casa » POLÍCIA (página 3)

POLÍCIA

Radialista Ismael Filho teve sua casa invadida por 5 bandidos

COMPARTILHE

O radialista e apresentador do programa Esporte Geral na RedTV, Ismael Filho, teve sua casa (uma chácara) invadida por 5 marginais na tarde desta segunda feira (12), por volta das 16h, localizada no sítio do Físico, em São Luís.

Segundo o radialista, os bandidos (4 homens e uma mulher), entraram na casa e renderam o caseiro, levando equipamentos de trabalho, como filmadoras, além de uma TV de 50 polegadas. De acordo com informações do próprio Ismael Filho, esta é terceira vez que ladrões invadem sua casa e levam equipamentos de trabalho.

Segundo Ismael, os bandidos invadiram primeiro a casa do vizinho, que tinha a chave da chácara e obrigaram ele abrir a casa do radialista, onde estavam os pertences de trabalho.

O vizinho de Ismael foi amarrado e deixado dentro da casa. Como a residência fica localizada em uma área de reserva ambiental, os bandidos fugiram levando os objetos roubados nas mãos, rumo ao bairro Primavera.

Alguns objetos pequenos foram deixados no meio do mato pelos bandidos e recuperados pela polícia, mas os de maior valor foram levados. Até o momento desta matéria, ninguém ainda havia sido preso.

PM prende plantadores de Maconha no povoado Tubarão-Alcântara

COMPARTILHE

Uma operação da força conjunta da Policia Militar do 10º BPM das cidades de Alcântara, Bequimão e Pinheiro, desbaratou um plantio de maconha no povoado Tubarão na Ilha de Tomázio em Alcântara na tarde desta quarta-feira (07).

Após alguns meses de investigações, o serviço de Inteligência do 10º BPM, chegou à conclusão que no povoado Tubarão do município de Alcântara, teria uma plantação de maconha sendo vigiada por indivíduos de aparência estranha, que se intitulavam como Pernambucanos, os quais estavam constantemente efetuando disparos de Arma de Fogo, e impedindo a aproximação dos moradores a uma determinada área.

mac7mac5

Foi constatado também que desde dezembro de 2015, uma estranha movimentação de pessoas e veículos se dava na mesma região, na maioria eram usuários de drogas.

Após conhecimento do Tenente Coronel Osmar Comandante do 10º BPM sobre tal situação, foi autorizada a deflagração de uma operação na região. Durante a madrugada foram feitas abordagens pelo Força Tática (FT) e as Equipes de Bequimão e Alcântara a duas residências onde os supostos “Pernambucanos” poderiam estar escondidos.

mac2 mac6

Em uma das residências foram encontrados os dois suspeitos identificados como, Jorge Henrique da Silva Sampaio, 36 anos, natural de Acará – PA e Felipe Reis dos Santos, 18 anos, natural de Sobradinho – BA. A PM também encontrou na residência armamento e uma certa quantidade de droga pronta para a venda.

mac1 mac2

As equipes do GOE então fizeram a incursão até a área situada, fazendo o cerco em volta da ilha e após abordagem a residência situada na ilha, foi encontrada uma área onde estava ocorrendo o cultivo de pés de maconha, contendo poço artesiano, 310 pés de maconha já plantados e um murtá usado para a vigilância da plantação.

mac3 mac4

Os dois conduzidos confirmaram que eram os responsáveis pela roça e por todo material encontrado incluindo a plantação. Os conduzidos e todo material apreendido foi apresentado na Delegacia de Alcântara.

MATERIAIS APREENDIDOS: 01 quantidade média de 1,5kg de Maconha verde, 310 pés de Maconha, uma sacola de sementes de Maconha, 02 cartucheiras, 01 revolver “32 Taurus com 04 munições intactas com numeração suprimida, 01 motocicleta tipo Titan Azul, 01 borrifador de água e 01 DVD player.

Participaram da operação: GOE 01, GOE 02, FT, GSA, Guarnições de Alcântara e Bequimão.

