casa » NOTÍCIAS » Exclusivo: Venda de Ferry Boats pode está sendo negociada com Marcelo Tavares e Zé Reinaldo por meio da Construtora Franere

Exclusivo: Venda de Ferry Boats pode está sendo negociada com Marcelo Tavares e Zé Reinaldo por meio da Construtora Franere

COMPARTILHE

Em conversa com uma pessoa que trabalha no terminal do Porto de Cujupe sobre a situação dos Ferryboats, veio à tona a possível venda das embarcações da empresa Servi Porto. De acordo com a fonte, que é fidedigna, a venda dos Ferryboats da empresa está sendo negociada com o Secretário Estadual da Casa Civil, Marcelo Tavares e o deputado federal José Reinaldo Tavares. Segundo a fonte, as negociações estão bem adiantadas e a Construtora Franere está envolvida como a empresa que seria responsável pela compra.

A fonte ainda adiantou, que o valor da venda das embarcações da empresa Servi Porto será no valor de R$ 80 milhões de reais. De acordo com as informações, o proprietário da Servi Porto já reuniu com seus funcionários para alertar da possível venda, mas adiantou que só vende se for à vista. Caso contrário, se for parcelado não terá acordo.

De acordo com a fonte, a empresa Servi Porto está sendo multada todos os dias por órgãos estaduais, como forma de perseguição ao proprietário das embarcações, para que ele se renda, e venda os Ferryboats aos parentes “Tavares”. A fonte ainda adiantou, que a pressão é muito grande aos empresários, e isso tem atrapalhado o serviço, principalmente quando existem “Fiscalizações” que as autoridades tratam os funcionários de forma grosseira, deixando-os nervosos.

“Atravesso no mínimo três vezes por semana para a baixada. Vejo que falta muita coisa para melhorar, mas acho que ao invés de sair multando todo mundo, seria mais fácil os órgãos competentes trazerem um projeto de melhoria pronto, ajudaria muito mais. Conversei com vários funcionários da Servi Porto, todos já sabem dessa possível venda da empresa aos parentes “Tavares”. Se isso acontecer, como eles vão explicar toda essa dinheirama?”- finalizou.

Segundo a fonte, toda documentação de compra já foi dada entrada, mas falta o pagamento. Como são R$ 80 milhões de reais e não parcela, os parentes “Tavares” devem está por algum garimpo da vida tentando conseguir umas pedras preciosas.

 

Sobre João Filho

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

x

Além disso, verifique

Federalização de estradas do MA ganha força após aprovação do acordo para uso da base de Alcântara

A federalização das Mas 106 e 014 em rodovias federais, essa é a proposta do ...

Desesperado, Kabão usa seu último cartucho

O último cartucho A água já passou da boca e agora está no nariz. O ...

Vereadora Fátima Araújo solicita através de Indicação e Requerimento benefícios para população ludovicense

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB) solicitou através de Indicação ao governador Flávio ...

Morros contratou cooperativa investigada pelo MP por mais de R$ 5 milhões

A contratação da entidade pode ser a primeira de uma série denúncia envolvendo a gestão ...

Prefeitura realiza abertura dos Jogos Interclasses de Bequimão

A Prefeitura de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer, com ...