casa » Archivo de Etiquetas: Edivaldo Holanda

Archivo de Etiquetas: Edivaldo Holanda

Vereadora Fátima Araújo participa da inauguração do 10º Ecoponto de São Luís

COMPARTILHE

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB) acompanhou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) na inauguração de mais um Ecoponto na capital maranhense na manhã desta segunda-feira (26). O 10° Eco Ponto foi inaugurado no bairro do Anil. A Solenidade contou com a presença de alunos da escola Divina Pastora, que fica nas proximidades do novo ponto de coleta, além de várias autoridades municipais. Moradora do bairro Vila Conceição/João de Deus, acompanharam a vereadora Fátima Araújo que prestigiou a inauguração do mais novo Eco Ponto da cidade. Assim como todas as autoridades presentes, a Pequena Guerreira teve a oportunidade de falar sobre a importância da política de gestão da limpeza pública, que garante à população um espaço para a coleta seletiva e destinação adequada de materiais recicláveis ou de grande porte.

“Eu quero em primeiro lugar agradecer a Deus, e o nosso prefeito Edivaldo Holanda Júnior, Caroline Estrela (Presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana de São Luís) e o deputado Weverton Rocha por estarem abençoando a nossa comunidade com esse Eco Ponto. Em minha opinião, esse ponto é extremamente importante. Como eu moro aqui ao lado, eu sei como o lixão que aqui existia incomodava muito. Hoje para honra e glória do Senhor Jesus, o nosso prefeito que sempre está pensando em melhorar a qualidade vida do povo de nossa cidade, no bem-estar social, nas pessoas que necessitam desse ponto para colocar seus resíduos. Meus parabéns, senhor prefeito”, disse Fátima Araújo.

De acordo com o prefeito, está prevista a construção de 20 Ecopontos a serem distribuídos estrategicamente pela cidade, com o objetivo principal de acabar com pontos de descarte irregular de resíduos sólidos, os populares lixões. Mais de 300 mil moradores são beneficiados diretamente, pois além da área em que está localizado, cada Ecoponto atende também aos bairros em um raio de dois quilômetros do seu entorno. O Ecoponto Anil foi o décimo entregue, e com ele, a prefeitura chega à metade da meta estabelecida pelo prefeito Edivaldo, que são 20 Ecopontos.

Por Maxsuel Bruno

Esquema que causou perdas de R$ 200 milhões aos cofres da prefeitura pode ter ligação com máfia fiscal

COMPARTILHE

O esquema de evasão de receitas, descoberto por meio de “baixas-indevidas” de débitos tributários de empresas ligadas ao secretário Lula Filho, além de ter causado perdas aos cofres do município que ultrapassam os R$ 200 milhões, pode ter ligação com outra organização que foi investigada pela Operação Simulacro em outubro de 2016: a máfia fiscal que desviou quase R$ 1 bilhão dos cofres públicos do Estado.

A sonegação fiscal no município há tempo é algo certo e sabido. Um crime flagrante que, até então ocultava nomes, cifras, e dimensões, mas que veio à tona essa semana, depois do vazamento de documentos apontando o principal secretário do prefeito Edivaldo Holanda Júnior como um dos beneficiários do suposto esquema já que, segundo as denúncias, duas empresas ligadas a ele tiveram dividas “baixadas” do sistema de arrecadação fiscal da Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz), referentes ao período de janeiro de 2012 a maio de 2017.

BLOG DA DALVANA MENDES apurou que o esquema de corrupção, sonegação de impostos e outros crimes envolve não apenas o titular da Secretaria Municipal de Governo (Semgov), como também o ex-titular da Semfaz, Raimundo Rodrigues, exonerado em novembro do ano passado, além das duas empresas responsáveis pela terceirização do sigilo fiscal e que são alvos da investigação do Ministério Público do Estado do Maranhão (MPMA), conforme relatório em anexo.

Prefeitura de São Luís virou refúgio da máfia fiscal

De acordo com as denúncias, os envolvidos no esquema fraudulento teriam manipulado o sistema tributário para diminuir ou até mesmo cancelar créditos fiscais, fraudando o município, beneficiando empresas envolvidas no esquema e provocando a evasão de receitas.

