casa » BEQUIMÃO (página 5)

BEQUIMÃO

Prefeito Zé Martins prestigia Casamento Comunitário em Bequimão

COMPARTILHE

Um dia dedicado à celebração do amor e a união de casais. Assim foi realizado, nesta quinta-feira (14), o II Projeto Casamentos Comunitários da cidade de Bequimão, localizada na Região do Litoral Ocidental Maranhense. O evento foi promovido pela Comarca Municipal do Tribunal de Justiça em parceria com a Prefeitura e comerciantes locais. Foram cinco meses de organização até o momento do ‘sim’ de vários apaixonados.

Na cerimônia, 111 casais tiveram a oportunidade de fazer a regularização civil. A festa começou com a recepção dos noivos, a formação da Mesa e com os pronunciamentos das autoridades presentes. Com o ginásio Poliesportivo do bairro de Fátima lotado, a festa reuniu casais de várias idades. O evento teve o apoio logístico e pessoal da prefeitura de Bequimão.

O primeiro casal a selar o casamento foi formado por pessoas mais idosas. Logo após, o casal o mais novo de todos oficializou o compromisso. O terceiro casal foi o primeiro a se inscrever no projeto Casamento Comunitário. Por fim, uma força tarefa formada por quatro juízes casou todos os inscritos.

Segundo o prefeito de Bequimão, Zé Martins, a festa atendeu todas as expectativas. “Participar desta linda festa traz prazer, e uma emoção ver a realização de sonhos de pessoas que não tinham condições. A Prefeitura fez plantão e colocou todo o corpo técnico à disposição para proporcionar este momento para todos os casais,” destacou o prefeito.

De acordo com o oficial de Registro Civil de Bequimão, Rogério Araújo, a solenidade representa a facilidade para todos os casais e que eles possam resolver problemas futuros com uma simples certidão de casamento. “O registro civil é importante para diminuir a burocracia. Este casamento representa a legalização de centenas de casais na cidade,” relatou.

Para a titular da Comarca do Município, a juíza Michele Amorim, o casamento comunitário representa a legalização de casais e a redução de processos no Fórum. “Após dezoito anos da primeira edição do projeto Casamentos Comunitários é muito bom estar à frente da Comarca, porque nós conseguimos oficializar cento e onze uniões. Isso representa o fato de que essas pessoas estão resgatando a cidadania e facilidade em outros processos. Essas uniões servem para mostrar que essas pessoas estão legalizadas por meio do casamento”, frisou a magistrada.

No fim da cerimônia, os recém-casados foram agraciados com um sorteio de brindes doados pelos comerciantes da cidade de Bequimão. Foram aproximadamente 70 produtos sorteados por meio da senha de ordem que cada casal recebeu de acordo com sua inscrição no casamento.

Os juízes Rafael Felipe, Holídice Cantanhende, Urbanete de Angiólis, o padre Domingos Igino, o pastor Geziel de Jesus e outras autoridades do legislativo, executivo e judiciário participaram do II Projeto Casamentos Comunitários de Bequimão, Além dos secretários municipais, José Orlando Ferreira (Administração e Transportes), Dinha Pinheiro (Cultura e Igualdade Racial), Sidney Bouéres (Saúde), Josmael Castro (Assistência Social), o vice-prefeito Magal e a diretora do Hospital Lídia Martins, Jany Matos.

A mesma edição deste projeto Casamentos Comunitário foi realizada na cidade de Peri-Mirim, na última quarta-feira (13) e reuniu 50 casais. Como o município de Peri-Mirim pertence à Comarca de Bequimão, a juíza Michele Amorim também esteve a frente dessa organização com toda sua equipe de servidores do judiciário.

Texto: Tarcísio Brandão

Fotos: Jorge Mamede/Tarcísio Brandão

Prefeitura de Bequimão inicia coleta de dados do projeto de pesquisa que estuda as condições de vida e saúde dos idosos Quilombolas

COMPARTILHE

A prefeitura de Bequimão, através das secretarias de Cultura e Promoção da Igualdade Racial e Saúde, em parceria com profissionais da saúde da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), iniciou a primeira coleta de dados do projeto de pesquisa que estuda as condições de vida e saúde dos idosos Quilombolas bequimãoenses.

O objetivo do estudo através de uma metodologia eficaz, é analisar as condições de vida desse publico alvo através de um processo de coleta de dados e informações detalhadas de cada paciente remanescente no Quilombo. Na ocasião são feitas dentre diversas atividades, exames, avaliação física, mental, nutricional, consultas clínicas e especificas, entre outros.

