casa » Arquivos do Altor: João Filho (página 19)

Arquivos do Altor: João Filho

Prefeito de Alcântara adere ao programa Cheque Cesta Básica-Gestante

COMPARTILHE

A prefeitura de Alcântara, através da Secretaria Municipal de Saúde, aderiu ao programa Cheque Cesta Básica – Gestante, lançado através de um decreto do governador Flávio Dino, na posse de seu segundo mandato. A proposta busca incentivar a procura pela assistência pré-natal por mulheres grávidas de baixa renda no Maranhão e reduzir as mortes materno-infantis no estado. A adesão foi assinada pelo prefeito Anderson Wilker (PCdoB).

Com a adesão ao Programa, o prefeito Anderson Wilker vai ampliar a política de saúde, o acesso aos serviços de saúde no município e acompanhamento do pré-natal para garantir a saúde de mãe e bebê, detectando precocemente patologias maternas e fetais, que podem interferir no bom andamento da gravidez e do pós-parto.

A adesão é uma etapa obrigatória para que as gestantes do município possam ter acesso ao benefício, uma vez que caberá ao município de Alcântara cadastrar a gestante no Sistema Mãe Maranhense, mantendo a alimentação, atualização e envio regular e consistente de informações conforme os critérios técnicos estabelecidos em portaria.

SAIBA COMO FUNCIONA O CHEQUE CESTA BÁSICA-GESTANTE

– O Cheque Cesta Básica – Gestante será pago diretamente à gestante em até nove parcelas de R$ 100, sendo até seis parcelas durante a gravidez e as demais nos primeiros meses de vida da criança, e deverá ser utilizado, exclusivamente, na aquisição de alimentos.

– A comprovação da renda familiar deverá ser feita mediante o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), administrado pelo Governo Federal.

– Para ingressar no programa, a gestante deve procurar a rede pública de saúde de Alcântara até a 12ª semana de gestação, estar cadastrada no município e possuir renda familiar mensal que não ultrapasse um salário mínimo. O cadastro será realizado pelo Município na primeira consulta pré-natal.

Prefeitura de Alcântara adere aos programas Criança Feliz e Prefeito Amigo da Pessoa Idosa

COMPARTILHE

O prefeito Anderson Wilker (PCdoB), assinou os termos de adesão aos programas federais Criança Feliz e Prefeito Amigo da Pessoa Idosa. A Prefeitura Municipal de Alcântara, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, vai implantar o programa “Criança Feliz”, do Governo Federal e visa envolver ações de saúde, educação, assistência social, cultura e direitos humanos. Termo de adesão ao Programa Criança Feliz foi criado através da Portaria 17, de 22 de agosto de 2018.

O objetivo do projeto é promover o desenvolvimento humano a partir do apoio e acompanhamento do desenvolvimento infantil integral na primeira infância por meio de visitas periódicas de profissionais de saúde e da vara da infância. O município foi contemplado com mais 150 metas do Programa Criança Feliz que atenderá áreas da zona rural com visitações domiciliares que tratam sobre os direitos de crianças, e atividades relacionadas ao desenvolvimento infantil 0 a 3 anos (beneficiários do Bolsa Família) até 06 anos (Crianças com deficiência) e gestantes.

O projeto é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) e foi lançado em outubro de 2016. Já a lista das famílias beneficiárias do bolsa família que receberão as visitas serão fornecida previamente pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS).

Segundo a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Maria do Nascimento Pinho, até meados do mês de de abril deste ano, o município de Alcântara estará emitindo carteira de trabalho (o setor ficará na Secretaria Municipal de Desenvolvimento).

PROGRAMA NACIONAL PREFEITO AMIGO DA PESSOA IDOSA

Para ampliar as ações de serviços assistenciais, o prefeito Anderson Wilker assinou o termo de adesão ao Programa Nacional Prefeito Amigo da Pessoa Idosa. O Programa consiste em buscar estratégias para o atendimento e garantia dos direitos da Pessoa Idosa em seu município. Com o objetivo de conscientizar a população idosa vulnerável e gerir o envelhecimento saudável dos alcantarenses, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social promoverá diversos eventos e discussões sobre a qualidade de vida deste público. O decreto que cria à Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa é o nº 9.328 de 03 de abril de 2018.

