casa » Archivo de Etiquetas: Seminário

Archivo de Etiquetas: Seminário

Prefeitura de Alcântara realiza Seminário sobre violência contra Idoso

COMPARTILHE

Prefeitura de Alcântara, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, da Mulher e Igualdade Racial, realizou na manhã desta quinta-feira (03), um Seminário em alusão ao Dia Nacional e Internacional do Idoso, que discutiu a temática sobre violência e negligência contra o idoso.

O evento contou com os palestrantes Promotor do Idoso de São Luís, José Augusto Cutrim Gomes e a professora de psicologia, doutora Ana Beatriz Rocha Lima, da Faculdade Uninassau. Após a formação da mesa, o Grupo de Idosos – A Felicidade não tem Idade, se apresentou com a dança do carimbó e botou o público presente para dançar.

Durante o período de apresentação, a secretária de Desenvolvimento Social, Menca Pinho, destacou o trabalho realizado em Alcântara com os idosos do município na gestão do prefeito Anderson Wilker.

“Com os técnicos da secretaria, a partir dos atendimentos nós identificamos que inúmeros idosos em nosso município tem passado por momentos de negligência. e abandono familiar. Em virtude disso realizamos este seminário que servirá para destacar à sociedade que esse é um problema de todos nós, e não só um problema da família, do governo ou do estado, é um problema da sociedade. Temos que pensar uma política de envelhecimento saudável, políticas voltadas para a população idosa de Alcântara que é crescente no município. Este é nosso papel e a secretaria está levando informações dos direitos e garantias que a população idosa tem”, destacou Menca Pinho, que anunciou a criação do Conselho Municipal do Idoso em Alcântara.

O Promotor do Idoso de São Luís, José Augusto Cutrim Gomes, falou da proteção e cuidados com os idosos, que merecem todo tratamento em qualquer lugar.

“No último dia 01 de outubro se comemorou o Dia Nacional e Internacional do Idoso, que serviu para a gente fazer uma reflexão sobre a violência e negligência contra o idoso. Os idosos são violentados como qualquer outra pessoa, na sua integridade física, psíquica e moral. Estamos trabalhando os tipos de violência, como denunciar e até mesmo como o próprio idoso denunciar da violência, que na grande maioria acontece no seio familiar. O próprio idoso ainda não tem consciência que ele é violentado, principalmente por acharmos que violência só é quando existe espancamento. O índice da violência contra o idoso tem crescido de forma geométrica no Maranhão. Só que a violência sempre existiu, mas os idosos não sabiam como denunciar”, disse.

A psicóloga Ana Beatriz Rocha Lima, professora da Faculdade Uninassau, destacou a importância de programas voltados para o idoso e principalmente o tratamento.

“A expectativa dos idos no mundo aumentou. Nossa preocupação é saber como os idosos poderão viver mais, mas com qualidade. São esse espaços como o Serviço de Convivência, o CRAS e o CREAS que ajudam a gente pensar qual é o papel do idoso na sociedade. A gente pensa em uma cidadania, mas também na inclusão social do idoso. A gente poderia pensar no envelhecimento como um momento da vida, caracterizado por perdas cognitivas e comportamentais, mas para os idosos o tema é mais forte, eles são mais fragilizados e dependentes. A psicologia tem ajudado nesse tema, seja na clínica ou no CREAS e CRAS, seja na área da Assistência Social ou da Saúde”, enfatizou.

TIPOS DE VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO

Violência Física: é todo comportamento que implique agressão física, por exemplo, crimes de ofensa à integridade física, maus tratos físicos, sequestro, intervenções e tratamentos médicos arbitrários.

Violência Psicológica/Verbal:Provocar intencionalmente na pessoa idosa dor, angústia através de ameaças, humilhações ou intimidação de forma verbal ou não verbal, por exemplo, insultos, ameaças, humilhação, intimidação, isolamento social, proibição de atividades.

