casa » Arquivos do Altor: João Filho (página 60)

Arquivos do Altor: João Filho

5 dicas para ensinar seu filho a comer bem

COMPARTILHE

Criadora do Gourmet Jr., mostra que é possível educar o paladar infantil de forma saudável.

Formar o paladar dos filhos requer empenho e criatividade. Há uma infinidade de orientações para este período tão gostoso e repleto de descobertas. Foi com essa vontade – de formar o paladar de seu filho, Santiago, hoje com 5 anos, que Camila Verdeja, 37 anos, criou o  site Gorumet Jr.(www.gourmetjr.com.br). A ideia do é fazer pratos saudáveis, mas ao mesmo tempo práticos e que possam ser consumidos por todos – pais, inclusive. “Acho fundamental consultar profissionais especializados para tirar dúvidas e colher informações. E foi com o apoio da minha nutricionista e do pediatra do Santiago que desenvolvi alguns macetes para estimular o paladar dele e criar hábitos saudáveis”, diz Camila.

Confira as dicas:

1) Diversificar o preparo das papinhas

“Além de variar os ingredientes na hora de preparar a papinha do bebê, vale a pena revezar no modo de preparo das receitas. Papinhas feitas com legumes cozidos no vapor são, sem dúvida, a opção mais saudável. Mas se assarmos esses mesmos ingredientes com um fiozinho de azeite, o sabor vai ser bem diferente e a textura também, podendo acompanhar o peixinho grelhado dos pais. Em dias mais corridos, cozinhar com pouca água pode ser a solução. Fica ainda mais gostoso se substituir a água por caldo de carne, frango ou legumes congelados, ou, até mesmo, cozinhar os ingredientes em suco de laranja.”

2) Utilizar os mesmos ingredientes dos pratos dos adultos para o preparo das papinhas 

“Acostumei a preparar as papinhas do meu filho com os mesmos ingredientes que iria usar para os adultos. Além de ganhar alguns minutinhos a mais na rotina, os gastos com as compras são menores, pois há menos desperdício e fortalecemos os hábitos saudáveis da nossa família.”

 3) Explorar diferentes texturas, cores e sabores

“O mais importante na formação do paladar das crianças é variar, variar e variar. Isso pode, em um primeiro momento, ser sinônimo de mais trabalho, mas em longo prazo os resultados são animadores. É bom caprichar em diferentes sabores, com temperos frescos, oferecendo desde uma sopinha rala até pedacinhos de legumes cozidos para os bebês comerem com as mãos. É preciso haver equilíbrio na oferta dos alimentos, sem priorizar nenhuma textura, sabor ou cor, mas sim um pouquinho de cada um.”

4) Apresentar os alimentos para os bebês

 “Gosto de contar para o Santiago todos os ingredientes que eu coloco na comida dele – desde bebê. Os alimentos devem fazer parte da rotina das crianças e a abordagem não precisa ser feita somente na hora das refeições. Visitas às feiras e aos hortifrútis podem e devem ser feitas com as crianças desde pequenas. Brincar de cozinhar, deixar que elas explorem a cozinha (com supervisão, é claro), cantar musiquinhas e contar histórias, mostrar livros de receitas, decorar os pratinhos pode ajudar e muito.”

 5) Deixar o bebê “brincar com a comida”

 “Muitos especialistas em alimentação infantil não diferenciam a faixa etária na hora de sugerir a postura mais adequada à mesa. Muitos não recomendam brincadeiras na hora das refeições e sugerem que as crianças devam focar na comida por pelo menos 20 minutos. Mas os bebês aprendem brincando, gostam de explorar com as mãozinhas e levam tudo à boca. Então, por que não utilizar isso a nosso favor na hora de apresentar os alimentos?”

Adriano Sarney questiona novo empréstimo de R$ 500 milhões de Flávio Dino

COMPARTILHE

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) afirmou, na tribuna, que o governo Flávio Dino (PCdoB) quer pedir dois empréstimos a bancos internacionais, os quais, somados, chegam a US$ 148 milhões, ou seja, aproximadamente meio bilhão de reais, consoante o risco da variação cambial do dólar. Trata-se do Projeto de Lei 063/2018, publicado no Diário Oficial da Assembleia Legislativa no início desta semana.

