casa » Archivo de Etiquetas: Pontal

Archivo de Etiquetas: Pontal

Prefeitura de Bequimão e Moqbeq intensificam ações para certificação das comunidades de Santa Tereza e Pontal

COMPARTILHE

Nesta quarta (02) e quinta (03), os povoados Santa Tereza e Pontal, que buscam o reconhecimento como comunidades quilombolas pela Fundação Palmares, receberam a visita de representantes da Secretaria Municipal de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, para reuniões sobre o processo de certificação. Esses dois povoados estão entre as sete comunidades que a administração do prefeito Zé Martins tem ajudado a levantar a documentação necessária para o certificado de remanescentes de quilombos. A mobilização está acontecendo com apoio do Movimento Quilombola de Bequimão (MoqBeq).

A Prefeitura de Bequimão está mobilizando e sensibilizando moradores dessas comunidades, explicando a importância da certificação, para que políticas específicas sejam destinadas a esses lugares. Para instruir o processo, é preciso coletar relatos, preencher as fichas de cadastro e fazer registro fotográfico das comunidades.

Segundo o secretário de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Rodrigo Martins, também é exigido pela Fundação Palmares a autoidentificação como quilombola. “Essas reuniões estão sendo registradas em atas, com fotos, mostrando o real interesse das comunidades em requerer a certificação”, comentou.

Nos encontros, a equipe da Prefeitura de Bequimão demonstrou benefícios levados às 11 comunidades já certificadas, como a Semana do Bebê Quilombola, que trabalha estratégias voltadas à primeira infância, com políticas públicas de saúde, educação, cultura e valorização da identidade do povo negro. Também foram apresentados os programas e projetos desenvolvidos em parceria com o Instituto Federal do Maranhão (IFMA) e com a Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Atualmente, são certificadas as comunidades de Ariquipá, Conceição, Marajá, Pericumã, Ramal do Quindiua, Santa Rita, Conceição, Sassuí, Juraraitá, Rio Grande e Mafra. Estão em processo de certificação os povoados de Boa Vista, Pontal, Santa Tereza, Águas Belas, Frexal, Monte Palma e Iriritíua.

Na próxima semana, serão visitadas as comunidades de Iriritíua e Boa Vista. Em Pontal e Santa Tereza, comunidades já visitadas, a socióloga da Fundação Palmares, Andréia Ribeiro, dará continuidade ao trabalho, com uma visita técnica marcada para a próxima semana. Esse trabalho está sendo realizado com o apoio do Movimento Quilombola de Bequimão (MoqBeq).

Ruas e estradas vicinais estão sendo recuperadas em Bequimão-MA

COMPARTILHE

Bastou o período de chuvas parar, em Bequimão, para que o prefeito Zé Martins colocasse a equipe de funcionários da Secretaria Municipal de Infraestrutura com as máquinas nas ruas e estradas. Uma limpeza foi iniciada nas ruas de bairros da cidade e nas estradas vicinais na zona rural do município.

Nos bairros Cidade Nova e Estiva, todas as ruas serão limpas e receberão piçarra. Algumas delas, terão pavimentação asfáltica. Os bairros estão recebendo melhoramento nas vias, como a rua da Marinha, que liga o bairro da Estiva ao Centro.

Segundo o prefeito Zé Martins, serão recuperados mais de 300 quilômetros de estradas e aproximadamente 100 quilômetros serão ampliados, ligando todos os mais de 80 povoados do município de Bequimão. “Quando assumi a gestão do município de Bequimão, não tínhamos estradas, apenas caminho, o que dificultava o transporte escolar, a tráfego de ambulâncias e demais veículos. Fiz mais de 300 KM de estradas. Também vamos acabar com as pontes de madeira, substituindo por bueiras de concreto e, se Deus quiser, até o final de meu mandato, não teremos mais ponte de madeira em Bequimão. As fortes chuvas castigaram nossas estradas, mas vamos recuperar todas até no máximo novembro. Fechamos uma força tarefa com os municípios do Consórcio Conguarás e vamos fazer em pouco tempo”, disse.