Violência Sexual: Violência na qual o agressor abusa do poder que tem sobre a vítima para obter gratificação sexual, sem o seu consentimento, sendo induzida ou obrigada a práticas sexuais com ou sem violência.

Negligência e Abandono: é o ato de omissão de auxílio do responsável pela pessoa idosa em providenciar as necessidades básicas, necessárias à sua sobrevivência, por exemplo, o crime de omissão de auxílio e não providenciar acesso a cuidados de saúde.

Violência Financeira/económica: qualquer prática que visa a apropriação ilícita do património de uma pessoa idosa e pode ser realizada por familiares, profissionais e instituições.

Violência Doméstica: Infligir, de forma continuada ou não, maus tratos físicos ou psíquicos, a pessoa particularmente indefesa em razão da sua idade ou dependência económica que consigo coabite, por exemplo, castigos corporais, privações da liberdade e ofensas sexuais.

O município de Alcântara já conta com a Casa de Apoio ao Idoso, inaugurada pelo prefeito Anderson Wilker, que acolhe os idosos alcantarenses tanto da sede, quanto da zona rural. Além disso leva atendimento de saúde, direito e assistência aos idosos.

Estiveram presentes a secretária de Assistência Social ( Menca Pinho), a secretaria de finanças (Alcilene Araújo), o vice prefeito Sargento Leitão, equipe técnica da secretaria, idosos e sociedade civil.

Alcântara participa de Seminário sobre Turismo em Cururupu-MA

COMPARTILHE

Durante os dias 16 e 17 de agosto, representantes dos diversos segmentos de atividades turística, artesanal e cultural do município de Alcântara participaram do I Seminário de Turismo da Floresta dos Guarás que aconteceu na cidade de Cururupu, no Litoral Ocidental Maranhense. O seminário foi promovido pelo Sebrae Maranhão, através da Unidade Regional de Pinheiro, com o apoio da Prefeitura Municipal de Cururupu.

Cerca de 20 pessoas, incluindo empreendedores dos segmentos de hospedagem, alimentação, transporte, cultura e artesanato que integram a cadeia produtiva do turismo na cidade histórica, como também técnicos do poder público do município de Alcântara participaram do evento.

O seminário foi idealizado com o intuito de discutir e apontar alternativas reais para a promoção da região como um destino turístico sustentável, explorando as diversas potencialidades existentes e estimulando políticas públicas de incentivo, onde foram abordados diversos temas fundamentais para o desenvolvimento do turismo no litoral ocidental maranhense.

Para a secretária de Cultura e Turismo do município de Alcântara, Marcelina Serrão, o seminário mostra os caminhos para o desenvolvimento de uma cidade através do turismo. “Um evento dessa grandeza nos dar uma luz e desperta mais atitude para que nosso turismo possa ganhar novos horizontes. Temos um potencial turístico forte, uma culinária inigualável, hospedagens boas e bem localizadas, além de um povo muito hospitaleiro”, destacou a gestora que ficou animada com a quantidade expressiva de participantes no evento, cerca de aproximadamente 700 pessoas”.

O evento contou com a participação de prefeitos de municípios vizinhos, vice-prefeitos, secretários municipais de turismo e do governo do estado, dos representantes de Sindicatos de Guias de Turismo do Maranhão (SINDEGTUR-MA), Associação Brasileira de Indústria Hoteleira (ABIH), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO), Associações Comunitárias, Universidades, empresários do setor de turismo e lideranças.

 

Bequimão participa do I Seminário de Turismo da Floresta dos Guarás

COMPARTILHE

Durante dois dias (16 e 17 de agosto), Representantes dos diversos segmentos da atividade turística do município de Bequimão participaram do I Seminário de Turismo da Floresta dos Guarás que aconteceu na cidade de Cururupu, no Litoral Ocidental Maranhense. O seminário foi promovido pelo Sebrae Maranhão, através da Unidade Regional de Pinheiro, com o apoio da Prefeitura Municipal de Cururupu-MA.

