casa » Arquivos do Altor: João Filho (página 320)

Arquivos do Altor: João Filho

Motorista embriagado mata duas mulheres em Peri-Mirim

COMPARTILHE

Blog do Vandoval

C2

Foi autuado na Delegacia da Mulher (DEM) no município de Pinheiro o homem acusado de atropelar e matar mãe e filha no povoado Juçaral, zona rural de Peri Mirim, na baixada ocidental maranhense. A ele cabe o direito de ser arbitrada fiança e o valor ainda está sendo calculado pela DEM mediante a renda do acusado. Quer dizer que duas vidas valem o salário de um motorista criminoso?

C3 C8C7

Wellington José Costa Feitosa, 36 anos, teria saído de São Luís para a cidade Peri para as comemorações do festejo de São Sebastião. Ele estaria com sinais de embriaguez e, mesmo afirmando em depoimento que teria dormido duas horas antes do acidente, o bafômetro acusou positivo para a ingestão de bebida alcoólica. Mesmo assim, o motorista deve responder em liberdade. Agora a pergunta: São as leis que deixam brechas ou a justiça que tem mal intérpretes?

C1 C4 C5 C6

O acusado dirigia uma L200 e atropelou Eloisa Souza Freitas, 42 anos, e Emanuele Freitas Martins, 22 anos. Elas estavam em uma moto Honda Biz, e segundo o acusado, teriam invadido a pista em que ele estava. Mais um papo furado de um cara irresponsável, já que a rua onde aconteceu o acidente é estreita e cheia de curvas.

De acordo com a titular da DEM, delegada Tatyani Porto Fraga, caso o acusado não pague a fiança; ao invés de ser liberado para responder em liberdade o motorista será encaminhado para o Centro de Ressocialização no município de Pinheiro. Como Wellington mora em São Luís, ele pode ser transferido para a capital.

O acusado ainda deve fazer exame de corpo de delito já que populares tentaram linchá-lo. O carro de Wellington foi incendiado, e a Polícia Militar chegou ao local para resgatá-lo e encaminhá-lo para a delegacia regional de Pinheiro.

 

 

Esta matéria foi excluída por ordem Judicial

COMPARTILHE

PROCESSO400-07.2016.8.10.0064 (4032016)

Bequimão recebe grana para construção de quadras esportivas na zona rural

COMPARTILHE

Matéria de Assessoria

QUADRA1

A Prefeitura Municipal de Bequimão também está investindo no esporte e lazer. Prova disso é que o prefeito Zé Martins licitou a construção de três quadras esportivas cobertas com vestiário, para os povoados Paricatíua, Quindíua e Pontal. Foi concluído, ainda, o processo licitatório de uma quadra coberta a ser construída no bairro Estiva, ao lado da Unidade Integrada Domingos Bouéres.

O prefeito captou recursos junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação (MEC). “Estamos atentos às oportunidades que o governo federal oferece para a área da educação, cumprindo os requisitos necessários para acessar esses programas”, afirmou o prefeito Zé Martins, que tem demonstrado ampla capacidade de articulação.

A obra seguirá o padrão recomendado pelo FNDE para todo o país. As quadras que serão construídas em Paricatíua, Quindíua e Pontal serão cobertas e com arquibancadas, além de vestiários masculino e feminino e um depósito. A área total será de 980,40 m² de cobertura, em terrenos de 30×41 m².

A quadra da Estiva, por sua vez, terá 32,05 x 23,23 metros, numa área total 745,03 m². “Essas quadras são para atender às demandas por práticas esportivas nas nossas escolas municipais, abrindo espaço para o lazer e também para o enfrentamento às drogas, já que os nossos jovens estarão ocupados o esporte” – frisou Zé Martins.

Segundo repasse do FPE terá R$ 70 milhões a menos

COMPARTILHE

FPE

Em virtude da queda de arrecadação Federal do Imposto de Renda e dos Impostos sobre Produtos Industrializados (IPI), a segunda parcela do Fundo de Participação dos Estados (FPE), que será liberada nesta terça-feira (20), terá redução de 18,6% em comparação ao valor recebido em janeiro do ano passado. O percentual significa R$ 70 milhões a menos na receita estadual.