Segundo as informações, Raimundo Rodrigues foi nomeado pelo prefeito Edivaldo Júnior, em abril de 2014, para comandar a Secretaria Municipal de Fazenda. Desde então, a pasta virou uma espécie de refúgio da máfia fiscal, organização criminosa que já era suspeita de atuar dentro da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), pasta do Governo do Estado da qual o próprio Rodrigues foi ex-diretor da Célula de Gestão da Ação Fiscal.

DOCUMENTO
Baixe aqui a denúncia contra os envolvidos responsáveis pelo sistema tributário da prefeitura

Pouco mais de dois meses após sua nomeação no cargo, a Comissão Permanente de Licitação (CCL) da Prefeitura de São Luís iniciou dois processos de licitação para contratação de empresa especializada “no fornecimento, implantação e customização de Sistema de Administração Tributária Integrado”. As vencedoras foram a Linuxell Informática e Serviços Ltda e o Centro de Tecnologia Avançada (CTA), como mostra extratos abaixo.

Mesmo citadas nas investigações da Operação Simulacro, tanto a Linuxell quanto a CTA, não tiveram seus contratos cancelados pelo prefeito Edivaldo e continuaram operando a gestão dos tributos arrecadados pelo município.

Embora não tenha tomado nenhuma posição em relação as suspeitas envolvendo as empresas responsáveis pela terceirização do sigilo fiscal e ao secretário Lula Filho, o blog apurou que a gravidade do caso provocou apenas a demissão de dois funcionários por suspeitas de vazamentos dos documentos: um que estava lotado na Semfaz e outro que trabalhava no Centro de Tecnologia Avançada (CTA). Além disso, outra medida tomada pelo chefe do executivo municipal para evitar um desgaste maior ao governo, foi a antecipação das férias de seu auxiliar número 1.

Escândalo veio à tona depois das “baixas-indevidas” de débitos de empresas ligadas a Lula Filho

VEJA TAMBÉM:
Denúncia contra Lula Filho gera demissão e revela sonegação de R$ 200 milhões na Semfaz

Prefeitura dispensa licitação e contrata por R$ 80 mil entidade presidida por Lula Filho

Débitos tributários de empresas ligadas a secretário ‘desaparecem’ da Semfaz

Câmara denuncia ao MP terceirização de sigilo fiscal na Semfaz

OS INVESTIGADOS PELA OPERAÇÃO SIMULACRO

RAIMUNDO RODRIGUES

• Ex-titular da Secretaria Municipal de Fazenda (SEMFAZ), de abril de 2014 a novembro de 2016, depois de ser denunciado criminalmente pelo promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís, no caso chamado de “Máfia Fiscal”.

LINUXELL INFORMÁTICA E SERVIÇOS

• Empresa contratada por Raimundo Rodrigues, em 18 de agosto de2014, para prestar serviços de Tecnologia da Informação (TI). Valor do contrato R$ 2,6 milhões.

CENTRO DE TECNOLOGIA AVANÇADA

• Empresa contratada por Raimundo Rodrigues, em 02 de dezembro de 2014, para fornecimento, implantação e customização de um Sistema de Administração Tributária Integrado com cessão de Código Fonte. Valor do contrato R$ 3,5 milhões.

Por Blog da Dalvana Mendes

Edivaldo Holanda Jr. garante apoio para Tema na disputa pela Famem

COMPARTILHE

O prefeito de Tuntum, Cleomar Tema (PSB), recebeu nesta sexta-feira (13) o apoio oficial do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), a sua candidatura à presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), biênio 2017/18.
Tema lidera a chapa “Prefeito Humberto Coutinho”, formada por gestores de várias regiões do estado e, cujo registro, foi deferido pela comissão eleitoral que coordena o pleito marcado para acontecer nesta segunda-feira (16), das 8h30 às 17h30, na sede da entidade municipalista, localizada no Parque Calhau, em São Luís.
Cleomar Tema  poderá concorrer sozinho na disputa, uma vez que o registro da chapa da prefeita de Rosário, Irlahi Moraes (PMDB), foi indeferido pela comissão eleitoral.