No início de julho, as estradas vicinais que ligam a MA-106 aos povoados Mojó e Jacioca, além de Macajubal a Pontal, foram recuperadas em uma força tarefa da equipe da Infraestrutura, comandada por Tonho Martins. Os trabalhos também estão acontecendo no povoado Paricatiua, que receberá asfalto.

Zé Martins mostra sua força política e reúne com moradores em Pontal e Jacioca

COMPARTILHE

A força política do prefeito Zé Martins no município de Bequimão é inegável. O bom trabalho realizado na sede e zona rural do município lhe dar credibilidade para reunir com moradores de várias comunidades em uma só noite em Jacioca. O respeito que o povo tem pelo prefeito Zé Martins é visível diante do empenho que o gestor tem dedicado desde sua primeira gestão. O carinho, a consideração e acima de tudo o respeito são adjetivos visíveis no rosto de cada bequimãoense que tem comparecido nas reuniões por onde Zé Martins tem passado.

 Nas comunidades Jacioca e Pontal, o prefeito Zé Martins mais uma vez foi tietado e abraçado por quem esteve presente. Na rede social Facebook o prefeito descreveu a felicidade por ter sido bem recebido nessas comunidades. “Participei de reuniões nos povoados Pontal e Jacioca com moradores das comunidades vizinhas que fazem parte daqueles polos. Na última sexta-feira (21) estive em Pontal, comunidade que tenho grande carinho e reuni com moradores dos povoados vizinhos. O encontro foi muito gratificante. Na noite deste sábado (22) foi a vez de Jacioca e graças a Deus o povo das comunidades vizinhas compareceu em grande número. O encontro serviu para eu pedir apoio aos candidatos Roseana (governadora), Hadad (presidente), Sarney Filho (senador), Lobão (senador), Victor Mendes (federal) e Zé Inácio (estadual), que sempre ajudaram nossa gestão. São os verdadeiros parceiros de Bequimão. A população confirmou apoio aos nossos candidatos e estou muito feliz por isso. Os moradores estarão juntos com a gente em mais essa grande luta”, destacou o prefeito trabalhador.

Em qualquer comunidade de Bequimão, o prefeito Zé Martins entra de cabeça erguida e com moral. Desde que assumiu a gestão do município em 2013, ele tem sido um gestor implacável, dedicado e acima de tudo responsável. Em todas as comunidades de Bequimão o prefeito Zé Martins já deixou sua marca como grande administrador. Novas obras e ações estão chegando para a população. Graças aos candidatos do prefeito Zé Martins, são mais de R$ 20 milhões de reais em emendas e convênios para melhorar a vida dos bequimãoenses.

Estiveram presentes vereadores, secretários, ex-vereadores, lideranças comunitárias e políticas de cada região.  Os encontros estão servindo para mostrar a importância desses candidatos na gestão do prefeito Zé Martins. São eles quem têm ajudado na grande gestão do prefeito em Bequimão.

Fotos: Rodrigo Martins

Prefeito Zé Martins prestigia final do Campeonato de Futebol da Comunidade Pontal

COMPARTILHE

O prefeito Zé Martins, prestigiou na manhã deste sábado, dia 5 de maio, a grande final do Campeonato de Futebol de Campo, na Comunidade Pontal, região de campos inundados. A decisão aconteceu na Arena Pontal, estádio reformado e inaugurado pelo prefeito Zé Martins em 2017.

A competição futebolística foi organizada pelo ex-vice prefeito de Bequimão, Pedro Acará, com apoio da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Esporte e Juventude. O time campeão faturou uma premiação de R$ 2.000,00 (dois mil reais) e o vice-campeão levou prêmio de R$ 1.000,00 (um mil reais).