“Eu chamo a atenção para a questão da falta de transparência. Novamente, a exemplo de outros empréstimos contraídos pelo governo Flávio Dino, não são informados pontos importantes como taxa de juros, prazo de pagamento e a destinação específica, minuciosamente detalhada dos recursos. Por isso, vou solicitar à Mesa uma audiência pública, convocando representantes do governo para dar maiores explicações e as justificativas para esse pedido de empréstimo milionário em pleno ano eleitoral”, frisou.

De acordo com o PL 063/2018, o governo quer solicitar empréstimo ao Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), no valor de US$ 77.652.392,00; e ao New Development Bank (NDB), no valor de US$ 70.806.056,00. O documento não dá detalhes técnicos e financeiros, mas informa que o destino dos recursos seria o Programa Corredor de Transporte e Integração Sul-Norte do Maranhão, para um trecho que liga o município de Balsas a Tasso Fragoso; e um outro trecho que liga Tasso Fragoso a Alto Parnaíba.

Nota dez ao deputado Zé Inácio sobre filiação de Waldir Maranhão ao PT

COMPARTILHE

O deputado estadual Zé Inácio (PT) utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (3), para se posicionar sobre a solicitação de filiação do deputado federal Waldir Maranhão (Avante) ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Como militante político que defende o fortalecimento da legenda e do partido no Estado, Zé Inácio mostrou-se favorável à filiação. “O deputado Waldir decide filiar-se ao PT no momento em que o país enfrenta uma grave crise econômica, política e social, em que a democracia é ameaçada constantemente e direitos conquistados a duras penas pelo povo são aniquilados por um governo ilegítimo, por um governo golpista. O deputado, inclusive, tentou evitar o golpe quando se posicionou contra o impeachment e a favor da presidenta Dilma quando exercia a presidência da Câmara”, disse.

Zé Inácio também falou sobre a chapa majoritária do governador Flávio Dino (PCdoB). “O governador tem e terá o meu apoio para concorrer à reeleição, mas não podemos abrir mão desse debate político e dizer que o PT tem força suficiente para contribuir fortemente para sua reeleição, tendo um nome que possa vir a ser o deputado Waldir Maranhão na chapa majoritária. Com o apoio do governador e de Lula, ele passa a ser um dos candidatos mais competitivos ao Senado, por isso que, talvez, alguns temam a ida dele para o PT”, refletiu.

Por fim, o deputado destacou a importância de eleger parlamentares petistas que possam dar sustentação ao projeto nacional de fortalecimento da democracia brasileira e de retomada das conquistas históricas alcançadas nos governos do PT. “Na luta para que possamos ter um estado de bem estar social, como já promoveu o PT nos seus primeiros governos, no governo Lula e no governo Dilma, por meio de programas como ‘Bolsa Família’, ‘Prouni’, ‘Minha Casa Minha Vida’, ‘Ciências sem Fronteiras’ e tantos outros programas. É importante que haja, na Câmara e no Senado Federal, pessoas comprometidas com esse tipo de projeto. Por isso que nós lutamos para ter um senador do PT na chapa de reeleição do governador Flávio Dino”, concluiu.

 

Othelino discute parceria da Assembleia Legislativa com Escola da Magistratura do Maranhão

COMPARTILHE

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), recebeu, na manhã desta terça-feira (3), o diretor da Escola Superior da Magistratura do Maranhão, desembargador Paulo Sérgio Velten Pereira. Eles discutiram a proposta de parceria institucional entre o Poder Legislativo e a Escola da Magistratura, para realização de eventos voltados para a capacitação de servidores dos dois poderes.

Acompanhado da coordenadora administrativa da Esmam, Liliane Lima, o desembargador Paulo Velten explanou os projetos desenvolvidos e em andamento na Escola da Magistratura. Othelino Neto defendeu a importância da celebração de uma parceria entre a Escola da Magistratura e a Assembleia Legislativa.