 

POR Vandoval Rodrigues

 

Idosa é estuprada dentro de casa em Bequimão-Ma

COMPARTILHE

Uma idosa identificada por Maria José da Silva, de 79 anos, conhecida na cidade como Dona Maria, viúva de seu Pereira, foi estuprada por um suspeito conhecido na cidade de Bequimão por “Pendão”, que segundo populares, seria filho de um homem conhecido por Mário e neto de seu Newton Boas, do bairro Cidade Nova. Até agora o suspeito não foi preso, mas a polícia continua investigando para confirmar se realmente seria o verdadeiro acusado. Segundo familiares da vitima, o acusado teria ameaçado dona Maria com uma faca.

Segundo informações de populares, o homem teria invadido a residência de dona Maria na noite deste sábado (3) para cometer um furto, mas acabou agredindo a idosa e a estuprando. De acordo com informações repassadas ao Portal, a vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital Lídia Martins, onde se encontra internada.

A vítima mora no centro da cidade. O caso aconteceu por volta das 23h deste sábado (3), e foi registrado o Boletim de Ocorrência (B.O) na manhã deste domingo por volta das 9h, através de seu filho Genivaldo Ribamar da Silva. O acusado está sendo procurado pela Guarnição do 10º BPM da 4ª CIA composta pelos Soldados Stênio e Hugo Nunes, e caso seja preso, será enquadrado na lei Maria da Penha.

SEGURANÇA ABANDONADA

A população de Bequimão está chocada com maldade cometida a uma idosa. O município de Bequimão está esquecido pelo governador do Estado em quase todos os itens, mas no quesito segurança é uma negação, onde assaltos acontecem todos os dias. Os poucos policiais que tem em Bequimão se encontram de mãos atadas sem condições para trabalhar. Quando a viatura funciona, não tem gasolina. Quando tem gasolina, a viatura esta com problemas mecânicos. Assim não dá Flávio Dino!

 

Comerciante é baleado durante assalto no município de Bequimão

COMPARTILHE

A violência não cessa em nenhum lugar do mundo. A cada dia que passa, a situação fica cada vez mais complicada. Como diz o velho provérbio: “Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come”. Essa é a mais pura verdade nos últimos anos no Brasil, e o Maranhão não poderia ficar de fora dessa estatística negativa que atormenta os maranhenses. Bequimão que um dia já foi chamada de cidade pacata, hoje não respira a mesma tranquilidade de antigamente.

Na manhã desta sexta feira (18), um comerciante identificado por Zé Reinaldo, que havia saído da comunidade Calhau, onde mora, na zona rural de Bequimão para fazer um pagamento na sede do município, acabou sendo abordado por dois ladrões no povoado Floresta, e foi baleado com dois tiros na barriga.

De acordo com informações de populares, Zé Reinaldo levava uma quantia de R$ 7.000,00 (sete mil reais) para pagar o Projeto Cred Amigo, do Banco do Nordeste. O comerciante foi socorrido por populares que chamaram a ambulância do Hospital Lídia Martins para prestar os primeiros socorros. Zé Reinaldo foi levado para o Hospital de Bequimão, de onde foi transferido para o Hospital Regional em Pinheiro, onde foi operado, e está fora de perigo.

O assalto aconteceu por volta das 6h da manhã, à cerca de 200 metros da entrada da comunidade Floresta. Pelas informações obtidas pelo Portal, Zé Reinaldo tentou reagir e acabou sendo baleado. Segundo populares, os ladrões fugiram em uma moto em direção ao povoado Barroso, que fica as margens da MA-106. A polícia agora vai investigar se houve a famosa “Entrega do amigo da Onça”.

VIOLÊNCIA SEM CONTROLE EM BEQUIMÃO

Nos últimos meses a região norte do município de Bequimão, que engloba as comunidades Balandro, Santa Vitória, Barroso, Floresta, Santana, Centrinho, Beirada, Juraraitá, Carrapicho, Suassuí, Iribuí, Itaputíua, Calhau e Ponta do Soares, vem sofrendo com a onda de assaltos. As vítimas quase sempre são comerciantes, ou até mesmo aposentados. O número de vítimas é cada vez maior. Com a violência desenfreada na região, a população já desconfia até da roupa que veste. Os moradores já têm até medo de sair de suas casas. Na última sexta feira (11), a vereadora França foi assaltada dentro de sua residência, na comunidade Pontal.

