casa » Archivo de Etiquetas: Sebrae (página 13)

Archivo de Etiquetas: Sebrae

AGRITEC de São Bento atrai mais de quatro mil pessoas

COMPARTILHE

A I Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec), que encerrou no último sábado (29), no município de São Bento, atraiu cerca de quatro mil pessoas. Elas foram à Escola Fazenda da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), participar do evento promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF), em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

A Agritec de São Bento foi aberta pelo governador Flávio Dino (PCdoB) e o ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Patrus Ananias, na última quinta-feira (27). Eles anunciaram vários investimentos à agricultura familiar e em outras áreas importantes para o desenvolvimento do estado e em especial para a baixada maranhense.

Durante a feira, foram capacitadas mil pessoas por meio de 50 cursos, oficinas e palestras. “Deixamos um legado de conhecimento e isso impulsiona a realização das próximas feiras, ainda esse ano, em Açailândia, Caxias e Bacabal”, enfatizou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

AG2 AG3

Visitantes da feira participaram de oficinas como a de “Fabricação de Sabonete Artesanal à Base de Mel”, conduzida pela professora Rosilene Padinha, da Cooperativa Agroecológica de Meliponicultores da Baixada Maranhense, que produz mel de abelha tiúba.

Uma das alunas da oficina, a agricultora Roclinda Campos, do povoado de Guarapiranga, em São Bento, disse que gostou de saber que deve ficar atenta a todos os detalhes em todas as fases do processo de fabricação. “Aprendemos a ter um cuidado com os ingredientes usados na fabricação, já que será um produto usado na pele, e não podemos usar nada que possa causar alergia”, disse a agricultora.

PRODUÇÃO DE PEIXE

A oficina de “Piscicultura para a Agricultura Familiar” contou com um público atento à abertura de um mercado crescente, graças ao maior consumo de peixes no Brasil, segundo informações do instrutor Fernando Carvalho.

Para o agricultor José Ribamar de Oliveira, de São Bento, o curso serviu como apoio em sua nova empreitada dele como produtor familiar. “Estou começando uma pequena criação de peixes, não sei muito e, por isso, vim aqui. Espero poder aplicar o que aprendi e poder ter uma boa produção de peixes para consumir e ainda vender”.

AG4 AG5

Na Agritec é possível conhecer o projeto “Mais Peixes” que tem como objetivo incrementar a produção em tanques de polietileno, uma alternativa a outros modelos, como o de concreto e viveiro escavado, que têm custo mais elevado.

Segundo o coordenador do projeto, Cláudio Urbano, a nova estrutura é de rápida instalação e manutenção. Acomoda-se facilmente em vários tipos de terreno, além de possuir durabilidade alta, de até 20 anos. O investimento é baixo, cerca de R$ 6 mil, sendo um equipamento que pode produzir até uma tonelada de peixes em cada tanque em um ciclo de seis meses.

EXPERIÊNCIA DE SUCESSO

No balanço de encerramento da feira, realizado pelo secretário Adelmo Soares e representantes dos parceiros, os resultados finais foram considerados positivos, levando em conta os benefícios deixados como a construção do campus da Uema, ampliação do acesso aos estudantes da Baixada de nível superior e a construção de sistemas de abastecimento de água em quatro comunidades rurais de São Bento.

“Tivemos uma troca de experiência fantástica. O Governo do Estado marcou aqui a abertura de um campus e isso vai contribuir muito para o desenvolvimento da Baixada”, ressaltou a professora da Uema, Francisca Neide Costa.

Para o superintendente do Sebrae-MA, João Martins, a agricultura familiar é um empreendimento e, por isso, o agricultor deve ser considerado um empresário. Na avaliação do chefe da Embrapa Cocais, Valdemício Ferreira, a Agritec foi desenvolvida com o objetivo de propiciar um ambiente de discussão com o agricultor. “É um espaço de troca de experiências do agricultor com os técnicos”.

Texto: Paulinho Castro

Zé Martins participa da feira Agritec em São Bento

COMPARTILHE

O prefeito de Bequimão, Zé Martins (PMDB) participou da abertura da 1ª Feria de Agricultura Familiar e Agrotecnológica (Agritec) de São Bento. Durante a solenidade de abertura da feira em São Bento, os Quilombolas do município de Bequimão receberam o selo Brasil Quilombolas que garante a origem dos produtos produzidos pelos quilombolas. A comunidade Rio Grande foi quem representou as outras comunidades, através da quilombola Sônia Maria Pinheiro. Cerca de 30 produtores rurais de Bequimão estiveram presentes na feira.  Zé Martins ainda prestigiou o estande dos trabalhadores que representaram o município de Bequimão na Agritec.