Todas as adesões dos Programas Federais tiveram anuência do Conselho Municipal da Assistência Social de Alcântara-MA.

Campeonato Feminino de Futebol começa com chuva de gols em Alcântara-MA

COMPARTILHE

Uma competição inédita no futebol alcantarense. O primeiro Campeonato Feminino de Futebol realizado pela Prefeitura de Alcântara, através da Secretaria Municipal de Esporte e Juventude, conta com oito equipes. Para que essa competição fosse realizada, o prefeito Anderson Wilker, principal incentivador do esporte local, entregou aos 8 clubes participantes, 88 pares de chuteiras.

Na abertura do Campeonato Feminino na tarde deste domingo (31), no estádio municipal Facurão, uma chuva de gols fez a alegria do grande público que compareceu e lotou as arquibancadas. Na preliminar um empate entre Manival 0 a 0 Marudá. Já na partida principal, Oitiua não tomou conhecimento do time do Rio Grande e goleou por 10 a 0.

As artilheiras da rodada foram as jogadoras de Oitiua, Katiane e Nayara que marcaram 4 gols cada contra Rio Grande. No próximo final de semana (domingo-07), o campeonato vai prosseguir no estádio Facurão.  As 14h, Perú x Peri-Açu e às 16h, Alcântara x Itamatatiua.

Solicitada pela vereadora Fátima Araújo, Carreta da Mulher realiza centenas de atendimentos no bairro João de Deus

COMPARTILHE

Conhecedora das dificuldades encontradas pelos moradores das comunidades carentes que fazem parte do Complexo de bairros do João de Deus, a vereadora Fátima Araújo solicitou ao governador Flávio Dino, através de indicação, o serviço de itinerância da Carreta da Mulher Maranhense do Governo do Maranhão.

Durante três dias (quinta, sexta e sábado), mulheres do bairro do João de Deus e região foram atendidas de forma integrada na unidade da Carreta da Mulher Maranhense e Mamógrafo Móvel, na Praça do João de Deus, em frente à Unidade Integrada Maria José Vaz, no bairro João de Deus, em São Luís. Foram centenas de atendimentos, facilitado a vida de moradores da região.

A ação foi uma realização das Secretarias de Estado da Saúde (SES) e da Mulher (SEMU) em parceria com o Gabinete da vereadora Fátima Araújo e Cruz Vermelha Brasileira e ofertou exames de mamografia e preventivo, além de testes rápidos de HIV, Sífilis e Hepatite. A iniciativa faz parte da programação do Março Lilás, campanha dedicada a conscientizar e combater o câncer de colo de útero.

A vereadora Fátima Araújo preocupada com as moradoras da região do bairro João de Deus, abraçou as atividades da campanha Março Lilás que visam cuidar das mulheres maranhenses. Foram oferecidos 30 exames de mamografia e 120 preventivos por cada dia de ação. A entrega dos resultados será efetuada em 30 dias, no Centro de Especialidades Médicas (CEM) no bairro Cidade Operária.

O médico obstetra da Maternidade Benedito Leite, Felipe Bryaon, alerta para prevenção do câncer do colo do útero. “A mulher pode desenvolver o câncer de colo do útero se tiver relações sexuais desprotegidas. O único método que previne o contato com este microorganismo é o preservativo. Sexo seguro é sexo com camisinha. Existem métodos hormonais que evitam a gravidez, mas eles não impedem a infecção do vírus HPV”, orientou.

Para a vereadora Fátima Araújo, a Ação Social ajudou muitas pessoas, principalmente as mulheres que precisavam fazer o preventivo. “Primeiramente quero agradecer a Deus pela oportunidade está labuta diária, ao povo da região do João de Deus que me elegeu vereadora de São Luís e ao governo do Estado, Secretaria da Mulher, Secretaria de Saúde, Procon Móvel e Cruz Vermelha Brasileira por atender nossa solicitação desta grande ação aqui no bairro. Foi uma ação importante e de grande relevância para nosso povo, que muitas vezes não tem sequer o dinheiro da passagem para ir em busca de um exame e com a Carreta da Mulher isso foi possível. Foi uma ação gigantesca e centenas de pessoas foram atendidas nos mais diversos seguimentos.