A decisão foi entre as equipes do Barcelona de Pontal e PSD. Na disputa durante os 90 minutos o placar não saiu do 0x0. Na disputa de penalidades máximas, o Barcelona faturou o caneco ao vencer por 4×2. Com um região grande formada por comunidades importantes, o esporte, principalmente o futebol, tem sido destaque nas competições da zona rural ou da sede do município.

Para o prefeito Zé Martins, é mais um incentivo ao esporte local, valorizando principalmente o futebol bequimãoense. “Temos valorizado o esporte bequimãoense, mas não está como eu penso. Vamos arrumar o Estádio Vivaldão e dar oportunidades para outras modalidades. Temos Escolinhas em atividade, um campeonato de Máster em andamento na sede e planejando muito mais para o verão. Já construímos várias arenas na zona rural e trabalhando para que Bequimão volte a brilhar no cenário esportivo estadual”, destacou.

Participaram do evento, além do prefeito Zé Martins, a ex-vereadora França, os secretário José Orlando Ferreira (Administração e Transporte) e Dinha Pinheiro (Cultura e Igualdade Racial), o vereador Valmir Costa (PP), o Superintendente do Sebrae, João Martins e o ex-vereador Doutor do Barroso, além de lideranças comunitárias.

 

Prefeito Zé Martins e vereador Valdenor Santana reinauguram campo de futebol em Pontal

COMPARTILHE

Após passar por uma reforma, o campo de futebol da comunidade Pontal, no município de Bequimão, foi reinaugurado pelo prefeito Zé Martins (PMDB) juntamente com o vereador Valdenor Santana (PMDB), no domingo (9). Batizado pelos moradores de Arena Pontal, o novo espaço para o esporte bequimãoense recebeu muro e alambrado.

Participaram do evento o vice-prefeito Sidney Nogueira (Magal), o deputado estadual Zé Inácio, além de vereadores e secretários municipais. Logo cedo, aconteceu uma partida entre veteranos do povoado Santana X Tubarão. Em seguida, houve um amistoso entre a Seleção de Bequimão X Pontal, jogo que terminou empatado em 2×2.

O prefeito Zé Martins e o vereador Valdenor prestaram homenagens a várias personalidades da região com uma placa, incluindo o ex-prefeito Juca Martins, o ex-vice prefeito Pedro Acará (morador da comunidade Pontal), o vereador Valdenor e o empresário Genivan Garcia, que contribuiu com a reforma da Arena.

Foram distribuídas medalhas aos ex-atletas que jogaram e contribuíram com o time de Pontal no passado. Para comemorar a inauguração, foi oferecido um churrasco, ao som da radiola Musical Designer, no comando do veterano DJ Netinho Jamaica.

Fotos: Rodrigo Martins

Rei Zulu: do trono para a cadeira de rodas

COMPARTILHE

Uma pequena casa com a entrada em elevado de escadas de cimento, com apenas dois cômodos, sem pintura, cuja cama de dormir fica separada da sala por uma cortina de plástico, no bairro da Vila Luisão, em São Luís, abriga um mito da luta-livre do Brasil, Casimiro do Nascimento Martins, o Rei Zulu, que encantou o público nas décadas de 1970, 1980 e 1990.

O bequimãoense da Comunidade Quilombola de Pontal deixou o trono sem a majestade de outrora e hoje vive e se acomoda numa cadeira de rodas, por conta de um acidente doméstico que lhe fraturou o fêmur, no começo do mês de outubro. Anos antes, enfrentou um Acidente Vascular Cerebral (AVC) que não lhe deixou sequelas.

Aos 72 anos, ainda exibe uma musculatura de fazer inveja, com 115 quilos distribuídos em 1,88 de altura, o que, quando em pé lhe dá a postura respeitável  de um gigante do ringue, que, ao longo da carreira, abateu centenas de adversários. Os dentes alvos e completos servem de adorno para um sorriso largo e inocente.

A lucidez é impressionante e o raciocínio muito rápido. Numa rápida conversa com os jornalistas Djalma Rodrigues, Nelson Nogueira e Walkir Marinho, fala da infância em Bequimão, da vinda da família para São Luis, do Exército, onde serviu ao longo der 3 anos e o início da carreira.