O FPE representa 34,93% do Orçamento Geral do Estado e 40,24% da Receita do Tesouro Estadual. Apesar deste cenário, o governo do Estado conseguirá manter o pagamento dos servidores públicos estaduais dentro do prazo previsto na tabela divulgada, na última quarta-feira (14).

O governo está tomando uma série de medidas para minimizar os impactos causados pela diminuição da arrecadação. Entre elas, o contingenciamento de 30% do custeio e revisão dos contratos para melhor aplicação dos recursos públicos. “O governador Flávio Dino já determinou o contingenciamento de 30% do custeio do tesouro, a redução de contratos vigentes e o fim ao desperdício dos recursos públicos”, explicou a secretária de Estado de Planejamento, Cynthia Mota.

As previsões atualizadas do Tesouro Nacional (STN) ainda não indicam redução no valor do FPE para o ano completo de 2015. Entretanto, no primeiro boletim do ano (janeiro), o Tesouro indicou que haverá redução de 18,6% (sem descontar a inflação) neste mês em relação ao mesmo montante de janeiro de 2014 (R$ 551,4 milhões), o que representa, somente neste mês, uma perda de R$ 102,6 milhões. A contenção dos montantes são indicativos de que nos próximos meses, também poderá ter reduções, o que irá impactar no resultado fechado do ano.

PROJETOS E PRIORIDADES

Apesar do cenário econômico desfavorável, a secretária de Estado de Planejamento e Orçamento, Cynthia Mota Lima, garantiu que todos os projetos já anunciados pelo governador Flávio Dino serão mantidos em caráter de prioridade.  Segundo ela, a determinação do governador é para que as contas sejam revistas sem prejuízo aos maranhenses.

 

Governador garante reajuste do mínimo e do piso do magistério em janeiro

COMPARTILHE

DINHEIRO

Com o intuito de aumentar a eficiência da máquina pública e permitir serviços de melhor qualidade à população, o governador Flávio Dino determinou a implantação de medidas de valorização dos servidores públicos. O reajuste do piso nacional dos profissionais da educação básica e o reajuste do salário mínimo de 8,8% para todo o funcionalismo público foram as medidas determinadas pelo governador para entrarem em vigor ainda no primeiro mês de gestão.

“Nossa prioridade é valorizar os servidores, por meio do conhecimento, da qualificação, do estímulo à evolução pessoal e profissional”, afirmou o governador Flávio Dino. Outro ponto basilar, segundo ele, é a manutenção do diálogo. “Vamos sempre dialogar com os servidores do Maranhão e discutir melhores condições de trabalho”, completou.

O reajuste de 13,01% no piso nacional dos profissionais da educação básica será pago em sua integralidade pelo Governo do Maranhão nos vencimentos do mês de janeiro. Um total de 28.577 profissionais do Grupo Magistério da Educação Básica será contemplado com o reajuste salarial do piso nacional da categoria pelo Governo do Estado. Destes, 27.826 são professores e 751 especialistas em educação.

“Mesmo diante das dificuldades financeiras encontradas, o governador Flávio Dino determinou o pagamento integral do piso à categoria, demonstrando, assim, o compromisso com a educação, que tem papel fundamental na garantia da aprendizagem dos estudantes e, consequentemente, na mudança dos indicadores educacionais do Maranhão”, destacou a Secretária de Estado da Educação, Áurea Prazeres.

O secretário de Estado de Gestão e Previdência, Felipe Camarão, frisou que os ajustes salariais estão bem acima do que foi projetado pela Lei Orçamentária do governo anterior. Segundo ele, a gestão passada havia projetado o reajuste em apenas 8%, mas o governador Flávio Dino determinou que fosse ampliado para 13,01%.

“Esses reajustes são mais uma prova do compromisso do governador Flávio Dino com a valorização dos servidores. Representará uma recomposição salarial para milhares de trabalhadores, o que também é um reconhecimento aos relevantes serviços prestados”, completou o secretário.

