casa » BEQUIMÃO (página 36)

BEQUIMÃO

Feirantes de Bequimão são remanejados para o Mercado do Peixe

COMPARTILHE

A partir desta segunda-feira (29), os feirantes de Bequimão começaram a trabalhar no Mercado do Peixe, local mais adequado para a comercialização de alimentos. Os ambulantes foram remanejados da Avenida Antônio Dino para o mercado, cumprindo acordo celebrado entre feirantes, Ministério Público e Prefeitura Municipal de Bequimão, em audiência pública realizada no dia 24 de maio.

A venda de carnes, frangos e peixes, passou a ser feita nos boxes dentro do mercado municipal. Para alguns feirantes que comercializam hortaliças, as banquinhas da Feira da Agricultura Familiar foram organizadas na praça que fica em frente.

Em até 90 dias, a administração do prefeito Zé Martins deve entregar o novo Mercado Municipal, Avenida Antônio Dino.

 

 

Ponte do Balandro está pronta para ser inaugurada

COMPARTILHE

A construção da Ponte do Balandro, uma das principais reivindicações do povo bequimãoense em relação à infraestrutura do município, já foi concluída. Para a obra, o Governo do Estado destinou R$ 2.965.364,00. A contrapartida da Prefeitura Municipal de Bequimão era fazer o aterramento das cabeças da ponte, trabalho que será finalizado ainda nesta semana.

Dezenas de caçambadas de piçarra também estão sendo colocadas para recuperar a estrada que dá acesso ao bairro do Balandro e aos povoados vizinhos. Com a construção da ponte sobre o Rio Itapetininga, serão beneficiadas, diretamente, milhares de pessoas do bairro que dá nome à ponte e dos povoados Santa Vitória, Barroso, Floresta, Santana, Centrinho de Santana, Juraraitá, Beirada, Cai-Cai, Iribuí, Itaputíua, Calhau, Ponta do Soares, Carrapicho e Sassuí, além de encurtar a distância para quem mora na região de Jacioca.

A lavradora Benedita Amorim Costa, de 37 anos, moradora da Comunidade Guaribal, região de Jacioca, utilizou a nova ponte e já percebeu as vantagens do trajeto mais curto. “Nem sempre temos dinheiro para pagar passagem de carro. Agora dá pra fazer esse caminho até de bicicleta. A gente entra no Barroso e atalha bastante. Até os donos de carros de passageiros vão passar a andar por aqui, tenho certeza”, disse, satisfeita.

A nova Ponte do Balandro mede 72 metros de comprimento e 12 metros de largura, com duas pistas para veículos e uma passarela de cada lado para pedestres. O ponto tem recebido a visita de muita gente, que busca registrar em fotografias a realização desse antigo sonho do município.

“Foram muitos esforços somados para que essa obra saísse. No começo da minha primeira administração, consegui junto ao então governo Roseana Sarney a retomada da obra. O financiamento foi viabilizado junto ao BNDES e a licitação aconteceu em 2014. No início de 2016, tive uma audiência com a secretária estadual das Cidades, Flávia Alexandrina, para solicitar o reinício das obras, que haviam sido interrompidas no final do ano anterior. Agora, o Governo do Estado finalizou o trabalho e quem mais ganha com isso é o povo de Bequimão”, ressaltou o prefeito Zé Martins.

Bequimão-MA: profissionais da educação participam de formação continuada em Gestão Pedagógica

COMPARTILHE

Profissionais que atuam na Rede Municipal de Educação participaram, na quinta (25) e sexta-feira (26), da Formação Continuada para Gestores e Coordenadores Pedagógicos, promovida pelo Governo do Estado, por meio do programa Escola Digna, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão.

Voltado para questões relacionadas ao eixo Gestão Pedagógica, o curso foi ofertado para 55 gestores e técnicos que trabalham nas políticas educacionais do município. “Uma grande oportunidade para melhorarmos ainda mais a gestão democrática e participativa nas escolas da rede municipal”, destacou o vice-prefeito, Sidney Nogueira (Magal), que participou da abertura dos trabalhos.