DAQUI A POUCO MAIS INFORMAÇÕES ATUALIZADAS…

Governo entrega mais 75 viaturas e chega a 423 novos veículos policiais em 2016

COMPARTILHE

Garantir a segurança pública, combatendo fortemente o tráfico de drogas, a pistolagem e as quadrilhas que cometem crimes violentos tem sido a tônica do Governo do Estado. Para isso, o governador entregou mais 75 viaturas novas para as Policias Civil e Militar na tarde desta quinta-feira (10), em solenidade na Praça Maria Aração. Ao todo, já foram entregues 423 novos veículos, só nos últimos 12 meses, para reforçar a segurança no Maranhão.

viat3 viat4

Este é um número recorde na história do Maranhão, o que impacta diretamente na ampliação da eficácia do sistema de segurança do estado. “É um investimento bastante expressivo neste momento de crise, mostrando que nós acreditamos no trabalho das polícias, que é fundamental para a nossa comunidade. Hoje estamos entregando 75 viaturas, parte para polícia civil e parte para a militar e anuncio aos maranhenses que teremos agora, no começo de 2017, a incorporação de mais mil policias militares, cumprindo nosso compromisso de a todos os anos ampliar os recursos humanos e os recursos materiais das forças policiais”, informou o governador Flávio Dino.

As novas viaturas representam mais uma etapa do processo de modernização da infraestrutura do Sistema de Segurança Pública do Maranhão no âmbito do programa ‘Pacto Pela Paz’. Os veículos do tipo pick up (modelos L200 e TrailBlazer) são adaptados com cela de isolamento e rádios comunicadores para reforças as instituições de segurança no enfrentamento à violência em todo território maranhense. Dos 75 veículos, 30 serão destinadas à Polícia Civil e 45 à Polícia Militar, atendendo setores como a ROTAM, COE e o batalhão de choque.

viat1 viat2

São Luís receberá 20 viaturas para a Policia Militar (a serem usadas pelos batalhões, além do Choque, COE, ROTAM, COSAR e as USCs) e oito para a polícia civil. O prefeito Edivaldo Holanda Junior esteve presente na cerimônia de entrega dos veículos e assegura que os benefícios, somadas a outras ações, virão para a população da capital, que ficará mais segura.

“Quero cumprimentar o governador Flávio Dino, que muito tem feito em prol da segurança pública da nossa cidade, com um trabalho que será realizado de forma mais intensa a partir da chegada dessas novas viaturas. A Prefeitura de São Luís também tem feito a sua parte, a partir de ações como a melhoria da iluminação pública e da infraestrutura dos bairros, possibilitando que as viaturas cheguem a ainda mais áreas, além de termos investido no combate às drogas e na geração de emprego e renda”, destacou o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior.

Já para o interior do estado, serão deslocadas 25 viaturas para a PM e 22 para a polícia civil, reforçando o combate à criminalidade das diferentes cidades do Maranhão. O superintendente da Policia Civil no interior, delegado Dicival Gonçalves, explica que as viaturas estão equipadas para melhorar a atuação das policias, garantindo agilidade e tecnologia de ponta. “Nós agradecemos ao Governo do Estado, que está encaminhando para a superintendência do interior 22 viaturas, que farão deslocamento de presos em 18 delegacias espalhada pelo Maranhão. O que vai otimizar os serviços da polícia judiciária, que é a polícia civil, a que investigativa, somando-se à polícia militar para combater a criminalidade no interior do estado, chegando com carros potentes, que entram em qualquer local de obstáculos”, explicou o delegado.

VIATURAS AJUDAM NA DIMINUIÇÃO DE CRIMES

A entrega de mais de 400 viaturas, o investimento em armamento e na valorização policial são fatores que estão contribuindo para a diminuição no número de homicídios no Maranhão em 2016, sobretudo em São Luís. De janeiro a setembro deste ano, o número de crimes letais contra a vida em todo o Estado foi 20% menor que o do mesmo período de 2014. A principal redução ocorreu na cidade de São Luís, onde o número total de crimes violentos letais caiu de 521 em 2014 para 411 este ano.

