casa » Archivo de Etiquetas: Festejo Junino

Archivo de Etiquetas: Festejo Junino

Festejo Junino de Bequimão reuniu 60 atrações em 12 dias na Praça da Matriz

COMPARTILHE

Criado pelo saudoso Juca Martins em 1966 na Praça da Matriz, o tradicional Arraial Junino completou este ano 52 anos de história, mantendo a tradição de mais de meio século. Com grande público desde sua abertura oficial dia 19 de junho, no aniversário de 83 anos de emancipação política da cidade, este ano o Arraial recebeu 60 atrações, entre Tambor de Crioula, Cacuriá, Dança do Negro, Dança Portuguesa, Quadrilha Junina, Dança Country, Boizinho do Batutinhas, Bumba-meu-boi de todos os sotaques, com destaque para o Boi Estrela de Bequimão, Terecô, Dança do Carimbó, Dança da Garça, Dança Indígena, Dança Gaúcha, Dança Sedução Cabocla, Dança Cigana, Além das Bandas Miragem e Mesa de Bar, e o cantor Matheus Fernandes.

Mesmo com a crise que assola o país, o prefeito Zé Martins, juntamente com a Secretaria de Cultura do Município, traçou uma estratégia e conseguiu montar uma programação bastante eclética, envolvendo todos os ritmos e sotaques juninos, com brincadeiras locais e de outras cidades, unindo o útil ao agradável, valorizando a cultura local, principalmente as brincadeiras das comunidades remanescente de quilombos.

Na abertura que aconteceu justamente no aniversário da cidade, a Praça da Matriz recebeu manifestações culturais, como o Boi Estrela de Bequimão que fez sua primeira apresentação na temporada junina de 2018, em grande estilo em terras bequimãoenses. Mas o público também aguardava as atrações nacionais Matheus Fernandes e Banda Mesa de Bar, que levaram o público ao delírio com muito romantismo e sofrência. A Praça da Matriz recebeu um público histórico de Bequimão e vários municípios da baixada maranhense.

A partir do dia 20 até o encerramento, dia 30 de junho, o público presente pôde ver grandes brincadeiras e se divertir ao som de atrações do folclore maranhense. No Sábado, dia 30, o prefeito Zé Martins levou para fechar a temporada junina de 2018 com chave de ouro, a Banda Miragem de Pinheiro. O resultado foi realmente o esperado pela gestão.

“Procuramos montar uma programação caseira, barata, mas com qualidade. Buscamos atrações fora de Bequimão, mas era com o nosso teto de contratação. Não podíamos extrapolar nosso orçamento, mas graças a Deus com os pés no chão, fizemos um bom São João. Agora nosso foco está na gestão, com recuperação de estradas, conclusão de obras e pavimentação de ruas e avenidas na sede e zona rural”, destacou o prefeito Zé Martins, que confirmou mais de R$ 20 milhões de reais para ações em Bequimão este ano.

Focado na reestruturação de obras no município, Zé Martins vai construir e recuperar estradas vicinais, substituir pontes de madeira por bueiras de concreto, pavimentar ruas de bairros da cidade, além de concluir obras de escolas na zona rural, como é o caso do Centro de Ensino na Comunidade Monte Alegre, e outras ações como a reforma do estádio municipal Vivaldão, que receberá arquibancadas, iluminação e gramado novo.

A secretária de cultura, Dinha Pinheiro, destacou o sucesso do Arraial e mostrou a importância de trabalhar com planejamento nas mãos. “Não está fácil para ninguém, teve município que realizou apenas três noites, outros nem fizeram o festejo junino deste ano. Mas a gente traçou o plano, onde queríamos quantidade e qualidade ao mesmo tempo, com preços bons para o município. E isso conseguimos, graças ao prefeito Zé Martins, que sempre abraçou a cultura popular de nosso município. Cortamos os gastos, colocamos nossa equipe na rua e a coisa aconteceu. Mais um ano nosso arraial foi sucesso, e este ano bateu recorde de público, graças a Deus”, disse.

Portal G7MA.COM

Fotos: Rodrigo Martins

Confira a Programação do Arraial Solidariedade & Ação da vereadora Fátima Araújo

COMPARTILHE

Desde esta sexta-feira, dia 15 de junho, o Festejo Junino começou a a sacudir as estruturas das brincadeiras na Região do João de Deus. Os eventos são realizados pelo Instituto Solidariedade & Ação e com apoio exclusivo da vereadora Fátima Araújo, uma das parlamentares mais entusiasmada com a cultura local. Além da Pequena Guerreira proporcionar alegria nos bairros, a economia também ganha novos horizontes, já que os barraqueiros faturam com venda de alimentos e bebidas durante o festejo. O festejo será de 15 a 30 de junho.

RESIDENCIAL  JOÃO ALBERTO (Sexta [15] e Sábado [16])

  • Dança Portuguesa Império de Lisboa
  • Dança Country Festa de Rodeio
  • Show com Banda da Vassoura

VILA CONCEIÇÃO/JOÃO DE DEUS (Espaço Cultural)

SÁBADO (16/06)

  • Cacuriá do Candinho
  • Dança Portuguesa Cultura de Portugal
  • Dança Portuguesa Eterna Magia
  • Celma Marques

DOMINGO (17/06)

  • Dança Country Festa de Rodeio
  • Dança Portuguesa Império de Bragança
  • Dança Portuguesa Bailado de Luzitano
  • Dança Portuguesa Encanto de Portugal
  • Show com o cantor Bruno Shinoda
  • Forró do PV

SEGUNDA-FEIRA (18/06)

  • Boi de Corda
  • Cacuriá Encantos da Vila Izabel
  • Dança Country
  • Dança Portuguesa Império Majestade de Portugal
  • Japa do Arrocha

O São João da Vila Conceição e Residencial João Alberto, tem a Realização do Instituto Solidariedade & Ação, apoio Prefeitura de São Luís e Governo do Estado e Vereadora Fátima Araújo.