Uma das beneficiadas com a Ação da Carreta da Mulher Maranhense no bairro João de Deus, destacou a importância.  “Consulto todos os anos com o médico ginecologista e faço o exame preventivo. Acho importante a gente se cuidar. Com a carreta o acesso é mais fácil e rápido”, disse a costureira Elenilce Santos de França.

A moradora do bairro João de Deus, Lemilda Oliveira Mendes, participou da roda de conversa sobre prevenção de câncer do colo do útero e de mama e destacou a importância de ações educativas como essa. “Gostei muito desse momento. Aqui a gente recebe a informação e tira dúvidas”, comentou a moradora beneficiada.

Parceria entre Prefeitura e IFMA cria projeto de sinalização turística de Alcântara-MA

COMPARTILHE

Uma parceria entre o Instituto Federal de Ciências e Tecnologia do Maranhão (IFMA) e a Prefeitura de Alcântara, através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, foi possível a elaboração do projeto de sinalização dos pontos turísticos do município de Alcântara, localizado na Região Metropolitana da Grande São Luís.

O prefeito Anderson Wilker (PCdoB) recebeu o projeto detalhado com toda a sinalização turística elaborado pelo IFMA e vai colocar em prática todos os itens, facilitando ainda mais a vida do turista, que visita a Cidade Histórica, principalmente aqueles que moram no estado e quase não precisam de guias para passear na cidade.

O projeto contém placas indicativas de pontos turísticos do município e informações sobre órgãos públicos de prestação de serviços à população, além de bares, restaurantes e pousadas da cidade.Como a vocação de Alcântara é diretamente ligada ao turismo, essa sinalização vai contribuir para o desenvolvimento do setor no município, o que aumentará faturamento e consequentemente vai gerar oportunidades aos empreendedores locais.

Através da parceria entre Prefeitura de Alcântara e IFMA, o município já conta com o Inventário Turístico, agora com o Projeto de Sinalização e a partir de agora será efetivado o conselho e logo em seguida será criado o Plano Municipal de Turismo para Alcântara.

Prefeito Anderson Wilker cria Semana do Bebê em Alcântara-MA

COMPARTILHE

O prefeito de Alcântara, Anderson Wilker (PCdoB), assinou no último dia 27 de março, o decreto Nº004 de 13 de março de 2019, que cria a Semana do Bebê no município de Alcântara, na Região Metropolitana da Grande São Luís. De acordo com o decreto, a Semana do Bebê será realizada todos os anos na segunda semana do mês de maio.

O objetivo da Semana do Bebê é tornar o direito à sobrevivência e ao desenvolvimento de crianças até 6 anos de idade como prioridade.Considerando que a Semana do Bebê é uma estratégia de mobilização social apoiada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

 

Na ocasião da assinatura do decreto estiveram presentes as secretárias Maria do Nascimento Pinho (Desenvolvimento Social), Rowsyklea Araújo (Educação), Maria Novaes (Saúde), a presidenta do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Rosilene Borges, o coordenador do Conselho Tutelar Jedivan Coelho, a secretária de Cultura e Turismo, Marcelina Serrão e o coordenador do selo UNICEF em Alcântara, Alim Ferreira.

Prefeitura de Bequimão adere ao Programa Cheque Cesta Básica – Gestante

COMPARTILHE

A prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Saúde, aderiu ao Programa Cheque Cesta Básica – Gestante, lançado através de um decreto pelo governador Flávio Dino, na posse de seu segundo mandato. A proposta busca incentivar a procura pela assistência pré-natal por mulheres grávidas de baixa renda no Maranhão e reduzir as mortes materno-infantis no estado. A adesão foi assinada pelo prefeito Zé Martins.

 

Com a adesão ao Programa, o prefeito Zé Martins visa ampliar a política de saúde, ampliando o acesso aos serviços de saúde no município e acompanhamento do pré-natal para garantir a saúde de mãe e bebê, detectando precocemente patologias maternas e fetais, que podem interferir no bom andamento da gravidez e do pós-parto.