A7 A20

Para o prefeito Zé Martins, a feira é uma vitrine para os produtos da Região e vai garantir aos produtores, a possibilidade da venda fora do município. Se não bastasse essa vitrine, a feira oportuniza o ganho de conhecimentos para melhorar ainda mais a produção em Bequimão.

“O município de Bequimão estará presente nos três dias de feira, mostrando produtos da região, mas, principalmente com nossos produtores ganhando conhecimentos. Isso é fundamental para aumentar a nossa produção e melhorar a qualidade de vida dos nossos trabalhadores”, disse o prefeito Zé Martins.

AGRIT20AGRIT15

O município de Bequimão esteve bem representado na Agritec, onde além do Prefeito Zé Martins, os secretários Dinha Pinheiro (Cultura), Ademar Costa (Indústria e Comércio), Creuber Pereira (Agricultura), Nhô da Colônia (Pesca) e os adjuntos José Henrique (Cultura) e Keila Soares (Meio Ambiente), estiveram presente na 1ª feira do agricultor familiar na baixada. O município de Bequimão se destacou com a maior variedades de produtos expostos durante os três dias de feira pelos agricultores familiares. A caravana de Bequimão composta por produtores rurais e autoridades municipais invadiu a cidade de São Bento. Cerca de 30 produtores rurais de Bequimão estiveram presentes na feira.

A26 B11

A Agritec de São Bento é uma iniciativa do governo do Estado, através da Secretaria da Agricultura Familiar e tem como parceiros o Sebrae-MA e a Embrapa. O Sebrae trabalha com a Inovação e Difusão da cultura empreendedora. Já a Embrapa, trabalha com Pesquisa e Transferência de Tecnologia Social. Além do prefeito Zé Martins, quem também esteve presente ao evento, foi o Superintendente do Sebrae-Ma, Dr. João Martins, que acompanhou de perto toda abertura da feira. João Martins, tem sido um grande parceiro do agricultor da baixada maranhense e através de projetos, a região começa ganhar novos ares e desenvolvimento nos variados setores. Durante a feira, o Superintendente do Sebrae, esteve com o governador Flávio Dino e muitas projetos virão para a baixada, inclusive Bequimão.

A13 A19

A Agritec contou com 14 estandes, salas para minicursos e oficinas, exposição e comercialização de produtos agrícolas, cursos de piscicultura, beneficiamento de pescado e carnes, entre outros. Segundo dados do governo do estado, mais de 600 agricultores  participaram e cerca de 1.000 (Mil) pessoas visitaram as tendas e exposições no primeiro dia de feira. O objetivo é dinamizar a economia criativa para surgir novos espaços para a discussão de políticas públicas e potencialização da agricultura familiar.

Dezenas de prefeitos do maranhão participaram da abertura. A  expectativa é que até o final da 1ª Agritec de São Bento, cerca de 15 mil pessoas passem pela Fazenda Escola da Uema nos três dias de eventos e que pelo menos 1,5 mil produtores rurais da região sejam capacitados.

Informações Paulinho Castro

FOTOS: Rodrigo Martins………..Veja mais Fotos da AgriTEC em: www.tribunadebequimao.wordpress.com

Sebrae e Abraço articulam parceria

COMPARTILHE

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Maranhão (Sebrae) recebeu a diretoria da Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária, Secção Maranhão (Abraço), para um café da manhã na unidade regional do Sebrae em São Luís, para discutir a possibilidade de serem firmados parcerias institucionais no futuro.

Na ocasião, a entidade de rádios comunitárias apresentou um levantamento com 166 rádios do tipo regularizadas no estado e uma estimativa que ainda há outras 150 em processo de regularização no Maranhão.

O presidente da Abraço e radialista Luiz Augusto afirmou que a participação do Sebrae ajudará no processo de criação de um ambiente sustentável para as rádios comunitárias no Maranhão.

“Viemos em busca do Sebrae porque consideramos que a instituição será fundamental para ajudar as rádios comunitárias a se manter vivas. A profissionalização da gestão é um caminho e muitas rádios não conseguem se manter exatamente porque falta uma base de gestão”, observou.

O diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, disse que a instituição pode realizar um diagnóstico do segmento de rádios comunitárias para definir modelos de gestão mais adequados e capacitar os profissionais que atuam neste tipo de emissora.

“O Sebrae tem por missão dar suporte ao desenvolvimento de pequenos negócios, categoria onde as rádios comunitárias, apesar de não terem fins lucrativos, se encaixam. A instituição está aberta para contribuir e faremos o que for possível para traduzir em resultados a profissionalização deste segmento”, afirmou Martins.

Outras reuniões entre as duas entidades serão realizadas para discutir maiores detalhes de como as duas instituições trabalharão em conjunto.

Sebrae promove ações em Feira de Agricultura

COMPARTILHE

Aproximadamente 15 mil pessoas são esperadas para a 1ª Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agitec) entre os dias 27 e 29 de agosto, em São Bento. O evento é uma parceria entre o Governo Estadual, Serviço e Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Maranhão (Sebrae) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

O evento faz parte de uma série de quatro feiras de agricultura familiar que serão realizadas este ano no Maranhão. Ainda estão previstas outras três edições para este ano: uma em Açailândia de 8 a 10 de outubro; Caxias, de 11 a 14 de novembro; Bacabal de 10 a 12 de dezembro.

O Sebrae no Maranhão é parceira nos processos de coordenação geral, credenciamento, mobilização do público em parceria com o Governo Estadual e execução de mostras tecnológicas, oficinas, palestras e exposições, além de ter mais de 60 ações para atender produtores rurais e potenciais empresários rurais.

“As feiras agropecuárias são importantes espaços de formação e acesso a novas tecnologias para os pequenos produtores. São oportunidades para que os pequenos produtores rurais conheçam novas formas de aperfeiçoar sua produção, que a tornem mais eficiente e sustentável. São também oportunidades de apresentar à população rural as políticas públicas destinadas a elas, ou colocar esses produtores frente a frente com entidades de fomento como as instituições bancárias. O Sebrae orgulha-se de participar dessas iniciativas também porque acredita que esses eventos contribuem para o desenvolvimento dos pequenos negócios, sua missão institucional”, acredita o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins.

Hoje o Sebrae no Maranhão mantém uma carteira específica para lidar com o agronegócio em micro e pequenas empresas, que mantém 17 projetos em todo o estado, que recebem cerca de 8% dos recursos do orçamento da instituição e onde são atendidos 1.230 produtores rurais, em mais de 50 municípios maranhenses. As áreas de concentração dos projetos são gado leiteiro, cadeia produtiva do mel, hortifruticultura, ovinocaprinocultura e piscicultura.

PROGRAMAÇÃO

A Agritec de São Bento tem uma programação com 114 ações, dividas entre programação técnica e de campo. A programação técnica terá 68 oficinas, palestras, mesas redondas, debates e cursos, promovidos por todos os parceiros da Feria. Enquanto a programação de campo terá 36 mostras, vitrines tecnológicas, exposições e visitas técnicas.

Para a Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnológica do Maranhão de São Bento, o Sebrae no Maranhão está levando um grupo formado por 50 técnicos e consultores, onde vão operacionalizar 56 oficinas e palestras, 4 painéis e 3 mostras, distribuídos pelos três dias de programação.

A ação também envolve a estrutura de três das 12 unidades regionais do Sebrae no Maranhão – São Luís, Santa Inês e Pinheiro – que estão dentro da área de abrangência da 1º Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnológica do Maranhão.

Nas ações programadas pelo Sebrae no Maranhão serão tratados 10 assuntos, dentro da expertise da Instituição: piscicultura, ovinocaprinocultura, empreendedorismo rural, compras governamentais, associativismo, culinária em ovinocaprinocultura, meliponicultura, mandiocultura, apicultura e aguardente de mel.

Nas vitrines tecnológicas, a instituição será realizadora das vitrines tecnológicas de piscicultura e mandiocultura e será parceiro nas de ovinocaprinocultura, apicultura, hortifruticultura e da criação de galinha caipira. Além disso, a instituição terá exposição de piscicultura e de ovinocaprinocultura, um escritório e duas unidades móveis funcionando durante a 1ª Agritec. O Sebrae no Maranhão ainda organizará II Mostra de Soluções Tecnológicas da Agricultura da Baixada Maranhense.

