casa » NOTÍCIAS

NOTÍCIAS

Vereadora Fátima Araújo, visita comunidades e entrega cestas básicas às famílias desabrigadas

COMPARTILHE

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), visitou na manhã desta terça-feira (26), comunidades que sofrem com as fortes chuvas e alagamentos na capital maranhense. Durante visita a Pequena Guerreira entregou cestas básicas para os moradores da Vila Socó localizada na Vila Conceição/João de Deus e Rua 15 de novembro no bairro João de Deus, vítimas das fortes chuvas.

Na Vila Socó a vereadora entregou cerca de 15 cestas básicas e na rua 15 de novembro no bairro João de Deus, foram aproximadamente 10 cestas distribuídas. As cestas só foram entregues somente para moradores que estão em situação crítica devido às fortes chuvas, tanto na Vila Socó, quanto na rua 15 de novembro, no João de Deus.

Para a vereadora Fátima Araújo, o momento é de muito trabalho e acima de tudo, de olhar para quem mais precisa. “Percorri várias comunidades nesta terça-feira, senti na pele o sofrimento das famílias que estão desabrigadas. No Residencial João Alberto, não tive condições de atravessar a ponte de madeira, por isso somente esvaziar o riacho. Vou reconstruir a ponte e dar mais dignidade aos moradores daquela comunidade”, destacou Fátima Araújo.

 

Vereadora Fátima Araújo reúne com autoridades em São Luís-MA

COMPARTILHE

Uma semana produtiva, assim pode ser classificada os cinco dias de trabalho da vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB). Mas quem disse que a Pequena Guerreira só trabalha cinco dias por semana? Equivocado quem disse ou pensou dessa forma. A vereadora Fátima Araújo é daquelas que trabalha sete dias por semana, 30 dias por Mês e 365 dias por ano. É uma parlamentar que trabalha diuturnamente pelo bem estar da população de São Luís. São lutas que não cessam, e os resultados sempre são positivos com ações altamente produtivas.

Um dos encontros foi uma audiência com o Major Marcelo José e representantes do Programa Pacto Pela Paz , da Secretaria de Estado de Segurança Pública com várias comunidades de São Luís. A audiência aconteceu no 6º Batalhão da Polícia Militar, no bairro da Cidade Operária. “Nessa reunião tratamos de assuntos importantíssimos para que nossas comunidades sejam cada vez mais pacificadas”, destacou a vereadora.

Outra reunião importante esta semana aconteceu com os representantes da Maternidade Maria do Amparo e o secretário municipal de Saúde, Lula Filho. “Após a reunião saí muito esperançosa com o resultado da conversa. Graças a minha Emenda Parlamentar, [A Casa Amiga da Criança] retornará suas atividades normais em breve e o bairro do João de Deus receberá um Centro de Marcação de Consultas. Duas importantes notícias para alegrar nossa população”, comemorou Fátima Araújo.

E para finalizar os encontros da semana, a Vereadora reuniu com o secretário municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), Canindé Barros. “Tratamos da linha de ônibus Aeroporto/São Cristóvão que havia sido retirada. Canindé garantiu que irá fazer um estudo em “regime de urgência” para que a linha volte a funcionar novamente”, enfatizou a Pequena Guerreira.

 

Fotos: Maxsuel Bruno

Requerimento da vereadora Fátima Araújo solicita recuperação de ruas no Centro Histórico

COMPARTILHE

Preocupada com a situação das vias públicas da capital maranhense, a vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), teve requerimento aprovado em sessão ordinária realizada nesta segunda-feira (11), que solicita ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e ao secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Antônio Araújo, a recuperação asfáltica e drenagem das ruas da Inveja e Sete de Setembro no centro de São Luís.

De acordo com o Requerimento Nº 035/2019, as referidas ruas encontram-se em estado precário de manutenção e os moradores, turistas e outras pessoas que por ali passam, estão encontrando dificuldades para transitar por aquele logradouro. Segundo Fátima Araújo, no inverso as vias ficam intrafegáveis, já que o fluxo de água é muito grande.

Indicação da vereadora Fátima Araújo solicita ao Governo do Estado o programa “Viva Internet” para o Complexo de Comunidades do João de Deus

COMPARTILHE

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB), teve indicação aprovada nesta semana na Câmara Municipal de São Luís, que solicita ao Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Planejamento e Orçamento (Seplan), a ampliação do programa “Viva Internet” com Wifi grátis no Complexo de Comunidades do bairro João de Deus.