Segundo o secretário municipal de Educação, Aristides Amorim, a formação continuada de professores, técnicos e gestores da área tem recebido investimentos constantes na administração do prefeito Zé Martins. “A finalidade é melhorar os indicadores educacionais do nosso município. Já conseguimos resultados mais positivos no IDEB e atribuímos isso, em grande parte, às formações que nossos profissionais têm feito”, ressaltou.

FORMAÇÃO CONTINUADA

A Prefeitura de Bequimão ofertou, entre 2013 e 2016, cinco cursos de formação continuada aos profissionais da educação, em parceria com instituições do Governo Federal e, ainda, pela própria equipe da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

A mais longa das formações foi a que preparou os educadores bequimãoenses para o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade (PNAIC), que teve início em 2013 e terminou somente no mês de maio de 2016. Essa formação foi direcionada aos professores que trabalham com turmas do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental.

A Semed também promoveu, em 2014 e 2015, uma formação continuada para os professores da alfabetização infantil. Já os profissionais que atuam em turmas do 5º ao 9º ano participaram de uma formação direcionada ao ensino de Português, Matemática e História.

Considerando o contexto de Bequimão, em que a maior parte de sua população é negra, foram ofertados dois cursos com enfoque nas questões étnico-raciais. A primeira, em parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) – Campus Maracanã, sobre Educação Escolar Quilombola. A segundo, em 2015, por meio do Plano de Ações Articuladas, do Ministério da Educação, teve enfoque na educação em comunidades quilombolas.

Prefeito Zé Martins, Ministério Público e feirantes acertam mudança de venda de alimentos para o Mercado do Peixe

COMPARTILHE

Em audiência pública realizada na última quarta-feira (24), reunindo o Ministério Público, o prefeito Zé Martins, feirantes e a comunidade bequimãoense, foi debatida a regularização da venda de alimentos em Bequimão. Segundo ficou acordado, os vendedores de carnes bovina e suína, frangos, peixes e hortaliças serão remanejados para o Mercado do Peixe, próximo ao Cais do Porto.

Há quase dez anos, ambulantes comercializam seus produtos na Avenida Antônio Dino, Centro da cidade. O prefeito Zé Martins explicou que, no início de sua gestão, ainda em 2013, os feirantes foram chamados para uma reunião, com o objetivo de viabilizar seu remanejamento para o Mercado. O prédio chegou a ser reformado, recebendo a estrutura adequada para maior higiene na comercialização de alimentos, mas houve resistência dos vendedores ambulantes.

De acordo com o Ministério Público, em termo de ajustamento de conduta proposto pelo promotor Renato Madeira Reis, a venda de alimentos em local público inadequado fere o direito do consumidor e gera situações que colocam a saúde da população em risco.

Os feirantes concordaram com o deslocamento para o Mercado do Peixe e o prefeito Zé Martins comprometeu-se em, até 90 dias, entregar o novo Mercado Municipal da Avenida Antônio Dino. A partir desta segunda-feira (29), está proibida a venda de alimentos em barracas na Avenida Antônio Dino.

Também participaram da audiência o secretário de Comércio, Ademar Costa, e o vereador Jorge do Paricatíua.

Prefeitura de Bequimão realiza dia “D” de vacinação contra a gripe

COMPARTILHE

A Prefeitura de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realizou na última sexta-feira (19) o dia “D” de vacinação contra a influenza, marcando o início da campanha vacinal deste ano no município. A ação aconteceu no Salão Paroquial, no Centro, com mobilização de diversos profissionais da saúde.

Foram aplicadas 160 doses da vacina, somente nesse primeiro dia. A equipe da saúde fez também fez a aplicação em todos os pacientes internados no Hospital Lídia Martins. Até a próxima sexta-feira, quando se encerra da campanha de vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde pretende cumprir a meta de cobertura vacinal, como vem ocorrendo nos últimos quatro anos.