O Sebrae no Maranhão também está levando 3 ovinocaprinocultores expositores de São João Batista, Central e Bequimão e três piscicultores expositores de Pinheiro e do povoado de Itans, além de mobilizar 30 caravanas de agricultores familiares dos municípios das regiões do Médio Mearim, Baixada Maranhense e Campos e Lagos.

BLOG  VANDOVAL

 

 

Sebrae vai aprimorar serviços do Detran

COMPARTILHE

O Sebrae e o Governo do Estado firmaram convênio nesta terça-feira (04), que garante o aprimoramento de serviços e processos oferecidos pelo Detran (Departamento de Trânsito). O convênio foi assinado pelo diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, e pelo diretor geral do Detran, Antônio Nunes, prevendo diagnóstico e consultoria especializada em atendimento e gestão de processos para a sede do órgão, em São Luís, e também nas Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) de Imperatriz, Açailândia, Santa Inês, Caxias, Timon e Bacabal.

O diretor do Detran destaca que a parceria é resultado de uma série de mudanças empreendidas pela instituição para promoção de avanços nos serviços prestados ao cidadão. “Estamos, desde o início do ano, promovendo inúmeras mudanças no órgão e firmando parcerias com diversas instituições a fim de melhorar ao atendimento ao cidadão. Esse é um compromisso do Governo do Estado. Existem vários processos operacionais defasados no Detran e vamos acabar com isso, buscando oferecer um atendimento mais ágil e de melhor qualidade ao usuário”, ressaltou Nunes.

DETRAN1 DETRAN2

Durante os próximos seis meses, além do serviço de consultoria, o Sebrae vai realizar um mapeamento em todo o Detran, elaborando um estudo preliminar onde será apresentado um diagnóstico detalhado das atuais condições dos serviços, com o objetivo de definir as ações emergenciais nas áreas de gestão, análise de processos e capacitação dos profissionais do atendimento.

Segundo o superintendente do Sebrae, o mapeamento é útil para identificar as falhas nos serviços que acabam prejudicando quem procura o Detran. “Incentivamos uma nova forma de gestão com o objetivo de modernizar e aprimorar a qualidade dos serviços públicos oferecidos, garantindo a qualidade e a satisfação do público atendido, com maior agilidade dos processos e menos burocracia no atendimento”, assinalou João Martins.

Lançamento do circuito de feiras Agritec

COMPARTILHE

JOAO

O pequeno produtor rural que vive da agricultura familiar está na mira das ações do Governo do Estado, que buscou a parceria do Sebrae e da Embrapa para a realização do circuito de feiras Agritec, a Feira de Agricultura Familiar e Tecnologia, que será realizado nos municípios de São Bento, Caxias, Açailândia e Bacabal entre os meses de agosto e fevereiro do ano que vem.

O lançamento aconteceu nesta terça-feira, 14, no Palácio dos Leões, com a presença do governador Flávio Dino, do presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, do secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, do diretor superintendente do Sebrae, João Martins, do chefe geral da Embrapa Cocais, Valdemício Sousa, dos prefeitos dos municípios envolvidos, Carlos Aberto Lopes Pereira, o Carrinho (São Bento), Léo Coutinho (Caxias) e José Alberto (Bacabal), além de autoridades estaduais e regionais.

A ideia é levar tecnologia, capacitação e oportunidades de negócios aos pequenos produtores atuantes nos municípios das regiões da Baixada Maranhense, dos Cocais, Tocantina e do Vale do Mearim, com um evento que reúne atrações como vitrine tecnológica, leilões, comercialização de pequenos animais, mostra de pequenos inventos para o campo, simpósios, espaços temáticos e interativos, mostras artísticas e culturais, além da participação efetiva de caravanas de produtores vindos dos demais municípios.

A primeira edição da Agritec vai à cidade de São Bento, onde o governador assumiu o compromisso de estar presente às atividades que já começaram a ser planejadas pela comissão organizadora, com realização prevista para os dias 26, 27 e 28 de agosto na Fazenda Escola da Uema, onde será montada uma grande estrutura para sediar as atrações tecnológicas e debates relativos ao desenvolvimento da agricultura familiar.