“Começou bem cedo, logo quando deixou o Exército. O porte físico impressionava e comecei a luta livre, para mim a melhor, porque não precisa de luvas e nenhum aparato”, destaca Zulu.

SOBRE A SITUAÇÃO FINANCEIRA:

Vocês sabem como é família do interior, né? Todo mundo é unido. Nossa família é grande, somos 18 irmãos. Quando comecei a ganhar dinheiro, tive de ajudar irmãos, sobrinho, pai e mãe. Se tivesse guardado o que ganhei estaria rico; mas isso não aconteceu” – assinala o Rei.

Sempre sorridente Zulu diz que a luta  mais marcante de sua vida foi o combate com o Rickson Gracie, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

“Meu pai havia me adito. Olha Zulu, como é que tu, um preto do interior do Maranhão, desconhecido vai encarar esse lutador, que é uma estrela, tem todo apoio e todo aparato? Mesmo assim fui lá e tenho certeza que venci, mas os juízes apontaram a minha derrota por pontuação”, acrescenta o Rei Zulu.

Sem demonstrar  qualquer ponta de mágoa, afirma que enfrenta muitas dificuldades financeiras, porque sobrevive apenas com um salário mínimo, mas diz esperar dias melhores.

Sobre a falta de locomoção, destaca que vai conseguir andar. Durante a conversa, recebe o telefonema de uma amiga, que diz que vai lhe enviar uma medicação caseira, à base de sebo de carneiro.  Como todo interiorano, ela acredita que receita como essa, auxiliada por benzeduras, vai lhe fazer andar dentro de poucos dias.

A conversa foi saborosa, temperada por goles de café pretos e os três jornalistas deixaram a pequena casa de Casimiro Nascimento, na certeza de que, quem já foi rei jamais perde a majestade, mesmo sem pompas  de realeza. As fotos, em frente a uma pequena estante de madeira, ornamentada com troféus e fotos que lembram a carreira desse grande lutador, hoje abatido pela idade e pela falta de recursos.

QUEM É REI ZULU:

Casimiro de Nascimento Martins, conhecido mundialmente por Rei Zulu, nasceu em 9 de junho de 1947 no município de Bequimão, na baixada ocidental maranhense. Lutador de vale-tudo brasileiro, especialista na luta tradicional “Tarracá” que ele mesmo desenvolveu.

Rei Zulu ficou famoso por desafiar lutadores do Brasil e de outras partes do mundo. Em 1980, depois de 17 anos de competição e invícto após 150 lutas. Foi então que, Rei Zulu lançou um desafio à família Gracie (criadores do MMA) para provar quem era o melhor lutador de vale-tudo

do Brasil.

O também invícto Rickson Gracie aceitou o desafio e lutou com Rei Zulu em um combate televisionado histórico no Brasil. Em uma luta dura, Rei Zulu perdeu sua invencibilidade quando Rickson Gracie o derrotou por finalização. Em um reencontro poucos anos depois, Rei Zulu foi derrotado novamente por pontos. Porém, no dia 30 de Novembro de 1984 Rei Zulu alcançou sua maior vitória sobre o competidor Sérgio Batarelli, lutador de kickbox.

Rei Zulu já era considerado uma figura lendária no MMA) e continuava a lutar.

Em 1990, foi derrotado por nocaute por James Adler. Em 6 de Abril de 2000 no Piauí, num combate televisionado, Rei Zulu, com 55 anos de idade, perdeu por nocaute para o lutador de Kung Fu Wellington Dourado. Rei Zulu perdeu o combate quando foi atingido, caindo do ringue e desmaiando ao bater com a cabeça no chão.

Lutando como meio de sobrevivência, em 2007 com 62 anos, Rei Zulu fez três lutas no Brasil e venceu todas elas por nocaute. Hoje aos 72 anos, o ex-lutador tenta se recuperar de um AVC e para piorar, recentemente quebrou o fêmur da coxa esquerda deixando sem poder se locomover.