 

Festejos juninos movimentam município de Bequimão

COMPARTILHE

Foram 11 dias de manifestações culturais no Arraial de Bequimão. Desde o dia 19 de junho, quando se comemorou o aniversário do município, dando início também aos festejos juninos, a população bequimãoense acompanhou apresentações de bumba-meu-boi, tambor de crioula, terecô, quadrilha, dança portuguesa, dança do boiadeiro e bandas com o melhor do forró.

O arraial foi montado em frente à nova Praça Santo Antônio. Sob o colorido das bandeirinhas, passaram brincadeiras organizadas no próprio município e outras que vieram de fora para dar ainda maior brilho à festa. A programação foi organizada pela Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Promoção da Igualdade Racial.

“Damos uma atenção especial às brincadeiras locais, porque essa é uma forma de valorizar a criatividade e o empenho dos nossos conterrâneos que se esforçam para manter vivas suas tradições”, afirmou a secretária Dinha Pinheiro.

Também ganharam destaque na programação as bandas Criolina (Alê Muniz e Luciana Simões) e Fabrícia, que fizeram a abertura do arraial. O encerramento ficou por conta da banda pinheirense Miragem, contemplando principalmente o gosto dos mais jovens.

O Boi Estrela de Bequimão brilhou durante a programação, mostrando a força da tradição no sotaque de orquestra. Com mais de 30 anos de história, o grupo de bumba-meu-boi bequimãoense é reconhecido pelo estilo autêntico.

A Casa da Cultura, que abriga principalmente grupos de terecô, pajelança e tambor de crioula, já se consagrou como espaço para as manifestações de raiz no município. A festança sempre se estendia até o sol raiar. No barracão de reggae, a festa também invadia a madrugada.

“É nesses momentos que também reafirmamos nossa identidade e a nossa força para seguir em frente. Por isso damos muita atenção aos grupos locais, que precisam sim ser incentivados e valorizados. E a cada ano esperamos fazer ainda melhor”, avaliou o prefeito Zé Martins.

 

 

Arraial de Alcântara começa neste sábado (24) e vai até dia 29 de junho

COMPARTILHE

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Alcântara, por meio da Prefeitura, divulgou nesta quinta-feira (22) as atrações que vão fazer o São João 2017 na Praça da Matriz, no Centro Histórico da cidade, palco dos grandes eventos desde janeiro deste ano.  Para começar em grande estilo, a cidade de Alcântara recebe neste sábado (24), o cantor forrozeiro Romim Mata e bandas locais, além das atrações folclóricas. CONFIRA A PROGRAMAÇÃO ABAIXO.

Durante a semana a Secretaria de Cultura vai divulgar a programação com as brincadeiras que vão agitar o Arraial durante os seis dias de Festejo Junino. Além dos grupos locais, brincadeiras de outras cidades vão marcar presença na Praça da Matriz. E para encerrar o Festejo Junino, tem a banda Farra da Gordinha, na próxima quinta-feira (29), além de grupos de danças locais.

Além do Festejo na sede do município, o Prefeito Anderson Wilker vai apoiar brincadeiras na zona rural. Este é mais um evento cultural realizado na atual gestão, que deve entrar na história do município. A prefeitura tem o apoio do governo do estado e do deputado estadual Othelino Neto.

 

Boi de Axixá inicia temporada junina neste sábado

COMPARTILHE
Referência no folclore do Maranhão, o Bumba-boi de Axixá realiza, neste sábado (10), às 19h, no Shopping da Ilha, o batizado da brincadeira tradicional no sotaque de orquestra. Para a temporada deste ano, o grupo levará aos arraiais uma homenagem a cidade de Axixá, com o tema: “100 ANOS DE AMOR ÀS CINCO LETRAS”.
O grupo preparou algumas surpresas para as apresentações, com enredo e indumentárias que irão retratar a história e a beleza da cidade que sempre serviu de inspiração para a brincadeira.
“Estamos na expectativa para mais um ano de festa e, nesta temporada, faremos uma bela homenagem à nossa terra querida. Axixá sempre foi nossa inspiração e nós iremos retribuir todo esse amor que sempre recebemos”, disse Leila Naiva, comandante do Boi de Axixá.
 
História do Boi de Axixá
O Boi de Axixá foi fundado em 01/01/1959, por Francisco Naiva, não por pagamento de promessa, mas por amor à brincadeira, à cultura popular. Era composto pelos personagens soldados, caboclos de flecha, índios e campeadores.
As mulheres eram proibidas de brincar. Depois da saída dos índios e soldados, elas foram inseridas, também como índias, sendo assim até a atualidade.
Por ser um dos percussores do Bumba-meu-boi de Orquestra no Maranhão, o Boi de Axixá segue tradicionalmente o ciclo da manifestação, ensaios, batismo, apresentação e morte, envolvendo comunidades do município de Axixá e de São Luís/MA.
Como é considerado um dos principais representantes da cultura popular, o Bumba-meu-boi de Axixá não se apresenta somente para contratantes com poder aquisitivo alto; apresenta-se sem cobrar em diversos arraiais, igrejas e comunidades carentes, a fim de promover o acesso e contato de pessoas menos favorecidas à cultura popular, visto que seus brincantes, desde sua fundação, também são pessoas simples que amam o Boi de Axixá.
Hoje sob o comando de Leila Naiva, a brincadeira é formada por 120 brincantes, entre índias, vaqueiros campeadores, vaqueiros de fita e orquestra.

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free