Cerca de 21 empreendedores dos segmentos de meios de hospedagem, alimentação, transporte e artesanato que integram a cadeia produtiva do turismo, como também técnicos do poder público do município de Bequimão participaram do evento.

O seminário foi idealizado com o intuito de discutir e apontar alternativas reais para a promoção da região como um destino turístico sustentável, explorando as diversas potencialidades existentes e estimulando políticas públicas de incentivo, onde foram abordados diversos temas fundamentais para o desenvolvimento do turismo no litoral ocidental maranhense.

O turismólogo e coordenador da Sala do Empreendedor de Bequimão, Rodrigo Martins, responsável pela articulação e mobilização dos participantes do município no evento, destacou a importância do seminário para a região. “Já temos um grande potencial para o turismo, isso graças à natureza exuberante que a região conta. Precisamos agora saber tirar proveito do que o turismo oferece de melhor e o seminário comprovou o potencial que temos, através das exposições nos stands com produtos artesanais da cultura local, mostrando nossa riqueza e diversidade e também, pela quantidade expressiva de participantes no evento, cerca de aproximadamente 700 pessoas”.

O evento contou com a participação de prefeitos, vice-prefeitos, secretários municipais de turismo e do governo do Estado, dos representantes de Sindicatos de Guias de Turismo do Maranhão (SINDEGTUR-MA), Associação Brasileira de Indústria Hoteleira (ABIH), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO), Associações Comunitárias, Universidades, e Empresários do setor de turismo.

Rodrigo Martins

I Seminário de Segurança Alimentar e Nutricional de Alcântara-MA

COMPARTILHE

Uma nutrição saudável é base de uma boa saúde. Pensando nisso, a Prefeitura de Alcântara realizou no último dia 23 de julho, o I Seminário Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional de Alcântara. O evento aconteceu na I Igreja Batista de Alcântara e teve como objetivo sensibilizar a comunidade sobre a importância da Política de Segurança Alimentar na promoção do direito humano a alimentação adequada, e eleger dentre as entidades da sociedade civil representantes afins com a política de Segurança Alimentar para compor o Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (COMSEA).

 

O evento reuniu cerca de 110 pessoas e iniciou com a mesa de abertura. Logo após ocorreu a exposição dos painéis sobre as ações de segurança alimentar e nutricional no município com os técnicos de cada secretaria municipal acerca da importância do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN), da intersertorialidade, do funcionamento da Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional do estado do Maranhão (CAISAN-MA) proferido pela gestora de programa da SEDES, Edilene Sampaio, seguido de debate e eleição das entidades na qual foi coordenada pela presidente do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional, Concita da Pindoba.

Para o Prefeito de Alcântara, Anderson Wilker, o município tem uma meta, a gestão acata e o prefeito cumpre. “O seminário tem a missão de debater sobre a segurança alimentar e nutricional no município para o desenvolvimento amplo e participativo para efetivação da adesão ao SISAN”. Vamos cumprir todas as regras e principalmente bater todas as metas nutricionais, para que nosso povo, nossas crianças, idosos e mais que nunca, nossos alunos possam ter uma nutrição saudável daqui para frente”, destacou o gestor municipal.

 

O Sistema Nacional de Segurança Alimentar é sistema público, firmado pela Assistência Social, junto ao Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e objetiva coordenar os projetos e ações públicas em segurança alimentar e nutricional, articulando na integração entre os entes dos poderes públicos – sociedade civil e a promoção do acompanhamento, monitoramento e avaliação da segurança alimentar e nutricional.

Segundo a Lei Municipal nº 481 de 12/2017, que cria o SISAN em Alcântara, o COMSEA é um órgão permanente e legal de articulação entre governo e sociedade civil na proposição das ações e projetos na área de segurança alimentar e nutricional, seguindo as diretrizes dos Conselhos Estadual e Nacional. Seu funcionamento será regulado pelo seu Regimento Interno.