Atualmente vive de ajuda de amigos e de um salário mínimo de aposentadoria da Previdência Social (INSS). Mesmo assim, tem sonhos para o futuro, destacando esperar apoio de alguns amigos, através de uso de sua imagem em projetos que venham a beneficiar principalmente as crianças. Acha que a prática do esporte é um antídoto contra as drogas, contra a marginalidade.

Release de Assessoria de Comunicação

 

Pedófilo é preso na terra do Rei Zulu

COMPARTILHE

Um homem identificado como Aluísio Lemos Costa Gomes, (Piolho) de 31 anos, foi preso na tarde desta quarta feira (26) no povoado Tucunzal, zona rural de Peri-Mirim. O rapaz que morava na comunidade Pontal, interior de Bequimão, é acusado de abusar sexualmente de cinco crianças, entre elas dois meninos e três meninas de 8,6 e 5 anos de idade. Após denúncia do Conselho Tutelar, a polícia civil através do delegado Carlos Renato de Oliveira de Azevedo, Titular da Delegacia de Bequimão, que fez a investigação e comprovou os abusos, que segundo as vítimas, eram feitos na presença das outras crianças.

Segundo a polícia, após perceber que estava sendo investigado, Aluísio fugiu para a comunidade Tucunzal, onde foi preso. O acusado era amigo da família das crianças e era considerado como membro da família. Após a polícia descobrir o ato, a Juíza Adriana Silva Chaves de Melo, da comarca de Bequimão, decretou a prisão do acusado, que foi cumprida nesta tarde pelo Investigador Alex Souza.

IMG-20150826-WA0136[1] IMG-20150826-WA0135[1]

As crianças em depoimentos, contaram ao delegado, como o acusado fazia com elas e que ele pagava entre R$ 10, 5, 2 e até R$ 0,50 centavos por cada vez que abusava dos meninos. Durante depoimento as vítimas contam em detalhe todo abuso e afirmam ser feito na frente das outras crianças. As vítimas foram encaminhadas para São Luís, onde vão ser submetidas a exames. A polícia aguarda o resultado dos exames para fazer os procedimentos legais.

Já o acusado, foi transferido para a delegacia regional de Pinheiro, onde vai esperar a decisão da justiça. Neste caso, mais uma bactéria fora de circulação e longe da sociedade. A equipe de captura da polícia civil de Bequimão está de parabéns pelo trabalho. Pra cima deles!

Bequimão recebe grana para construção de quadras esportivas na zona rural

COMPARTILHE

Matéria de Assessoria

QUADRA1

A Prefeitura Municipal de Bequimão também está investindo no esporte e lazer. Prova disso é que o prefeito Zé Martins licitou a construção de três quadras esportivas cobertas com vestiário, para os povoados Paricatíua, Quindíua e Pontal. Foi concluído, ainda, o processo licitatório de uma quadra coberta a ser construída no bairro Estiva, ao lado da Unidade Integrada Domingos Bouéres.

O prefeito captou recursos junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação (MEC). “Estamos atentos às oportunidades que o governo federal oferece para a área da educação, cumprindo os requisitos necessários para acessar esses programas”, afirmou o prefeito Zé Martins, que tem demonstrado ampla capacidade de articulação.

A obra seguirá o padrão recomendado pelo FNDE para todo o país. As quadras que serão construídas em Paricatíua, Quindíua e Pontal serão cobertas e com arquibancadas, além de vestiários masculino e feminino e um depósito. A área total será de 980,40 m² de cobertura, em terrenos de 30×41 m².

A quadra da Estiva, por sua vez, terá 32,05 x 23,23 metros, numa área total 745,03 m². “Essas quadras são para atender às demandas por práticas esportivas nas nossas escolas municipais, abrindo espaço para o lazer e também para o enfrentamento às drogas, já que os nossos jovens estarão ocupados o esporte” – frisou Zé Martins.

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free