De acordo com a Indicação da vereadora Fátima Araújo, o programa “Viva Internet” teria que fazer cobertura nos bairros João de Deus, Vila Conceição/João de Deus, Pirapora, Jardim Conceição, Residencial João Alberto e Santo Antônio. Milhares de famílias serão beneficiadas com o Programa, principalmente estudantes que não possuem condições financeiras para pagar planos de internet.

Em sua Indicação, a vereadora Fátima Araújo fez um argumento louvável, onde ela diz que mais de 65 mil famílias carentes serão beneficiadas no Complexo de Comunidades do João de Deus. “A grande maioria não tem acesso à internet, e os estudantes necessitam fazer pesquisas e 99% são de famílias carentes e não possuem condições para pagar um plano de internet. Além de estudar, os alunos precisam de interação social e a internet nos dar isso, principalmente comunicação”, destacou a Pequena Guerreira.

Criada a Instância de Governança do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás

COMPARTILHE

Foi criada nesta terça-feira (05), na cidade de Mirinzal, a comissão provisória da Instância de Governança Regional do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás. Foram eleitos Marcos Dominici, Turismólogo e coordenador de Turismo do município de Guimarães, para presidente e Gilberto Fonseca, secretário de Meio Ambiente e Turismo do município de Cururupu, como vice-presidente.

O evento contou com a participação de secretários, coordenadores, agentes de desenvolvimento, representantes do Sebrae da Unidade Regional de Pinheiro e das instituições ligadas à atividade turística dos municípios de Bequimão, Cedral, Central do Maranhão, Cururupu, Guimarães, Mirinzal e Porto Rico do Maranhão, que discutiram a criação da Instância de Governança do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás.

A partir de 2019 para integrar o Mapa do Turismo Brasileiro, só serão reconhecidas como regiões turísticas aquelas que contarem com Instância de Governança Regional, Conselhos Municipais de Turismo ativos e, pelo menos um, prestador de serviço inscrito no serviço de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que prestam serviços no Turismo (Cadastur). A ideia é estimular a participação da sociedade na definição, implantação e acompanhamento das políticas públicas do turismo, por meio do Programa Nacional de Regionalização do Turismo (PRT), do Ministério do Turismo, que seguem o princípio da gestão descentralizada.

As Instâncias de Governança Regionais são constituídas por um conjunto de municípios de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas que se unem para organizar e desenvolver a atividade turística regional de forma sustentável, por meio da integração contínua dos municípios, consolidando uma atividade regional.

A próxima etapa é de sensibilização e mobilização dos interlocutores estaduais e gestores municipais para adequação das novas regras para atualização do Mapa do Turismo Brasileiro.

Vereadora Fátima Araújo solicita melhorias para bairros da capital

COMPARTILHE

A vereadora de São Luís, Fátima Araújo (PCdoB) a cada dia amplia seu trabalho em prol das comunidades mais carentes da capital maranhense. Com um trabalho excelente e sendo uma das parlamentares mais atuantes da Câmara Municipal de São Luís, a Pequena Guerreira não pára, visita comunidades, realiza ações e reúne com moradores para ouvir os reclames da população e tentar solucioná-los.

Na ultima terça-feira (27) a vereadora Fátima teve mais um requerimento aprovado por unanimidade na Câmara Municipal em que solicita do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior e do secretário municipal de Obras e Serviços Públicos – Semosp, Antônio Araújo, para sejam incluídas no Programa Asfalto na Rua,  as ruas da Cerâmica, 1ª travessa da Cerâmica e 2ª travessa da Cerâmica no bairro João Paulo. O pedido da vereadora solicita serviços de drenagem e pavimentação asfáltica.

Na mesma sessão a vereadora Fátima Araújo teve uma indicação aprovada na Câmara que solicita ao governador do Estado Flávio Dino e ao secretário de Infraestrutura do Estado, Clayton Noleto a inclusão das ruas Travessa Terezinha de Souza, 1ª Travessa Terezinha de Souza, 2ª Travessa Terezinha de Souza e 3ª Travessa Terezinha de Souza no Programa Mais Asfalto localizadas no bairro Residencial João Alberto.

Para a vereadora Fátima Araújo a pavimentação dessas vias vai melhorar a vida de milhares de pessoas. De acordo com a parlamentar, pavimentação também melhora a saúde das pessoas, acaba com poeira, diminui os alagamentos e melhora a fluidez no trânsito, além de ajudar no fortalecimento do comercio local, na segurança publica e na economia da cidade.

