casa » NOTÍCIAS (página 113)

NOTÍCIAS

Jornalista elimina 15 kg com reeducação alimentar e atividade física

COMPARTILHE

 Depoimento de Daucyana Castro.

Daucyana em Agosto de 2013 & Fevereiro de 2014

Daucyana em Agosto de 2013 & Fevereiro de 2014

Há tempos queria escrever este artigo. Mas reservei esta data em especial para publicá-lo. Hoje, segunda-feira (3 de março de 2014) completo 6 meses de uma nova vida, regrada a atividade física diária e reeducação alimentar. Estava também na dúvida, sobre qual título colocar: “Eliminei 15 kg com reeducação alimentar e atividade física“, ou “Emagreci sem remédio” ou ainda “Reconstruí meu corpo aos 34 anos“. Brincadeiras à parte; queria compartilhar com vocês a minha luta e o meu sucesso.

Sempre fui gordinha, e nunca tive problemas com o espelho. Achava-me bonita com meus quilinhos a mais. No finalzinho do mês de agosto de 2013 em exames de rotina, minha endocrinologista Dra. Viviane Chaves, percebeu uma pequena alteração nos meus exames. Minha glicemia em jejum acusava normal, mas após brandial estava um ponto alterada. O normal seria até 140, o meu exame acusou 141. Era um sinal de alerta. Há tempos eu vinha comendo de forma desordenada. Sempre fui muito ansiosa e hoje assumo, EU TENHO COMPULSÃO ALIMENTAR. Foi difícil admitir e encarar. Viciada em comida, do bom arroz com feijão até doces. Mas cheguei a um ponto que comia um pudim inteiro sozinha, metade de uma pizza só, comia por prazer. Era também preguiçosa, atividade física não era mesmo comigo. Ficava impressionada como algumas pessoas no meu bairro levantavam às 6h da manhã para caminhar. Achava aquilo um absurdo. Hoje eu acordo para caminhar e correr. (risos)

Drª Viviane & Daucyana Castro

Drª Viviane & Daucyana Castro

Minha médica foi bastante sincera. Aquele era um momento decisivo. Estava num estado de pré-diabetes. Eu precisava decidir se iria mudar de vida naquele instante ou em pouco tempo teria que tomar remédio a vida inteira. Eu já sou hipertensa. Adquiri na gravidez. Aquilo foi um choque. Não queria mais uma doença pra mim. Às vezes na vida é preciso levar choques pra que possamos acordar para a realidade. Eu gostava de comer, de doces, eu tinha prazer naquilo. Andava cansada, desanimada, triste, e não sabia o motivo. A comida me fazia feliz. Eu disse a minha médica naquele dia, que eu sabia que só tomaria uma atitude quando chegasse num quadro realmente sério. Ela me disse que eu precisava perder peso, comer corretamente e fazer uma atividade física. Eu estava pesando 76 kg. Fiquei pior porque queria comer besteira e não podia mais. Fiquei assustada, com medo realmente, e muito irritada com tudo aquilo. Eu já tinha ido a nutricionista antes, eu sabia exatamente o que comia de errado, eu sabia o que precisava mudar.

Nesse aspecto, o medo foi importante e benéfico pra mim. E uma conversa com minha amiga Tânia Biguá, (Taninha como sempre fazendo parte dos grandes momentos de minha vida) mudou o meu pensamento. Ela é aquela amiga, irmã em Cristo, que te ama, mas não te alivia, ela diz o que precisa ser dito. Eu lembro que liguei pra ela pra me reclamar, dizer que estava infeliz, que queria comer, etc. A resposta de Deus através de Tânia foi um tapa na cara. Ela me disse “Daucyana, não te entendo. Deus está te dando uma nova chance, Deus está te alertando, te mostrou os exames, Ele te dá uma nova chance, de ter uma vida saudável e você está reclamando da benção?”. Outro choque: Tânia estava certa. Deus me deu uma nova chance de cuidar de mim, de ter mais saúde e eu bobona achando ruim. A Bíblia diz que em I Coríntios 6:20 que “o nosso corpo pertence a Deus, ou seja ele é a morada do Espírito Santo” e por ele ser a morada do Espírito Santo precisamos cuidar bem dele. A Bíblia nos manda glorificar a Deus com o nosso corpo, e isso não é só se vestir de maneira decente não, é cuidar bem daquilo que Deus nos deu. 

”Vocês foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o seu próprio corpo”. (1Coríntios 6:20).

Daucyana Castro tirando onda na praia

Daucyana Castro tirando onda na praia

Ah, e quanto tempo eu cuidei mal do meu corpo. Foram 34 anos comendo errado e de sedentarismo. Eu me abandonei por um tempo, e não fui percebendo que tava me acabando. Eu levei o choque no dia que entrevistei o prefeito da cidade e vi estampada em várias capas de jornais no dia seguinte. Parecia que eu estava grávida de 9 meses.

