casa » Archivo de Etiquetas: Zé Martins (página 34)

Archivo de Etiquetas: Zé Martins

Árbitros fazem curso para Copa Quilombola

COMPARTILHE

quilobola

Como fase preparatória da “Copa Quilombola Troféu Negro Cosme”, foi promovido, entre os dias 03 e 05 de julho, um curso de árbitros para moradores das comunidades quilombolas de Bequimão. As lições de arbitragem profissional foram repassadas pelo presidente da Associação de Árbitros do Maranhão, Josivan Ribeiro Pereira.

O curso é fruto de parceria entre a Secretaria Estadual de Esportes, a Secretaria Estadual de Igualdade Racial e a Prefeitura Municipal de Bequimão. Nessa primeira fase, estão sendo preparadas as pessoas que vão atuar como juízes e bandeirinhas na Copa. Primeiro, eles tiveram aulas teóricas, mas depois praticaram no campo.

A competição terá início em agosto e se estenderá até novembro. De Bequimão, também sairão equipes para enfrentar os times de Alcântara, Cajapió, Bacurituba, Codó, Santa Rita, Itapecuru, Anajatuba, Mirinzal, Serrano, Pedro do Rosário e Icatu.

No total, serão 170 times, de 278 diferentes comunidades quilombolas desses 12 municípios. O prefeito Zé Martins, a secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Dinha Pinheiro, e o secretário de Esporte e Juventude, Kell Pereira, estão dando total apoio a essa iniciativa.

No município de Bequimão já são 11 comunidades quilombolas certificadas pela Fundação Palmares: Santa Rita, Rio Grande, Arquipá, Ramal do Quindíua, Pericumã, Marajá, Conceição, Mafra, Sibéria e Juraraitá e Suassuí.

As atividades foram acompanhadas pelo gestor de Assuntos de Quilombo, Eduardo Filho, e pela assessora de Assuntos Estratégicos da SEIR, Iracema Amorim.

80 anos de Bequimão com Sampaio x Seleção

COMPARTILHE

BEQ7

O estádio Vivaldo Lemos Paixão (Vivaldão) ficou lotado para a partida entre a Seleção de Bequimão e o Sampaio Correa sub-20. O time bequimõense teve apenas uma semana de treino, mas conseguiu  empatar em zero a zero com a bolívia, confirmando a força e o talento dos atletas de Bequimão. “A gente mostra mais uma vez que a nossa terra ainda tem jogador, ainda tem meninos bons”, disse o treinador Júnior Cabeção.

BEQ1 BEQ2 BEQ4

No final da partida, o prefeito Zé Martins (PMDB) cumprimentou os jogadores. “Vocês honraram nosso município, jogando de igual para igual com o Sampaio”, comemorou o gestor. O jogador Adenilson, conhecido como “Gueban”, disse que era a segunda vez que enfrentava os bolivianos. “É um prazer muito grande. Quero agradecer muito a Deus pela oportunidade que deu a cada um de nós”, comentou o atleta, que mora no povoado Santana.

Ainda na tarde do dia 19 de junho, a programação do aniversário de 80 anos de Bequimão foi movimentada por uma gincana reunindo estudantes das escolas municipais, além do jogo entre a Seleção de Bequimão e o Sampaio Correa sub-20.

BEQ3 BEQ5 BEQ6

Cada prova da gincana era acompanhada de muitos gritos, dança e uma disposição que demonstrava a garra do jovem bequimõense. Nas provas, foram valorizados aspectos da cultura popular, do conhecimento trabalhado em sala de aula e também houve provas que exigiram agilidade.

Em primeiro lugar ficou a equipe “Turma da Bagunça”. Os estudantes da escola do povoado Mojó ficaram em segundo lugar e o terceiro foi para a equipe “É nós de novo”.