As oito entidades eleitas para compor o COMSEA Alcântara, foram:
1.      STTR (Titular)
2.      SINSEPMA  (Titular)/ Sindicato dos Agentes Comunitário Saúde (Suplente)
3.      Colônia de Pescadores (Titular)/ Associação de produtores do Mamuna (Suplente)
4.      Associação de Produtores de Paraíso (Titular)/ Associação de Produtores de Pepital (Suplente)
5.      Associação de Agricultores de Marudá (Titular)/  Associação de Produtores do Peru (Suplente)
6.      ATEQUILA (Titular/Suplente)
7.      Associação de Moradores do Só Assim (Titular)/  Associação de Produtores de Santo Inácio (Suplente)
8.      Associação de Produtores de Samucangaua (Titular)/ Associação de Produtores de Terra Mole (Suplente)

O seminário contou com a participação do prefeito Anderson Wilker, secretários municipais e técnicos da Assistência Social, Agricultura Familiar, Cultura e Turismo, Educação, Meio Ambiente e Saúde; além de entidades representativas de movimentos populares, profissionais liberais, vereadores, do CONSEA Maranhão, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, pesquisadores (Miércio Robeth e Stephany Ruiz), do Projeto ConsolidaSISAN  e a população em geral.

Por Por Rafaelle Corrêa (Nutricionista e pesquisadora em segurança alimentar e nutricional no estado do Maranhão).

I Seminário de Turismo será realizado no Litoral Ocidental Maranhense

COMPARTILHE

Fomentar o turismo é a melhor forma de melhorar a economia de um território. Pensando assim, o Sebrae-MA, regional de Pinheiro, realizou na última quarta-feira (27) no município de Mirinzal, a reunião preparatória para discutir a realização do I Seminário de Turismo do Litoral Ocidental Maranhense que acontecerá na cidade de Cururupu, no mês de agosto.

A reunião teve como objetivo definir os detalhes para realização do I Seminário de Turismo do Pólo da Floresta dos Guarás, que contou com a participação de 26 atores dos setores público e privados, ligados diretamente com a cadeia produtiva do turismo dos municípios do litoral ocidental maranhense.

O objetivo do seminário será construir um Plano Integrado de Desenvolvimento do Turismo para a Floresta dos Guarás, já que a região é rica em pontos turísticos e precisam ser explorados, por empresários e gestores da região. O seminário está previsto para acontecer nos dias 16 e 17 de agosto na cidade de Cururupu, e contará com profissionais da ramo, gestores e empresários da região.

A prefeitura de Bequimão esteve representada pela secretária municipal de Meio Ambiente e Turismo, Keila Soares, acompanhada de técnicos da pasta. Bequimão tem interesse no tema e já prepara um plano para investir no turismo ecológico. O município de Bequimão além do mar, se destaca pelos rios e campos inundados.

Fotos: Rodrigo Martins

Secretária Dinha Pinheiro participa de Seminário de Saúde Integral da População Negra em São Luís

COMPARTILHE

A secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial do município de Bequimão, Dinha Pinheiro, participou na última sexta-feira, 11, do Seminário de Devolutiva da Política de Saúde Integral da População Negra, evento promovido pelo governo estadual através da Secretaria de igualdade Racial em parceria com as Secretarias de Saúde e Mulher e Conselho Estadual de Igualdade racial.

No mesmo dia a secretária Dinha Pinheiro foi representada em outro Seminário na cidade de Pinheiro-Ma. Na princesa da baixada o tema principal foi “pratica de esporte como ferramentas de prevenção as drogas e a violência”.
A secretária foi representada pelo Sr° Francisco Carlos Macedo Souza, popularmente conhecido como Pinininho.

No seminário foram apresentados os aspectos normativos e orientadores da política de saúde, criada por decreto do governador Flávio Dino, em 27 de novembro de 2017. Foram apresentados também o processo de construção, princípios, missão, diretrizes e objetivos, além do plano operativo com os eixos orientadores e prioridades.