Mas no dia 3 de setembro de 2013, eu comecei a fazer reeducação alimentar, na marra!!! (risos). Comecei a me alimentar de 3 em 3 horas certinho, cortei doces (tão difícil me livrar de chocolate), massas (eu amava pizza, macarrão, pão francês, hot dog do Lálio) e refrigerantes. Quando você come de 3 em 3 horas você nunca fica com fome e não corre o risco de cair em tentação e nem de exagerar nas próximas refeições.  

Procurei uma nutricionista, que por sinal é maravilhosa (Dra. Úrsula Aghata) que traçou um plano alimentar pra mim. Incluí pão integral na minha alimentação, leite desnatado; troquei o açúcar pelo adoçante (o melhor é o Linea Sucralose), passei a comer mais frutas, verduras, e outros alimentos que eu nunca havia experimentado (batata doce, inhame, brocólis, kiwi, couve flor, etc) hoje eu amo tudo isso. 

Daucyana no antes & depois

Daucyana no antes & depois

Nunca gostei de academia, sempre detestei o ambiente e os tipos de exercícios. Na hora de você mudar de vida é importante escolher um esporte ou uma atividade que você goste. Eu já fazia hidroginástica, eu amo água, mas não fechava a boca. Intensifiquei a hidro, 3 vezes por semana e minha professora Kamilla Peixoto me passou também treinos específicos. Ela pegou no meu pé desde o início e jamais aceitou quando eu dizia “não vou conseguir”. Como eu costumo enjoar com facilidade de fazer a mesma coisa todos os dias, eu precisava de uma segunda atividade que complementasse, foi aí que eu decidi fazer caminhada. Comecei a caminhar 3 vezes na semana e depois de um mês de atividade física comecei a correr, pra acelerar o metabolismo.

Eu só acreditei em mim, quando o ponteiro da balança caiu 5 pontos. Em um mês, me alimentando de 3 em 3 horas e fazendo atividade física 5 x na semana eu eliminei 5 kg. Quando eu eliminei este peso, eu tive certeza no meu coração que iria conseguir, eu tive uma certeza lá no íntimo do meu ser que eu pesaria 60 kg (é a minha meta, é o peso que eu tinha quando tive meu segundo filho). Em dois meses de vida nova, eu já havia eliminado 10 kg. E estou há 3 meses tentando perder 2 kg. É importante também se aproximar de quem compartilha dos seus mesmos objetivos. Passei a acompanhar um monte de gente esportista, que come bem e dá dicas super legais no Instagram, como a Gabriela Pugliesi e Adriana Thirsen do Blog da Drika. Hoje não posso ouvir falar de uma corrida ou caminhada que já estou me inscrevendo. Estou adorando minha nova vida de atleta.

Daucyana e o resultado positivo

Daucyana e o resultado positivo

Quando comecei a caminhar, fui só. Por escolha mesmo. Não queria ser dependente de ninguém. Quando você se acostuma a ter companhia pra se exercitar, no dia que a companheira não for, você também não vai. Por isso decidi enfrentar isso sozinha. Lembro que quando eu caminhava no bairro, eu passava por locais onde se vendia comida (churrasquinho, cachorro quente) e o cheiro era enlouquecedor, eu tinha que tampar a respiração porque o cheiro da comida me deixava doida. Hoje me acostumei, consigo ver alguém comer uma guloseima na minha frente. Hoje não é qualquer pãozinho doce que me enlouquece. Quando tenho crises de ansiedade, penso logo no ponteiro da balança subindo, na calça apertando, e desisto rapidinho. E quando isso não resolve, eu saio para correr, passa a sensação que é uma maravilha. Não é que eu não coma mais nada. O que te engorda não é o que você come raramente, o que te engorda é a besteira que você come todos os dias. Não sou adepta do “dia do lixo”, aquele dia que você tira pra comer tudo que tem vontade. Não consigo fazer isso mais com o meu corpo. Foi tão difícil chegar até aqui. Só eu sei o que eu passei e o que eu sofri pra estar hoje magra e saudável. Mas também me permito uma vez ou outra, comer uma fatia de pizza, um pedaço de bolo, um bombom de chocolate, mas com moderação, nada de “jacar”.

Outra dica é carregar sua lancheira. Como passo muito tempo fora de casa, eu carrego tudo: água, salada para complementar o almoço, frutas, sanduiche integral, adoçante, barra de cereal, tudo que for preciso.

Daucyana e a corrida contra a balança

Daucyana e a corrida contra a balança

O que quero dizer queridos, é que NÃO FOI FÁCIL. Não é fácil. Foi sofrido, foi difícil, foi irritante mas EU CONSEGUI. Eu sempre achei que não tinha mais jeito pra mim, que não iria conseguir. Mas o medo era maior, não queria passar a vida inteira tomando insulina. Sempre digo para as pessoas que me questionam, o mais difícil é começar, se você resistir ao primeiro mês, ninguém mais te segura. Nos primeiros dias, eu ficava irritada, pensava em comida o tempo todo, no fim do dia, eu só pensava em comer uma travessa inteira de carne, uma pizza sozinha, eram pensamentos grandes, era uma fome louca. Mas depois de um mês o organismo acostuma a comer somente o necessário, acostuma com a atividade física. É preciso levantar a bunda da cadeira, ir fazer atividade física, mesmo cansada, mesmo com sono. É preciso enfrentar. Quantas vezes não fui às 21h correr na praça do bairro só pra não dormir inquieta? Meus queridos, é difícil, mas não é impossível. Se eu consegui, você consegue também. 

