casa » Archivo de Etiquetas: PF

Archivo de Etiquetas: PF

Afilhada de Weverton Rocha presa pela Polícia Federal continua no xilindró

COMPARTILHE

Dizem que quando o capeta não vai manda o secretário. Só que desta vez quem foi enviada no lugar do capeta foi a ex-ajunta Rosângela Curado (PDT) principal aliada de Weverton Rocha em Imperatriz. Presa pela Polícia Federal (PF) na última quinta-feira (16), Curado permanece no xilindró.

A juíza Paula Souza Moraes, respondendo pela 1ª Vara Criminal da Justiça Federal no Maranhão, prorrogou as prisões temporárias de cinco dos 17 presos pela Polícia Federal. Entre eles está a afilhada e pau mandado do deputado federal Weverton Rocha (PDT) que também não pode ouvir “gritar pega ladrão”. O príncipe do Ginásio Costa Rodrigues, também responde no Superior Tribunal Federal (STF) por desvio de verba pública.

Permanecerão presos, pro mais cinco dias, Rosângela Curado, ex-secretária adjunta da Saúde no Governo Flávio Dino (PCdoB), Luíz Marques Barbosa Junior (considerado pela PF como braço direito de Rosângela Curado), Antônio Augusto Aragão, Ideide Lopes e Mariano de Castro Silva.

A Justiça trabalha com o entendimento que a manutenção dos cinco presos na cadeia é primordial para o bom desenvolvimento das investigações, que seguem apurando o esquema que desviou mais de R$ 18 milhões dos cofres públicos, na área da Saúde, no período que compreende 2015 a 2017.

Operação Turing: empresários cagam ralo e negam sofrer extorsão de blogueiros

COMPARTILHE
Depoimentos de Antonio Barbosa, da empresa Dimensão Engenharia, e Pedro Ricardo Aquino, da Classi Segurança, desdizem a acusação da Polícia Federal, que resultou, inclusive, na prisão e condução de alguns blogueiros.

Quem está mentindo, a PF, os empresários ou os blogueiros? Porque negaram? Temem alguma descoberta a mais ou os blogueiros foram perseguidos por questões políticas? E como fica a moral da PF? São perguntas que precisam ser explicadas para a sociedade. Abaixo segue a matéria na íntegra do jornalista Marco Aurélio D’Eça.

Os empresários Antonio Barbosa de Alencar, da Dimensão Engenharia, e Pedro Ricardo Aquino, da Classi Segurança, negaram, em depoimento na Polícia Federal, qualquer tipo de extorsão sofrida pelos blogueiros indiciados na Operação Turing, promovida em março pela própria PF.

Ricardo Aquino depôs no dia 29 de março, segundo registro às folhas 1055/SR/PF/MA, que compõem o inquérito 021/2016; Barbosa, por sua vez, prestou depoimento em 31 de março.

A afirmação da PF, de que os blogueiros extorquiam empresários e políticos, é a base fundamental da investigação da Operação Turing.

Não sei, não conheço…Antonio Barbosa da Dimensão Engenharia garantiu nunca ter sido procurado por blogueiros

Barbosa declarou ipsis literis que não acompanha blogs e que não conhece ou mantém relação de amizade com nenhum dos blogueiros citados.

– Reafirma nunca foi procurado por blogueiros e que não tomou conhecimento de nenhuma publicação ou investigação – diz trecho do depoimento de Barbosa.

Alheio total –  Ricardo nega ter qualquer contato com qualquer blogueiro

O dono da Classi disse, por sua vez, que conhece os blogueiros – e outros do Maranhão – apenas através das postagens na internet. E nega que algum deles tenha feito qualquer tipo de pedido de aporte financeiro.

– Nunca teve contato com Luis Pablo, seja pessoalmente, seja por telefone. Que nunca houve pedido de dinheiro em qualquer oportunidade. Que nunca deu ou lhe foi pedido qualquer tipo de vantagem – disse o empresário.

Toda a argumentação da Polícia Federal para pedir a prisão e a denúncia contra os blogueiros se baseia em conversas telefônicas entre os próprios blogueiros. O inquérito, inclusive, surgiu de um outro, aberto para investigar esquema de corrupção envolvendo um outro policial federal, na Secretaria de Administração Penitenciária do governo Flávio Dino. (PCdoB).

A PF já ouviu – ou deve ouvir – também políticos , incluídos por ela própria na lista de supostas vítimas de extorsão.

