefones (98) 3381 2711 e 3381 3843, ou na sede da unidade regional do Sebrae em Pinheiro, situado à Av. Getúlio Vargas, 770 – Centro.

Texto e Foto: Vanda Pereira

Vitor Mendes: Empreendedores querem investir no Parque Empresarial de Pinheiro

COMPARTILHE

Matéria do Blog do Vandoval

PE2

Na manhã de hoje (16) o deputado federal diplomado Victor Mendes – PV/MA esteve reunido com um grupo de empreendedores que manifestaram interesse em investir no Parque Empresarial de Pinheiro. O grupo foi recebido no futuro Escritório de Representação do parlamentar maranhense, no bairro do Renascença.

Os empreendedores, pertencentes aos segmentos de piscicultura, montagem e manutenção de máquinas hospitalares e de softwares, quiseram saber do parlamentar informações sobre a conclusão da obra, suporte e incentivos que o município oferecerá aos empreendimentos ali instalados e dados sobre o tipo de empreendimento que o parque abrigará futuramente, quando inaugurado.

PE1 PE5

Aos empreendedores, o deputado entregou o Portifólio do Parque Empresarial de Pinheiro e explicou que este foi concebido como um instrumento de promoção do desenvolvimento econômico regional, estando apto para receber, após a conclusão das obras, empreendimentos dos mais diversos ramos da economia, nos setores de serviços e indústria. Victor Mendes enfatizou, ainda, que a obra está em andamento, em fase bastante adiantada.

“Trata-se de uma conquista fruto de lutas minha e do Prefeito Filuca, que está em plena execução. Minha expectativa é que, em breve, o Parque Empresarial será uma realidade, após a devida conclusão por parte do Governo Flávio Dino” – disse Vitor Mendes.

Iniciada na gestão da governadora Roseana Sarney, o Parque Empresarial de Pinheiro está sendo construído às margens da MA- 106. O Parque será um divisor de águas na economia da Baixada, conforme o deputado Victor Mendes fez o projeto.

PE3 PE4

A luta agora é estimular empreendedores do Maranhão e do Brasil a se instalarem no Parque Empresarial de Pinheiro, onde terão a estrutura adequada para crescer e ajudar a promover o desenvolvimento econômico dessa importante região do Estado.

Em tempo: Neste final de semana, além de visitar as obras do Parque Empresarial em Pinheiro, o deputado Victor Mendes visita também Palmeirândia e Guimarães, que aniversariam nos dias 17 e 19, respectivamente, e Santa Helena.

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free