Eu sou um exemplo de quem optou mudar de vida. Emagreci sem remédios, sem regimes drásticos, nada disso. Emagreci comendo de três em três horas, me exercitando. Adquiri uma balança e me peso todos os dias, de manhã e a noite. Muitas pessoas que conheço não querem pesar. É preciso levar o choque, é preciso saber, pra começar a controlar.

Hoje estou pesando 61, 5 kg. Ainda não cheguei na minha meta. É mais fácil perder no início quando se tem muita gordura. Eu sei que vou conseguir. De mais longe eu já vim. Algumas pessoas me criticaram porque emagreci muito. Meus amados, não é questão de vaidade, é questão de saúde. Eu era linda gordinha, mas não era saudável, agora me acho linda magrinha e estou saudável. Depois de 6 meses de reeducação alimentar, repeti os exames e posso dizer que estou CURADA, não sou mais pré diabética. Meus exames mostram que estou muito bem de saúde. E a minha glicemia pós grandial é ainda mais baixa que a glicemia em jejum. 

A prova do eu quero, eu posso

A prova do eu quero, eu posso

Descobri também que o prazer de escolher uma roupa é melhor que o prazer de comer. Porque gordo não escolhe roupa, a roupa é quem escolhe o gordo, você veste o que cabe. Passei do manequim 44 para o 40 folgado. Perdi quase todas as peças do meu guarda roupa. Poucas peças consegui reformar, o resto tive que comprar tudo novo e hoje posso escolher a roupa.
Para o meu trabalho também foi importante ter emagrecido. Trabalho como locutora, repórter e apresentadora de telejornal. A mudança no vídeo também foi gritante.

Ainda tenho mente de gorda. O corpo é magro, mas a mente ainda pensa com muita frequência em comida, quando vou comprar uma roupa ainda peço G, mas só depois que visto, me lembro que sou magra. Dizem que são dois anos pro cérebro se acostumar e processar que a pessoa é magra. Estou caminhando para isso. 

Comer corretamente e praticar uma atividade física é um investimento que você faz na sua saúde. O bem estar e o emagrecimento são apenas consequências. Não espere a diabetes ou a hipertensão aparecerem pra você se cuidar. Basta ter foco, força de vontade e disciplina. É DIFÍCIL MAS É POSSÍVEL. E EU SOU A PROVA VIVA DISSO.

Hoje sou mais feliz, mais leve, mais saudável, mais disposta, e tenho prazer em me alimentar bem, tenho prazer em fazer atividade física. 

TV Guará estreia o programa “Ronda 23” nesta quinta feira

COMPARTILHE
Ivan Lima estreia em seu novo programa

Ivan Lima estreia em seu novo programa

A televisão do Maranhão vai ganhar um novo programa policial. A TV Guará, canal 23, uma das emissoras que mais cresce no estado, estreia hoje (20), o Ronda 23 na sua grade de programação de 2014. O novo Programa da emissora do Renascença será apresentado pelo  experiente jornalista da área de polícia e segurança pública, Ivan Lima.

O Ronda 23 vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 18h com as principais notícias atualizadas do mundo policial. O programa vai fazer uma abordagem abrangente, coerente e sem medo da realidade cotidiana das ações policiais e de segurança, da capital maranhense e do estado.

Estaremos juntos, no rastro das notícias policiais, para enriquecer ainda mais o jornalismo do Maranhão, da TV Guará, acompanhados pela lente do experiente cinegrafista “Moicano”.

Ivan Lima que já esteve como repórter policial de programas como: Qual é a Bronca da TV cidade canal 6, hoje busca vôos mais altos e logos em sua carreira profissional. Considerado um dos repórteres mais autênticos do jornalismo policial no Maranhão.

Seu estilo diferente de abordar a notícia, fez com que Ivan Lima ganhasse a confiança do mercado da comunicação do Estado. Com uma linguagem popular e a caráter do convívio policial, Ivan Lima sempre respeitou e é respeitados pelos Artistas do dia da polícia, “Os delinqüentes”.

 

 

Zé Inácio é o nome mais forte do PT para ser vice de Luis Fernando

COMPARTILHE
Zé Inácio em uma de suas ações pelo Maranhão

Zé Inácio em uma de suas ações pelo Maranhão

O superintendente regional do Incra no Maranhão, Zé Inácio Rodrigues, vem sendo o nome mais cotado do PT para fazer parte da chapa do pré-candidato ao Governo do Estado, o atual secretário de Infraestrutura, Luis Fernando Silva (PMDB).

O nome de Zé Inácio é defendido pela grande maioria dos filiados, principalmente por aqueles que fazem parte da baixada maranhense. Por ter um bom relacionamento com o governo do Estado, Zé Inácio vem sendo o mais cotado para ser o vice de Luis Fernando.