“Esta parceria será muito bem-vinda no sentido de se trazer temas importantes para o Brasil, que poderão ser discutidos, de forma conjunta, tanto pela Assembleia quanto pela Escola da Magistratura”, declarou Othelino.

Durante a reunião, surgiu a ideia da realização de um evento, provavelmente no próximo dia 25 de maio, para ensejar o debate sobre o tema “Reforma Política e o semiparlamentarismo”.  “Para nós, esta será uma discussão interessante que, além de trazer boas informações, contribuirá para o bom debate, tendo em vista que, aqui na Assembleia, há opiniões diferentes. Estas parcerias são muito boas e quem ganha é a sociedade”, ressaltou Othelino.

O desembargador também destacou a iniciativa do debate. A ideia é trazer a São Luís o professor Ives Gandra da Silva Martins, para proferir palestra sobre o tema.  “O deputado Othelino é um companheiro da nossa geração e ficamos muito felizes de vê-lo em pleno êxito à frente da Assembleia Legislativa. Por essa razão, trouxemos aqui esta proposta de parceria com a Escola Superior da Magistratura do Maranhão. Nós sabemos que há servidores de ambos os poderes, tanto do Judiciário quanto do Legislativo, que tem interesses comuns, quando a discussão se relaciona a temas relevantes, em face da conjuntura social e política que vivemos em nosso país”, afirmou o desembargador Paulo Velten.

O desembargador ressaltou a importância da Esmam na formação e aperfeiçoamento de magistrados e servidores: “A nossa escola hoje, é bom que se registre, cuida não apenas da formação dos juízes, mas também da capacitação de todo o quadro de servidores do Judiciário. Quando se tem servidores antenados, atualizados com os temas da nação, sem dúvida nenhuma, temos também servidores mais motivados, enriquecidos e entusiasmados para os trabalhos do dia a dia”, frisou Paulo Velten.

 

Pedro Lucas voltou mais experiente, destacou o vereador do PTB em sua chegada à Câmara Municipal

COMPARTILHE

O vereador de São Luís Pedro Lucas Fernandes (PTB), voltou nesta terça-feira (3) a assumir a cadeira de parlamentar ludovicense após  licença de 13 meses para comandar uma pasta no executivo estadual. Pedro Lucas havia assumido a Presidência da Agência Metropolitana e agora deixa o cargo após 195 dias à frente da pasta. Questionado sobre sua volta ao parlamento ludovicense, o vereador do PTB respondeu com uma frase de quem está ainda mais preparado para a política maranhense. “Quero afirmar que o Pedro Lucas voltou mais experiente. Esse tempo que estive no executivo estadual me deu a real noção de como é o procedimento a nível de executivo”.

Em alguns minutos Pedro Lucas destacou o trabalho realizado na Agência Metropolitana, que estava apenas no projeto. “Nesse tempo que nós estivemos lá, conseguimos tirar uma agência recém criada que existia apenas no papel, saímos do zero. Fizemos um plano estratégico, definimos o plano de ação, que conteve a gestão plena da Região Metropolitana, fizemos o Conselho Metropolitano, o Colegiado Metropolitano, definimos o Fundo Metropolitano, estávamos trabalhando no plano diretor de desenvolvimento integrado e paralelamente a isso fizemos vários projetos especiais, passando desde o projeto das barracas do Araçagy, até mesmo na feira do Jardim América”.

Pedro Lucas enfatizou o trabalho e destacou todas as ações que irão beneficiar inúmeros municípios na região. “Muitas intervenções foram feitas, como por exemplo a licitação de uma Quadra Esportiva para o bairro Ilhinha, já que o governador Flávio Dino gosta dessas intervenções que possam trazer a comunidade de volta aos espaços públicos. A Agência hoje está com a carteira de projetos bastante avançados que serão executados pelo Lívio Corrêa, novo presidente da pasta”, destacou o vereador.