As lesões seguidas de morte tiveram queda de 71% no acumulado de janeiro a setembro deste ano. Os casos de estupro também seguem trajetória descendente importante. Em setembro, houve 30% menos casos na Região Metropolitana de São Luís. Ao longo deste ano, a queda foi ainda mais significativa: 40% menos casos na comparação com o mesmo período de 2014.

Sente a população, mas sente também os profissionais que atuam diariamente no combate à criminalidade. O soldado da PM, Trindade, acredita que as novas viaturas deverão melhorar os serviços prestados e os policias vão, ainda, ficar mais próximo da comunidade. “Com as viaturas se torna mais fácil a agilidade, terão também mais policiais nas ruas, muitos podem até sair do administrativo para ir às ruas devido a quantidade, e a nos tornaremos mais presentes. Onde não tinha viatura, agora vai ter. Vai melhorar em muito”, opinou o policial.

 

Queima de carros voltam a ocorrer na Capital Maranhense

COMPARTILHE

Mas um veículo foi incendiado em São Luís, nesta terça feira (11). O registro foi feito na Avenida Principal, Vila Cristalina, bairro Ipase, por trás do Shopping da Ilha. O caso acabou assustando frequentadores do shopping e moradores da área.

Com mais esse registro, aumenta o número de veículos atacados pela ação de criminosos, além dos ônibus, escolas públicas e veículos de serviços públicos agora o alvo dos bandidos são carros de empresas privadas que já começam a contabilizar os prejuízos.

bom-incendio-carro-cemar-02 bom-incendio-carro-cemar-03

O fato aconteceu por volta das 11:40h, onde supostos integrantes de uma facção criminosa atearam fogo em um veículo da Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), VP-16-059 que estava em deslocamento. O corpo de Bombeiros foi acionado, mas não teve condições de evitar que o carro fosse consumido pelo fogo causando perda total.

O interessante em tudo isso, é que o governador do Maranhão Flávio Dino prega uma tranquilidade na cidade, enquanto a Ilha pega fogo. Lembrado que saíram de reduto nesta terça feira, mais de 400 almas sebosas para infernizar a cidade.

BLOG DO OSVALDO MAYA

Fotos mostram que Presídio de Pedrinhas transformou-se numa “Panela de Pressão”

COMPARTILHE

As imagens abaixo e o texto feito pela BBC Brasil, mostram que a festa feita pelos “Leões” em comemoração ao controle de Pedrinhas, não tem veracidade alguma, adjetivo que não faz parte do vocábulo dos Leões. Vinte e quatro detentos se amontoam numa cela projetada para abrigar apenas quatro, onde dormem sobre o concreto, sem colchões nem travesseiros. Em outra cela, 22 homens passam dia e noite trancados num espaço escuro, úmido e sem ventilação – alguns usam as próprias camisas para enxugar vazamentos que inundam o piso.

Retratadas em fotos obtidas com exclusividade pela BBC Brasil, as cenas expõem a precariedade em partes da penitenciária de Pedrinhas, em São Luís, em meio a uma nova onda de violência no Maranhão, dois anos e meio após a unidade se tornar notícia mundo afora por um vídeo que mostrava presos decapitados.

pedra1 pedra2

Desde o fim de setembro, dois detentos foram encontrados mortos dentro de Pedrinhas, o que eleva para ao menos 79 o total de óbitos registrados na unidade desde 2013, segundo ONGs que monitoram a prisão. As seis fotos recebidas pela BBC Brasil, cujos autores pediram anonimato, foram tiradas em três edifícios do complexo penitenciário, o maior do Maranhão.

Hoje chefiado por Flávio Dino, do PCdoB, o governo maranhense não contestou a veracidade das imagens, mas disse que “problemas estruturais históricos” das prisões locais vêm sendo sanados e que na atual gestão o número de mortes em Pedrinhas despencou.