O principal projeto do superintendente do Incra no Maranhão, é  ser eleito deputado estadual. Para isso, o petista vem realizando um grande trabalho no comando do órgão. Com mais de 20 anos à frente do Partido dos Trabalhadores (PT) na cidade de Bequimão, Zequinha como é conhecido pelos amigos na baixada maranhense, vem se destacando como grande administrador público.

Formado em Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), José Inácio Rodrigues sempre esteve ao lado do povo nas comunidades do município de Bequimão. No comando da Superintendência do Incra no Maranhão, Zé Inácio trabalha dia e noite, o que deixou o Maranhão em primeiro lugar, entre todas as representações da autarquia, em número de assentamentos em 2013 no Brasil.

Com um bom relacionamento entre líderes comunitários e presidentes de associações, Zé Inácio ganhou o respeito do povo da baixada e hoje é o nome mais forte ao cargo de deputado estadual nas eleições deste ano. Nos corredores da Assembleia Legislativa comentam-se que a candidatura de Zé Inácio ao cargo de deputado estadual  está consolidada, diante da  boa administração à frente do Incra no Maranhão.

CONHEÇA QUEM È ZÈ INÀCIO

Zé Inácio em seu gabinete

Zé Inácio em seu gabinete

José Inácio Rodrigues nasceu na cidade de Bequimão e formou-se em Direito pela UFMA, onde iniciou sua militância política, atuando no movimento estudantil. Como advogado atuou em defesa dos direitos humanos, dos trabalhadores e trabalhadoras rurais e da população negra nas seguintes instituições: Sociedade Maranhense de Direitos Humanos, Federação dos Trabalhadores (as) Rurais do Maranhão (FETAEMA), Comissão Pastoral da Terra (CPT) e  Centro de Cultura Negra (CCN).

 Na Justiça Global Zé Inácio atuou junto a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (OEA) tendo como destaque os seguintes processos: deslocamentos compulsórios das famílias quilombolas de Alcântara na baixada Ocidental Maranhense e o caso dos meninos emasculados. Atuou como membro da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA) e foi Delegado do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) no Maranhão, de 2005 a 2010.

Sua origem humilde demarca a opção profissional e política em defesa da população menos favorecida. Traz consigo uma forte identidade pelas questões do campo e da cidade. Sua atuação no MDA foi voltada para a implantação dos programas do governo LULA, tais como: os Territórios Rurais, o Programa Territórios da Cidadania, os Colegiados Territoriais, os Projetos de investimento para os Municípios rurais (casas familiar rural, agroindústrias, centros de comercialização), Crédito para Agricultura Familiar, através do PRONAF, criação e apoio aos assentamentos rurais e outras ações de infraestrutura sócio-econômica e produtiva.

 Filiado ao Partido dos Trabalhadores desde 1990, Zé Inácio é militante dedicado à organização e construção do Partido que elegeu o Presidente Lula. Um dos dirigentes políticos mais jovens e um dos mais influentes na defesa do Desenvolvimento Sustentável e da Agricultura Familiar no atual cenário maranhense, Zé Inácio consagrou seu nome com muito trabalho. Sua trajetória é marcada pela luta, redução das desigualdades e da pobreza no Maranhão, defesa da melhoria da qualidade de vida do homem e da mulher do campo por meio do acesso as políticas públicas de qualidade, principalmente na educação, saúde, esporte, cultura e lazer.

 

 

 

Roseana entrega mais dois hospitais no interior do Maranhão

COMPARTILHE
Novo Hospital de Maracaçumé-Ma

Novo Hospital de Maracaçumé-Ma

A governadora Roseana Sarney e o secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad, inauguram nesta sexta-feira (7) no interior do estado, mais dois Hospitais do Programa Saúde é Vida. Desta vez, serão entregues à população os hospitais construídos e equipados pelo Governo do Estado nos municípios de Maracaçumé e de Governador Newton Belo.

“Fico feliz em entregar esses dois hospitais e saber que as populações de Maracaçumé e Governador Newton Bello terão ainda mais qualidade de vida, com o melhoramento da saúde e a tranqüilidade no atendimento. O governo vai continuar investindo de forma efetiva na saúde do Maranhão, entregando unidades em todas as regiões do Estado –  declarou Roseana Sarney.

Cada uma das unidades de saúde tem 20 leitos de internação clínica, Serviços de Pronto Atendimento (SPA), centro de parto, Raio-x e exames laboratoriais. Dentro da primeira etapa do Programa Saúde é Vida, já foram entregues à população 31 hospitais – sendo 24 unidades de 20 leitos e 07 de 50 leitos – Além de mais 10 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Novo Hospital de Newton Belo

Novo Hospital de Newton Belo

Os hospitais inaugurados estão nos municípios de Lago dos Rodrigues, Paulino Neves, Magalhães de Almeida, Morros, Sucupira do Riachão, Jatobá, São Félix de Balsas, São João do Sóter, Primeira Cruz, Bernardo do Mearim, Lago do Junco, Tufilândia, Olho d’Água das Cunhãs, Presidente Vargas, Benedito Leite, Mirador, Itaipava do Grajaú, Jenipapo dos Vieiras, Matinha, Santana do Maranhão, Ribamar Fiquene, Campestre do Maranhão, Santana do Maranhão, Matões do Norte, Grajaú, Barreirinhas, Peritoró, Alto Alegre do Maranhão, Timbiras, Monção e Coroatá.