 

Ivaldo Rodrigues foi o convidado do “Sala de Entrevista”, da TV Assembleia

COMPARTILHE

O secretário de Agricultura, Pesca e Abastecimento de São Luís, Ivaldo Rodrigues, foi o convidado desta quarta-feira (20) do “Sala de Entrevista”, quadro exibido no telejornal Portal da Assembleia (TV Assembleia). No bate-papo com o jornalista Juraci Filho, ele destacou os investimentos realizados para a produção, comercialização e escoamento da agricultura familiar na zona rural da capital maranhense. E salientou, também, o sucesso da Feirinha São Luís, iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, coordenada pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa).

A Feirinha, segundo o secretário, completa um ano neste mês de junho, contribuindo para a revitalização do Centro Histórico, para a geração e circulação de renda e a valorização da cultura local, além de ser uma opção de lazer para turistas e moradores da cidade aos fins de semana. Ao longo de um ano, foram realizadas 54 edições do evento, que ocorre sempre aos domingos, das 7h às 15h, na Praça Benedito Leite. Durante o primeiro ano, de acordo com informações de Ivaldo Rodrigues, a Feirinha São Luís movimentou mais de 20 toneladas de produtos e subprodutos da agricultura local.

Pelo menos 240 mil pessoas já circularam pela Feirinha, gerando um capital circulante de quase R$ 12 milhões, além de renda nos mais de 120 pontos de comercialização, dentro e no entorno da Praça Benedito Leite. No palco, montado em frente à Associação Comercial já foram realizadas 300 atrações. A Feirinha conta com cerca de 100 barracas  para venda de produtos oriundos da agricultura familiar, artesanato, alimentação, e ainda conta com food trucks e foodbikes.

Ivaldo Rodrigues enalteceu os avanços obtidos ao logo de um ano de execução da Feirinha São Luís. “Com esse programa, manifestamos, mais uma vez, nosso apoio aos pequenos produtores rurais, aos artesãos e artistas de nossa cidade. A Feirinha gera emprego e renda para pequenos produtores rurais da ilha, artesãos, microempreendedores e artistas locais que se apresentam durante o evento. É uma ação que vem dando muito certo e beneficiando vários segmentos da sociedade. Além dos trabalhadores, a Feirinha favorece turistas e famílias que passaram a contar com um lugar que oferece produtos naturais e de qualidade, e uma vasta programação cultural”, enfatizou.

Ivaldo Rodrigues acrescentou que cada edição traz novidades na programação cultural, nos serviços oferecidos e nos produtos comercializados. Ao longo de um ano, edições especiais da Feirinha foram realizadas em alusão a datas e festividades como Natal, Ano Novo, Carnaval, São João, aniversário da cidade, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia do Idoso e Dia da Consciência Negra, etc.

O espaço da Feirinha também foi utilizado para o desenvolvimento de campanhas voltadas à saúde pública, como “Outubro Rosa” e “Novembro Azul” e, ainda, de combate à violência contra as mulheres, como é o caso do feminicídio.

Ivaldo Rodrigues avaliou positivamente a evolução da Feirinha a cada edição. “Desde que foi planejado e aprovado pelo prefeito Edivaldo, esse programa foi pensado para beneficiar um público vasto. A Feirinha é uma ação que favorece produtores, artesãos, comerciantes da área, turistas e famílias ludovicenses. É muito bom observar que esse é um projeto que vem crescendo e se consolidando a cada edição”, enfatizou o titular da Semapa.

Além de ser uma opção de lazer para a população aos domingos, a Feirinha São Luís é uma oportunidade para que agricultores e artesãos possam comercializar seus produtos. O projeto é mais uma estratégia da Prefeitura de São Luís para o fortalecimento da agricultura familiar na capital, sendo um canal de escoamento da produção local, contribuindo com a melhoria na renda das famílias produtoras.

Ivaldo Rodrigues frisou que a Feirinha São Luís movimentou também o comércio local no entorno da Praça Benedito Leite e é mais uma das estratégias utilizadas pela Prefeitura de São Luís para a valorização do Centro Histórico. O espaço é mais um atrativo para que turistas e moradores possam conhecer a cultura e a gastronomia local e, ao mesmo tempo, circular pelas ruas do Centro Histórico, um espaço que vem sendo cada vez mais cuidado pelo poder público municipal.