O vereador destacou o trabalho, mostrando que nada se faz sem planejamento. “Foi um ano de muito planejamento, mas que precisava ter feito, se não a Agência Metropolitana não teria um norte a definir. A gente fez todo esse trabalho de planejamento e já estamos fazendo intervenções em 13 meses. Então muita coisa que já aconteceu e quero aqui agradecer o apoio que o governador Flávio Dino tem nos dado enquanto estivemos lá e agradecer todos os secretários estaduais e prefeitos que puderam colaborar com a Agência Metropolitana”, disse.

Pedro Lucas falou que a agência definiu que vai ajudar 10 dos 13 municípios que compõem a Região Metropolitana, na questão do resíduo sólidos, arcando com as despesas de 10 municípios, ficando de fora apenas São Luís, Alcântara e Rosário (que já tem uma compensação ambiental).

Para finalizar, o vereador falou que vai focar sua visão para São Luís, já que é uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes e precisa de muita atenção dos vereadores e tem muitos problemas estruturantes que vem de muito tempo, mas o prefeito Edivaldo Holanda tem dado sua contribuição de tentar resgatar a dignidade da população e a Câmara tem dado um grande apoio ao prefeito.

 

08 de Abril é o Dia Mundial de Combate ao Câncer. “Sírio-Libanês alerta para os riscos do Câncer Colorretal”

COMPARTILHE
Criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a data especial reúne organizações ao redor do planeta em prol da prevenção dos vários tipos de câncer.

O câncer colorretal é uma das principais neoplasias que atingem a população. Também conhecido como câncer do intestino grosso, acomete pessoas em todo o mundo, independentemente do sexo, classe social ou se habitam os grandes centros ou municípios interioranos. A doença é silenciosa e o diagnóstico pode ser feito a partir da colonoscopia. O quanto antes for descoberto, mais fácil será a cura.

“É o segundo câncer mais frequente entre as mulheres e o terceiro mais incidente entre os homens”, alerta Dra. Marcela Crosara, oncologista do Hospital Sírio-Libanês. Diante da possibilidade de ausência de manifestações clínicas, a especialista chama a atenção para a importância de exames preventivos. “Temos uma ferramenta de extrema importância para o diagnóstico do câncer colorretal que é a colonoscopia. Por isso, a recomendação formal é de que a população em geral, homens e mulheres, façam a colonoscopia a partir dos 50 anos de idade. É a partir dessa fase da vida que a doença costuma se manifestar”. Pacientes com antecedente familiar forte de câncer devem iniciar os cuidados preventivos ainda mais cedo,  aconselha a oncologista.

E por que a colonoscopia é importante para o diagnóstico da doença? Esse exame pode flagrar pólipos (que são como verrugas) e inflamações na parede do intestino, que podem ser pré-cancerosas, além de tumores propriamente ditos. Grande parte dos tumores colorretais evolui de lesões pré-malignas que são tratáveis. “A detecção precoce de um pólipo no intestino pela colonoscopia permitirá que ele seja devidamente tratado e não se transforme em um câncer no futuro”, explica Dra. Marcela.

De acordo com a especialista, nem sempre o paciente vai ter sintomas muito aflorados. “É importante estar atento às alterações de hábitos intestinais, seja para a diarreia ou constipação, alteração do volume e consistência das fezes, bem como da coloração, cólicas ou sensação de inchaço abdominal, dores abdominais, presença de sangue nas fezes, perda de peso sem motivo específico”, aconselha Dra. Marcela.

A especialista explica que o câncer colorretal é vastamente estudado no mundo hoje, devido a sua forte incidência na população, e possui grandes chances de cura, se detectado com antecedência. No entanto, Dra. Marcela reforça que a prevenção é sempre melhor. A prática de exercícios físicos regulares, alimentação saudável, privilegiando comidas frescas e naturais, principalmente ricas em fibras, como frutas, verduras e a inclusão de castanhas, evitando-se o consumo exagerado de carnes vermelhas, defumados e embutidos, além de retirar alimentos com conservantes da dieta são atitudes extremamente importantes na prevenção da doença.