Matéria de Assessoria

 

Igreja Matriz de Bequimão é reinaugurada no dia do Padroeiro

COMPARTILHE

MATRIZ

A comunidade católica de Bequimão saiu às ruas para homenagear o padroeiro da cidade, Santo Antônio, no último sábado (13). Mas este ano o festejo ganhou um motivo ainda mais especial; a reinauguração da Igreja Matriz, que passou por mais de dois anos e meio de reforma, com apoio e esforço dos fieis, encabeçados pelo padre Sandoval Ferreira. Tamanha coragem e dedicação do pároco foi reconhecidas pela comunidade de Bequimão, que lhe rendeu homenagens.

O evento mobilizou milhares de pessoas, como há muito tempo não se via nos eventos católicos do município. Antes de chegar à igreja, que ficou lotada, a multidão percorreu ruas e avenidas do Centro da cidade, levando à frente a imagem do padroeiro e entoando cânticos. A procissão e a celebração eucarística foram presididas pelo bispo da Diocese de Pinheiro, Dom Hélio, que abençoou as chaves da nova igreja.

Dom Hélio relembrou o bispo Dom Ricardo, que esteve à frente da Diocese de Pinheiro por muitos anos. Foi ainda no bispado dele que a reforma da igreja foi iniciada.

Cada detalhe da Matriz (como o altar, a capela do Santíssimo,  um quadro do artista plástico bequimõense Franssoufer, o coro) era contemplado com admiração por aqueles que participaram ativamente de sua reconstrução, doando recursos ou mesmo no trabalho diário como pedreiros, carpinteiros, pintores.

A equipe de liturgia preparou até roupa especial para a ocasião. No ministério de música, juntaram-se diversas vozes para deixar a celebração solene mais bonita. O clima era de festa e contagiou todo o município. A missa foi concelebrada pelo padre Ribamar e pelo diácono Rezende. O festejo foi encerrado com o show do padre Ribamar, animando os católicos que foram celebrar o Dia de Santo Antônio e a reinauguração da Igreja Matriz.

CONSTRUÇÃO DA PRAÇA

O prefeito Zé Martins (PMDB) participou da missa, entrando com a bandeira de Bequimão. Ele aproveitou a reinauguração da Igreja Matriz para anunciar a reforma da praça, orçada em R$ 432 mil reais; outro sonho da população.

 “Será uma nova praça, moderna, que se transformará no cartão postal da cidade de Bequimão. A obra será financiada pela Caixa Econômica Federal e terá todo apoio da prefeitura” – destacou o prefeito Zé Martins.

MATÉRIA DE ASSESSORIA

Zé Martins participa de encontro com ministro

COMPARTILHE

ZÉ

O prefeito do município de Bequimão, Zé Martins (PMDB) participou na ultima quinta-feira (10) de um encontro com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, na cidade de Pinheiro e cobrou a parceria da União representada pelo ministro, com os municípios.

Zé Martins apresentou uma síntese ao ministro, mostrando o momento difícil que passam os municípios, deixando expostos a grande necessidade da parceria União e município.

O prefeito se direcionou, aos programas referentes à pasta que Kassab exerce, como pavimentação, unidades habitacionais do Programa Minha casa Minha Vida e programas de mobilidade urbana.

ZÉ ZÉ ZÈ1

O ministro Kassab que já foi prefeito da maior cidade do Brasil, ouviu atentamente os prefeitos da Baixada Maranhense, colocou o Ministério das Cidades à disposição dos gestores, para que façam os projetos necessários para a infraestrutura dos municípios a fim de que se possa, a cada dia, com o apoio dos governos federal e estadual, melhorar os indicadores sociais da Baixada Maranhense.

O ministro comprometeu-se a enviar uma equipe técnica do Ministério nos próximos dias para o levantamento da situação de cada município, que servirá de base para a solução de cada caso.

BlogdoVandoval

 

 

IFMA e Prefeitura capacitam professores

COMPARTILHE

CERT5

Professores e líderes comunitários de Bequimão concluíram o Curso de Formação Continuada em Educação Escolar Quilombola, executado pelo IFMA – Campus Maracanã, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão. Participaram da solenidade de certificação realizada no último sábado (06); 49 alunos do curso, que formavam as duas turmas ofertadas pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão, do Ministério da Educação (Secadi/MEC).