O reajuste de 13,01% no piso salarial dos profissionais impactará em R$ 15,1 milhões/mês a folha de pagamento do magistério da Educação Básica no Estado. No ano, esse valor chegará a R$ 200 milhões.

No Maranhão, a jornada semanal praticada pelo professor da rede estadual de ensino é de 20 horas, a metade da carga horária do piso nacional, que é de 40h.

O novo piso entrou em vigor no último dia seis deste mês. A correção do piso reflete a variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definido nacionalmente pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

SALÁRIO MÍNIMO

Outro importante reajuste determinado pelo governador foi o do salário mínimo. Com a medida, a folha do funcionalismo público será aumentada em 8,8%, o que representa um impacto em torno de R$ 7 milhões na folha de pagamento de funcionários.

Projeto 2016 cada vez mais forte

COMPARTILHE

SECOM

O ex-vice prefeito de Bequimão e pré candidato a prefeito em 2016, Dr. Cesar Cantanhede (PTC), esteve na tarde desta quinta feira (15) visitando seu conterrâneo, Robson Paz, secretário estadual de comunicação. A visita de cortesia aconteceu na sede da secretaria de comunicação (Secom) localizada na Avenida Beira Mar, no centro histórico da capital maranhense. Robson Paz se tornou o primeiro bequimoense em assumir um cargo de grande expressão no governo estadual. E é com esse objetivo que as alianças estão cada vez mais fortes.

Na conversa que durou pouco mais de 30 minutos, o tema foi o projeto 2016 rumo a prefeitura de Bequimão. Líder da oposição na cidade de Bequimão, Cesar Cantanhede sempre teve o apoio da família de Robson Paz e não é atoa que dois irmãos do secretário de comunição já foram eleitos vereadores de Bequimão. O primeiro a mostrar força política na região, foi Fredson Pereira, eleito várias vezes. Em 2012 Elanderson, outro irmão de Robson, também foi eleito vereador pelo PPS.

Cesar Cantanhede vem trabalhando as articulações e tem total apoio de Robson Paz para 2016. A primeira articulação feita e com resultado positivo, foi na eleição da mesa diretora da câmara municipal, quando a oposição venceu e derrotou a situação. Um dos componentes da nova mesa, é o vereador Elanderson, hoje presidente do Solidariedade (SD) no município de Bequimão e irmão de Robson Paz.

Com o apoio de Lideranças fortes, como Robson Paz, Cesar Cantanhede vem mostrando forças e ganhando novos adeptos. Com um grupo forte, Cesar pretende formar a maior base oposicionista da história da política bequimõense.

 

Vitor Mendes: Empreendedores querem investir no Parque Empresarial de Pinheiro

COMPARTILHE

Matéria do Blog do Vandoval

PE2

Na manhã de hoje (16) o deputado federal diplomado Victor Mendes – PV/MA esteve reunido com um grupo de empreendedores que manifestaram interesse em investir no Parque Empresarial de Pinheiro. O grupo foi recebido no futuro Escritório de Representação do parlamentar maranhense, no bairro do Renascença.

Os empreendedores, pertencentes aos segmentos de piscicultura, montagem e manutenção de máquinas hospitalares e de softwares, quiseram saber do parlamentar informações sobre a conclusão da obra, suporte e incentivos que o município oferecerá aos empreendimentos ali instalados e dados sobre o tipo de empreendimento que o parque abrigará futuramente, quando inaugurado.

PE1 PE5

Aos empreendedores, o deputado entregou o Portifólio do Parque Empresarial de Pinheiro e explicou que este foi concebido como um instrumento de promoção do desenvolvimento econômico regional, estando apto para receber, após a conclusão das obras, empreendimentos dos mais diversos ramos da economia, nos setores de serviços e indústria. Victor Mendes enfatizou, ainda, que a obra está em andamento, em fase bastante adiantada.

