casa » BEQUIMÃO (página 3)

BEQUIMÃO

Conselho da Criança e do Adolescente tem nova presidente. Na posse, foram homologadas candidaturas para Conselho Tutelar

COMPARTILHE

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Município de Bequimão (CMDCA) será presidido, até o mês de novembro de 2019, por Luana Talene, que tomou posse nesta sexta-feira (09). O atual secretário de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Rodrigo Martins, que ocupava a presidência do Conselho, participou do ato de posse, realizado na Prefeitura Municipal.

Na reunião, também houve deliberações sobre o processo de escolha unificada para membros do Conselho Tutelar. As candidaturas foram homologadas e a gestão do CMDCA definiu a banca avaliadora para a prova de conhecimentos específicos, que ocorrerá no dia 18 de agosto.

A administração do prefeito Zé Martins busca fortalecer o CMDCA, principalmente com o impulso da metodologia do Selo Unicef. Para isso, estão sendo realizadas ações para melhorar os indicadores de saúde, educação, proteção e segurança da juventude de Bequimão.

“O trabalho que iniciamos no Conselho está baseado na certeza de que precisamos zelar pelos direitos da criança e do adolescente. Isso é um dever de todos. Precisamos garantir o bom funcionamento do controle social, com transparência e efetivação das políticas setoriais”, afirmou Rodrigo Martins, ao transferir a pasta para a nova presidente Luana Talene.

BEQUIMÃO: Rodrigo Martins assume interinamente Secretaria de Cultura e Promoção da Igualdade Racial

COMPARTILHE

O turismólogo Rodrigo Martins assumirá, interinamente, a Secretaria de Cultura e Promoção da Igualdade Racial do município de Bequimão. A posse na pasta ocorreu na manhã desta quinta-feira (08), na sede da Prefeitura Municipal de Bequimão. O prefeito Zé Martins foi representado pelo secretário de Administração, José Orlando Ferreira.

Segundo o prefeito, foi encaminhado à Câmara Municipal um projeto de lei que prevê o desmembramento da secretaria em duas. Promoção da Igualdade Racial, que é uma das marcas da gestão Zé Martins, com diversas ações voltadas às comunidades quilombolas, ganhará pasta própria.

Rodrigo Martins, que assumirá provisoriamente a secretaria, é turismólogo, fotógrafo e especialista em Gestão de Arranjos Produtivos Locais, pela Universidade de Fortaleza (UNIFOR). Atualmente, preside o Conselho Municipal de Turismo de Bequimão e coordena a Sala do Empreendedor. Desde 2015, também trabalha como agente de desenvolvimento, estando à frente de dezenas de cursos de formação e capacitação de pequenos empresários do município, por meio do SEBRAE.

Ele também coordenou a implantação da Feirinha da Agricultura Familiar e eventos como o Festival Gastronômico. Teve experiência como assessor técnico da Secretaria de Indústria e Comércio do Estado do Maranhão, no período de 2010 a 2014.

Na administração do ex-prefeito Juca Martins, o secretário interino esteve à frente das ações no Canto Cultural, no período carnavalesco dos anos de 2004 e 2008, com apresentações dos grupos de tambor de crioula e terecô de caixa, incentivando as manifestações culturais locais.

Prefeitura de Bequimão vai realizar a II Conferência Municipal de Segurança Alimentar nesta segunda-feira (12)

COMPARTILHE

A prefeitura de Bequimão, por meio do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional e Secretaria Municipal de Assistência Social, convida a população bequimãoense para participar da II Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, que será realizada nesta segunda-feira, dia 12 de agosto, das 7h30 às 13h, no Salão Paroquial, ao lado da Prefeitura de Bequimão.

O tema a ser debatido será: Brasil e o Mapa da Fome – Estratégias de Superação de Insegurança Alimentar.

A proposta é estabelecer, junto com a comunidade bequimãoense, profissionais de saúde e nutrição, quais são as prioridades em termo de políticas públicas voltadas à alimentação da população. A conferência vai reunir autoridades, estudantes e público geral para discutir políticas e recursos no combate à insegurança alimentar.