SOBRE O SÍRIO-LIBANÊS

A Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês, instituição filantrópica fundada em 1921, trabalha diariamente para oferecer uma assistência médico-hospitalar de excelência, sempre com um olhar humanizado e individualizado, em mais de 60 especialidades. Em uma busca constante, o hospital desenvolve atividades de ensino, integradas ao trabalho de compromisso social.  O Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa promove estudos, compartilha conhecimento e desenvolve projetos integrados com o Ministério da Saúde e contribui para a disseminação de conhecimento e boas práticas para mais de 8 mil gestores de saúde em todo o país, como parte do Programa de Apoio e Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS). A instituição também é responsável pela gestão de cinco unidades públicas estaduais e municipais de saúde como parte do trabalho do Sírio-Libanês Responsabilidade Social.

Visite nosso site: www.hsl.org.br

A Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês é uma Instituição Filantrópica Brasileira que desenvolve ações integradas de assistência social, de saúde, de ensino e de pesquisa.

 

Casas Bahia envia nota sobre possíveis sites falsos com a marca da loja

COMPARTILHE

A assessoria de comunicação das Lojas Casas Bahia emitiram nota sobre uma denúncia feita por este Portal de Notícias de possíveis sites que estariam tentando usar a marca da Loja para cometer possíveis crimes na internet com venda de celulares com preços muito abaixo do mercado, inclusive mais barato que o site oficial das Casas Bahia. Após a denúncia aqui, a Assessoria das Casas Bahia se manifestou e enviou nota sobre o caso. SEGUE A NOTA ABAIXO NA ÍNTEGRA.

Prezado João Filho, boa noite!
 
Segue esclarecimento:
 
A Casas Bahia reforça que segue as melhores práticas de segurança da informação adotadas no país, além de alertar sobre a importância de manter um comportamento seguro no ambiente digital. A empresa também orienta constantemente os clientes a realizarem compras somente nos canais oficiais da empresa.
 
No caso do site citado pela reportagem, a rede esclarece que, tão logo ela foi identificada pela equipe de monitoramento da companhia, solicitou ao provedor a sua remoção.
 
Estou à disposição,
Juliana Andrade
Imprensa

A lei Maria da Penha já está em vigor no Maranhão?

COMPARTILHE
“Essa decisão empodera o agressor, porque não dizer os agressores que agora tem precedente para seus crimes. Essa decisão empodera quem tenta justificar a violência, essa decisão empodera e permite o cometimento de nossos crimes”, diz a advogada Ludmila Ribeiro.

O que aconteceu nesta terça-feira (3) no Maranhão, parece que lei no Estado é apenas uma maquiagem no período chuvoso. Os votos dos desembargadores Antônio Bayma Araújo e Raimundo Nonato Melo foi mais um tapa na cara da vítima e um troféu para o criminoso. Fazendo um breve comparação até parece que a advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva vai ter que sofre do mesmo jeito que Maria da Penha sofreu. Todo esse teatro judicial mostra que a Lei Nº 11.340, de 2006, nada mais uma mensagem de corrente que circula nas redes sociais. E tudo isso mostra que o crime compensa, que libertar criminoso, cria novos criminosos e fortalece os que já existem.

A Justiça do Maranhão, por meio da 1ª Câmara Criminal do Tribunal, decidiu, nesta terça-feira (3), conceder habeas Corpus para o empresário Lúcio André Silva Soares, conhecido como Lúcio Genésio, que responde por agressão contra sua ex-esposa, a advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva.

O relator do caso foi o desembargador João Santana Sousa, que foi contra o Habeas Corpus. Já os desembargadores Antônio Bayma Araújo e Raimundo Nonato Melo votaram a favor da concessão do HC.

A prisão preventiva do empresário foi decretada pelo juiz Clésio Coelho Cunha, em novembro de 2017. As agressões foram registradas pela vítima na Delegacia da Mulher dias antes. Mesmo com a prisão decretada, ele nunca foi preso.

Em uma rede social, a vítima se manifestou e disse que está em pânico. “Sinceramente, estou em ataque de pânico, escrevendo e tremendo ao mesmo tempo. Não sei se pelo medo de viver tudo de novo ou pela ridicularização que passo no meu estado”, diz.