 

Arraial do Movimento Solidariedade & Ação reúne grande público na João Alberto e Vila Conceição sábado (16)

COMPARTILHE

Se tem a mão da vereadora Fátima Araújo, o sucesso é garantido. Um dos maiores festejos juninos de todos os tempos está sendo realizado pelo Movimento Solidariedade & Ação na Vila Conceição no bairro João de Deus desde sábado (16). No Residencial João Alberto foram realizados dois dias (sexta e sábado), com um público fenomenal, graças a organização da vereadora Fátima Araújo e toda sua equipe.

Incansável em tudo que se propõe a fazer, a Pequena Guerreira cuida da organização, das atrações, movimento, barracas e ainda tem tempo para receber os amigos. Aliada aos integrantes de sua equipe, que trabalham diuturnamente, o resultado é sempre o esperado, e muita das vezes vai além das expectativas.

Com dezenas de brincadeiras folclóricas e atrações artísticas, o Arraial do Movimento Solidariedade & Ação reúne centenas de pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos. Um verdadeiro espaço reservado para as famílias e que conta com segurança (Polícia Militar) em todos os lados do Espaço Cultural da Vila Conceição.

Além dos moradores da Vila Conceição, o Arraial recebe gente de vários bairros da cidade, incluindo as comunidades que fazem parte do Complexo do João de Deus.  Por ser um espaço gigante, a arena suporta muita gente e fica ainda mais aconchegante. Nos dois dias de festa na Vila Conceição e João Alberto, já passaram as seguintes atrações:

RESIDENCIAL  JOÃO ALBERTO

(Sexta [15] 

  • Dança Portuguesa Império de Lisboa
  • Dança Country Festa de Rodeio
  • Show com Banda da Vassoura

Sábado [16])

  • Dança Portuguesa Cultura de Portugal
  • Dança Country Cawboys de Ouro
  • Dança Portuguesa Talentos de Portugal
  • Rafinha Maranhão e Banda.

VILA CONCEIÇÃO/JOÃO DE DEUS (Espaço Cultural)

SÁBADO (16/06)

  • Cacuriá do Candinho
  • Dança Portuguesa Cultura de Portugal
  • Dança Portuguesa Eterna Magia
  • Celma Marques

VÃO PASSAR AINDA NA VILA – DOMINGO (17/06)

  • Dança Country Festa de Rodeio
  • Dança Portuguesa Império de Bragança
  • Dança Portuguesa Bailado de Luzitano
  • Dança Portuguesa Encanto de Portugal
  • Show com o cantor Bruno Shinoda
  • Forró do PV

SEGUNDA-FEIRA (18/06)

  • Boi de Corda
  • Cacuriá Encantos da Vila Izabel
  • Dança Country
  • Dança Portuguesa Império Majestade de Portugal
  • Japa do Arrocha

O São João da Vila Conceição e Residencial João Alberto, tem a Realização do Instituto Solidariedade & Ação, apoio Prefeitura de São Luís e Governo do Estado e Vereadora Fátima Araújo.

Fotos: Edilson Gomes

Movimento Rosas Azuis realizará grande evento no próximo dia 17 de junho

COMPARTILHE
Em quase todas as cidades, capitais e estados do Brasil durante todo o mês de junho tradicional é realizada a festa junina; “Maior Manifestação Cultural do Nordeste”. Mas não só, junho também marca o mês da diversidade e luta por direitos da população LGBT. Pensando nisso, o Movimento Rosas Azuis já está se mobilizando para realizar um super bingo e uma deliciosa feijoada no próximo domingo(17), no Bar Fundo de Quintal.
A festa terá o brilho das participações das Tops Drags, Alexyan Schneider (eleita 2017) e Pennelloph Stracy (eleita 2018), e contará ainda com a apresentação do grupo de dança Tentação do Funk e com o show do cantor Rafinha Maranhão (o show mais tradicional do João de Deus), além de uma grande Roda de Tambor de Criola. O evento visa angariar fundos para realização da 2ª Parada LGBT do Bairro João de Deus. Os interessados em adquirir cartelas para o bingo ou ingressos para degustar a feijoada, podem endereçar mensagens e tirar suas dúvidas na Página Oficial do Movimento Rosas Azuis no Facebook.
A data da Parada LBGT 2018 do João de Deus ainda não foi oficialmente divulgada pela organização. A edição 2018 da Parada, será a segunda manifestação LGBT realizada no Bairro João de Deus. A primeira foi em 2017 e também teve a organização do Rosas Azuis que, nessa edição terá o apoio do Instituto ISA (Instituto Solidariedade & Ação).
Por Maxsuel Bruno

SOTAQUES: Exposição faz passeio pela diversidade rítmica do Bumba-Meu-Boi

COMPARTILHE

Quem dá as boas-vindas aos visitantes, logo na entrada, é o casal que protagoniza a lenda do bumba-meu-boi, Pai Francisco e Mãe Catirina. Os bonecos fazem referência à história da mulher grávida que desejou comer a língua de Mimoso, o boi preferido do Fazendeiro, patrão de Pai Francisco, marido de Catirina.