Em 200 horas de aulas e atividades de pesquisa, os alunos do curso puderam refletir e encontrar soluções para questões envolvendo a educação nas comunidades quilombolas do município. Eles adquiriram conhecimentos em sala de aula e depois fizeram uma pesquisa de campo, que resultou na elaboração de um material didático. A proposta, agora, é fazer testes nas escolas e nas comunidades, para avaliar se esse material realmente contempla a diversidade e identidade dos quilombolas de Bequimão.

“Eles vão levar para dentro da sala de aula o conhecimento tradicional”, disse o coordenador do curso, Dorival dos Santos, ao comentar a relevância desse material, já que, em geral, os materiais didáticos não conseguem dar conta da realidade das diferentes comunidades brasileiras. Segundo ele, depois de avaliado, a edição do material será concluída e encaminhada ao MEC, ao IFMA e à Prefeitura de Bequimão para uma possível publicação.

CERT1 CERT2 CERT6

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, ao se pronunciar na solenidade, garantiu apoio à impressão da cartilha, que, na opinião dele, deve se tornar um livro, para ser distribuído a toda rede municipal de educação. “Aguardamos novas parcerias com o IFMA, para que possamos continuar possibilitando a formação dos educadores de Bequimão”, frisou o prefeito.

Para a professora Maria de Jesus, que tem a experiência de ser secretaria adjunta de Educação e também aluna do curso, a pesquisa nas comunidades foi um momento rico na formação, pela oportunidade de conhecer melhor o próprio município e seu povo. “Nas comunidades, as pessoas ficaram felizes em poder contar suas histórias, a história de sua comunidade”, garantiu.

É por esse tipo de conquista que se deve investir em formações que abordem as relações étnico-raciais, de acordo com o coordenador do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indiodescendentes (Neabi), Hérliton Nunes. O aluno José Orlando disse que esse é o segundo curso feito pelos professores de Bequimão sobre essa temática, dando-os mais suporte para atuar com a realidade educacional do município, que atualmente possui 10 comunidades quilombolas reconhecidas pela Fundação Palmares.

Pioneirismo

CERT3 CERT4CERT1

O coordenador do curso, Dorival dos Santos, ressaltou que o município de Bequimão é pioneiro ao receber o Curso de Formação em Educação Escolar Quilombola, primeiro a ser oferecido no país abordando essa temática. O coordenador fez uma reflexão sobre o cenário nacional dos cursos de formação, destacando as dificuldades enfrentadas em sua execução. Muitos estão parados e outros nem iniciaram. “Por isso, agradeço pela parceria da Prefeitura e suas secretarias, sem a qual teria sido inviável a execução do curso, e sou grato a todas as instâncias do IFMA e, em especial, do Campus Maracanã. Também nada seria possível se não fosse o empenho de cada um dos cursistas. Vocês são os verdadeiros responsáveis pelo sucesso do curso”, finalizou.

No Campus Maracanã, são frequentes os debates sobre a educação étnico-racial. O diretor de Desenvolvimento Educacional, Jeovani Machado, considera que alguns avanços já foram alcançados, mas cada experiência, como essa realizada em Bequimão, representa um aprendizado inclusive para a instituição. O diretor geral em exercício do Campus Maracanã, José Zenóbio de Souza, afirmou que diversos setores rurais têm recebido atenção do IFMA em programas de inclusão. “Nosso campus tem dado atenção à população rural, em programas como o Profic, Saberes da Terra, Procampo, Pronera, a especialização em Educação do Campo, Reforma Agrária e também o Curso de Educação Escolar Quilombola. O campus continua de portas abertas a outras parcerias com a Prefeitura de Bequimão e a iniciativas assim”, concluiu.

O Curso de Formação de Professores em Educação Escolar Quilombola iniciou em agosto de 2014, com duas turmas de 25 alunos. Somente um desistiu ao longo da capacitação. Também estiveram na solenidade de certificação o professor formador, Carlos Saraiva, a tutora Marlene Muniz, a supervisora do curso Auricélia Diniz e a pedagoga do Campus Maracanã, Domingas Cantanhede. Os cursistas receberam seus certificados, uma cópia do material didático que está sendo construído, para que seja testado nas comunidades, e uma revista com as diretrizes curriculares da educação étnico-racial.