Além dessas questões, também foram abordadas as responsabilidades de cada ente federativo (Ministério da Saúde, gestão estadual e municipal) para a execução da política de saúde, voltada ao atendimento de negros e negras no sistema público de saúde para a prevenção, promoção, proteção e recuperação da saúde desta população, observando as suas peculiaridades.

O seminário foi aberto a lideranças quilombolas, de matriz africana e de outros movimentos sociais, além de conselhos de saúde e de gestores municipais e servidores da saúde dos municípios da região metropolitana e aconteceu no auditório do Palácio Henrique de La Rocque, localizado no bairro Calhau.

Este seminário já aconteceu nas regionais de Imperatriz, Bacabal, Itapecuru-Mirim, Pinheiro, São João dos Patos e Codó.

Bárbara Soeiro representa as mulheres do Maranhão em Seminário em Brasília-DF

COMPARTILHE

A vereadora Bárbara Soeiro (PSC) representou a Câmara Municipal de São Luís,  na tarde desta terça-feira (21), na Câmara Federal, durante o Seminário de Boas Práticas no Combate à Violência contra a Mulher, ao lado de mulheres aguerridas como a Deputada Soraya Santos, coordenadora da Bancada Feminina, da representante da ONU MULHER,  Nadine Gasman e demais autoridades representativas.

No evento foram discutidas políticas públicas, como programação da  Campanha Mundial “16 dias de Ativismo pelo fim da Violência contra as Mulheres”. Este evento é de muita relevância,pois  busca conscientizar a população sobre os diferentes tipos de agressão contra as mulheres em todo o mundo, propondo medidas de prevenção , de combate e enfrentamento, com o intuito da garantir igualdade de direitos.

 Em discurso, Bárbara agradeceu o convite feito pela organização do Seminário, e colocou-se à disposição do seu Estado e também do País, na luta em defesa das Mulheres.

– Hoje estou aqui em Brasília, e estarei em qualquer lugar desse país, para levantar a bandeira do respeito, proteção e empoderamento da Mulher brasileira. No meu Estado (Maranhão), estamos com a sociedade civil, comunidades, instituições públicas, irmanados para coibirmos a violência contra a Mulher, a nossa luta é diária em São Luís, mas também quero ajudar ao Brasil, a acabar com essa estatística triste e lamentável, que atinge a todas nós, discursou sob aplausos a parlamentar ludovicense, em Brasília.

Presidente da Agência Metropolitana realiza Seminário em Alcântara

COMPARTILHE

Foi realizado na última terça-feira (19), na Escola John Kennedy, na cidade de Alcântara, o Seminário Metropolitano, para levantar questões que podem melhorar o dia a dia de moradores do município. Durante o seminário os participantes puderam sugerir propostas e escolher os delegados para a eleição do Conselho Participativo.

 

Essa ação é uma parceria do governo do estado do Maranhão, através da Agência Metropolitana, em parceria com a prefeitura Municipal de Alcântara. O objetivo do seminário é eleger os representantes junto ao Conselho Metropolitano da Região Metropolitana da Grande São Luís (RMGSL).

Após discutir alguns temas que atendam as necessidades dos 13 municípios que compõem a região metropolitana, foram definidos os delegados que serão escolhidos e eleitos para representar a sociedade civil organizada. Vários temas foram discutidos no seminário, como saneamento  básico, mobilidade urbana, turismo, educação, desenvolvimento econômico e social.

Estiveram presentes no evento, representantes a da sociedade civil, representantes do poder público, secretários municipais e vereadores, além do presidente estadual da Agência Metropolitana, Pedro Lucas Fernandes, que representou o governo do estado.

A secretária de Cultura e Turismo, Marcelina Serrão, esteve presente e representou o prefeito Anderson Wilker (PCdoB), que estava em São Luís resolvendo questões relacionadas ao governo municipal. Em sua fala, Marcelina destacou a importância do seminário para Alcântara. “A sociedade civil representada por várias entidades, discute e apresenta propostas dentro dos temas abordados. As ações do governo do estado vão atender e melhorar a qualidade de vida da população alcantarense, fortalecendo ainda mais o compromisso do prefeito Anderson Wilker” – disse a secretária.