A conferência vai discutir o tema central a partir da formação de grupos, analisando propostas para avançar na política municipal e, na ocasião, serão eleitos os novos delegados que irão representar Bequimão no evento estadual.

Prefeitura de Bequimão realiza VI Conferência Municipal de Saúde

COMPARTILHE

Com o tema: “Democracia e Saúde” a Secretaria Municipal de Saúde e Conselho Municipal de Saúde, em parceria com a Prefeitura de Bequimão, realizaram na última quarta feira (31) a 6ª Conferência Municipal sobre saúde pública. O evento aconteceu no salão do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bequimão e contou com a participação de funcionários da secretaria de saúde, vereadores, secretários municipais e sociedade civil.

Foram abordados três eixos temáticos: Saúde como direito; Consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS); Financiamento adequado e suficiente para o SUS. A Conferência alcançou o objetivo que é impulsionar, reafirmar e buscar efetividade dos princípios e diretrizes do SUS e propor as diretrizes para a formulação do Plano Municipal de Saúde.  “Com a realização da Conferência fortalecemos o controle social e a gestão participativa, enquanto política de um governo democrático e popular. Fortalecemos dispositivos para a participação da população, com o objetivo de melhorar o acesso e a qualidade dos serviços prestados, que hoje serve como referência para os demais municípios do Maranhão”. finalizou o secretário Sidney Bouéres.

Durante o evento, a conferencista, Ramone Araújo, falou sobre Democracia e Saúde, Garantia de Acesso e Atenção de Qualidade. Ainda em sua explanação, Ramone que é especialista em Sistema Único de Saúde (SUS), falou da importância do Trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde e da Educação em Saúde. Para finalizar seu discurso, a palestrante destacou a importância do SUS, baseado na Democratização da Saúde Pública, principalmente na Atenção Básica.

“A conferência de saúde deve acontecer a cada 2 anos e conta com vários segmentos sociais, seu objetivo principal é expressar as necessidades de saúde da população e ainda serve como base para a construção do plano Municipal de Saúde (PMS), além dos planos e metas estaduais. As conferências de saúde municipais são de extrema relevância para o bom funcionamento da gestão municipal. Através dela é possível se compilar e avaliar a situação da saúde do município, além de elaborar diretrizes para construção da política de saúde”, disse a conferencista Ramone Araújo.

Para Sidney Bouéres, a Conferência é uma alternativa para discutir as melhorias na saúde publica de Bequimão. “Nesta Conferência  Municipal de Saúde é que discutirmos e planejamos estratégias para os próximos 2 anos. A participação das comunidades, técnicos e enfermeiros, agentes de saúde e toda equipe da saúde faz com que possamos os problemas da saúde e criar novas ações para o município. Não podemos deixar de lembrar dos avanços que a saúde de Bequimão já alcançou, com um hospital de 20 leitos funcionando plenamente, onde a saúde básica funciona com qualidade e hoje somos referência no Maranhão. Temos respeito, responsabilidade e compromisso com a população. Estamos oferecendo um serviço de qualidade e vamos avançar ainda mais”, disse o secretário.

Representando o poder legislativo de Bequimão, o vereador professor Zeca, falou da importância de uma Conferência sobre saúde e do grande trabalho realizado pelo prefeito Zé Martins.

“É a oportunidade que a população de Bequimão tem para discutir sobre as políticas de saúde e as diretrizes que precisam ser traçadas para que a saúde pública de Bequimão avance ainda mais. Nos últimos anos tivemos avanços significativos na saúde, principalmente na Atenção Básica, mas precisamos melhorar ainda mais, já que hoje somos referência no Maranhão. Precisamos discutir para planejar e dar prioridade nas bases mais importantes, já que vivemos em um momento de crise política e econômica no Brasil. Mediante a crise financeira que atinge os pequenos municípios, precisamos priorizar. Não é atoa que o prefeito Zé Martins realiza um grande trabalho na saúde de Bequimão”, destacou o parlamentar.

