casa » TRABALHO » Rodoviários decidem parar São Luís pela 4ª vez consecutiva

Rodoviários decidem parar São Luís pela 4ª vez consecutiva

COMPARTILHE
Terminal vazio do jeito que os "Sem Juízo" querem

Terminal vazio do jeito que os “Sem Juízo” querem

Agora me responde uma coisa Percival: até quando vamos ter que suportar essa palhaçada de recolher os coletivos todos os dias às 18hs? O jornalista Abimael Costa, foi feliz quando classificou essa atitude, de “medida autoritária e intransigente” do presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Maranhão (Sttrema), Gilson Coimbra. Será que ele já se acha o dono da cidade ou tem poder para enfrentar a própria lei? As faculdades estão há dois dias sem aulas e vão continuar? São milhares de alunos sendo prejudicados, o comércio fechando as portas mais cedo e arcando com incalculáveis prejuízos. Mais de 700 mil pessoas ficaram sem ter como se locomover. Cadê o direito de ir e vir? Cadê a Drª Lítia Cavalcante, que não reage aos ditadores do transporte coletivo de São Luís? Afinal de contas os passageiros são consumidores e estão sendo esculachados e ninguém se manifesta.

Hoje (31) à tarde houve uma assembleia e a categoria decidiu manter a paralisação, mesmo depois de todas as garantias feitas pelo Comando Geral da Polícia Militar, durante reunião entre representantes do (Sttrema) e o Comando Geral da PM. Agora eu te pergunto Percival: quem vai acreditar nessa hipótese? Se existe esse esquema de segurança em São Luís, por que já não havia sido executado? Ah, são 80 policiais, e como é que vão dar conta da segurança de centenas de ruas e avenidas de São Luís? É querer fazer milagre. Mas só Jesus pode fazer isso.

Segundo Gilson Coimbra, a categoria entende que não há segurança suficiente para que os profissionais exerçam suas atividades, já que o efetivo designado pela Polícia Militar é pequeno para garantir a segurança dos rodoviários. Mas será mesmo, que essa paralisação é só por falta de segurança, ou tem cartas brancas por traz de tudo isso? Essa história está me cheirando um questionamento de aumento salarial e uma verdadeira pressão aos gestores municipais para aumentar a passagem.

Uma nova reunião para avaliar o movimento está marcada para esta terça-feira (1º/4) no período da tarde. Essa ladainha já está ensaiada faz tempo e no final vai sobrar justamente para os trabalhadores. Isso é uma falta de respeito com os usuários. Porque não resolvem essa porcaria nos bastidores sem prejudicarem a população?

MEDIDAS:

1ª – Criação de um Serviço de Inteligência exclusivo para apurar e agir sobre os assaltos à ônibus.

2ª – O policiamento ostensivo da “Rotam” nos corredores de transporte será deslocado também para dentro dos bairros em pontos críticos.

3ª – Parceria com a Guarda Municipal dentro dos Terminais de Integração agindo de maneira ostensiva.

4ª –“Polícia Embarcada”, que significa um policial fardado dentro de ônibus em trechos específicos.

Será designado um delegado especial para lidar especificamente com assalto a ônibus e o Sindicato vai trocar informações com a polícia através de um telefone que vai funcionar como uma espécie linha direta.

 

Sobre João Filho

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

x

Além disso, verifique

Demissões em massa no Sistema Globo de Rádio

É muito triste o atual momento do Sistema Globo de Rádio. Dezenas de demissões ocorreram nos ...

Bequimão terá projeto experimental de cultivo de sururu na Comunidade Paricatiua

O sururu (Mytellafalcata) é um molusco bivalve (está inserido entre duas conchas) da ordem Mytiloida, ...

Mais uma Comunidade rural de Bequimão recebe qualificação na produção de farinha pelo Sebrae-Ma

Encerrou nesta quarta-feira (30), o Curso de Melhoramento da Produção de Farinha de Mandioca, promovido ...

Faculdade Estácio São Luís realiza Feira de Profissões nesta quinta-feira, dia 27

Decisão precisa levar em consideração fatores como a vocação e o mercado de trabalho. Estudantes ...

[Nota de Utilidade Pública]

A Prefeitura Municipal de Bequimão informa que a empresa Forth Informática, responsável pelo processamento da ...