Semana passada, foi inaugurada uma unidade do Hospital Geral na cidade de Matões do Norte. O espaço é a primeira unidade avançada de referência em Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho e presta atendimento de traumas e cirurgias ortopédicas de urgência.

 

Radialista Tony Tavares morre aos 49 anos após cirurgia cardíaca

COMPARTILHE
Tony Tavares ao estilo jamaicano

Tony Tavares ao estilo jamaicano

Morre aos 49 anos, o radialista, DJ, cantor e compositor Tony Tavares. Maranhense da cidade de Guimarães, na baixada ocidental, Tony faleceu na madrugada de hoje (1/02) por volta das 5 horas, no Hospital Universitário Presidente Dutra, no centro de São Luís.
Tony Tavares passou mal na saída de uma festa no interior do Maranhão, de onde teve que ser trazido as pressas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araçagi, de onde foi transferido para o hospital Carlos Macieira. O cantor descobriu que estava com problemas cardíacos e teve que passar por duas cirurgias no coração; após os procedimentos ele ficou muito debilitado e não resistiu.


Tony Tavares foi locutor de várias emissoras de rádios. Ele passou pela Rádio Cidade FM 99.1, onde apresentou o programa Reggae Dance que já teve o saudoso Carlos Nina e que hoje é apresentado pelo empresário Natty Nayfson; apresentou o Reggae Point na Mirante FM 96.1, substituindo o então vocalista da Banda Tribo de Jah, Fauzi Baydun e hoje é comandado pelo seu primo, Valdinei  Tavares. Tony passou também pelas Rádios São Luís AM 1.340, Educadora AM 560 e Mirante AM 600 khz. Ultimamente ele trabalhava fazendo shows por todo Maranhão.

Como cantor, Tony chegou a emplacar vários sucessos no rádio maranhense, como Melô de Camboa, Palmeirandia… e também nas radiolas de reggae, e por ser muito carismático, ele era bastante solicitado para cantar nas festas de reggae da baixada maranhense, médio Mearim e região do Munim.

Tony ao lado de amigos no Hospital

Tony ao lado de amigos no Hospital

Não podemos deixar de registrar que Tony Tavares foi pioneiro em festa de premiação, “Destaques do Reggae Point” era o nome da festa dele. Além do São Luís Reggae Festival, que contou com grandes artistas nacionais e internacionais.

Entre outras qualidades, a sinceridade era um ponto marcante na vida do Locutor carinhosamente chamado de “Magrão”, um homem sem meias palavras, não mandava recado.

Tony foi um ótimo dançarino na época dos clubes Quilombo, Pop Som, Cajueiro que hoje é chamado de Espaço Aberto, Danceteria Tropical em Morros e comandava os grandes carnavais no Clube do Bento, no bairro São Francisco, em São Luís. Em suas conversas entre amigos, “Magrão” sempre dizia  que pra discutir qualquer coisa que envolvesse o reggae ou alguém do movimento, a pessoa tinha que ter história, conhecimento, boa trajetória, personalidade e talento. Ele sempre foi contra os pára-quedistas e oportunistas que entraram no reggae sem amor ao ritmo e pensando somente em dinheiro e querer aparecer.

O velório do Radialista Tony Tavares está acontecendo na Páx União na Rua Oswaldo Cruz, no centro da capital maranhense, e o sepultamento será às 16 horas no Cemitério do Gavião.

Entre as últimas palavras aqui na terra, ele agradeceu aos amigos, familiares e admiradores do seu trabalho que estiveram o tempo todo ao seu lado. Saudades do Tony Tavares, o nosso querido “Magrão”!

Governo do Maranhão entrega Unidade Avançada do Hospital Geral no interior do estado

COMPARTILHE
Roseana Sarney Inaugura Hospital

Roseana Sarney Inaugura Hospital

 O Governo do Estado do Maranhão iniciou uma nova etapa na saúde da população com a inauguração da Unidade Avançada do Hospital Geral Tarquínio Lopes Filho, hoje (31), no município de Matões do Norte. Com investimento de mais de R$ 4 milhões, o hospital será referência no tratamento de traumas e cirurgias emergenciais para região. A inauguração foi feita pela governadora Roseana Sarney, pelo secretário estadual de saúde, Ricardo Murad e pelo prefeito do município, Solimar Alves de Oliveira, e contou com a participação do ministro de Turismo, Gastão Vieira, dos deputados estaduais Max Barros e Magno Barcelar, prefeitos e ex-prefeitos de municípios da região, secretários, vereadores, lideranças comunitárias e moradores locais.