De acordo com o secretário de Saúde, Sidney Bouéres, foi montada uma estratégia envolvendo os profissionais da área, para que a vacina que previne contra a gripe alcance todo o público alvo. “Durante a ação deste dia ‘D’, tivemos a presença de médicos, enfermeiros, técnicos, agentes comunitários de saúde. Vamos contar com o envolvimento e apoio desses profissionais, que ajudaram Bequimão a ter suas campanhas de vacinação em dia e cumprindo todas as metas, como não ocorria no passado”, destacou.

GRUPO PRIORITÁRIO

O público-alvo da campanha é formado por pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto) e portadores de doenças crônicas não transmissíveis.

PONTOS DE VACINAÇÃO

As pessoas que fazem parte do grupo prioritário podem se vacinar em um dos postos disponibilizado pela Prefeitura de Bequimão nas UBS”s de Areal, Quindíua, Santana, Bebedouro, Paricatiua, Macajubal, Mojó e Jacioca, além do antigo hospital. O município ainda dispõe vacina e a campanha vai até o dia 26 de Maio.

MAIS ATENDIMENTOS

Além da vacinação, foram feitas 189 aferições de pressão arterial e 158 testes de glicemia. Teve, ainda, 99 atendimentos preliminares e orientações, totalizando 626 atendimentos no gera.

Conselho de Assistência Social tem nova diretoria em Bequimão

COMPARTILHE

O Conselho Municipal de Assistência Social de Bequimão (SMAS) reuniu-se, na manhã da última segunda-feira (15), com o objetivo de compor a nova diretoria para o biênio 2017-2019. O encontro aconteceu no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS).

O Conselho tem como finalidade instituir, planejar e avaliar os programas sociais que competem ao município, por meio da Secretaria de Assistência Social. A reunião contou com a presença do secretário Josmael Gomes de Castro Júnior, sua adjunta Rose Pinheiro, entre outros membros do poder público e da sociedade civil que concorreram às vagas.

SOCIEDADE CIVIL:

  • Sindicato:Vangelia Castro e Kelly;
  • Associação Quilombola de Ariquipa: Carlos Alberto e Ney Reis; Associação dos povos Quilombolas de Ramal do Quindiua: João José e Valdenice Martins;
  • Fórum dos Trabalhadores do SUAS: Rosinete e Laudmary;

PODER PÚBLICO:

  • Secretaria de Saúde: Maria Cristina e Maria Lucia;
  • Secretaria de Educação: Wallison;
  • Secretaria de Administração: Reinivaldo e Josenilde
  • Secretaria de Assistência Social: Rosenilde França Pinheiro.

Presidente: Rosenilde Pinheiro

Vice: Vangelia

Para o secretário Josmael Castro, a formação do Conselho é de extrema necessidade para o município. “Avaliam-se as implementações das políticas públicas da Secretaria de Assistência Social de Bequimão, em que o Prefeito Zé Martins está dando todo o suporte nos programas sociais que serão implementadas no município nesta gestão” – destacou.

 

 

Prefeitura de Bequimão recupera estradas vicinais afetadas pelas fortes chuvas

COMPARTILHE

A Prefeitura Municipal de Bequimão está fazendo um trabalho intensivo de recuperação das estradas vicinais afetadas pelas fortes chuvas que caem na região. Mesmo com mais de 300 km de vias recuperadas e ampliadas nos últimos quatro anos, o município sempre precisa fazer manutenções no período chuvoso, já que as estradas são pavimentadas com piçarra.

O prefeito Zé Martins determinou que sua equipe identificasse os pontos mais críticos e com necessidade de intervenção mais imediata. “Infelizmente, não é possível fazer todo o trabalho de uma só vez. Estamos priorizando as estradas por onde os ônibus escolares estão com dificuldade de trafegar, para que nossos alunos não sejam prejudicados no transporte. Aos poucos, vamos resolver a situação de cada estrada vicinal afetada pelas chuvas”, garantiu o prefeito Zé Martins.