Todos os grupos de bumba-meu-boi do Maranhão homenageiam a trama que se desenrola quando Pai Francisco resolve satisfazer o desejo da mulher e, para isso, mata Mimoso. O que acontece depois inúmeras toadas narram, há gerações: o casal foge da Fazenda, os vaqueiros vão em busca, os índios surgem na floresta, repleta de espíritos protetores da mata, chamados de Cazumbás – ou Cazumbas; Mimoso torna a viver, o casal é perdoado e todos na Fazenda, juntos, dançam felizes pela vida do boi.

A história é a mesma, mas as formas de homenageá-la mudam, de acordo com a região do estado em que a tradição se mantém. É justamente essa viagem pela diversidade rítmica do bumba-meu-boi que a exposição “Sotaques” possibilita ao público. Em cartaz até o dia 16 de junho, no Rio Anil Shopping, a mostra traz elementos dos cinco principais sotaques maranhenses de bumba-meu-boi.

Sotaque da Ilha – Boi de Matraca

O primeiro espaço é reservado ao mais popular e numeroso sotaque. O instrumento que dá nome a essa variação é a matraca, dois pequenos pedaços de madeira que motivam os seguidores e fãs de cada boi a engrossarem a massa sonora de cada “Batalhão”. Além das matracas, são usados pandeirões e tambores-onça, uma espécie de cuíca com som mais grave. Na frente do grupo fica o cordão de rajados, caboclos de fitas, índias, vaqueiros e caboclos de pena.

Sotaque de Orquestra

Além, claro, da capoeira – carcaça usada pelos miolos, pessoas que dão vida ao boizinho, no espaço reservado ao sotaque de orquestra estão as indumentárias utilizadas pelas índias e pelos vaqueiros de fita e campeadores. Ao incorporar outras influências musicais, o Bumba-meu-boi ganha neste sotaque o acompanhamento de diversos instrumentos de sopro e cordas, como saxofone, clarinete e banjo. Peitilhos (coletes) e saiotes de veludo com miçangas e canutilhos são alguns dos detalhes nas roupas dos brincantes.

Sotaque da Baixada

Neste canto da mostra, o Sotaque que nasceu na região de Pindaré-Mirim, na baixada maranhense, é destaque. Os pandeirões, muito utilizados em outras variações, também estão presentes aqui, a diferença é que o ritmo é mais cadenciado. Este sotaque também se apresenta com índias e caboclos de pena, além dos cazumbás e suas indispensáveis caretas – Máscaras acompanhadas por chapéus grandes, pesados e esculturais.

Sotaque de Guimarães – Boi de Zabumba

Guimarães é outra cidade histórica, que também fica na baixada maranhense. Lá, nasceu uma variação do sotaque de Pindaré, com utilização de pandeirões menores que são tocados em ritmo mais acelerado. Este sotaque marca a forte presença africana na festa. Pandeirinhos, maracás e tantãs, além das zabumbas, dão ritmo para os brincantes. No vestuário, destacam-se golas e saiotas de veludo preto bordado e chapéus com fitas coloridas.

Sotaque Costa de Mão

Na exposição, o maior espaço é destinado à homenagem a esse sotaque, que, em 2017, quase desapareceu dos terreiros juninos. Como forma de valorizá-lo e reergue-lo, vários grupos de bumba-meu-boi, de vários outros sotaques, decidiram homenagear esse ritmo tão tradicional e, por isso, ele tem espaço de destaque na mostra. Típico da região de Cururupu, na baixada maranhense, ganhou este nome devido a uns pequenos pandeiros tocados com as costas da mão. Caixas e maracás completam o conjunto percussivo. Além de roupa em veludo bordado, os brincantes usam chapéus em forma de cogumelo, com fitas coloridas e grinaldas de flores.

SERVIÇO

O QUE: Exposição Sotaques

QUANDO: 02 a 12 de junho, sábado

ONDE: Rio Anil Shopping – Piso L1, próximo ao Espaço Co-Working

ENTRADA: Gratuita

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free