Durante o seminário, Pedro Lucas, ainda destacou a implantação do caís flutuante, que segundo ele, vai alavancar o turismo em Alcântara, gerando emprego e renda, destacando que a empresa responsável pela obra já foi licitada.

Após o seminário, o presidente da Agência Metropolitana, Pedro Lucas, acompanhado de uma equipe, e do secretário municipal de infraestrutura, Edson Barbosa (Olhinho) visitou o lixão, onde pode ser construído um aterro sanitário, que vai melhorar a vida da população.

 

Seminário reúne vereadores do estado para discutir atividades de controle e fiscalização

COMPARTILHE

O I Seminário de Gestores das Câmaras Municipais, promovido pela Procuradoria Geral da Câmara Municipal de São Luís, em parceria do Poder Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado, reuniu em São Luís centenas de vereadores, para uma discussão sobre lites do Poder Legislativo e esclarecimentos sobre atividades de controle e fiscalização externa.

O encontro que teve início na manhã dessa quarta-feira, 23, no auditório do Rio Poty Hotel, teve objetivo de contribuir na qualificação dos mandatos nas Câmaras Municipais, sobretudo, dos julgamentos das prestações de contas de ex-prefeitos.

Durante a abertura do evento, o presidente da Câmara Municipal de São Luís (CMSL), vereador Astro de Ogum (PR), ressaltou que o encontro tem grande importância porque valoriza o trabalho dos chefes dos legislativos municipais no interior do estado. Em seu discurso, Ogum destacou ainda a criação da fundação da Federação das Câmaras Municipais do Maranhão – FECAM/MA, entidade que, segundo ele, servirá para auxiliar os presidentes dos Poderes Legislativos Municipais.

“O Seminário tem importância para valorização das Câmaras. E hoje estaremos fundando a Federação das Câmaras Municipais do Maranhão para auxiliar e representar as reivindicações dos presidentes das Câmaras, que têm problemas muito específicos em relação às gestões municipais, e fortalece-las na discussão com as autoridades competentes”, declarou Astro de Ogum, idealizador da proposta de criação da entidade.

O juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca da Ilha de São Luís, Douglas de Melo Martins, que proferiu palestra sobre “O Poder Judiciário e o Julgamento das Ações de Improbidade Administrativa no Âmbito Municipal”, disse que o seminário tem um grande significado, pois discutiu deveres no trabalho dos vereadores. “É um tema muito importante, que deve ser debatido nas cidades, inclusive com propostas efetivas”, pontuou Martins.

O período da manhã foi reservado para palestras sobre vários assuntos de interesses dos gestores. Como a palestra proferida pelo procurador legislativo da Câmara de São Luís, Samuel de Miranda Melo, com o tema “O sistema orçamentário e a LRF”. Outro importante assunto debatido no encontro foi abordado pelo presidente do TCE, José de Ribamar Caldas Furtado, com o tema “Controle Preventivo do TCE”. Por fim, o procurador-geral de Justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho fez uma exposição do “julgamento de Contas pelas Câmaras Municipais”.

O secretário de Estado da Comunicação Social e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, que representou o governador Flávio Dino (PCdoB), ressaltou que os vereadores são importantes para a evolução da cidade e afirmou que eventos como esses ajudam a combater o Ele também o ‘achincalhamento’ da classe política.

“Existe hoje uma criminalização da política, o que é vão é a verdade, mas iniciativas como essas servem para mostrar que a classe política está em ‘sintonia direta’ com a população”, afirmou.

Representando o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), o vice-prefeito Júlio Pinheiro (PCdoB), disse que os vereadores são a voz mais nítida da população e destacou que o seminário serve para qualificar mais ainda o trabalho dos parlamentares.