“Tema é um gestor experiente, já foi prefeito cinco vezes de Tuntum e duas vezes comandou a FAMEM. Tenho certeza que fará novamente um grande trabalho em favor do fortalecimento do municipalismo no Maranhão”, afirmou Edivaldo Júnior, que é presidente de honra da Federação.
Também participaram do encontro o deputado federal Weverton Rocha (PDT); o secretário municipal de Articulação Política e ex-deputado, Jota Pinto; além  dos prefeitos Francisco Nagib (Codó), Zezildo Almeida (Santa Helena) e Idan Torres (Santa Filomena) – este último figura como candidato ao cargo de Diretor de Segurança na chapa encabeçada por Tema.

Weverton Rocha também destacou o perfil conciliador e de municipalista nato de Cleomar Tema.

De acordo com ele, a FAMEM, na gestão do prefeito de Tuntum, continuará avançando e as cidades se fortalecendo.

Tema agradeceu o apoio e as declarações de incentivo. Ele explicou que, mesmo diante de um quadro de disputa que já não mais existe, continua sendo um político de diálogo e conciliação.

“Vou administrar a Federação com todos os prefeitos e prefeitas do Maranhão, independentemente de bandeira partidária. Nosso trabalho consistirá em, juntos, trabalharmos pelo desenvolvimento das cidades”,
disse.

 

Eduardo Braide faz apelo por fim da greve dos garis e combate ao zika vírus

COMPARTILHE

O deputado Eduardo Braide (PMN) fez um apelo ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), na sessão desta quarta-feira (9), para que negocie com os garis em greve, e assim coloquem um ponto final na paralisação da categoria. O parlamentar disse que a negociação é importante para garantir melhores salários para os garis e permitir que eles sejam utilizados no combate ao mosquito que transmite o zika vírus e a dengue.

“Desde o mês passado que não foi feito o pagamento, mas eu nem vou entrar na questão do mérito, se a Prefeitura repassou ou não à empresa terceirizada e se essa não pagou. O que me interessa é que a situação seja resolvida até acreditando na boa fé do prefeito de São Luís. Além da questão do caráter alimentar do salário, muitos desses e dessas trabalhadoras que estão colocadas como agentes de limpeza é o esteio de família e, portanto, não podem ficar sem esse salário, principalmente nesta época agora de final de ano que estão chegando as festas e que essas famílias precisam, e por sabemos que o país hoje enfrenta uma epidemia do vírus da zika, que é levado pelo aedes aegypti, que também transmite a dengue e a chikungunya”, alertou.

De acordo com o deputado, os garis ajudam muito o trabalho dos agentes de endemias, a partir do momento em que eles passam fazendo a limpeza, principalmente daqueles terrenos baldios e dos locais onde podem estar se acumulando água para o desenvolvimento e o nascimento do mosquito da dengue.

Na avaliação do parlamentar, resolvendo o problema, a capital dará parcela importante de contribuição para a diminuição do mosquito aedes aegypti e pediu a participação da população, no combate ao mosquito “que vem causando tanto mal, inclusive, agora foi descoberta recentemente a ligação da situação da microcefalia com o vírus zika, que é transmitido pelo mosquito da dengue”.

 

Prefeito Edivaldo inaugura Praça no Ipase de Baixo

COMPARTILHE

O prefeito Edivaldo entregou na noite nesta terça-feira (13) a Praça Maria de Jesus Pereira Brito ou apenas Praça da Roxinha, no bairro Ipase de Baixo, construída com recursos municipais, fruto de operações urbanas. O espaço, que antes era um terreno baldio, atende a um anseio antigo da população e agora é um lugar arborizado, com equipamentos que favorecem a prática de esporte e lazer da população. A obra é da Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), em parceria com o Instituto Municipal de Paisagem Urbana (Impur).

“Mais uma praça, hoje no Ipase de Baixo, dando continuidade ao programa “São Luís, Cidade Jardim”, no qual temos não só reformado, mas construído praças, como é o caso da Praça Maria de Jesus Pereira Brito e fazendo a entrega a população de novos espaços, nos quais as famílias, jovens e crianças podem desfrutar de um ambiente de convívio social. Este é um instrumento público de lazer para a população”, destacou o prefeito Edivaldo.