São nomes como o ex-prefeito de Cururupu, Júnior Franco, e de Bacabeira, Reinaldo Calvet.

Mas esta é uma  outra história…

“Prisão de Blogueiros é novo alerta sobre as relações perigosas com as Fontes e o Crime” – dispara professor Ed Wilson

COMPARTILHE

POR ED WILSON – Desde o assassinato do jornalista Décio Sá, o sinal amarelo acendeu na blogosfera do Maranhão, levantando o debate acerca da promiscuidade entre alguns jornalistas com os seus informantes e as redes do crime organizado.

Repórter incansável, com faro jornalístico aguçado, Sá enredou-se na malha da agiotagem e acabou empolgado demais com a impressão de que era amigo do Palácio dos Leões e estava protegido.

Nessas circunstâncias, há sempre o risco da prática da pistolagem midiática e o jornalismo de encomenda atrapalha o interesse público.

Em 21 de março o sinal amarelo mudou para vermelho. A Operação Turing da Polícia Federal prendeu três blogueiros e conduziu coercitivamente mais cinco.

Segundo a Polícia Federal (PF), os blogueiros seriam parte da organização criminosa que atrapalhava investigações contra empresários e servidores públicos, mediante a negociação de informações sigilosas obtidas por meio do policial Federal Danilo dos Santos Silva.

Com cargo importante (Administração, Logística e Inovação) na Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP), Danilo Silva havia sido exonerado pelo governador Flávio Dino em 9 de março, 12 dias antes da Operação Turing ser deflagrada.

A promiscuidade entre os jornalistas e a fonte resultava em um negócio lucrativo. O policial galgava espaços na política e os blogueiros faturavam com o agendamento (positivo ou negativo) dos investigados, de acordo com a PF.

Agora é aguardar o curso das investigações e meditar sobre o contexto político-midiático no Maranhão.

NEGÓCIO DA NOTÍCIA

Os blogs viraram fenômeno no Maranhão. Transformaram em operadores da notícia várias pessoas sem formação em Jornalismo, criando relações perigosas com fontes encarregadas de investigar e fiscalizar os agentes públicos.

Fora da chamada mídia tradicional, alguns blogueiros ganharam poder, fama e dinheiro.

Em parte, o crescimento dos blogs foi uma alternativa ao controle dos meios de comunicação tradicionais por famílias de políticos, principalmente os sistemas Mirante/Globo (José Sarney) e Difusora/SBT (senador Edison Lobão).

Aí está o problema principal! O mercado de trabalho para os profissionais de comunicação é sempre refém dos controladores da política e das verbas publicitárias dos dois maiores financiadores: a Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado.

É sempre bom reiterar: na maioria das vezes os jornalistas dependem dos esquemas de poder que controlam as empresas de mídia. Não há como julgar e condenar os profissionais de Comunicação que trabalham para as corporações jornalísticas. São pais e mães de família que precisam de emprego para alimentar suas famílias e, pela regra, precisam obedecer às linhas editoriais ditadas pelos controladores.

BONS COMPANHEIROS

Vejamos, por exemplo, o que acontece no Sistema Difusora de Comunicação. Nos bastidores, corre a versão de que este complexo midiático está arrendado (ou fora vendido!?) ao deputado federal Weverton Rocha (PDT), candidato a senador em 2018.

Detalhe: emissoras de rádio e TV são concessões públicas e não podem ser arrendadas.

No mundo das sombras da caverna platônica o chefe maior do Sistema Difusora, senador Edison Lobão (PMDB), seria adversário do deputado pedetista arrendatário.

Mas, a política nem sempre é como os apaixonados pensam. Os adversários geralmente se entendem no âmbito dos negócios.

E o deputado Weverton Rocha surge agora como uma espécie de Assis Chateaubriand do Maranhão, controlando uma rede midiática unicamente voltada para o projeto de torná-lo senador.

Uma hora o Ministério Público e a Polícia Federal podem se interessar por esse fenômeno: de onde sai o dinheiro que paga o arrendamento do Sistema Difusora de Comunicação?

Em 2018 haverá uma nova guerra midiática no processo eleitoral e as empresas de comunicação e os blogueiros vão acionar suas armas em torno das suas candidaturas e preferências.

Às vezes, nessa guerra, o primeiro a ser morto é o leitor/ouvinte/telespectador.