O prefeito Carrinho declarou-se muito contente com a escolha do município de São Bento para sediar a primeira edição da Agritec, destacando que a realização da feira tem grande importância para toda a Baixada Marahense. “A Agritec terá seu papel junto à economia de São Bento e também à economia dos municípios vizinhos, que tem se movimentado e apoiado o empreendedorismo rural com muito mais afinco. São Bento já compra 30% da produção da agricultura familiar no município para a merenda escolar, mas queremos fazer muito mais pelas pequenas propriedades e a feira vai nos ajudar com isso”, ressaltou o gestor municipal.

PARCERIA PARA CRESCER E DESENVOLVER

Para Dino, o momento é de firmar parcerias com instituições que já carregam em suas missões a tarefa de ajudar e apoiar o desenvolvimento econômico e tecnológico do Estado. “Estar com o Sebrae e estar com a Embrapa na realização da Agritec é um reconhecimento ao esforço e à expertise destas instituições que tanto trabalham pelo crescimento do Estado e é um trabalho que firma nossa responsabilidade para que tenhamos um novo ciclo de prosperidade autêntica, por ser compartilhada por todos”, assinalou o governador.

A convite do Governo, o Sebrae assume o papel de realizador-parceiro do circuito da Agritec, disponibilizando todo o aparato de fomento ao empreendedorismo que a instituição dispõe para o sucesso da empreitada. “O Sebrae tem a missão de preparar o pequeno produtor para ocupar seu espaço no mercado e vemos a Agritec como um momento oportuno para levar essa discussão e essas práticas a este segmento do empreendedorismo”, observa o diretor superintendente do Sebrae, João Martins.

HISTÓRICO 

A edição pioneira da Agritec foi realizada em novembro do ano passado na cidade de Caxias, oportunidade em que o Sebrae, a Embrapa, a Prefeitura de Caxias e o Sindicato Rural do município reuniram esforços para a um evento que promoveu a convergência de espaços para a troca de experiência entre pequenos produtores e assistência técnica no campo.

Cerca de 30 municípios estiveram presentes ao evento, recebendo uma média de 15 mil visitantes em quatro dias de feira. A iniciativa foi relatada ao Governo do Maranhão, através da Secretaria de Agricultura Familiar, assumindo o compromisso de multiplicar a ação em diversas regiões do Estado.

 

TV Assembleia firma parceria com o Sebrae-MA

COMPARTILHE

SEBRAE

Por intermédio do deputado Júnior Verde (PRB), o superintendente do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas), João Martins, se reuniu, na tarde desta quinta-feira (25), com o diretor de Comunicação, Carlos Alberto Ferreira, em busca de uma parceria com a TV Assembleia para levar a sociedade maranhense, através do parlamento, noções de empreendedorismo.

“Nós temos aqui uma oportunidade, em parceria com a Assembleia Legislativa, levar para a sociedade, através desse trabalho, noções de empreendedorismos, estratégias para estabelecer a consolidação de empresas onde e possa trabalhar com planejamento, podendo, assim, trabalhar o ganho pessoal e corporativo, o que acaba difundindo a cultura empreendedora no estado”, explicou o superintendente.

Na avaliação de João Martins, a parceria traz resultados positivos tanto para os envolvidos (Sebrae e Assembleia Legislativa) quanto para a sociedade. “Uma vez que você possa disponibilizar essas estratégias para implementação do empreendedorismo, você pode também trabalhar o ganho pessoal e corporativo e isso acaba difundindo a cultura empreendedora no estado.  Se nós trabalharmos dessa forma e sempre com viés de parceria, ganha o Sebare, mas ganha principalmente a sociedade maranhense, a partir de que nós vamos ter essa estratégia tão importante  para o desenvolvimento da economia, difundindo através da pareceria com o parlamento no maranhão”, analisou.

O diretor de Comunicação garantiu a parceria e disponibilizou um espaço na grade de programação da TV Assembleia para o Sebrae.  “Atendendo ao pedido do deputado Junior Verde, nós estamos cedendo a esta instituição tão importante um lugar na nossa grade para que divulguem aqui os seus produtos, principalmente o empreendedorismo. E, num momento como este, de tanto desemprego e crise, falar de empreendedorismo me parece um excelente caminho para ajudar as pessoas”, avaliou.

Para o deputado Júnior Verde a parceria vai ampliar o trabalho já feito pelos consultores do Sebrae, que é de dar oportunidades aos microempresários maranhenses. “Eu acredito nessa grande parceria que está sendo formalizada hoje, através da Assembleia Legislativa, com esta importante iniciativa que é levar informações as pessoas de como montar os seus negócios e todas as informações necessárias para o fortalecimento desse empreendedorismo que vem das iniciativas dos microempresários que queiram fazer investimentos com pouco dinheiro, dando uma alternativa de renda para essas pessoas. Um trabalho já desenvolvido pelos seus consultores, mas que será ainda mais amplo com a divulgação na TV Assembleia”.