A praça fica entre as ruas João Castelo e Marquês Rabelo e possui uma área de aproximadamente 2.895 m². Dentre as intervenções feitas no local estão a pavimentação, com a melhoria do passeio público para o fluxo das pessoas, a construção de rampas para possibilitar o acesso de pessoas com deficiência para usufruir da praça.

“Essa obra é feita com recurso próprio da Prefeitura, com recursos da operação urbana em projeto conjunto que nasceu dos anseios da comunidade do Ipase de Baixo, que participou ativamente da concepção do projeto. É uma alegria para nós da gestão do prefeito Edivaldo fazermos a primeira praça deste bairro, que tem 43 anos de história”, comemorou o titular da Semurh, Diogo Lima.

O nome do espaço foi escolhido em homenagem a Maria de Jesus Pereira Brito, líder comunitária que defendeu durante mais de vinte anos a construção da praça. O filho dela, Flávio Brito, rememorou o trabalho comunitário da mãe e a contribuição dela para o desenvolvimento do bairro.

Para a dona de casa Doraci Neves, a praça – que é um sonho antigo – chegou no momento certo. “Eu moro aqui há mais de 20 anos e essa praça sempre foi um sonho. Veio na hora certa, pois nossas crianças estavam mesmo precisando de um espaço de lazer. Gostei muito do trabalho, parabéns ao prefeito Edivaldo pelo trabalho, por não ter esquecido de nós”, afirmou.

A obra preservou a arborização da área, que contribui com a melhoria da qualidade de vida das pessoas. No local foram implantados playground, academia de saúde, pista de cooper, instalação de alambrado no campo de futebol de areia, além de bancos e lixeiras. Para fazer a manutenção do espaço, o Impur atuará juntamente com o comitê gestor da praça.

“O comitê gestor da praça que está sendo criado através da Associação de Moradores do bairro irá cuidar da praça. Ele é responsável pela fiscalização, irrigação das plantas, administração do espaço de quadra e também da provocação do setor público quando forem necessárias intervenções maiores, como uma poda de arvore, supressão, galhos na fiação elétrica, iluminação, segurança, entre outros”, contou o presidente do Impur, Luiz Carlos Borralho.

Além desta, a Prefeitura de São Luís já entregou para a população do Cohatrac, a Praça Jackson Lago, a Praça das Árvores e a Praça Verão. Na Cohab foram entregues as Praças Ruy Frazão e Renascer. Até o final de 2015, a Prefeitura deverá realizar a revitalização de mais dez praças públicas.

Também estiveram presentes na entrega da praça o deputado federal Weverton Rocha (PDT), os vereadores Pavão Filho (PDT), Ivaldo Rodrigues (PDT), Marquinhos (PRB), e Isaías Pereirinha (PSL), além dos secretários Antônio Araújo (Obras e Serviços Públicos), Mittyz Rodrigues (Administração), Batista Matos (Comunicação), e os presidentes do Instituto Municipal da Paisagem Urbana (Impur), Luiz Carlos Borralho, e do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), Raimundo Penha.

Texto:Assessoria

Barbara Soeiro solicita recuperação de quadra esportiva

COMPARTILHE

BS

A Câmara Municipal de São Luís aprovou por unanimidade, requerimento da vereadora Barbara Soeiro (PMN), já encaminhado ao prefeito Edivaldo Holanda (PTC) e ao secretário municipal de Esportes e Lazer, Jerry Abrantes; pedindo a completa recuperação da quadra poliesportiva do Complexo Evandro Bessa de Lima (Campo do Tocão), no Jardim São Cristóvão.

Na indicação, a vereadora Bárbara Soeiro esclarece ao prefeito Edivaldo Holanda e ao secretário, que a quadra poliesportiva do Complexo Evandro Bessa de Lima é um importante instrumento de lazer e inclusão social, para os moradores do bairro Jardim São Cristóvão e áreas adjacentes. “A comunidade reclama que a quadra está abandonada e precisa ser recuperada pela Prefeitura” – disse a vereadora em seu requerimento.