Ludmila Ribeiro foi vítima de duas agressões

Lúcio Genésio á acusado de agredir a advogada Ludmila Ribeiro por duas vezes. A primeiro foi na cidade de Pinheiro, onde o irmão dele é prefeito, quando a advogada estava grávida. Depois dessa agressão, ocorreu a separação do casal. O foi registrado na delegacia da cidade, distante 113 km de São Luís.

Eles tentavam se reconciliar quando a segunda agressão aconteceu. Em depoimento, a vítima disse que as agressões, em São Luís, foram em um sábado, após um jantar. Ela começou a ser espancada desde a Lagoa da Jansen até as proximidades do condomínio em que mora, no bairro Cohama. O agressor a expulsou do veículo, quebrou seu celular e foi embora. Não demorou muito, voltou com o mesmo carro e a forçou entrar no condomínio onde continuou com a agressão física.

Ela relata ainda que conseguiu sair do carro e pediu socorro. Os gritos chamaram atenção dos vizinhos, que lhe socorreram. A Polícia Militar foi chamada e conduziu Lúcio Genésio ao Plantão do Cohatrac, sendo liberado após pagar fiança de R$ 4.685 fixada pelo delegado Válber Braga. A advogada ficou com marcas por todo corpo e nem conseguia abrir o olho esquerdo.

Leia a íntegra do primeiro desabafo da advogada nas redes sociais

“Sinceramente, estou em ataque de pânico, escrevendo e tremendo ao mesmo tempo. Não sei se pelo medo de viver tudo de novo ou pela ridicularização que passo no meu estado.

Eu gostaria de retomar esse assunto de outra forma, gostaria de vim aqui parabenizar a Secretaria de Segurança, a delegada e os envolvidos por encontrar um foragido que brincou de esconde por mais de 100 dias, mas isso não é possível. Ele não foi encontrado. Eu gostaria de vim aqui parabenizar o Tribunal de Justiça do Maranhão, por entender o risco que uma vítima de violência doméstica passa, pelo terror de permanecer em risco, mas não, eu não posso parabenizar os Desembargadores Bayma e Melo pelos votos proferidos nessa manhã.

Me sinto envergonhada, por acreditar que o Maranhão está preparado para enfrentar a violência doméstica. Qual a mensagem que os nobres desembargadores desejaram passar? De que nada aconteceu? De que não estou em risco? De que as mulheres não precisam denunciar? De que no Maranhão os agressores de mulheres não precisam se preocupar pq nada acontece?

Que vergonha nobres desembargadores! Que vergonha segurança pública! É tão chocante quanto minha imagem de como fiquei depois de ser tortura por horas por esse criminoso, é ser feita de piada depois do apoio que não recebi do tribunal de justiça do Maranhão e da segurança pública que apesar de ter tempo suficiente não encontrou o meliante.

Gostaria de parabenizar, mas não posso!”

Após essa primeira manifestação, Ludmila Ribeiro divulgou nota de repúdio. Confira.

“Em tempos em que as palavras de ordem são sororidade, empoderamento feminino e justiça, o Tribunal de Justiça do Maranhão, através dos ilustres desembargadores Raimundo Melo e Bayma nadam na contra mão.

Agora mais calma do susto que levei pela manhã, venho fazer uma análise rápida e realista da situação.

Hoje pela manhã, os ilustres desembargadores, ao julgares os dois Habeas corpus de Lúcio André Genesio, concederam ao investigado o benefício de responder em liberdade, sem garantir a segurança da esquecida vítima que agora vos escreve. Pois bem, não estava presente na sessão, pois foi marcada em cima da hora, com uma pressa estranha de julgar logo depois do feriado da Páscoa, com uma pressa de quem quer libertar o coitadinho e não com a pressa de assegurar a mim, vítima e a todas as vítimas que acompanham meu caso, a segurança da mulher.

Pois bem, vamos seguir a análise do recado passado, para ficar bem claro.

Eu, fui espancada por mais de uma hora, quase fui atropelada, o que não aconteceu por motivos alheios à vontade do criminoso, e sim, tive a coragem de denunciar, de acompanhar a ação penal existente, as medidas protetivas e os pedidos de prisão preventivas com seus respectivos Habeas corpus. Tudo que eu podia fazer, fiz!