“Estamos felizes de inaugurar esta unidade avançada em Matões do Norte, que vai atender 14 municípios e terá uma especificidade na área de traumatologia. Com essa inauguração, estamos avançando no cumprimento da meta do programa Saúde é Vida”, disse a governadora Roseana Sarney. E complementou: “Em cada lugar que estamos passando, vemos que o Maranhão está mudando, se transformando, crescendo e se desenvolvendo”, frisou a governadora.

Hospital Geral no Interior

Hospital Geral no Interior

O hospital será mantido com recursos estaduais e irá funcionar 24 horas, com equipes qualificadas de cirurgiões, ortopedistas, anestesistas, intensivistas, dispondo de três salas cirúrgicas e salas vermelhas com leitos de UCI. Ao todo, foram investidos R$ 4.145.317,28 no espaço, sendo R$ 2.243.317,28 em obras civis e R$ 1.902.000,00 em equipamentos.

“Esta é a primeira Unidade Avançada do Hospital Geral e vai revolucionar o atendimento em trauma e cirurgia na região de Itapecuru”, disse o secretário Ricardo Murad. Para o caso de pacientes que necessitarem de transferência para outra unidade da rede estadual, o hospital dispõe de duas ambulâncias.

Murad destacou que, com o mesmo perfil do Hospital de Matões do Norte, serão implantadas outras três unidades avançadas do Hospital Geral em São Luís – nos bairros Vila Luizão, Vila Palmeira e Maiobão. Estas obras estão em andamento e serão concluídas ainda neste semestre.

Além do atendimento aos moradores de Matões, o hospital beneficia moradores dos municípios de Anajatuba, Arari, Belágua, Cantanhede, Itapecuru-Mirim, Miranda do Norte, Nina Rodrigues, Pirapemas, Presidente Vargas, São Benedito do Rio Preto, Urbano Santos, Vargem Grande e Vitória do Mearim.

Suporte

Hospital altamente equipado

Hospital altamente equipado

Para dar suporte à unidade avançada de Matões do Norte, a Secretaria de Estado de Saúde, está redefinindo o perfil do Hospital Regional Adélia Matos Fonseca, em Itapecuru-Mirim, que deixará de realizar cirurgias de emergências e terá maior disponibilidade para assistência materno-infantil, o que deve acontecer no prazo de 15 dias. Com a reorganização no atendimento, o hospital passará a contar com novos obstetras, pediatras e anestesistas, garantindo uma melhor assistência às gestantes e aos bebês.

O prefeito de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira, agradeceu o beneficio levado pelo governo do estado para o município e disse que os moradores não só da cidade, mas de toda a região estão de parabéns pela obra. “Só temos a agradecer por essa grande obra que a governadora Roseana Sarney está nos presenteando. Todos aqui estão imbuídos em melhorar a qualidade de vida do povo e a saúde é muito importante”, afirmou.

O prefeito de Miranda do Norte, Júnior Lourenço, também destacou a importância do hospital para a região. “Com certeza, aqui serão salvas muitas vidas. Agora, a população não precisa se deslocar para a capital ou outras localidades para ter atendimento de qualidade”, acrescentou.

O hospital inaugurado em Matões do Norte faz parte do Programa Saúde é Vida, do Governo do Estado, que tem como um dos objetivos a construção de unidades de saúde de alta complexidade e de urgência e emergência no interior do estado, reduzindo em mais de 50 % a vinda de pacientes do interior para São Luís.

Melhoria

O deputado Max Barros destacou que a governadora Roseana Sarney tem trabalhado ativamente em todas as regiões do estado não somente construindo hospitais, mas também na área de infraestrutura tirando muitos municípios do isolamento. “Quase toda semana, a governadora tem inaugurado uma obra e é isso que o povo quer. É isso que é importante para melhorar a qualidade de vida da população de nosso estado”.

A população marcou presença na inauguração

A população marcou presença na inauguração

A saúde do Maranhão, segundo o ministro Gastão Vieira, vive um momento ímpar. “Este hospital que está sendo inaugurado vai atender pessoas que precisam de um serviço de emergência e que, muitas vezes, não dá tempo de ir até São Luís, portanto muitas vidas serão salvas aqui”, observou.

Moradores também ressaltaram a tranquilidade de contar com um hospital desse porte no município. “É frequente pessoas se acidentarem aqui e precisar de atendimento. Agora, serão atendidos aqui, por profissionais qualificados e isso nos dá muita tranquilidade”, salientou a dona de casa Francisca Viana.

“A governadora está olhando para todos os maranhenses. Aqui temos um exemplo disso”, completou a professora Francinecia Viana. Durante seu pronunciamento a governadora anunciou que o governo também vai melhorar o abastecimento de água no município com a adutora de Itapecuru, Miranda e Matões.

Telefones do Maranhão terão mais um dígito a partir de novembro

COMPARTILHE
Foto de internet

Foto de internet

Publicada nesta segunda-feira (27) no Diário Oficial da União, uma  portaria da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) que implementará o nono dígito nos números de telefone fixo e celular nos Estados do Amazonas, Amapá, Maranhão, Pará e Roraima, a partir do dia 2 de novembro de 2014. No Maranhão, os telefones de áreas com DDD’s 98 e 99 sofrerão alterações. O objetivo é ampliar a grande quantidade de combinações e, assim, a oferta de novos números.