A adesão é uma etapa obrigatória para que as gestantes do município possam ter acesso ao benefício, uma vez que caberá ao município de Bequimão cadastrar a gestante no Sistema Mãe Maranhense, mantendo a alimentação, atualização e envio regular e consistente de informações conforme os critérios técnicos estabelecidos em portaria.

Para o secretário de saúde de Bequimão, Sidney Bouéres, a adesão será mais um avanço na gestão de saúde do município de Bequimão. “Programas assistencialistas como esses são de extrema importância para a população mais carente de nosso município, não poderíamos ficar de fora, contamos sempre com a sensibilidade dos gestores para que de fato tenhamos avanços”, destacou o secretário.

SAIBA COMO FUNCIONA O CHEQUE CESTA BÁSICA-GESTANTE

– O Cheque Cesta Básica – Gestante será pago diretamente à gestante em até nove parcelas de R$ 100, sendo até seis parcelas durante a gravidez e as demais nos primeiros meses de vida da criança, e deverá ser utilizado, exclusivamente, na aquisição de alimentos.

– A comprovação da renda familiar deverá ser feita mediante o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), administrado pelo Governo Federal.

– Para ingressar no programa, a gestante deve procurar a rede pública de saúde até a 12ª semana de gestação, estar cadastrada no município em que mora e possuir renda familiar mensal que não ultrapasse um salário mínimo. O cadastro será realizado pelo Município na primeira consulta pré-natal.

Prefeitura de Alcântara realiza Mesa de Debates sobre violência contra a mulher

COMPARTILHE

Na luta no combate a violência contra mulheres, a Prefeitura de Alcântara, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, da Mulher e de Igualdade Racial, realizou nesta quinta feira ( 28), no auditório do IFMA, uma mesa de debates envolvendo a equipe do CREAS (Centro de Referência Especializado da Assistência Social), a advogada Ana Lyns Campos Brito Lobato, a psicóloga, Sônia Maria de Sousa, a assistente social, Lucimeire Pereira de Oliveira, a diretora do Departamento da Mulher, Irenilde Alves Silva e a secretária de Desenvolvimento Social, Maria do Nascimento França Pinho. O evento foi em alusão ao Dia Internacional da Mulher.

Os temas em debate foram Feminicídio, Lei Maria da Penha e combate a violência contra Mulher, o evento reuniu aproximadamente 220 pessoas, entre elas, professores e diretores da escolas públicas, usuários do CRAS, CREAS, PCF (Programa Criança Feliz), Serviço de Convivência, profissionais da saúde, representantes do IBRAM, IPHAN, IFMA, os vereadores Luís Fernando (Nhô Ré) e Haroldo Júnior, além das Igrejas Evangélicas (Betel, Peniel, Presbiteriana e Batista Nacional).

Também estiveram presentes Dulciane Amorim (representando a secretaria de saúde), Dediolene Cantanhede (representando a secretaria de educação) e  Marcelina Serrão Silva (secretária de Cultura e Turismo).Como forma de coroar o debate,o evento teve a participação da atriz revelação do Festival de Teatro em 2018, a jovem estudante, natural do quilombo de Peru, Ana Raquel e o estudante do Ensino Médio, João Gabriel.

Para a secretária de Desenvolvimento Social, Maria do Nascimento, eventos desses enriquecem o debate e colocam em pauta temas importantes sobre a violência contra mulheres. “O debate foi oportuno e essencial tendo vista a necessidade das mulheres alcantarenses se apropriarem desses temas que afetam o país. Só no município de Alcântara tem dezenas de casos sobre ocorrência de violência contra mulher. Um feminicídio recente no povoado Tubarão e há 1 ano e 4 meses tivemos o desaparecimento de Alexandrina Garcia. As mulheres de Alcântara precisavam desse espaço para refletir sobre o seu papel, sua importância e seus direitos na sociedade alcantarense”, destacou a secretária.