Nesse lapso temporal, sofri e ainda sofro vários ataques tentando justificar a agressão, denegrir minha imagem, entre tantas outras situações típicas dos crimes de gênero.

Calma não acabou! Hoje pela manhã, fui surpreendida, isso mesmo, não esperava essa resposta da justiça maranhense, com a concessão dos Habeas corpus para meu agressor poder continuar a vida como se nada tivesse feito. A instituição entende que mesmo o meliante não atendendo a nenhuma ordem judicial, mesmo permanecendo foragido por mais de 100 dias, mesmo se escondendo da polícia e da inteligência da segurança maranhense, ele merece sim responder em liberdade. Coitadinho né?

Com dois ou três advogados que militam na prefeitura de Pinheiro presentes na sessão, o que para bom entendedor meio palavra basta, que saíram comemorando o êxito, parabéns aos colegas! Mais um criminoso solto.

Mas o que mais fiquei sem acreditar é que essa decisão vai bem além da minha segurança pessoal, vai bem além de conceder liberdade a um riquinho mimado e bem assessorado, pelo jeito. O que mais causa revolta é o nosso Tribunal de Justiça rasgar escancaradamente a lei Maria da Penha, é deixar claro para mim como vítima, como advogada, e para toda a sociedade que não estamos preparados para lidar com a violência de gênero, com um direito tão difundido em todos os cantos, tão sonhado por tantas mulheres guerreiras, por tantas mulheres que precisam morrer para serem lembradas.

Essa decisão empodera o agressor, porque não dizer os agressores que agora tem precedente para seus crimes. Essa decisão empodera quem tenta justificar a violência, essa decisão empodera e permite o cometimento de nossos crimes.

O recado minha amigas, mulheres, trans, e a todos que se reconhecem com o gênero feminino, é que nosso Tribunal não luta por nossa causa.

Em tempos de empoderamento feminino o tribunal de justiça do Maranhão luta pelo empoderamento dos agressores. Esse é o resumo de hoje. Por qual empoderamento você quer lutar?”

 

Do Blogue de Gilberto Lima

Prefeito Zé Martins autoriza pagamento de servidores referente ao mês de março

COMPARTILHE

O prefeito Zé Martins (MDB), autorizou nesta terça-feira (03) o pagamento dos servidores da Prefeitura Municipal de Bequimão, referente ao mês de março. Nesta quarta-feira, dia 04 de abril, os vencimentos já amanhecerão nas respectivas contas bancárias.

Mais uma vez os salários dos funcionários municipais serão pagos em dia, dentro do calendário, como já se tornou marca na administração de Zé Martins desde 2013. No segundo ano de sua segunda gestão, o prefeito cumpre mais uma vez, dando prioridade e valorizando os servidores municipais.

Mesmo com toda a crise que atrapalha o desenvolvimento do país, a economia do município de Bequimão ganha novos ares e o comércio aumenta seu faturamento com o pagamento dos servidores municipais.

Deputado Othelino prestigia posse coletiva de novos secretários e diretores do Estado

COMPARTILHE

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB) prestigiou, nesta segunda-feira (2), acompanhado de vários colegas de plenário, a posse coletiva dos novos secretários e diretores de órgãos, sob a coordenação do governador Flávio Dino (PCdoB). O evento ocorreu no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, no bairro Cohafuma, com a presença de autoridades, políticos e convidados.

 Ao avaliar a posse dos novos titulares, Othelino Neto disse que a substituição é natural, por conta do desejo de vários de serem candidatos a deputado estadual ou federal. “Aqueles que serão candidatos decidiram se desincompatibilizar e isto permitiu a posse dos adjuntos, dando sequência a um trabalho que já vinha sendo desenvolvido. Que aqueles que decidam encarar as urnas tenham sucesso e que os novos desempenhem com competência e dedicação suas funções”, afirmou.

Othelino, que integrou a Mesa de Trabalho, representando os demais deputados, afirmou que compete ao governador fazer as escolhas. “Imagino que esta decisão seja no sentido de que o trabalho que vinha sendo desenvolvido tenha continuidade, e para que não haja uma mudança de rota num momento em que o governador entra para seu quarto ano de mandato, fazendo um governo de mudança”, complementou.