 

Matéria de Assessoria

Zé Martins ganha reforço visando 2016

COMPARTILHE

PRETA1

Tomou posse, nesta segunda-feira (05), a suplente de vereador, Luceni Rodrigues Pereira (Preta PDT), assumindo a vaga do vereador Doutor (PDT), que se licenciou para assumir a Secretaria Municipal de Articulação Política, a convite do prefeito Zé Martins. A solenidade foi conduzida pelo presidente da Câmara Municipal de Bequimão, vereador Jorge Filho (PP).

A nova vereadora prestou juramento regimental, prometendo dedicar-se a fazer um bom trabalho em sua vereança. “Agradeço ao vereador Doutor, meu companheiro de partido, por me permitir exercer o cargo de vereadora deste município. Prometo honrar com a oportunidade a mim confiada, na defesa e no compromisso com povo da minha região, que é o povoado Mojó e de todo o município de Bequimão”, disse a vereadora empossada.

PRETA1 PRETA2 PRETA3

Preta é esposa do ex-vereador Vadico Barbosa, que compôs durante vários mandatos o grupo do prefeito Zé Martins. “Fico feliz com o retorno deles ao nosso grupo, para fazer parte da nossa base política e nos ajudar a trabalhar ainda mais pelo nosso município e pelos povoados da região de Mojó”, afirmou o prefeito Zé Martins (PMDB), que participou da solenidade na Câmara.

Também prestigiaram a posse o vice-prefeito, Pedro Acará; os secretários municipais Ademar Costa (Comércio), Nhô da Colônia (Pesca e Aquicultura), Kell Pereira (Juventude e Esportes), Cassiano Pereira (Segurança), César Paixão (Adjunto Assistência Social), Ricardo Lemos (Diretor de Transportes); e os vereadores Amarildo Paixão (PHS), França (PV), Robson Cheira (PTN), Doutor (PDT), Raquel Paixão (PTC) e Nestor (PSB).

ARTICULAÇÃO POLÍTICA

O vereador Doutor deixa o cargo para assumir a Secretaria de Articulação Política. Segundo o prefeito Zé Martins, o convite foi motivado pela habilidade do político para transitar entre os agentes importantes na tomada de decisões em Bequimão. “Doutor será um grande colaborador na articulação com a classe política, os secretários municipais e a sociedade de Bequimão, para que possamos aprovar com mais celeridade alguns programas que temos para a melhoria do município” – garantiu o prefeito.

Matéria de Assessoria

 

Bequimão: Vila Betel de estrada nova

COMPARTILHE

BETEL1

No período das chuvas, os moradores da Vila Betel precisavam atravessar uma “baixa” – como eles chamam – com água até cintura, para poder chegar ao povoado, que fica próximo a Ariquipá. Mas, neste ano, a situação mudou. A Prefeitura Municipal de Bequimão construiu a estrada vicinal que dá acesso à comunidade, nunca antes beneficiada com esse tipo de serviço. Segundo o prefeito Zé Martins, quase 90% das estradas vicinais do município já foram recuperadas, em menos de dois anos e meio de mandato. Alguns povoados, como a Vila Betel, não possuíam estradas; eram “caminhos”, que hoje se tornaram estradas e ruas. “O trabalho é feito com qualidade, inclusive observando os locais que precisam de bueiras, para que a água escorra. O nosso padrão é de estrada com sete metros de largura”, ressaltou Zé Martins.

O prefeito visitou a comunidade e conversou com moradores. Morador da Vila Betel desde que nasceu, o produtor rural Timóteo Amorim Rodrigues, 28 anos, relembrou a dificuldade que enfrentava para entrar no povoado. “Isso aqui era um barreiro danado. Você tá vendo essa baixa aí medonha, era água que dava quase na cintura. Isso aqui ficou um amor depois que o prefeito Zé Martins fez esse projeto aqui”, disse. Ele contou, ainda, que era impossível passar com motocicleta quando chovia.