Com a mudança, será necessário digitar um “9” antes dos oito números da linha telefônica, seja ela fixa ou móvel. Uma mensagem eletrônica deve orientar, durante um período, os usuários sobre a nova forma de discagem. A Anatel planeja agora, a expansão do nono dígito para Minas Gerais e demais Estados do Nordeste, o que deve ocorrer até o fim de 2015. Já para as regiões Sul, Centro-Oeste e os Estados do Acre, Rondônia, e Tocantins, o projeto será até o fim de 2016.

Se não bastassem os estados do Rio de Janeiro e São Paulo, o Maranhão também terá que se adequar ao novo modelo da Anatel, que está previsto ainda para este ano. A mudança começou em 2012, com as cidades de Código Nacional 11. Aos poucos, o nono dígito será adicionado aos números móveis de todo o Brasil, em transição que ocorrerá até 31 de dezembro de 2016.

 A Anatel ressalta que a implementação do nono dígito no restante do Estado de São Paulo com (DDD’s 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e 19) ocorreu no dia 25 de agosto de 2013. No dia 27 de outubro, a ação ocorreu em todo o Estado do Rio de Janeiro (DDD’s 21, 22 e 24) e no Espírito Santo (DDD’s 27 e 28). A mudança afeta apenas a telefonia móvel. Os telefones fixos continuarão com oito dígitos nos estados onde os celulares já operam com nove números.

 

Prefeito Edivaldo Holanda arregaça as mangas e mostra mais trabalho

COMPARTILHE
Edivaldo Holanda assina conenios

Edivaldo Holanda assina convênios

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) assina nesta quinta-feira (23), às 17 horas, no auditório do Hospital Presidente Dutra, no centro da capital maranhense, convênio visando à inserção do Hospital Universitário do Maranhão (HUUFMA) à rede de serviços de saúde do município de São Luís. O ato será acompanhado pelo secretário de Atenção à Saúde, do Ministério da Saúde, Helvécio Magalhães.

O convênio vai permitir à Secretaria Municipal de Saúde (Semus) ampliar a assistência hospitalar disponibilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), aumentando o acesso da população a novos tipos de atendimento especializado, no perfil assistencial do Hospital Universitário.

O secretário municipal de Saúde, Cesar Felix, explica que o convênio entre as duas instituições vai impactar em toda a rede de saúde com a ampliação do atendimento à média e alta complexidade, respeitando as normas de regulação de leitos, consultas e procedimentos.

“Será um ganho enorme para a população, pois o Hospital Universitário do Maranhão fica integrado às redes prioritárias de atenção à saúde, com alguns serviços que não tínhamos antes, como assistência à gestação de alto risco e referência em urgência e emergência nas áreas de neurocirurgia, ortopedia e cardiovascular”, afirma o.

Pelo convênio compete a Semus acompanhar e apoiar o desenvolvimento dos serviços realizados pelo HUUFMA e assegurar o repasse regular dos recursos, que serão oriundos do teto financeiro do município de São Luís no Fundo Nacional de Saúde. Pela programação orçamentária, o convênio implicará no repasse anual de R$ 87.363.603,00.

Edivaldo Holanda em reunião

Edivaldo Holanda em reunião

O convênio entre as duas instituições prevê ainda a transferência gradual de atividades de atenção básica realizadas pelo Hospital Universitário para as Unidades Básicas de Saúde e a inclusão de alunos de graduação e pós-graduação da UFMA na rede de atenção à saúde do município de São Luís para atividades de formação profissional, ensino e pesquisa na área de saúde.

Mesmo com tantas críticas ao prefeito de São Luís, o trabalho está sendo desenvolvido de forma ampla e contínua. Durante o período de 12 meses da gestão de Edivaldo Holanda Junior, a capital maranhense tem sido recuperada e resgatada do abandono. Com obras em toda São Luís, a prefeitura municipal tem trabalhado em todos os setores, já que o prefeito encontrou uma cidade totalmente sucateada e abandonada.

 

 

Festa da Rua João Bouéres recebe centenas de Pessoas na virada do ano

COMPARTILHE
Roberto Fernandes & o ex-craque do PAC, Ricardo Lemos

Roberto Fernandes & o ex-craque do PAC, Ricardo Lemos

A 32ª Festa da Rua realizada desde 1981 na rua João Bouéres, no centro da cidade de Bequimão, reuniu centenas de pessoas, tanto do município, como de outros locais do Estado do Maranhão. A Festa da Virada acontece dia 31 de dezembro e reúne famílias, amigos e personalidades que comemoram a chegada do ano novo na tradicional Festa da Rua, em frente ao Fórum da cidade.