Desta forma, o povoado Conceição, comunidade certificada foi contemplado como os pioneiros no processo, os atendimentos foram feitos na UBS do povoado vizinho de Paricatíua. Desde que assumiu a administração do do município de Bequimão, o prefeito Zé Martins sempre apoia iniciativas dessa grandeza. E a Secretaria de Saúde, sempre trabalhando em parceria com as demais e órgãos.

Para o Secretário de Saúde de Bequimão, Sidney Bouéres, é mais um grande avanço que o município está dando na saúde pública. “É sempre gratificante disponibilizar o poder público local para apoiar e incentivar esse tipo de iniciativa, pois através dessa integração, que podemos aproximar mais ainda a população das politicas públicas, e sempre com o apoio, aval e dedicação do prefeito Zé Martins”, destacou o secretário.

Feira Cultural e Ambiental traz o tema dos Recursos Hídricos para a Escola e Comunidade Bequimãoense

COMPARTILHE

Preservar o Meio Ambiente tornou-se uma meta no município de Bequimão, desde 2013. Durante a Semana Municipal de Meio Ambiente de 2018, várias atividades e ações foram realizadas pelo poder público municipal e a comunidade bequimãoense. Baseado nesse contexto programático, a I Feira Cultural e Ambiental da Escola Protázia Rodrigues Soares, localizada na comunidade Barroso, colocou em cena a discussão sobre o tema dos recursos hídricos, dando ênfase a questão dos impactos ambientais e da revitalização do Rio Verde ou Rio do Barroso, como é conhecido na região.

Organizada a partir de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo (SEMATUR) e a Escola Municipal Protázia Rodrigues Soares, a ação envolveu técnicos, diretores, professores, alunos e comunidade. O resultado foi a satisfação de ver todo mundo envolvido com o tema.

Com o Lema “Revitalização do Rio Verde: a Escola abraça essa causa”, a I Feira Cultural e Ambiental movimentou a Escola fundamental do Barroso, trazendo para a sala de aula a questão da água, dos rios, nascentes e demais fontes de água. Trabalhada na programação de forma lúdica (dramatizações, paródias), através de documentários em vídeo e exposições fotográficas que contavam e demonstravam a importância do Rio do Barroso para várias gerações, inclusive a atual.

Maquetes e miniaturas que contavam a história do rio no seu auge, e os impactos atuais, e a exposição de plantas nativas que formam a mata ciliar do rio, transformou a sala de aula numa “pequena floresta”. Tudo isto, seguido das explicações dos alunos aos visitantes da Feira.

Na programação também foi realizada a entrega dos prêmios aos primeiros colocados do I Concurso de Redação  que teve como tema:“Degradação do Rio Verde: Como combate-la e contribuir com a revitalização do rio”, que ocorreu no último dia 20 de maio, com a participação massiva dos alunos.

A vencedora no segmento (3º ao 5º ano), foi Ana Luíza Pereira Pinheiro. Já do (6º ao 9º ano) foi Brenda Rafaela Pereira Boaes, que receberam os tablets oferecidos pela Secretaria de Meio Ambiente  com muita emoção, seguido de agradecimentos a escola e as famílias.

No Encerramento a cultura popular aflorou o espaço educativo, e o som ecoou com tambor de crioula que alegrou a todos nos cantos e nas danças, que resgatam a cultura Afro e seu respeito ao meio ambiente.

Para a  Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, Keila Soares, o evento mostrou a importância de educar para revitalizar. “É importante o Programa municipal de revitalização dos recursos hídricos, pois trata de um recurso imprescindível ao bem estar e a vida da população. Quero agradecer a parceria da Escola na realização de várias ações e também, aos esforços de nossa equipe de trabalho (José Manoel, Rosiney Góes e Edmilson Pinheiro) que trabalharam incansavelmente para realização do concurso e da feira”, destacou.

Participaram representando o poder público municipal, os secretários Aristides França (Educação), Sidney Bouéres (Sáude), Josmael Castro (Assistência Social), Ana Cleia (coordenação municipal de educação no campo), Wanderson Farias (psicólogo do CREAS), os vereadores Jorge Filho e Professor Zeca, e diretores do Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Agricultores Familiares e Membros do Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMMAM).