“Trata-se de uma conquista fruto de lutas minha e do Prefeito Filuca, que está em plena execução. Minha expectativa é que, em breve, o Parque Empresarial será uma realidade, após a devida conclusão por parte do Governo Flávio Dino” – disse Vitor Mendes.

Iniciada na gestão da governadora Roseana Sarney, o Parque Empresarial de Pinheiro está sendo construído às margens da MA- 106. O Parque será um divisor de águas na economia da Baixada, conforme o deputado Victor Mendes fez o projeto.

PE3 PE4

A luta agora é estimular empreendedores do Maranhão e do Brasil a se instalarem no Parque Empresarial de Pinheiro, onde terão a estrutura adequada para crescer e ajudar a promover o desenvolvimento econômico dessa importante região do Estado.

Em tempo: Neste final de semana, além de visitar as obras do Parque Empresarial em Pinheiro, o deputado Victor Mendes visita também Palmeirândia e Guimarães, que aniversariam nos dias 17 e 19, respectivamente, e Santa Helena.

 

Laércio Jr: Diferente por natureza

COMPARTILHE

guará

A TV Guará, canal 23, afiliada a Record News, será a nova casa do Radialista, Laércio Junior. O Pinheirense que esteve no Sistema Difusora de Comunicação até hoje (16), se despediu e mostrou gratidão aos diretores e coordenadores da emissora da Camboa. Locutor esportivo e apresentador do programa Difusora em debate na 680 AM com duração de 3h, Laércio Jr mostrou capacidade e compromisso ao comandar programas de gêneros diferentes. Com o sangue de radialista na veia, já que seu pai, o veterano Laércio Costa, também é radialista e um dos maiores narradores esportivos do Maranhão, Laércio Jr ainda comandou o programa Show de bola da TV difusora canal 4.

Com pouco mais de 30 anos, Laércio Jr tem experiência de sobra e isso lhe rendeu um convite para trabalhar na TV mais jovem da Ilha. Com uma carreira promissora, o Pinheirense sonha alto e busca sempre o melhor para seu futuro profissional. Conhecido como polêmico, Laércio ganhou seu espaço no rádio e na TV do Maranhão. O jovem começou sua carreira na rádio Educadora Am 560, ainda muito menino, mas já com responsabilidade e status de um grande repórter. Setorista do MAC, Junior se destacou e logo começou a narrar, e foi a revelação do ano 2000.

LA1 LA2 LA3

Apaixonado pelo rádio, Laércio ainda tentou continuar na 680 Am, mas as conversas não se concretizaram e narrador da geração 2000 teve que deixar a equipe de esportes da difusora. Ao se despedir hoje (16) a tarde de seus ouvintes, Laércio foi objetivo e disse: Gente, pra não ter que chorar, thau, thau.

Em sua rede social Facebook e também em seu blog, Laércio Jr escreveu algumas frases, mas sem deixar pistas para onde irá seguir. O portal foi atrás das informações e uma fonte contou toda essa história já escrita acima. Vejam agora o que Laércio Junior escreveu:

É HORA DE ENCARAR NOVOS DESAFIOS!

MOMENTOS MARCANTES, APRENDIZADO, REALIZAÇÃO PROFISSIONAL EM MUITOS MOMENTOS! ASSIM RESUMO MEUS ÚLTIMOS ANOS NA RÁDIO E TV DIFUSORA, UMA EXPERIÊNCIA INESQUECÍVEL, UM SONHO REALIZADO, TRABALHAR EM UMA DAS MAIS ANTIGAS E MAIORES EMISSORAS DESTE PAÍS PRA MIM NÃO TEM PREÇO QUE PAGA ESSA SATISFAÇÃO. NA RÁDIO ENTÃO NEM SE FALA, CONSOLIDAÇÃO DA MINHA CARREIRA COMO LOCUTOR ESPORTIVO, E UMA MISSÃO ENCARADA COMO GRANDE DESAFIO APRESENTAR UM PROGRAMA DE JORNALISMO COM 3 HORAS DE DURAÇÃO EM UM ESTADO REPLETO DE POLÊMICAS E OPINIÕES DIFERENTES, PRINCIPALMENTE QUANDO O ASSUNTO É POLÍTICA! 
O GOL INESQUECÍVEL DO PAULO SÉRGIO, EM FORTALEZA, O ÚLTIMO GOL DO KLÉBER PEREIRA COMO PROFISSIONAL, O VOO DE ULTRA LEVE POR SÃO LUIS, A POSSE DO NOVO GOVERNADOR, A TRANSMISSÃO DO CAMPEONATO MARANHENSE PELA TV.
UMA FRASE RESUME TUDO ISSO:
MUITO OBRIGADO SISTEMA DIFUSORA, VOU SEGUIR MEU CAMINHO GRATO E COM A CERTEZA DO DEVER CUMPRIDO!
É HORA DE NOVOS DESAFIOS!