A coordenador da Atenção Básica e presidente do Conselho Municipal de Saúde, Karinne Moraes, destacou a importância da VI conferência para o município de Bequimão. “Neste momento é que a gente consegue unir e organizar a comunidade, conselho de saúde, secretaria municipal de saúde, demais secretarias, sociedade civil para que seja desenvolvido um plano visando melhorar a saúde do município nos próximos 2 anos. Nesta conferência nosso foco é ouvir a comunidade, o usuário, e traçar um plano estratégico de propostas. Os agentes de saúde são muito importantes nesta conferência, são eles que vão de casa em casa e sabem a real dificuldade de cada usuário. As propostas aprovadas pela plenária serão analisadas visando o crescimento da saúde pública de Bequimão”, disse.

Após os trabalhos em grupo, foram explanadas as propostas e eleitos os delegados que vão representar Bequimão na conferência estadual, na capital maranhense. Estiveram presentes no evento, os vereadores professor Zeca e Preta de Barbosa, os secretários Kell Pereira (Esporte e Juventude), Sidney Bouéres (Saúde), Josmael Castro (Assistência Social), e Creuber Gusmão (Agricultura), a coordenadora da Atenção Básica e presidente do Conselho Municipal de Saúde de Bequimão, Karinne Moraes, a diretora do hospital municipal Lídia Martins, Jamysléa Matos. Além de várias lideranças comunitárias e políticas.

Prefeitura de Bequimão vai realizar nesta quarta-feira (31), a VI Conferência Municipal de Saúde

COMPARTILHE

A prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizará nesta quarta-feira (31), a VI Conferência Municipal de Saúde, que terá como tema: Democracia e Saúde. A programação vai traçar a elaboração de propostas que favoreçam a reorganização da atenção básica na saúde do município para os próximos 10 anos.

 O evento acontecerá no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, e reunirá gestores municipais, profissionais da saúde, representantes de classe e usuários dos serviços de saúde. O evento acontecerá das 8h às 13h.

Para o secretário de Saúde de Bequimão, Sidney Bouéres, a VI Conferência vai ampliar ainda mais o bom trabalho já realizado na Atenção Básica em Bequimão. “Sem dúvidas essa conferência vai ampliar nosso trabalho que hoje já é referência no Maranhão. Por isso estamos convocando os bequimãoenses que precisam participar deste evento. Ouvindo o povo, fica mais fácil,de traçar as metas para os próximos 10 anos”, disse o secretário.

Defensor público cita Bequimão como referência na atenção básica, em entrevista à Rádio Mirante AM

COMPARTILHE

“Nós temos no Maranhão, na Baixada Maranhense, na área mais pobre do Estado, municípios de 20 mil habitantes que podem nos dar uma aula de atenção básica. Bequimão tem um dos melhores serviços de atenção básica do Maranhão”. A afirmação é do defensor público, Davi Rafael Silva Veras, que faz parte do Núcleo da Criança e Adolescente no Maranhão. Ele concedeu entrevista, nesta quinta-feira (25), ao radialista Roberto Fernandes, no programa Ponto Final, da Rádio Mirante AM. OUÇA O ÁUDIO DA ENTREVISTA ABAIXO…

De acordo com o defensor público, o que faz de Bequimão uma referência em atenção básica é o investimento na intervenção preventiva, com destaque para o trabalho nos postos de saúde, a atuação dos agentes comunitários de saúde, o pré-natal adequado e todo o sistema de prevenção. Com esses cuidados, os indicadores de saúde no município melhoraram.

O trabalho em Bequimão é tão bem feito na atenção básica que o Hospital da Criança, em São Luís, há anos não recebe pacientes transferidos do município. “Se você perguntar para o gestor do Hospital da Criança de São Luís: você recebe criança grave de Bequimão? Ele responde: nunca, não lembro. Se já recebemos, faz tempo”, enfatizou.

A priorização das medidas preventivas passou a ocorrer a partir de 2013, quando o prefeito Zé Martins tomou a decisão de reestruturar a Estratégia Saúde da Família. A inauguração e manutenção do Hospital Lídia Martins, de 14 leitos, também são fatores que contribuem para uma atenção básica mais eficiente no município.