SAIBA COMO ESTÁ A VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER NO BRASIL

Segundo pesquisas divulgadas em 2018, o Brasil registrou 13 mulheres assassinadas por dia, quase 5 mil sentenças e casa da vítima como local mais perigoso, onde os crimes mais acontecem. Em 2016, 4.645 mulheres foram assassinadas no país, o que representa uma taxa de 4,5 homicídios para cada 100 mil brasileiras, um aumento de 6,4% no período de dez anos. 13 mulheres são mortas violentamente no Brasil por dia. Fonte: Atlas da Violência 2018.

Os tribunais de justiça de todo o país movimentaram 13.825 casos de feminicídio em 2017: 3.039 processos foram baixados, restando pendentes ao final do ano 10.786 processos. Foram contabilizadas 4.829 sentenças proferidas em casos de feminicídio. Foram 4.829 sentenças por feminicídio em 2017. Fonte: Poder Judiciário.

Levantamento do Ministério Público do Estado de São Paulo revelou que a maioria dos assassinatos de mulheres acontece dentro do ambiente familiar e também durante a semana, de segunda a sexta-feira (68%). Segundo o MP-SP, 66% dos feminicídios acontecem na casa da vítima. Fonte: Raio X do Feminicídio.

O evento iniciou às 15h30 e encerrou às 17h, com um aulão de zumba, comandado pela facilitadora de dança do Serviço de Convivência, Giozyane Brito. No final do evento na quadra Poliesportiva do IFMA, os organizadores realizaram distribuição de lanches e sorteio de vários brindes para as pessoas presentes.

Fotos: Reprodução

Vereadora Fátima Araújo solicita regularização fundiária para bairros de São Luís-MA

COMPARTILHE

Pensando na melhoria da qualidade de vida dos moradores de São Luís, a vereadora Fátima Araújo (PCdoB) protocolou uma indicação junto a Mesa Diretora da Câmara Municipal solicitando que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cidades e Desenvolvimento Urbano, faça a regularização fundiária dos bairros Vila Industrial, Vila Primavera e Vila Sarney, na Zona Rural da capital.

O processo de regularização fundiária permite que os moradores recebam o título de propriedade da residência.

Segundo a vereadora, a regularização vai trazer mais segurança à população dos bairros, permitindo que eles sejam donos da sua própria terra.

“As vezes os moradores querem investir nos terrenos com um negócio ou com a própria ampliação da casa, mas não podem porque não tem a segurança que o espaço é deles. A zona rural é importante para economia da nossa cidade. A regularização vai permitir que a população invista na agricultura familiar, fazendo que eles tenham uma renda para sustentar suas famílias,” disse.

A proposta de Fátima Araújo foi colocada em pauta e votada pelos parlamentares. Agora, a indicação será enviada ao Governo do Estado, que vai fazer estudos técnicos para regularizar a situação fundiária dos moradores.

Vereadora Fátima Araújo, visita comunidades e entrega cestas básicas às famílias desabrigadas

COMPARTILHE

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), visitou na manhã desta terça-feira (26), comunidades que sofrem com as fortes chuvas e alagamentos na capital maranhense. Durante visita a Pequena Guerreira entregou cestas básicas para os moradores da Vila Socó localizada na Vila Conceição/João de Deus e Rua 15 de novembro no bairro João de Deus, vítimas das fortes chuvas.

Na Vila Socó a vereadora entregou cerca de 15 cestas básicas e na rua 15 de novembro no bairro João de Deus, foram aproximadamente 10 cestas distribuídas. As cestas só foram entregues somente para moradores que estão em situação crítica devido às fortes chuvas, tanto na Vila Socó, quanto na rua 15 de novembro, no João de Deus.

Para a vereadora Fátima Araújo, o momento é de muito trabalho e acima de tudo, de olhar para quem mais precisa. “Percorri várias comunidades nesta terça-feira, senti na pele o sofrimento das famílias que estão desabrigadas. No Residencial João Alberto, não tive condições de atravessar a ponte de madeira, por isso somente esvaziar o riacho. Vou reconstruir a ponte e dar mais dignidade aos moradores daquela comunidade”, destacou Fátima Araújo.