A BBC Brasil mostrou as fotos a duas organizações que acompanham a situação no presídio – a Sociedade Maranhense de Direitos Humanos e a Conectas –, que visitaram os mesmos locais no fim de setembro e disseram ter presenciado condições semelhantes.

DENÚNCIA GRAVE

Uma das cenas mais insalubres retratadas é a de uma cela de “castigo” do presídio. Segundo advogados das duas ONGs, nessas celas – destinadas a presos que cometem infrações dentro da prisão – muitos detentos dizem passar dias sem conseguir dormir por causa do calor e da umidade. Os rostos dos presos foram borrados nas fotos para proteger suas identidades.

pedra1 pedra3

“Submeter detentos a essas condições equivale a submetê-los à tortura”, diz o advogado Rafael Custódio, da Conectas.

Ele diz que a ONG estuda apresentar uma denúncia formal contra o Brasil na Corte Interamericana de Direitos Humanos, na Costa Rica, por causa “das permanentes violações de direitos humanos” no presídio e da lentidão das autoridades em tomar providências, mesmo após cobranças do próprio tribunal e de outros organismos internacionais.

Outra foto, tirada numa cela de triagem da prisão, mostra como 24 detentos dividem o espaço à noite. Alguns precisam abrir as pernas ou dobrá-las para que outros possam se esticar. No fundo da cela, um detento se deita junto ao buraco que serve de latrina.

Uma norma da penitenciária diz que as celas de triagem deveriam abrigar detentos recém-chegados a Pedrinhas por no máximo dez dias, até que sejam transferidos para celas comuns.

Mas Rafael Custódio, da Conectas, afirma que a regra não é cumprida e que alguns presos lhe disseram ter passado mais de um mês na triagem.

No dia 23 de setembro, o detento Sidney Frazão, de 31 anos, foi achado morto numa cela de triagem de Pedrinhas, e em 3 de outubro Wanderson Soares Ferreira, de 26, foi morto em outra ala do presídio.

O governo maranhense diz que os casos estão sendo investigados.

SEM UNIFORMES

Outras duas fotos mostram detentos de cuecas em celas comuns. Segundo Diogo Cabral, advogado da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos, muitos presos em Pedrinhas ficaram sem uniformes depois de os terem rasgado em um protesto contra as condições no presídio, no fim de setembro.

Cabral diz que muitos presos relataram ter sido atacados com spray de gás pimenta e balas de borracha durante os protestos.

pedra4 pedra5

Ele afirma que a precariedade na penitenciária agrava as tensões que resultaram nas últimas mortes de detentos e numa série de ataques a ônibus e escolas ocorridos no últimos dias no Maranhão.

Em resposta aos atentados, que segundo autoridades foram coordenados de dentro da prisão, o governo maranhense transferiu 23 presos de Pedrinhas para uma penitenciária federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

Em nota à BBC Brasil, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) defendeu a atuação do governo Flávio Dino no setor. O governador tomou posse em 2015, interrompendo um domínio de meio século da família Sarney no Maranhão.

A secretaria diz que problemas das prisões maranhenses têm sido solucionados com um “forte e contínuo investimento do Executivo”, e que obras realizadas desde o início da gestão criaram 946 vagas em presídios.

O órgão diz ainda que, apesar da crise que se instalou em Pedrinhas a partir de 2013, conseguiu alcançar “uma marca histórica de um ano e cinco meses sem registros de mortes” na unidade.

Para a Conectas e a Sociedade Maranhense dos Direitos Humanos, o número de mortes só baixou porque o governo passou a separar os presos conforme suas organizações criminosas. “O governo sucumbiu à lógica das facções”, diz Diogo Cabral, da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos.

Já o governo maranhense afirma que a organização de presos por grupos criminosos “é uma recomendação da própria Lei de Execuções Penais, que em seu artigo 84 estabelece que ‘o preso que tiver sua integridade física, moral ou psicológica ameaçada pela convivência com os demais presos ficará segregado em local próprio'”.