 Mais deputados

Vários outros deputados estaduais prestigiaram a posse coletiva dos novos secretários e diretores de órgãos: Glalbert Cutrim (PDT), Raimundo Cutrim (PCdoB), Março Aurélio (PCdoB), Hemetério Weba (PV), Fábio Macedo (PDT), Ana do Gás (PCdoB), Levi Pontes (PCdoB), Luciano Leitoa (PSB), Valéria Macedo (PDT) e Francisca Primo (PCdoB). Todos destacaram a decisão do governador em empossar técnicos que estavam atuando como adjuntos, para “dar seguimento ao trabalho que está dando certo”.

Estavam presentes também os deputados federais: Eliziane Gama (PPS), Weverton Rocha (PDT), Waldir Maranhão e Rubens Pereira Júnior (PCdoB); o presidente da Famem, Tema Cunha; o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior; e o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Astro de Ogum, além do vice-governador Carlos Brandão (PRB) e Luiz Gonzaga Martins, procurador geral de Justiça do Estado.

Minuto de silêncio

Antes de discursar, Flávio Dino pediu um minuto de silêncio, em memória dos três médicos e do policial civil mortos no acidente de helicóptero no domingo (1º), em Rosário, todos servidores públicos.

“Queremos proclamar as virtudes e erros desse governo, mas quero destacar uma dessas virtudes: não temos medo de errar. Sabemos que não somos perfeitos e temos a humildade de voltar atrás e corrigir.  Por isso, temos acertado muito, porque estamos juntos. Não fazemos o governo perfeito, não acertamos sempre, mas graças a Deus, é o melhor governo do país, reconhecido em todos os lugares”, destacou.

 Os candidatos

Um dos gestores que deixou o cargo para concorrer nas eleições de 2018 foi o secretário de Comunicação e Articulação Política (Secap) Márcio Jerry, que disputará a cadeira de deputado federal e deu lugar a Ednaldo Neves, que estava à frente da Secretaria Adjunta de Articulação Política. Outros novos dez secretários e diretores foram empossados: Loroana Coutinho de Santana, na Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão (AGERP); Júlio César Mendonça Corrêa, na Secretaria de Agricultura Familiar (SAF); Rodrigo Pires Ferreira Lago, que acumula o comando da Secretaria de Transparência e Controle (STC) e Casa Civil – antes comandada por Marcelo Tavares, que agora concorrerá a uma vaga como deputado estadual.

Tentarão também vagas na Assembleia Legislativa: Duarte Júnior, que cedeu lugar na presidência do VIVA/Procon para Karen Barros; Neto Evangelista, substituído por Francisco de Oliveira Júnior à frente da Sedes; Simplício Araújo, que concorre para deputado federal e deixou na Secretaria de Estado de Indústria e Comércio (Seinc) Expedito Rodrigues Silva Júnior; Silvio Conceição Pinheiro, que assumiu a Secretaria de Estado do Trabalho e Renda Solidária (Setres), substituindo Julião Amim, que vai em busca da renovação do mandato de deputado federal.

Na Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) foi empossado José Edjahilson Bezerra de Souza, no lugar de Márcio Honaiser, que disputa vaga na Assembleia; Lívio Jonas Mendonça Correa na Agência Metropolitana do Estado do Maranhão (Agem), substituindo Pedro Lucas Fernandes, que buscará vaga para deputado federal; e Luís Carlos Oliveira Silva, que assumiu o comando da  Comissão Central de Licitação (CCL) no lugar do ex-gestor, Odair José, que tentará vaga na Assembleia Legislativa.

O ex-titular da Casa Civil, ex-deputado Marcelo Tavares (PSB), falou em nome dos que deixaram o governo e Rodrigo Lago, pelos que chegavam. Rodrigo Lago ficou emocionado, pois dez anos depois, veio a ser empossado no mesmo cargo que o pai, o ex-deputado estadual Aderson Lago. Ele estava presente com a mulher e filhos de Rodrigo.