Bequimoense em Congresso de Fruticultura

COMPARTILHE

SBREA

O bequimõense José Ribamar Gusmão Araújo, que é professor da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), é um dos organizadores do XXIV Congresso Brasileiro de Fruticultura, que acontecerá de 16 a 21 de outubro em 2016, no Centro de Convenções do Sebrae, em São Luís. Ele se reuniu com o também filho de Bequimão, João Martins, superintendente do Sebrae, para tratar sobre o evento.

Ao lado do professor Hamilton Santos Almeida, Gusmão detalhou como será o congresso, que reunirá as principais autoridades do país no assunto, além de pesquisadores internacionais, engenheiros agrônomos, caravanas de empresários, produtores e estudantes.

Na reunião, os professores integrantes da comissão organizadora estadual do evento trataram sobre a cessão do espaço para a realização do congresso e destacaram a importância do Sebrae para o desenvolvimento da cadeia produtiva da fruticultura  no estado. Com o tema “Fruteira Nativa e Sustentabilidade”, o evento terá uma programação científica, idealizada pela Uema e pela Sociedade Brasileira de Fruticultura.

“O Maranhão possui 312 milhões de hectares para plantação de frutas de clima tropical e temperado, além de 12 rios permanentes. Temos, por natureza, potencial para sermos grandes produtores de frutas. Entretanto, não exploramos essa vocação. Um exemplo disso é o caju. Possuímos uma das melhores áreas para cultivo da fruta no Nordeste, no entanto estamos em quinto lugar no ranking da região, ficando atrás do Ceará, Piauí, Rio Grande do Norte e Bahia. O Sebrae, com o importante trabalho  que realiza junto aos empreendedores rurais, pode ajudar o Maranhão a expandir suas áreas destinadas à fruticultura”, acredita o professor Hamilton Almeida, presidente do XXIV Congresso Brasileiro de Fruticultura e coordenador regional da Sociedade Brasileira de Fruticultura.

“Um dos principais ganhos do evento, realizado pela primeira vez no Maranhão, será o despertar dos produtores maranhenses para os benefícios e a lucratividade das plantações de pomares básicos, incentivando a fruticultura e tornando o estado um excelente produtor de frutas”, revela o professor.

CONHECIMENTO GERA MUDANÇAS

Para o diretor superintendente do Sebrae, a presença das universidades, que realizam a pesquisa, o ensino e a extensão do conhecimento, é extremamente salutar quando se pensa no desenvolvimento sustentável do estado. “O Maranhão tem grande vocação agrícola. Vocação e potencial de solo e clima, além de ser recortado por uma grande quantidade de rios que fornecem água para irrigação das culturas. A cadeia da fruticultura é foco de atenção do Sebrae há algum tempo e podemos ter resultados ainda melhores se os núcleos de produção científica estiverem conosco, transferindo tecnologias e conhecimentos”, aponta João Martins.

De acordo com o dirigente da instituição, as universidades podem contribuir com os pequenos produtores no processo de assimilação e prática do conhecimento, para que possam ser empreendedores rurais de sucesso e, assim, implementar as mudanças necessárias que refletirão em uma nova realidade produtiva para o estado.

“Toda produção de conhecimento advém de uma base experimental, do empirismo, que se for usado a favor das potencialidades do nosso estado, pode iniciar um processo sem volta de mudança e desenvolvimento em todas as regiões”, defende João Martins que já articula alguns projetos com o Governo do Estado, por intermédio do secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Bira do Pindaré.

“São projetos para a disseminação do conhecimento que visa despertar o maranhense para as potencialidades econômicas e os recursos naturais de suas respectivas localidades. Mas só poderemos concretizar essa ideia se as universidades estiverem conosco, numa importante parceria técnico-científica-empreendedora”, destaca o diretor superintendente ao informar que a equipe do Sebrae já trabalha para apresentar, oficialmente, a proposta para o Governo do Estado. “A ideia é iniciar os projetos pela Baixada Maranhenses, uma das regiões mais carentes do estado em ações desenvolvimentistas”, informa Martins.