Em 2013, quando pelo menos 60 presos morreram em Pedrinhas, a Comissão Interamericana de Direitos Humanos passou a acompanhar o caso e a cobrar respostas do Estado brasileiro sobre as denúncias a respeito do presídio.

PROCESSO INTERNACIONAL

No fim de 2014, o caso subiu para a Corte Interamericana de Direitos Humanos, que determinou que o Brasil adotasse medidas “para proteger eficazmente a vida e a integridade pessoal de todas as pessoas” em Pedrinhas.

Embora a prisão seja responsabilidade do governo maranhense, cabe ao governo brasileiro se pronunciar sobre os casos que envolvem o Brasil na corte. As exposições são feitas em coordenação com governos estaduais e municipais, quando necessário.

No processo sobre Pedrinhas que tramita na corte hoje, não há propriamente um réu. Por isso o tribunal não pode condenar o Brasil, como aconteceu com o país por não ter levado à Justiça responsáveis por atrocidades da ditadura militar.

Para que o Brasil possa ser julgado por Pedrinhas, é preciso que a corte interamericana aceite uma denúncia formal contra o Estado brasileiro por sua atuação em relação ao caso.

As ONGs que acompanham o assunto dizem estudar a possibilidade de apresentar a denúncia à corte.

 

 

 

 

Bandidos metem o bicho na Agência dos Correios de Bequimão-MA

COMPARTILHE

Dois homens ainda não identificados pela a polícia assaltaram na manhã desta quarta-feira (28) a Agência dos Correios do município de Bequimão, situado na região da baixada ocidental maranhense. Segundo informações da delegada Martha Dayanne Almeida de Morais, a ação da dupla de assaltantes ocorreu por volta das 9h30 e durou aproximadamente 10 minutos dentro da Agência.

“Os dois bandidos entraram na agência por volta das 9h30. Enquanto um tomou a arma do vigilante que estava de serviço no local e ficou na porta dando cobertura o outro se dirigiu até os dois caixas e pegou uma quantia de quase R$20.000,00”, contou a delegada.

Ainda conforme a delegada, os dois bandidos utilizaram armas de fogo durante o crime. Ela acrescenta ainda, que um dos clientes ainda entrou em luta corporal com um deles, mas ninguém saiu ferido. “Segundo o depoimento dos funcionários e clientes, os elementos estavam armados com revólveres calibre 38. Um dos clientes entrou em luta corporal com os homens, mas por sorte ninguém foi atingido por disparos” – disparou a delegada titular da delegacia de Bequimão.

A Delegacia de Bequimão afirmou ainda, que após os dois suspeitos roubarem cerca de 19 mil reais, conforme informado pela gerência da Agência dos Correios, os criminosos fugiram em uma motocicleta em direção ao bairro Estiva. “Pelo o que o gerente nos contou em depoimento eles subtraíram aproximadamente 19 mil reais do local e logo após eles fugiram rumo a comunidade Estiva”, disse Drª Martha.

A delegada Martha Dayanne adiantou que as imagens das câmeras do circuito interno da agência serão utilizadas para tentar identificar os dois assaltantes. “Nossa equipe vai averiguar a gravação das câmeras da agência para que possamos saber quem são eles e assim tentar localizá-los o mais rápido possível”, finalizou.

A polícia foi acionada, fez buscas na região, mas não teve êxitos. A guarnição da PM comandada pelo Sargento Brasilino, Soldados Stênio e Hugo, capitaneados pelo Coronel Osmar, que tiveram apoio da Força Tática, e uma viatura da cidade de São Bento. As investigações serão feitas pela polícia civil.

G1-MA

Polícia coloca três ladrões no xilindró após assalto em Floresta-Bequimão

COMPARTILHE

Quem acha que o interior ainda é um lugar bom de viver, está muito enganado. A tranquilidade da zona rural hoje já é coisa do passado. A migração de bandidos nas comunidades da zona rural do município de Bequimão mostra que a criminalidade só vem crescendo a cada dia no Maranhão.