Texto: Edimilson Pinheiro

VEJA MAIS FOTOS CLICANDO (AQUI…)

Prefeito Zé Martins participa da Oficina de Saúde aos quilombolas bequimãoenses

COMPARTILHE

Investir na saúde dos moradores das Comunidades Quilombolas em Bequimão, tem sido uma meta na gestão do prefeito Zé Martins desde que assumiu o comando da administração do município em 2013. Foram inúmeras ações que beneficial diretamente os quilombolas, incluindo crianças, jovens, adultos e idosos. A primeira medida foi criar através de um projeto de lei, a Semana do Bebê Quilombola, que leva ações em saúde, educação e políticas públicas para todas as comunidades remanescentes.

Um projeto de pesquisa denominado “Vulnerabilidade às DST/AIDS e hepatites virais em comunidades de remanescente de quilombo na Macrorregião de saúde de Pinheiro – MA”, com iniciativa conjunta do NuRuni/UFMA e a FAPEMA, busca compreender os diferentes fatores de vulnerabilidade às DST/AIDS e hepatites virais a que estão expostos aos jovens das comunidades remanescentes de quilombo da regional de saúde de Pinheiro –MA.

A oficina realizada em parceria com o MOQUIBOM/MOQBEQ nos dias 02 e 03 de junho no município de Bequimão– MA, combinou momentos lúdicos para o encontro, reconhecimento, confraternização e socialização com gestores e operadores dos serviços de saúde, e militantes de movimentos quilombolas sobre Políticas de Saúde no Brasil, além de debater temas como Racismo e seus impactos na Saúde da População negra, Política Nacional de Saúde Integral da População Negra, vulnerabilidades e riscos às Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) e hepatites  virais em comunidades quilombolas, e também o cuidado à saúde nas comunidades (As artes de cuidar e de curar de matrizes africana e indígena, O trabalho das parteiras leigas e das benzedeiras).

A Secretaria Municipal de Saúde, deu sua contribuição com sua equipe de profissionais que realizou testes de glicemia, sífilis e vacinação anti-gripe. O prefeito Zé Martins compareceu ao evento e abraçou a ideia do projeto, se colocando a inteira disposição dos organizadores.

COLABORADORES NO PROJETO

  • Claudean Serra Reis – Enfermeiro do HUUFMA e discente do Programa de Pós Graduação em Saúde e Ambiente da Universidade Federal do Maranhão.
  • István van Deursen Varga – médico e antropólogo. Doutor (pós-doutorado) em Saúde Pública (Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo). Coordenador geral do NuRuNi/PPGSA/UFMA.
  • Raimundo Luís Silva Cardoso – Mestre em Saúde e Ambiente (Universidade Federal do Maranhão/Programa de Pós-Graduação em Saúde e Ambiente). Coordenador do campo de saúde do NuRuNi/PPGSA/UFMA
  • Antônio Henrique França Costa – pedagogo. Mestre em Cartografia Social e Política da Amazônia, pela Universidade Estadual do Maranhão. Coordenador do campo de educação do NuRuni/UFMA.
  • Ana Luísa e Sônia – técnicas do departamento IST/AIDS e hepatites virais da SES-MA.
  • Paulo Cesar – coordenador da RENAFRO – MA. Pesquisador do NuRuNi/PPGSA/UFMA.

Foto/Reprodução

Mutirão do Glaucoma atende 149 pessoas em Bequimão

COMPARTILHE

O segundo Mutirão de Glaucoma realizado no município de Bequimão em 2018, com o apoio da prefeitura e parceria dos governos federal e estadual, contou com 149 atendimentos, incluindo moradores das zona rural e urbana. Os paciente que foram diagnosticados com a doença receberam gratuitamente o colírio para ser usado por 90 dias, até a próxima consulta, que deverá acontecer em setembro deste ano.

Para o Secretário de Saúde de Bequimão, Sidney Bouéres, essas ações de combate ao glaucoma tem sido importantes para a população. “Mais um mutirão feito em parceria com a prefeitura de Bequimão, onde disponibilizamos à nossa população uma oportunidade de fazer seu diagnóstico e tratamento da doença. Dessa forma nós da secretaria de saúde estamos sempre focados e avançando na politica e prevenção em nosso município. Isso é uma determinação do prefeito Zé Martins que de forma objetiva e eficiente luta para manter um padrão de qualidade na Saúde dos bequimãoenses”, destacou o secretário.

Foram 149 pacientes atendidos na última sexta-feira (01), sendo 61 sem o glaucoma e 88 com a doença.  O atendimento aconteceu no Centro de Saúde Santo Antônio, no Centro da cidade. O secretário Sidney Bouéres esteve presente na ação e conversou com os pacientes, explicando que a prefeitura vai dar todo apoio em caso do diagnóstico do Glaucoma.