BETEL1 BETEL2BETEL1

O trabalho nas estradas tem sido intenso. Para garantir um bom resultado, é primeiro corrigido o terreno e depois é posta a piçarra. O prefeito informou, ainda, que a equipe da Prefeitura está atenta aos trechos que foram danificados com as chuvas.

Na Vila Betel, a estrada ruim atrapalhava o escoamento da produção agrícola de uma comunidade que está crescendo no cultivo da melancia, por exemplo. Em breve, o povoado – assim como as demais comunidades do município – deve receber, também, mais assistência técnica, uma das novas prioridades da Prefeitura de Bequimão, de acordo com o prefeito. “Vamos dar mais atenção à agricultura familiar, para que se produza mais. Essa produção pode ser comprada no próprio município, pelas escolas e hospital, o que vai contribuir para tirar as pessoas da pobreza, tendo trabalho e renda”, destacou o prefeito.

Matéria de assessoria

 

Prefeito vistoria obras da escola de quatro salas

COMPARTILHE

ZJ1

O prefeito Zé Martins vistoriou, neste domingo (26), as obras da escola de quatro salas que está sendo construída no povoado Monte Alegre, em Bequimão. Outra no mesmo padrão também será feita no povoado Marinho. Os recursos foram adquiridos junto ao Ministério da Educação, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A construção da escola segue o padrão do “Projeto Espaço Educativo Urbano e Rural de 04 Salas de Aula”, com capacidade para atender até 240 alunos, em dois turnos (matutino e vespertino). Pelo FNDE, a Prefeitura Municipal de Bequimão está recebendo assistência financeira, com caráter suplementar, objetivando a construção e o aparelhamento dessas escolas.

ZJ1 ZJ2 ZJ3

O vice-presidente da Associação de Moradores do Monte Alegre, José Albino Braga Ferreira, 47 anos, está acompanhando de perto cada detalhe da obra. O entusiasmo dele, ao ver as paredes da escola serem erguidas, revela o quanto esse benefício era aguardado pela comunidade. “É para o nosso desenvolvimento. Uma escola dessa aí é muito bom. Quatro salas de aula, vai ter sala de informática com dez computadores”, conta o morador, cheio de orgulho.

José Albino disse que, depois da recuperação das estradas vicinais, um ônibus escolar passou a transportar os estudantes da comunidade até as escolas do Centro de Bequimão. Mas, na opinião dele, a situação vai melhorar ainda mais quando as crianças e jovens de Monte Alegre e dos povoados vizinhos puderem estudar perto de casa. “Melhor trazer o professor para a comunidade do que levar o aluno para lá”, avalia.

AVANÇO NA EDUCAÇÃO

Segundo Zé Martins, os dois primeiros anos de sua administração foram dedicados a resolver problemas emergenciais do município, como a recuperação dos serviços de saúde pública e das estradas que dão acesso aos povoados. Nesse período, o prefeito dedicou-se, também, a buscar recursos para a reestruturação da educação.

ZJ4 ZJ5 ZJ6

“Até o mês de junho, vamos finalizar as obras da escola de seis salas que está sendo construída no Ferro de Gomar. Conseguimos, ainda, mais seis escolas de duas salas, que serão feitas no Balandro, Vila Nova, Boa Vista, Frechal, Santa Tereza e Rio Grande. Tudo isso, representa um grande avanço para a educação do nosso município” – destacou Zé Martins.

Prefeitura de Bequimão distribui 8 toneladas de peixes

COMPARTILHE

J1

A Prefeitura Municipal de Bequimão, através do prefeito Zé Martins (PMDB) distribuiu 8 toneladas de peixes nesta quinta feira Santa (2). No ano passado foram 6 toneladas, este ano o prefeito conseguiu aumentar mais 2 toneladas, graças ao número de pessoas que compareceram. Segundo Zé Martins, próximo ano haverá necessidade de aumentar mais uma vez a quantidade de pescado, haja vista que o projeto visa toda população carente do município.