Já foram recuperadas as estradas do Quindíua (passando por Ramal do Quindíua e Santa Rita), Areal, Santa Tereza e Bacurizeiro, o acesso entre o Ferro de Engomar e a Estiva, a Barragem do Marinho e a ladeira do Baixo Escuro. Também foram construídas novas pontes no Barroso, Juraraitá e Geniparana e, no Titara, uma bueira precisou ser recuperada.

realização desse trabalho, são utilizados os maquinários adquiridos pela Prefeitura de Bequimão junto ao PAC 2. “Conseguimos, na minha primeira administração, seis convênios com o Governo do Estado para a recuperação das estradas vicinais. Fizemos, assim, a maior obra em vias rurais da história do nosso município. Mas sabíamos que um período rigoroso de chuvas, como está acontecendo neste ano, afetaria todo esse trabalho. Por isso, fizemos a articulação necessária para trazer essas máquinas para Bequimão, o que nos dá a possibilidade de fazer as intervenções nas estradas vicinais com orçamento próprio”, ressaltou o prefeito.

Segundo a Coordenação de Infraestrutura e Obras, Prefeitura de Bequimão, as estradas do Pericumã, Buritirana e Sassuí serão as próximas a receber o maquinário. “A população, junto com suas lideranças e vereadores, pode colaborar com nosso trabalho, ajudando a identificar os pontos mais críticos. Mesmo com dificuldades, vamos continuar atentos para resolver os problemas que ainda afetam nosso município”, enfatizou Zé Martins.

Estradas já recuperadas

  • Quindíua (passando pelo Ramal do Quindíua e Santa Rita)
  • Areal
  • Santa Tereza
  • Bacurizeiro
  • Ruas da Cidade Nova
  • Acesso entre Ferro de Engomar e Estiva
  • Barragem do Marinho
  • Ladeira do Baixo Escuro
  • Pontes do Barroso, Juraraitá e Geniparana
  • Bueira do Titara

Ministro do Meio Ambiente anuncia criação da Reserva Itapetininga (Bequimão)

COMPARTILHE

Durante encontro na Ilha das Canárias, a 306 km de São Luís, o Ministro Sarney Filho anunciou a criação de três reservas extrativistas no Maranhão.

O anuncio foi feito durante uma visita nesse final de semana na Ilha das Canárias, a 306 km de São Luís, onde o ministro participou de um encontro com extrativistas e pescadores do Delta do Parnaíba.

As reservas Arapiranga -Tromai, Itapetininga e Tubarão serão criadas em áreas de manguezais. Para o ministro, a iniciativa deve melhorar a vida econômica das comunidades que vivem na região. “Você melhora a atividade econômica das pessoas que moram naquela área e ao mesmo tempo, que você melhora os serviços ambientais, melhora também os biomas com sua preservação para a produção”, disse.

A reserva extrativista marinha do Delta do Parnaíba protege uma das maiores áreas de manguezais do Nordeste e possui uma área equivalente a 27 mil campos de futebol.

Durante encontro com pescadores e extrativistas, Ministro Sarney Filho anunciou a criação de reservas extrativistas. Sarney Filho também ajudou no plantio de mudas de mangue, através de um mutirão que foi realizado pelos nativos. Foram selecionadas mudas de Siriba, uma das mudas mais utilizadas e resistentes de mangue. A intenção, segundo a comunidade, é devolver a vida a uma das lagoas na Ilha das Canárias, que secou após o corte da vegetação nativa.

Um plano de manejo da área deve ser criado, como uma forma da comunidade estabelecer regras dentro das reservas. Como exemplo disso, ficou estabelecido a proibição da captura do caranguejo com menos de 7cm.