Para a vereadora Bárbara Soeiro, o prefeito Edivaldo Holanda e o secretário Jerry Abrantes certamente atenderão seu pleito, e mandarão inserir a recuperação da quadra do Jardim São Cristóvão nas ações idealizadas pela Prefeitura; em parceria com o Ministério dos Esportes, para melhorar ainda mais o setor de esporte, e incentivar as práticas esportivas na cidade de São Luís.

Texto: Suelda Cordeiro

Roberto Rocha Jr. se posiciona a favor dos usuários do transporte público

COMPARTILHE

RRJ

Em pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal, na manhã desta quarta-feira (01), o vereador Roberto Rocha Júnior (PSB) registrou o seu descontentamento com o reajuste da tarifa de transporte público de São Luís. Ele argumentou que o alto preço das passagens está praticamente incompatível com a renda dos usuários do serviço. Na oportunidade, a exemplo do que já fez outros vereadores, Roberto Júnior sugeriu que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC), interceda junto ao governador Flávio Dino, para que este reduza o ICMS do combustível e do pneu para os ônibus do transporte coletivo da capital maranhense. Segundo ele, a única maneira de as empresas não reajustarem as tarifas quando aumentarem seus custos é com a redução do custo fiscal.

“Os usuários do transporte coletivo são constituídos, em sua maioria, por pessoas de baixa renda. E não podemos deixar de achar injusta a decisão do prefeito de aumentar as tarifas, onerando ainda mais o bolso dos usuários, sem antes tentar um acordo com o governador, visto que eles são aliados. O governador Flávio Dino reduziu no mês passado o ICMS do combustível de aviões, para incentivar o turismo em nosso estado. Por que não fazer o mesmo em relação aos ônibus?”questionou.

Durante o seu pronunciamento, o vereador socialista não economizou críticas ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior. Ele fez questão de lembrar que durante o período de transição, o então vice-prefeito de São Luís, atual senador, Roberto Rocha, propôs publicamente o enfrentamento do debate sobre a mobilidade urbana, considerada já por este, o maior e mais sensível problema da capital maranhense. Rocha Júnior afirmou que, na época, Roberto Rocha sugeriu que fosse criada uma comissão com representantes de vários setores da sociedade a fim de avaliar o problema para, juntos, encontrarem uma solução.

“Nunca foi proposto aumentar, nem diminuir tarifas. O objetivo era fazer um profundo diagnóstico do sistema, inclusive com uma auditagem na tarifa, no prazo de 40 dias. Todos nós sabemos que, oferecer um transporte público de qualidade à população, deve ser prioridade absoluta de qualquer governo, mas, infelizmente, o prefeito preferiu continuar empurrando o problema para debaixo do tapete, e com essa omissão, a parcela mais pobre da população é que está sendo prejudicada”- disse.

Texto: Suelly Moura

Câmara tem novo vice-líder do governo

COMPARTILHE

XXXXXXXX

O bairro da Vila Luizão está em festa. Hoje (26), o vereador de São Luís, Ivaldo Rodrigues (PDT) recebeu das mãos do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), a nomeação como novo vice-líder do governo municipal na câmara de vereadores da capital maranhense. O documento foi encaminhado ao presidente da câmara, vereador Astro de Ogum (PMN), desde a última segunda feira (24). A partir de março, Ivaldo que já faz parte da base governista, será também vice-líder do governo Municipal e agora, junta-se a Osmar Filho (PSB), na interlocução entre o Executivo e a base aliada na Casa.

Já com a nomeação de vice-líder nas mãos, o vereador Ivaldo Rodrigues (PDT), concedeu uma entrevista hoje (26) pela manhã no programa Câmara em destaque, da rádio Difusora AM e falou pela primeira vez como novo vice-líder do governo municipal. Um dos vereadores mais atuantes de São Luís, Ivaldo foi agraciado por inúmeras ligações, onde os ouvintes da poderosa mostraram conhecer o grande trabalho prestado pelo parlamentar. As perguntas foram baseadas nas ações do nobre vereador e todas foram milimetricamente respondidas.