Durante a tarde, os representantes dos Legislativos Municipais formalizaram a criação da fundação da Federação das Câmaras Municipais do Maranhão – FECAM/MA, nova entidade representativa do legislativo, que pretende a auxiliá-los em assuntos específicos relacionados às suas gestões no comando das Casas de leis.

Governo e Prefeitura de Alcântara realizam a Caravana do Programa Maranhão Quilombola

COMPARTILHE

O Governo do Estado e a Prefeitura de Alcântara realizam a Caravana do Programa Maranhão Quilombola, no período de 03 a 06 de julho, com ações e serviços para as comunidades rurais quilombolas alcantarenses. O evento decorre de uma articulação das Secretarias de Estado da Igualdade Racial, Saúde, Mulher, Desenvolvimento Social, Agricultura Familiar e Agerp, em parceria com a gestão municipal.

Os atendimentos e palestras ocorrem no âmbito do Programa Maranhão Quilombola (PMQ), que foi criado pelo governador Flávio Dino em 20/11/2015 e que se constitui num importante instrumento de ações articuladas de políticas públicas, destinadas às comunidades quilombolas do Estado, cujas diretrizes, são organizadas a partir das cinco ações norteadoras da Agenda Social Quilombola: acesso à terra; infraestrutura; desenvolvimento local e inclusão produtiva; saúde e educação e cidadania;

A secretária-adjunta Socorro Guterres esclarece a importância da parceria com os municípios para a realização das ações. “A Caravana tem o objetivo de sensibilizar os gestores municipais para a implementação das políticas públicas do PMQ, uma vez que a responsabilização em primeira instância é do Município. Assim, é fundamental a parceria com a gestão municipal para que os dois entes atendam às demandas dessas comunidades quilombolas com ações de saúde, educação, inclusão produtiva, palestras, oficinas, atendimento à mulheres”.

Em Alcântara serão realizados: Mutirão de saúde (SES); Rede de atendimento – Ônibus Lilás (SEMU), Mutirão de emissão de DAP Jurídica e Oficina de PAA (SEIR e AGERP); Oficina de Segurança Alimentar e Oficina de Busca Ativa (SEDES); Serviços de Convivência, recreação e lazer e atendimento do CRAS e CREAS (Prefeitura de Alcântara).

Estas ações e serviços acontecem nas comunidades de Santa Maria (segunda, 03), Peroba de Cima (terça, 04), Itamatatiua (quarta, 05) e na quinta, 6 acontece o Seminário do Programa Maranhão Quilombola: Rede de Atendimento no Auditório do IFMA.

De acordo com o prefeito Anderson Wilker, a Caravana do Maranhão Quilombola potencializa os serviços já oferecidos às comunidades e traz benefícios aos quilombolas. “Este é mais um grande momento da parceria entre a prefeitura de Alcântara e o governo do Estado, que tem sempre nos ajudado em diversas frentes e agora mais ainda com a Caravana do Programa Maranhão Quilombola. Quem ganha com esses serviços é a população, que passa a ter as políticas públicas mais presentes em suas comunidades”.

Claudia Regina Ferreira Costa, liderança quilombola de Itamatatiua, afirma que as comunidades estão mobilizadas para a Caravana. “As mulheres quilombolas estão ansiosas pra receber os atendimentos médicos na própria comunidade, pois isso já facilita nossa vida”. Outro aspecto enfocado por Claudia Regina é a importância das palestras para esclarecer os direitos das mulheres quilombolas. “É importante esclarecer a mulher quilombola sobre a violência doméstica, porque tem muitas que vivem essa realidade em casa e tem medo de denunciar”.

Esta segunda etapa da Caravana do Programa Maranhão Quilombola conta com 13 profissionais do governo estadual e cerca de 70 servidores da Prefeitura de Alcântara com previsão de atender mil pessoas; em sua primeira etapa, ocorrida em comunidades quilombolas de Itapecuru, os profissionais do Estado e da prefeitura municipal realizaram mais de 700 atendimentos.

 

SITE: www.igualdaderacial.ma.gov.br

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free