Da Operação Turing e seus desdobramentos, espera-se que a investigação dê uma freada nas práticas apontadas pela Polícia Federal.

No mais, cobra-se o aprofundamento das investigações. É preciso chegar aos altos escalões dos órgãos encarregados de fiscalizar e julgar os gestores (principalmente prefeitos) nas suas prestações de contas e nos atos gerais da administração pública.

Afinal, os blogueiros não agiam sozinhos.

Othelino recebe intimação da Polícia Federal

COMPARTILHE

othelino#Imagens e Texto do Blog do Luís Cardoso#

O deputado estadual mais enrolado do Maranhão, Othelino Neto (PCdoB), que está na mira da justiça há um bom tempo e não sei por qual motivo irá concorrer as eleições deste ano, recebeu na manhã desta quinta-feira (17) em plena Assembleia Legislativa, seu local de trabalho por enquanto, uma intimação da Polícia Federal.

Othelino Neto responde a processo na justiça desde a época em que foi Secretário de Estado de Meio Ambiente em 2009, no governo do saudoso Jackson Lago. Desde esse período, o deputado do PCdoB tem contas para acertar com a Justiça Federal.

Acusado de irregularidades, o parlamentar já foi condenado pela Justiça Estadual por improbidade administrativa ambiental, concessão de licença sem cumprimento de formalidades legais e omissão do dever de fiscalização. Mesmo sendo mais sujo que pau de galinheiro, Othelino ainda se mete fiscalizar outros gestores públicos, como se ele fosse um grande exemplo de honestidade. É o famoso sujo, falando do mal lavado.

OTH1OTH2

Preocupado com a justiça, Othelino tenta a reeleição para não ter que responder os processos na justiça. O pior de tudo, é que na maioria de seus aliados e apoiadores nesta eleição, são quase todos ficha suja e também respondem processos na justiça.

 

Assaltantes dos Correios em Santa Helena são presos na cidade de Pinheiro

COMPARTILHE
Ladrões dos correios em Santa Helena-Ma

Ladrões dos correios em Santa Helena-Ma

Após uma denuncia anônima, a Policia Militar do município de Pinheiro, interceptou e prendeu um veiculo Fiat com três homens armados dentro,  pertencente à Welison Pereira, de 21 anos, Natural de São Luis, capital do estado do Maranhão. Os bandidos foram detidos em um posto de combustível na MA 106, saída de Pinheiro.

Uma denuncia dava conta de que os homens acabavam de assalta a agencia dos correios da cidade de Santa Helena, na baixada maranhense. A Polícia encontrou os três elementos, vistoriou o carro, e descobriu uma grande quantidade de material levado da agencia dos Correios de Santa Helena, onde havia sido assaltada. Além da grana, cerca de R$ 20.000,00 (vinte mil reais), dois revolveres calibre 38 municiados, equipamentos eletrônicos, celulares, roupas e crachás dos funcionários foram encontrados com os bandidos.

Na delegacia Regional de Pinheiro a polícia identificou os ladrões como; Francisco Tarcísio Fontenelle, 38 anos natural do estado do Piauí; que já estava com uma passagem comprada para Capanema no Pará. Ele já tem ficha na policia acusado de homicídio.

Antônio Silva, 23 anos natural do povoado Santa Sofia, município de Pinheiro e morador da Vila Embratel em São Luis, foi o segundo homem a ser preso pela PM. Ele teria afirmado que uma das armas apreendida seria dele.

Já Welison Souza Pereira que no início disse ser menor, e que teria apenas alugado o carro para os outros companheiros, também fez parte do assalto na cidade de Santa Helena. As investigações da policia civil de Pinheiro descobriram que ele tem 21 anos, e já foi preso acusado de assaltos em São Luis.

Testemunhas reconheceram os acusados pelo Assalto em Santa Helena, e agora a Policia Civil de Pinheiro vai investiga se há participação de funcionários dos Correios ou da cidade de Santa Helena no Assalto, disse o Coronel Ramos.

O delegado Felipe, responsável pela prisão dos ladrões confirmou que os três elementos foram ouvidos, e logo em seguida foi lavrado o flagrante pelo delegado Claudio Barros aos três bandidos; que foram encaminhados para a Policia Federal de São Luis, visto que nos Correios, os crimes e as investigações são de responsabilidade da Polícia Federal.

Do Blog do Paulinho Castro

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free