Fotos: Reprodução

 

Prefeito Zé Martins autoriza pagamento de servidores de Bequimão referente ao mês de maio

COMPARTILHE

O prefeito Zé Martins (MDB), autorizou nesta sexta-feira (01), o pagamento dos servidores da Prefeitura Municipal de Bequimão, referente ao mês de maio. No início das primeiras horas deste sábado, dia 02 de junho, os vencimentos já estarão nas respectivas contas bancárias.

Mais uma vez os salários dos funcionários municipais são pagos dentro do calendário, como já se tornou marca na administração de Zé Martins desde 2013.

Mesmo com toda a crise que atrapalha o desenvolvimento do país, a economia do município de Bequimão ganha fôlego e o comércio aumentará seu faturamento com o pagamento dos servidores municipais.

Prefeito Zé Martins assina Termo de Cooperação Técnica que contempla Bequimão com internet gratuita pelo Governo do Estado

COMPARTILHE

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, acompanhado de assessores, participou na tarde desta terça-feira, dia 29, em São Luís, da solenidade de lançamento da Expansão da Rede de Internet Gratuita do Maranhão (Maranet). O evento foi promovido pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

Na ocasião Zé Martins assinou os Termos de Cooperação Técnica que serão celebrados entre a Secti, os provedores de internet habilitados e a prefeitura do município de Bequimão que receberá a Maranet para ser instalada em pontos de grande movimentação na cidade.

“A Rede Maranet é uma ferramenta de democratização do acesso à internet no Maranhão. Hoje contamos com 14 pontos de acesso e ampliaremos esse número para 75 pontos de internet grátis no Estado. Para viabilizar essa expansão contamos com provedores parceiros que irão fornecer um sinal de qualidade”, ressaltou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles.

Para o prefeito Zé Martins, a chegada de internet gratuita em Bequimão vai facilitar a vida de estudantes. “É mais uma parceria entre a prefeitura e o governo do Estado. Esse programa de Expansão da Rede de Internet Gratuita do Maranhão vai ajudar e facilitar muito a vida de estudantes que as vezes tinham dificuldades para fazer pesquisas. Espero que outras parcerias virão para ajudar nossa população que precisa muito do poder público”, destacou Martins.

Bequimão será um dos 61 municípios contemplados nessa nova etapa, recebendo internet de alta velocidade, promovendo a inclusão digital dos bequimãoenses. O Wi-Fi grátis será instalado em locais que possibilitem a participação da população em geral.

A Maranet

A Rede de Internet Grátis do Maranhão (Maranet) integra o programa Cidadania Digital. O objetivo é oferecer internet gratuita em locais de grande movimentação para que mais maranhenses sejam incluídos no mundo digital.

 

Prefeitura de Bequimão vai realizar o segundo Mutirão do Glaucoma em 2018 nesta sexta (01)

COMPARTILHE

A prefeitura de Bequimão através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com os Governos do Estado e Federal, por meio do Hospital da Visão, vai realizar mais uma edição do Mutirão de Combate ao Glaucoma, nesta sexta-feira, dia 01 de junho, a partir das 13h, no Centro de Saúde, antiga Unidade Mista, localizado na Rua Capitão José Castro, no Centro da cidade. É a segunda consulta de 2018, já que em março o município recebeu a primeira edição deste ano. Em 2017 foram beneficiados com esse tipo de ação, 624 pacientes. Para obter a consulta, o paciente precisa levar Carteira de Identidade (RG), Cartão do SUS e Comprovante de residência.

Desde 2013, a equipe de governo do prefeito Zé Martins já articulou diversos mutirões de combate as doenças da visão, como glaucoma, pterígio e catarata, beneficiando centenas de bequimãoenses. Depois das consultas de triagem, os pacientes que precisam de intervenção cirúrgica são encaminhados para São Luís, recebendo suporte da Secretaria Municipal de Saúde nos custos com deslocamento, alimentação e medicamentos. Já quem precisa apenas da medicação, recebe o colírio na hora, inteiramente grátis para usar por 90 dias.

PROCEDIMENTOS DURANTE A CONSULTA
Durante a consulta, o paciente passa por avaliação médica e exames capazes de detectar o glaucoma ou outra patologia ocular. Os procedimentos verificam falhas no campo de visão central e periférica do paciente, além de medir a pressão interna do globo ocular e avaliar as estruturas do fundo do olho.