O Portal joaofilho.com, coloca sua torcida em favor do jovem radialista, Laércio Junior!

 

 

 

Comunicação do Maranhão em crise?

COMPARTILHE

radio antigo e novo frequencia

A maré não está pra peixe na comunicação do Maranhão. Se em 2014 o jacaré passou o ano de barriga cheia, em 2015 não vai faltar comida. Só no início deste mês, vários profissionais foram demitidos de várias áreas da comunicação. Pras bandas da Camboa, o jacaré passou e devorou muita gente. O Sistema Difusora de Comunicação, comandado pela Radialista Paulinha Lobão, demitiu vários profissionais e vai fazer algumas mudanças na programação. Segundo informações repassadas ao Portal, já foram demitidas cerca de 100 pessoas na emissora.

Oficialmente, a Difusora não confirma o número de demissões e muito menos se está reduzindo o quadro de funcionários. Nesta sexta-feira (16), o diretor de jornalismo da emissora, Gilmar Corrêa, desabafou sobre a demissão de mais 20 funcionários do departamento de jornalismo. Além da Difusora, ano passado a MAIS FM e Mirante, demitiram vários profissionais. O sistema maranhense de comunicação também está em queda. Já a Educadora, aos poucos desaparece do cenário estadual.

Pelo Twitter, Gilmar chamou o dia de “Sexta-Feira treze”, por causa das baixas que vem acontecendo. “Dia triste hoje. Cerca de 20 pessoas do meu departamento recebem o cartão azul da demissão. Seria uma sexta 13?”, lamentou o diretor de jornalismo da Difusora .

gilmarcorreagilmarcorreagilmarcorrea

A situação financeira da empresa parece ser preocupante. Pena que a Difusora não é a única em fazer isso e muito menos vai ser a única. Nos bastidores comentam-se sobre a venda da empresa. O que eu acho muito difícil, já que hoje o sistema está muito bem presidido por Paulinha Lobão.

Com Informações do Blog do Clodoaldo Correa

 

Maranhão imuniza mais de 95% do rebanho

COMPARTILHE

GADO

O Maranhão atingiu o índice de 95,28% na cobertura vacinal contra a febre aftosa no rebanho maranhense, com a imunização de 7.243.538 bovinos e bubalinos. Os números referentes à segunda etapa de vacinação, ocorrida em novembro do ano passado, foram divulgados nesta sexta-feira (16) pela Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima).

Esta foi a primeira campanha realizada após o Maranhão ter sido certificado internacionalmente como zona livre de febre aftosa com vacinação. O presidente da Aged, Sebastião Anchieta, almeja uma participação ainda mais expressiva nas próximas etapas de imunização.

“Nesta campanha, apesar de termos tido que prorrogar o prazo para o criador vacinar seu animal conseguimos manter em um índice acima dos 95%. Esperamos contar com uma participação maior dos criadores para chegarmos a índices iguais ou próximos a 100%”, declarou.

O Maranhão foi certificado como zona livre de febre aftosa com vacinação pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), em maio de 2014. Com a nova classificação sanitária, o setor pecuário vem sentindo os reflexos positivos como a valorização da arroba do boi, o aumento da comercialização de gado vivo e abatido, além de investimentos de grandes empreendimentos frigoríficos.