Segundo Tatiana Rehder, chefe da reserva do Delta do Paranaíba, a iniciativa deve ajudar na reprodução da espécie no arquipélago. “Um centímetro é praticamente um ano de vida do caranguejo. Então durante esse um ano a gente vai ter esse caranguejo se reproduzindo muitas vezes, garantindo assim, que nós vamos ter mais caranguejos no mangue”, explicou.

 POR G1/MA

Bequimão vai receber Dia “D” da Campanha Nacional de vacinação contra influenza

COMPARTILHE

O município de Bequimão, no litoral ocidental maranhense, vai receber nesta sexta-feira (19) a partir das 8h da manhã, no Salão Paroquial, ao lado da Prefeitura, na Rua Vitorino Freire, Praça da Matriz, centro da cidade, o Dia “D” da Campanha Nacional de vacinação contra a influenza.

A vacina é destinada para grupos prioritários, como:

  • Crianças de 6 meses a 5 anos de idade
  • Gestantes
  • Mulheres que deram à luz a menos de 45 dias
  • Idosos
  • Profissionais da saúde
  • Povos indígenas
  • Pessoas portadoras de doenças crônicas
  • Pessoas com doenças que comprometam a imunidade
  • Professores da rede pública e privada

O QUE É INFLUENZA?

A influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças menores de 5 anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Além da Campanha de Vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde, através de seus servidores, vai aproveitar o dia para fortalecer a campanha através de trabalhos, como:

  • Imunização dos pacientes acamados (pacientes que não podem ir até o posto de saúde)
  • Realizará aferição de Pressão Arterial e teste de Glicemia
  • Um lanche será oferecido ao longo da ação

 

Parceria entre Prefeitura de Bequimão e Quilombolas constrói trapiche na Comunidade Sassuí

COMPARTILHE

Primeiro veio a certificação como comunidade quilombola; depois a estrada, a barragem e, agora, um trapiche que melhora o acesso dos pescadores ao porto. A Comunidade Quilombola de Sassuí tem experimentado um novo momento, com ampliação das políticas públicas que alcançam seus moradores. No início do mês, numa parceria entre Prefeitura de Bequimão e Movimento Quilombola de Bequimão (Moqbeq), foi construído um trapiche de madeira, antigo sonho da comunidade.

No feriado do Dia Internacional do Trabalhador, em 1º de maio, o mutirão começou desde cedo. Sassuí é um povoado localizado à beira mar, no Igarapé Raimundo Sú, no limite entre Bequimão e Alcântara. Os pescadores tinham dificuldade de alcançar suas embarcações ou mesmo de chegar à terra firme quando voltavam do mar. O trapiche de madeira vai ajudar muito a comunidade que tira seu sustento, principalmente, da maré.

Com a dificuldade de acesso, Sassuí ficou perto de desaparecer como povoado. Para uma das lideranças da comunidade, Venâncio Gusmão, todas essas melhorias vai fazer com que a comunidade cresça. “Nós já temos uma boa estrada, temos uma barragem, uma piscina natural, que recebe banhistas de vários lugares do município, e agora o trapiche do nosso porto, graças ao nosso prefeito, que deu uma alavancada em nossa comunidade”, disse.

Para a construção do trapiche, o prefeito Zé Martins garantiu a aquisição do material. O vereador Vadico do Areal, que tem forte atuação nas comunidades quilombolas, colaborou no trabalho, assim como os moradores e os membros do Moqbeq. “Vamos continuar dando uma atenção especial para as comunidades quilombolas, fortalecendo uma luta que eles já vêm travando há muitos anos. Na nossa gestão, começamos a encarar essas demandas com seriedade e os resultados já começaram a aparecer, refletindo em melhor qualidade de vida para os quilombolas de Bequimão”, enfatizou o prefeito.

Sassuí recebeu a certificação como comunidade remanescente de quilombo, pela Fundação Palmares, em 26 de novembro de 2013.

 

 

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free