O verde e amarelo da decoração lembraram que 2014 é o ano da Copa do Mundo de Futebol, realizada no Brasil. A festa é organizada por moradores da Rua João Bouéres, e este ano recebeu apoio da Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

A animação ficou por conta das bandas Sensual e Traíra de Óculos da cidade de Pinheiro, na baixada maranhense. O prefeito Zé Martins participou da festa e aproveitou para cumprimentar seus conterrâneos e amigos que vieram de outras localidades. À meia noite houve queima de fogos que anunciou a chegada do novo ano, cheio de esperanças renovadas, e muita prosperidade. A Festa da Rua aconteceu até o sol raiar, em clima de paz e confraternização, já em ritmo de carnaval.

Os jornalistas Rômulo Lemos & Ricardo Alvarenga.

Os jornalistas Rômulo Lemos & Ricardo Alvarenga

Além do Prefeito do município Zé Martins, outras personalidades ilustres estiveram presentes na festa; como o Radialista, Jornalista & ex-presidente do Moto, Roberto Fernandes, o ex- jogador do Pinheiro Atlético Clube (PAC) e atual treinador da seleção bequimãoense, Ricardo Lemos, os Jornalistas Rômulo Lemos & Ricardo Alvarenga, os professores: Diógenes Martins, Junior Bacurau, Maria da Conceição Martins (Dona Noca), o secretário de administração municipal de Bequimão, José Orlando Martins, o professor Edézio Martins e o ex-prefeito Juca Martins.

A festa da Rua como é tradicionalmente conhecida na baixada maranhense, disputa espaço com o carnaval e reúne milhares de pessoas todos os anos. Em 2013 a organização do evento homenageou o Brasil, deixando a rua em ritmo de Copa do Mundo.

A tradição começou na década de 80, quando a festa da Rua era feita apenas pelos moradores mais idosos, que se reuniam para fazer a tradicional “Meia Noite” e verem a chegada do ano novo. Com o tempo, a festa cresceu e hoje reúne pessoas de todas as idades, ruas, bairros e comunidades do município. A festa da Rua mexe até com os bequimãoenses espalhados em todo Brasil!

Motocicletas desfilam em Bequimão como se fossem bicicletas Infantis

COMPARTILHE
Motos nas ruas de Bequimão

Motos nas ruas de Bequimão

A onda das motocicletas tomou conta das pequenas cidades do interior do Maranhão. Não a diferença entre zona urbana e rural. Em todos os lugares, encontra-se motocicletas novas, semi-novas, velhas, habilitadas, irregulares e até sem o cano de descarga e faróis. Este é o caso da pacata cidade de Bequimão, na baixada maranhense.

Na maioria das vezes as pessoas pilotam sem habilitação, sem capacetes e em alta velocidade. São Veículos que não oferecem segurança a população e isso tem causado dezenas de acidentes no município, muitos até com vítimas fatais.

A cidade de Bequimão conta hoje com uma secretária de segurança, que administra a guarda municipal e nada foi feito até agora, para coibir a violência no trânsito. São crianças pilotando motocicletas, sem o uso do equipamento de segurança, o capacete. Na maioria das vezes, jovens embriagados e até 4 pessoas em um só veículo.

Nos últimos meses, foram dezenas de acidentes com moto no município de Bequimão e quase metade, teve vitimas fatais.

No município de Bequimão o veículo, moto, virou um verdadeiro brinquedo, tanto para os adultos, quanto para as crianças. Sem polícia na cidade, a guarda municipal seria a responsável pela segurança no trânsito, o que não acontece há muito tempo.

O que está faltando? É ordem ou coragem?

O secretário municipal de segurança, Dr. Cassiano, deveria sair do gabinete e no mínimo, dar uma volta ao município e observar o desmando nas ruas e avenidas de Bequimão. Assim também deveria fazer o comandante da guarda municipal, o senhor Saldanha, que faz vista grossa na cidade e deixa o trânsito virar uma verdadeira bagunça.

De quem é a culpa da bagunça? Do poder público ou de quem não conhece as leis?

A educação no trânsito é importante, mas só isso não basta. Precisamos coibir a violência nas ruas e avenidas, multar os infratores e apreender os veículos irregulares. Bequimão virou um depósito de veículos sem documentos e sem motoristas. Um verdadeiro refúgio para quem não paga IPVA, não tem habilitação e compra motos montadas de várias marcas e modelos.

A quantidade de motos em dias de festas

A quantidade de motos em dias de festas

Em dias de festas no município de Bequimão, o perigo é dobrado. São motoqueiros em alta velocidade, seja no asfalto ou em estrada vicinal.

Não precisa a Polícia Militar ou os agentes do DETRAN, para acabar com essa banalização e desordem. A guarda municipal tem o poder de coibir, se quisesse trabalhar e cumprir com suas obrigações.

Aqui fica o recado; ou o prefeito Zé Martins aperta o secretário municipal de segurança, ou muitas tragédias serão registradas nas festas de final de ano, como a que aconteceu dia 24 na rua Gedeon Araújo, no bairro Cidade Nova, onde um motoqueiro sem habilitação, em alta velocidade e bêbado, morreu ao bater em caminhão.

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free