Dados do Maranhão

O defensor público Davi Veras levantou essas informações no decorrer da elaboração do projeto “Todos pela atenção básica”, que tem como foco principal a saúde infantil. Segundo dados do IBGE, citados na entrevista, o Maranhão tem a segunda maior taxa de mortalidade de crianças de zero a um ano (são 20 mortes a cada 1.000 nascidos). Essa taxa melhorou a partir de 2014, mas ainda está acima da média nacional (12 óbitos a cada 1.000 nascidos).

“Grande parte das mortes é consequência de vários erros na assistência primária”, ressaltou o defensor público. Com o projeto “Todos pela atenção básica”, a Defensoria Pública do Maranhão busca intervir nessa situação não apenas pela via da judicialização, mas contribuindo para que a prevenção seja tomada como protagonista no sistema de saúde.

Ruas e estradas vicinais estão sendo recuperadas em Bequimão-MA

COMPARTILHE

Bastou o período de chuvas parar, em Bequimão, para que o prefeito Zé Martins colocasse a equipe de funcionários da Secretaria Municipal de Infraestrutura com as máquinas nas ruas e estradas. Uma limpeza foi iniciada nas ruas de bairros da cidade e nas estradas vicinais na zona rural do município.

Nos bairros Cidade Nova e Estiva, todas as ruas serão limpas e receberão piçarra. Algumas delas, terão pavimentação asfáltica. Os bairros estão recebendo melhoramento nas vias, como a rua da Marinha, que liga o bairro da Estiva ao Centro.

Segundo o prefeito Zé Martins, serão recuperados mais de 300 quilômetros de estradas e aproximadamente 100 quilômetros serão ampliados, ligando todos os mais de 80 povoados do município de Bequimão. “Quando assumi a gestão do município de Bequimão, não tínhamos estradas, apenas caminho, o que dificultava o transporte escolar, a tráfego de ambulâncias e demais veículos. Fiz mais de 300 KM de estradas. Também vamos acabar com as pontes de madeira, substituindo por bueiras de concreto e, se Deus quiser, até o final de meu mandato, não teremos mais ponte de madeira em Bequimão. As fortes chuvas castigaram nossas estradas, mas vamos recuperar todas até no máximo novembro. Fechamos uma força tarefa com os municípios do Consórcio Conguarás e vamos fazer em pouco tempo”, disse.

No início de julho, as estradas vicinais que ligam a MA-106 aos povoados Mojó e Jacioca, além de Macajubal a Pontal, foram recuperadas em uma força tarefa da equipe da Infraestrutura, comandada por Tonho Martins. Os trabalhos também estão acontecendo no povoado Paricatiua, que receberá asfalto.

Polo da UEMA vai voltar a funcionar em Bequimão após audiência pública

COMPARTILHE

Uma audiência pública realizada na manhã deste sábado (20), na Escola Manoel Beckman na cidade de Bequimão, reuniu lideranças políticas, estudantes, professores, reitor da UEMA e autoridades do município.

Após discussões, o Reitor entendeu a importância da audiência e Bequimão poderá receber novamente o polo da UEMA, após a interrupção em 2015. O polo irá ofertar cursos de graduação para Bequimão com processo seletivo marcado ainda para este ano. Serão ofertados dois cursos de graduação, dois cursos de especialização e um curso técnico. A previsão é que o início das aulas deverá acontecer em fevereiro de 2020.

Sem visão ideológica, lideranças políticas locais unem forças e conseguem o compromisso de reativação do polo da UEMA. O prefeito Zé Martins participou da audiência, e garantiu ao Reitor todo apoio local e necessário do município para que os estudantes bequimãoenses voltem a fazer um curso superior sem a necessidade de deslocamento para outra cidade.

O Reitor da UEMA, Prof. Dr. Gustavo Pereira Costa, destacou que o secretário adjunto de Comunicação do Estado, Robson Paz havia solicitado a audiência pública. “Robson Paz que nos procurou e articulou este momento de audiência pública aqui em Bequimão”, disse o Reitor da Uema.