As senhas começaram a serem distribuídas a partir das 6h da manhã, em frente à Prefeitura, no centro da cidade. Depois, que receberam a senha, as pessoas tiveram que enfrentar uma grande fila, mas, para Dona Odete que veio do interior e que chegou antes das 5h da manhã, valeu a pena aguardar, pois o pescado recebido, garantiu o principal prato da Semana Santa, segundo a tradição cristã.

J6 JJ7J4

A ação da Prefeitura também gera renda aos pescadores da região e valoriza a atividade pesqueira do município, uma das grandes vocações produtivas de Bequimão. Para o secretário da Indústria Ademar, esse projeto “Peixe para Todos” já faz parte do programa de governo de Bequimão.

Para a secretária, Dinha, uma das organizadoras do projeto, o programa Peixe para Todos, visa atender 16 mil pessoas carentes da cidade e também do interior do município. Rogério, um dos trabalhadores que ajudou a descarregar o caminhão de peixes, mesmo trabalhando, esse é um dia de alegria para muitos, que talvez não estivesse nada para colocar no prato sexta feira santa.

Atender a população carente de Bequimão é um dos objetivos do programa e pelo visto, foi conseguido, disse o ex-prefeito e líder do grupo político, Juca Martins, presente na distribuição do pescado. Para o prefeito Zé Martins, compromisso assumido, compromisso cumprido. “A pesar das dificuldades, nos programamos e conseguimos aumentar a quantidade de peixes e fazer mais pessoas felizes em Bequimão”. Sorridente, o prefeito Zé Martins que acompanhou de perto a distribuição do pescado.

J3 J5YY

TRADIÇÃO DA SEXTA FEIRA SANTA

Comer peixe na Semana Santa faz parte da tradição e da vocação Cristã. Mas na maioria da população bequimõense, principalmente as pessoas que moram no litoral, o prato mais encontrado na mesa no almoço da sexta feira da paixão, é a tradicional torta de “Sururu” (Mechilhão). O costume de comer peixe é ligado a uma forma de praticar o jejum e a abstinência, uma prática ao lado da caridade e esmola, indicada pela Igreja católica como prática de devoção típica do tempo de Quaresma.

Texto de Assessoria

 

 

 

Carnaval de Bequimão terá 11 bandas

COMPARTILHE

Matéria de assessoria

BEQUIMÂO

Saiu a programação organizada pela Prefeitura Municipal de Bequimão para o Carnaval 2015. A expectativa dos foliões era grande e agora está tudo certo para mais um carnal na Moreninha da baixada. Mas a equipe do prefeito Zé Martins caprichou e promete um carnaval, entre os dias 13 e 17 de fevereiro, com blocos tradicionais e alternativos nas ruas e 11 bandas no palco que será montado na Praça 02 de Novembro, no Centro da Cidade.

Na sexta-feira, dia 13, o esquenta começa com a Banda Macário, de Chapadinha. Logo depois, a Super Banda Moleca 100 Vergonha vai animar a primeira noite de folia. No sábado, dia 14, a Macário também abre a festa, que depois continua com as bandas OZ Bambas (da Bahia) e Miragem (de Pinheiro).

A festa inicia cedo no domingo, dia 15. A “jardineira itinerante” vai passar pelos bares da cidade, às 15h. Mais tarde, a partir das 17h, começa o desfile dos blocos tradicionais e alternativos no corredor da folia. À noite, as bandas Macário, Bruno Shinova e Swingart e Astral sobem ao palco.

Na segunda-feira, dia 16, tem banda Macário e, em seguida, os famosos palhaços Patati-Patatá animam o carnaval da criançada. A festa não vai parar com Juninho e Forró da Stigação. A noite termina com a atração mais aguardada do carnaval em Bequimão, Mara Pavanelly. O último dia da folia de Momo tem as bandas Macário e Banana Real (ex-Jeremias não bate corner). Os foliões se despedem do Carnaval 2015 ao som da banda Chegadões do Forró.

Como no ano passado, a Prefeitura de Bequimão está organizando um esquema de segurança, para que todos possam brincar em paz e com muita alegria.

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free