A partir do diagnóstico, o paciente é encaminhado para o tratamento adequado, que pode ser uma cirurgia. Para combater o glaucoma, o programa ainda oferece colírios gratuitos e orienta os pacientes sobre o uso correto da medicação.

GLAUCOMA

O glaucoma é uma lesão do nervo óptico que pode provocar a cegueira. A doença, muitas vezes assintomática, causa um aumento rápido na pressão intraocular. Pacientes com idade acima dos 40 anos e portadores de doenças como diabetes, problemas cardíacos, hipertensão e hipertireoidismo devem estar atentos e participar das atividades do mutirão.

 

Campanha de doação em Bequimão supera expectativa da Igreja Adventista e Prefeitura

COMPARTILHE

Uma parceria entre a Prefeitura de Bequimão, Igreja Adventista do Sétimo Dia de Bequimão e Hemomar, realizou um grande ato solidário no último sábado, dia 26 de maio, batizado de Campanha de Doação de Sangue. A ação faz parte do projeto Impacto Esperança,  e partiu de uma iniciativa voluntária promovida pelos Jovens Adventistas da cidade. Durante a ação foram realizadas aferição de pressão arterial, exames de glicemia, testes rápidos e outros procedimentos. A secretaria de saúde parceira do evento, tanto na coleta do sangue, quanto na participação de técnicos da secretaria fazendo exames durante todo dia no evento.

Durante a campanha passaram 70 pessoas pela triagem e foram coletadas 47 bolsas de sangue, 250 atendimento na aferição de pressão e teste de glicemia. Além disso foram distribuídos 3.075 livros, 1.500 copos de água, 500 peças de roupa, 47 mechas de cabelos. A ação superou todas as expectativas dos organizadores.

Para o secretário municipal de saúde de Bequimão, Sidney Bouéres, a ação tem a marca de uma parceria bem sucedida entre a Igreja Adventista e Prefeitura de Bequimão. “Mais uma vez a Administração do prefeito Zé Martins demonstra sensibilidade e responsabilidade social, em apoiar eventos dessa grandeza. Nós, da secretaria de Saúde participamos como parceiros e nos sentimos felizes, em contribuir para esse resultado. Disponibilizamos profissionais para prestarem atendimentos, exames, orientações e etc. Além, de dar suporte nas coletas de sangue. Quero parabenizar a toda equipe organizadora, e dizer que estamos sempre à disposição”, destacou.

Quem esteve prestigiando a ação foi o vice-prefeito de Bequimão, Sidney Nogueira (Magal).

Fotos: Sidney Bouéres

Prefeitura e Sebrae realizam curso para Mulheres Empreendedoras em Bequimão

COMPARTILHE

Fomentar a visão empreendedora entre as mulheres, estimulando-as a transformar suas realidades através do seu próprio trabalho, foram um dos objetivos do curso Mulheres Empreendedoras realizado na cidade de Bequimão no período de 22 a 24 de maio. Promovido pelo Sebrae/Ma, através da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Sala do Empreendedor com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) e do Centro de Referencia de Assistência Social (CRAS).

Participaram das duas turmas do curso 41 empresárias e potenciais empreendedoras do município que foram orientadas a compreender, o conceito de empreendedorismo e as características do comportamento empreendedor. Nesse encontro, as mulheres identificaram seus potenciais e talentos empreendedores, analisaram as oportunidades de negócios e refletiram sobre as ações necessárias para a implementação e criação de um negócio.

A consultora e instrutora do Sebrae Maranhão, Simone Saraiva conduziu as atividades, com foco no tema “Escrevendo a historia do empreendedorismo feminino”. Simone destacou o entusiasmo das mulheres com o tema e trabalhou dinâmicas voltadas para a valorização das mulheres enquanto empreendedoras do seu próprio negócio.

Para Rodrigo Martins, coordenador da Sala do Empreendedor, “o curso contribuiu para fortalecer a autoestima e ajudar as mulheres a perceberem formas de transformar a realidade da mulher no mercado de trabalho, permitindo que elas alcancem mais autonomia econômica e social”, destacou.

Participaram da entrega dos certificados, a gerente regional do Sebrae, da Unidade de Pinheiro, Graça Fernandes; o secretário municipal de Saúde, Sidney Bouéres; e o Coordenador da Sala do Empreendedor, Rodrigo Martins.

Fotos: Rodrigo Martins

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free