Estiveram presentes o prefeito Zé Martins, os vereadores Professor Zeca, Preta de Barbosa, Vetinho Belo e Fredson Pereira, o professor Valter Penha, Coronel Lopes, o ex-prefeito José Luís Bernal, o ex-vice prefeito César Cantanhede, o ex-superintendente do Sebrae, João Martins, os ex-vereadores Elanderson Pereira, Barbosa do Mojó e Ribinha de Filuca, os secretários Ademar Costa e Kell Pereira, o Reitor Prof. Dr. Gustavo Pereira Costa e o secretário adjunto Robson Paz, além de lideranças comunitárias e sindicais.

Por G7

UEMA, com apoio da Prefeitura de Bequimão, realiza audiência pública para discutir implantação de polo da universidade

COMPARTILHE

A Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), com apoio da Prefeitura Municipal de Bequimão, realizará audiência pública para debater a importância do ensino superior público e de qualidade e a implantação de um polo da universidade no município. O evento acontecerá no sábado (20), às 9h, na Escola Manuel Beckman, no Centro.

Centenas de bequimãoenses fizeram cursos de graduação no polo da UEMA, que funcionou no município até o ano de 2105, quando foi extinto pelo governador Flávio Dino.

É grande a demanda por cursos superiores em Bequimão. Depois da retirada do polo da UEMA, muitos jovens precisaram recorrer a faculdades privadas ou a universidades em outros lugares, para que conseguissem realizar o sonho da graduação.

A consulta pública, que é uma metodologia de participação social, possibilita à cidadania a chance de dialogar com as instituições públicas, apresentando suas demandas, até a construção de decisões coletivas.

O prefeito Zé Martins recebeu o convite do reitor da UEMA, Prof. Dr. Gustavo Pereira Costa, que estendeu a convocação à população bequimãoense em geral.

Prefeitos do Consórcio Conguarás decidem reunir maquinários para força tarefa de infraestrutura

COMPARTILHE

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, aderiu ao programa que reunirá o maquinário dos nove municípios participantes do Consórcio Conguarás, para uma força tarefa de recuperação das vias urbanas e estradas da zona rural. Em conjunto, os prefeitos decidiram unir forças e realizar uma megaoperação de infraestrutura. A parceria foi celebrada durante encontro que ocorreu nesta quinta-feira (11), em Bacuri.

A cooperação técnica entre os municípios de Bequimão, Bacuri, Serrano, Cururupu, Mirinzal, Cedral, Central, Guimarães e Porto Rico resultará em uma patrulha mecanizada composta por nove caçambas, uma escavadeira, um rolo compressor, um carro pipa, duas patrols e uma retroescavadeira.

 

Para o prefeito Zé Martins, o programa será um sucesso e desafogará os gestores. “Sempre fui a favor de parcerias, porque ninguém faz nada sozinho. Em Bequimão, existem mais de 300 km de estradas vicinais na zona rural. Com esse consórcio, se Deus quiser, em breve estaremos com nossa malha viária toda recuperada. Além disso, vamos ampliar novas estradas em Bequimão e interligar outros povoados. Vamos contemplar todos os povoados e bairros”, destacou o prefeito.

O Programa de Reestruturação da Infraestrutura dos municípios do Consórcio Conguarás prevê que os trabalhos aconteçam durante 10 dias, de forma intensificada, em cada município. Bacuri será o primeiro contemplado. “É um momento muito importante para nossa região. Pela primeira vez, os prefeitos que compõem o Consórcio se unem em um só pensamento em busca de melhorias para a qualidade de vida da população dos nossos municípios”, destacou o prefeito de Bacuri, Dr. Washington, presidente do Conguarás.

Participaram do encontro os prefeitos Zé Martins (Bequimão), professora Rosinha (Cururupu), Maguila (Serrano do Maranhão), Ismael Monteiro (Central do Maranhão), Jadilson Coelho (Mirinzal), Dr. Washington (Bacuri), Tatiana Mendes (Porto Rico) e Osvaldo Gomes (Guimarães). O prefeito de Cedral justificou sua ausência. Já o prefeito de Apicum-Açu não aderiu ao programa promovido pelo Consórcio.

Com informações de Heraldo Wéllem (Ascom de Cururupu)

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free