SOBRE O CONGRESSO

O Congresso Brasileiro de Fruticultura (CBF) é um evento técnico-científico, realizado a cada dois anos, e desde a sua primeira edição reúne um número expressivo de profissionais de pesquisa, ensino e extensão, produtores, empresários, empresas públicas e privadas direta e indiretamente interessadas no setor do agronegócio frutas, que vem se transformando em uma das principais fontes de renda do país.

No Maranhão, o evento contará com o apoio do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea/MA), Governo do Estado, Prefeitura de São Luís, Embrapa Cocais, Sebrae, Banco do Brasil, BNB, Basa e Caixa Econômica Federal, além da Fapema, CNPq, Incra, Vale, dentre outros.

 

Assessoria do Sebrae

 

João Martins visita unidade do SEBRAE em Pinheiro

COMPARTILHE

JM2

O diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, realizou visita técnica e institucional à unidade regional do Sebrae em Pinheiro nesta quinta-feira (05), onde conversou com a equipe técnica, buscando informações e experiências com os colaboradores que atuam diretamente no atendimento aos empreendedores da Baixada Maranhense.

Na ocasião, a gerente da unidade, Rosa Amélia Borges, deu as boas vindas ao superintendente e fez a apresentação da equipe da regional a João Martins. O diretor demonstrou algumas ações e metas que o Sebrae tem buscado para  a Baixada, pedindo empenho à equipe técnica para que as ações da instituição continuem sendo desenvolvidas com bastante eficácia, contribuindo efetivamente para o desenvolvimento regional – que esta entre os objetivos do Sebrae no Estado.

JM1 JM2

Martins também agradeceu a acolhida da equipe do Sebrae em Pinheiro, declarando, em nome da Diretoria Executiva da casa – empossada em janeiro deste ano para o quadriênio 2015-2018 – o desejo de um contínuo trabalho de qualidade. “Estamos comprometidos em trabalhar cada vez mais perto das unidades regionais que tanto se empenham no desenvolvimento do trabalho do Sebrae nos municípios do interior. Trabalharemos para que possamos responder satisfatoriamente às expectativas de crescimento econômico do nosso estado” – ressaltou o superintendente.

AGENDA INSTITUCIONAL 

 O superintendente João Martins, que integra a Diretoria executiva do Sebrae ao lado de José Morais (diretor técnico) e Rachel Jordão (diretora de administração e finanças), esteve na Baixada Maranhense participando do lançamento oficial da campanha estadual de vacinação contra a febre aftosa, que aconteceu na fazenda Curitiba, no município de Pinheiro .

Blog do Vandoval

Sebrae capacita empreendedores da Baixada maranhense

COMPARTILHE

SEB

A identificação dos aspectos que contribuem para a satisfação do cliente e a reflexão crítica sobre as ações e procedimentos de atendimento nas empresas são objeto do curso “Atendimento ao Cliente – Obtendo resultados com satisfação”, realizado pelo Sebrae, no período de 23 a 27 de março, nos municípios de São Bento e Olinda Nova do Maranhão, na Baixada Maranhense.

Voltado para gestores de pequenos negócios, estudantes e colaboradores de empresas locais, o curso reuniu 30 participantes em São Bento e outros 30 em Olinda Nova do Maranhão, oferecendo também a dinâmica de planejamento de ações que garantam a satisfação dos clientes e possam gerar um impacto positivo nos resultados das atividades das empresas participantes.

Em São Bento, o curso foi realizado em parceria com a Prefeitura Municipal, que enviou colaboradores das secretarias de Educação, Assistência Social e Agricultura para participar das atividades, a fim de qualificar o atendimento público concedido nos principais órgãos da administração pública local.

De acordo com o analista do Sebrae, Leonardo Oliveira, responsável pela ação,  as atividades do curso buscam capacitar pessoas que possam dar qualidade no atendimento das empresas, transformando a região em referência nesta prática. Ele informa ainda que o curso voltará a ser realizado em Pinheiro, no período de 13 a 17 de abril, totalizando 90 profissionais qualificados em dois meses.

Os interessados em participar da turma a ser oferecida em Pinheiro, as inscrições poderão ser feitas pelos telefones (98) 3381 2711 e 3381 3843, ou na sede da unidade regional do Sebrae em Pinheiro, situado à Av. Getúlio Vargas, 770 – Centro.

Texto e Foto: Vanda Pereira

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free