XX2 XX6 XX7

“Uma entrevista desta plenitude nos faz analisar o amanhã. Fui eleito para isso, para trabalhar pelo povo. Tenho orgulho de ser vereador de São Luís e não nego isso pra ninguém. Moro há 15 anos na mesma casa e na Vila Luizão e sou querido por onde passo. E quantas vezes for preciso vir aqui dar entrevista, é só me chamar” – finalizou Ivaldo Rodrigues.

Além de explicar cada projeto aprovado, Ivaldo ainda falou sobre a refinaria de Bacabeira e da reforma política no Brasil. Questionado pelo jornalista Mário Carvalho sobre o programa “Câmara em Destaque”, Ivaldo foi categórico em afirmar que foi uma iniciativa brilhante do presidente Astro de Ogum.

Durante a entrevista vários ouvintes denunciaram descaso em vários bairros de São Luís e o vereador prometeu entrar com requerimentos para solucionar os problemas. Mas para fechar a entrevista com chave de ouro já que durou 150 minutos, Ivaldo teve como ouvinte ilustre, o professor Nascimento de Moraes, que rasgou elogios ao vereador pedetista. Durante a programação, até eleitores de outros vereadores, entraram no AR só para elogiarem as ações de Ivaldo Rodrigues. O certo mesmo, é que a entrevista foi um sucesso! Veja o documento abaixo.

XX1

 

 

Procura-se um besta para pagar as contas

COMPARTILHE
Foto reproduzida do Blog do Jorge Vieira

Foto reproduzida do Blog do Jorge Vieira

Os empresários do transporte coletivo da região metropolitana de São Luís pensam que todo mundo é babaca, só eles são os espertos. Se estão com prejuízos, entregam a concessão ou usam os ônibus para fazer canteiro de plantio de hortaliças. Agora entrar em greve com esse papo de aumentar passagem ou extorquir dinheiro da prefeitura, dá licença! O prefeito Edivaldo Holanda Júnior vem mostrando firmeza na defesa da população de São Luís ao não ceder às chantagens dos empresários do setor de transporte para reajustar o preço das passagens. Esses empresários que não respeitam nem o cumprimento da lei, e que visam unicamente sugar o cidadão e os trabalhadores até o talo, oferecendo em troca serviços de péssima qualidade, ainda querem que a Prefeitura de São Luís pague os salários dos seus empregados. Estão de brincadeira com a minha cara!

Tá na hora do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, decretar estado de emergência no transporte público de São Luís, e realizar urgentemente uma nova licitação para concessão de linhas e mandar esses empresários fominhas e suas latas velhas e sujas para casa do chapéu, visto que não estão atendendo às necessidades da população e visam apenas o lucro fácil, explorando seus funcionários.

O prefeito está coberto de razão quando radicaliza com os empresários e descarta meter a mão no bolso do contribuinte. Mas, só isso não basta, Edivaldo Holanda Júnior precisa ser mais corajoso e mostrar que quem manda na cidade é ele e ponto final. Essa lorota de que eles estão quebrados é conversa pra boi dormir. Quem não tem condições de permanecer no mercado que vá procurar outra atividade para fazer, a população é que não pode ser penalizada a pagar passagem de R$ 2,70 só porque os empresários querem e muito menos a prefeitura repassar R$ 4 milhões para as empresas. Assim, seria melhor a prefeitura financiar uma frota de ônibus e colocar em circulação.

Defendo o direito de greve de qualquer categoria como instrumento de pressão para as conquistas de direitos, mas não posso concordar com greve de empresários para forçar a prefeitura a reajustar tarifa num momento em que o município atravessa grandes dificuldades. Isso é o fim do mundo. Só no Maranhão acontecem esses absurdos.

O prefeito tem razão em não se submeter a nenhuma chantagem da classe patronal. Nesta luta, Edivaldo tem se colocado como um verdadeiro defensor dos interesses da população de São Luís e merece aplausos por ter ficado ao lado daqueles que necessitam dos transportes para terem garantido o direito de ir e vir, conforme manda a constituição. Se é para mudar, que mude agora ou fique assim para sempre.        

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free