FLOREST3

Na noite desta sexta feira (2) quatro ladrões tentaram assaltar o Comercial Ramal de Floresta, na comunidade Floresta, zona rural do município de Bequimão, que tem como proprietário o senhor Vicente França. Segundo relato da polícia, os bandidos chegaram por volta das 19:30h no comércio e anunciaram o assalto. Dois ladrões entraram no comércio e dois ficaram do lado de fora para dar cobertura.

FLORESt2

Após o assalto, os moradores da comunidade saíram em busca dos bandidos e conseguiram deter dois acusados que foram amarrados até a chegada da polícia no local. Os rapazes foram identificados como Aguinaldo Almeida, de 36 anos e Giovanilson Araujo, de 20 anos, todos moradores da região. Os “Malacos” foram presos pela guarnição do 10ºBPM da 4ª Companhia de Polícia sediada em Bequimão, comandada pelo Sargento Ramos e o soldado Paes. Os dois foram conduzidos para a delegacia onde foram tomadas as medidas cabíveis. Os outros dois integrantes escaparam da população.

FLOREST1

Já nesta manhã de sábado (3), um dos ladrões passou na maior cara de pau na porta do Comércio Ramal de Floresta, onde havia cometido o roubo na noite desta sexta (2), como se nada tivesse acontecido. A população se reuniu mais uma vez, e na volta o “Alma Sebosa” foi detido pelos moradores e amarrado também até a chegada da polícia. O indivíduo foi identificado como Carlos Thiago Ferreira Monteiro, conhecido por Cabra Magra, morador também da região. A prisão também foi feita pelo Sargento Ramos e Soldado Paes, que ao receberem a ligação sobre o caso, foram de imediato atender o chamado. O quarto elemento identificado apena pelo apelido de “Sibibinha” está sendo procurado pela polícia e pode ser preso a qualquer momento.

  • Dados enviados pelo Tenente Coronel Osmar, que tem contribuído muito com o jornalismo policial da baixada…

Polícia coloca estupradores atrás das grades e estudantes fazem protesto em Alcântara

COMPARTILHE

A tarde desta quinta feira (01), foi de tristeza e muita angústia nas ruas da cidade histórica de Alcântara, onde estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) e do Centro de Ensino Professor Aquiles Batista Vieira (CEAB), protestaram pedindo justiça após a polícia prender dois estupradores que violentaram a adolescente T.L.M.S de 15 anos.

MANIF MANIF1

Segundo relatos da menor, os Crápulas levaram a garota para o matagal, e a violentaram sexualmente na tarde desta quarta feira (31/08) quando a adolescente se dirigia para a escola onde estuda. Após cometerem o crime, os bandidos libertaram a menina sobre ameaças, caso ela contasse para seus familiares.

Mesmo bastante machucada, a garota chegou em sua casa e contou tudo a seus pais que imediatamente procuraram a polícia e registraram o Boletim de Ocorrência (BO). A polícia saiu à procura das “Almas Sebosas” e somente hoje (01) pela manhã conseguiu colocar as mãos nos bandidos.

MANIF2 MANIF3

Os criminosos são velhos conhecidos da polícia em Alcântara e foram identificados como Raimundo Nonato Neres Diniz conhecido como Nonato e Hyala Leitão, conhecido por Hyala que confessaram a autoria do crime. Os malacos foram presos pelos soldados Geovânio e Menezes do 10ºBPM da 4ª Companhia da PM de Alcântara. Os dois foram autuados e devem receber passaporte para passar umas férias no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde devem fazer o teste do boi pelos integrantes da cela.

ESTU1 ESTU2

MANIFESTAÇÃO NA CIDADE

Durante a tarde desta quinta feira (01), estudantes, professores e pais de alunos, saíram às ruas de Alcântara pedindo mais segurança para a cidade, e que a justiça seja feita punindo os dois estupradores. Grande maioria dos manifestantes chorou ao falar da situação que aconteceu com a jovem, que ficou ontem (31) das 13 às 17 horas em poder dos bandidos. Alô secretário de Segurança do Estado, Jeferson Portela. Larga suas campanhas eleitorais no interior e venha cuidar de sua pasta, que eleição para prefeito não te pertence…

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free