casa » Archivo de Etiquetas: Elanderson

Archivo de Etiquetas: Elanderson

Mais um “Factoide” criado por Robson Paz & Elanderson

COMPARTILHE

POR TRIBUNA DE BEQUIMÃO – Pouco menos de uma semana após as eleições em Bequimão, a dupla derrotada, Robson Paz e Elanderson, começou a plantar a semente da mentira já pensando em 2020. Em descrédito na política bequimãoense, os irmãos já começam a distribuir mentiras nos quatro cantos do município. Desde 2015, um jornal foi lançado por eles para distribuir mentiras e calúnias contra o atual prefeito de Bequimão, Zé Martins (PMDB), reeleito no último dia 02. O resultado das eleições no último domingo (02) mostrou que em Bequimão eles estão ficando cada vez bem longe.

Antes das eleições, foram inúmeras mentiras espalhadas na cidade e zona rural, que para a grande maioria só serviram para desmoralizar ainda mais os pupilos de Flávio Dino e Márcio Jerry. Uma das mentiras mais cabeludas distribuídas pelos irmãos “Jacioquinos”, foi à criação do IEMA em Bequimão, inclusive com reunião para escolhas de cursos e data para inauguração da Unidade.

Nesta sexta feira (7), o Blogue Bequimão Agora (B.A), editado pelo Subsecretário, Robson Paz, amanheceu com a primeira mentira após as eleições. De acordo com um texto “Montado”, o Blogue B.A tenta implantar o tal atraso de salários em Bequimão, justificando o injustificável. A prefeitura de Bequimão enviou nota antecipada explicando sobre o caso, mesmo assim os irmãos tentam a qualquer custo crescer politicamente implantando mentiras. De acordo com Artigo 459 do Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943, o município tem até o quinto dia últil de cada mês para efetuar o pagamento de seus servidores. (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989). Neste caso, a prefeitura de Bequimão está dentro do prazo, e só não efetuou todos os pagamentos pelos motivos citados em nota (VEJA AQUI).

Se os irmãos “Jacioquinos” gostassem da verdade, poderiam explicar os atrasos de salários de funcionários na secretaria de saúde do estado, que vão entrar em greve como foi divulgado em todos os veículos de comunicação do Maranhão nesta sexta feira. Mas, verdade na boca deles causa “Aftas”.

Os Médicos que trabalham no Hospital Infantil Juvêncio Matos e no Hospital Tarquínio Lopes Filho (Hospital Geral), também chamado de Hospital do Câncer podem parar suas atividades nos próximos dias. Mais uma vez, a questão é salarial, e isso seu Robson Paz não fala.

Os profissionais que atuam nessas unidades estão há dois meses sem receber pelos serviços prestados. O salário de agosto, que deveria ser pago em setembro, nunca saiu. Isso é que se chama “Atraso” nobre Robson Paz.

No Centro de Referência em Neurodesenvolvimento – o chamado “Ninar” -, unidade que abriga o serviço de exames para diagnóstico de microcefalia, a situação é a mesma. Por lá, já houve suspensão do atendimento.

Unidades de Pronto Atendimento (UPAS)

Na UPA do Parque Vitória, os médicos anunciaram paralisação. Eles não recebem salários há dois meses. O caos fez com que eles emitissem um comunicado à Secretaria de Estado da Saúde (SES), à EMSERH e à direção da UPA informando da decisão (veja abaixo).

Serão suspensos parcialmente os atendimentos clínicos e pediátricos prestados pelos médicos e sócios das empresas Alerta Servi Hospitalares e Uni Serviços Hospitalares na UPA do Parque Vitória.

A interrupção da prestação do serviço só será encerrada após o pagamento dos salários atrasados. Mesmo assim, Robson Paz e Elanderson trancaram suas bocas e não falam nada. Sem contar que os repasses para o Hospital Municipal Lídia Martins, em Bequimão ainda estão atrasados pelo governo do estado.

A verdade sempre prevalece!

 

Diniz dança e Robson “Cheira”: PCdoB de Bequimão bate o martelo e firma apoio ao pré-candidato Cesar Cantanhede

COMPARTILHE

A novela de “Quem seria o vice do Tucano” em Bequimão, acabou esta semana e está mais que confirmado. O vereador Elanderson (PCdoB) fechou com o pré-candidato a prefeito Cesar Cantanhede (PSDB), e será o vice na chapa do Tucano bequimãoense. A informação foi confirmada através de um Jornal distribuído pelo parlamentar. A notícia caiu como uma bomba dentro do grupo de oposição, e fez um ziriguidum, já que vários integrantes teriam se lançados pré-candidatos tentando galgar justamente a vaga de vice.

O ex-prefeito Antônio Diniz (PDT) que ainda insiste dizer que será candidato (mas está com o nome restrito na CGU) ficou para escanteio e com o pires na mão. A estratégia do pedetista foi totalmente errada e ainda levou o vereador Robson Cheira, que além de ficar sem partido, vai fazer companhia com Diniz vendo navios sem mar.

Com a confirmação de Elanderson na chapa de Cesar, isso pode mudar a história da política de Bequimão. Nesse caso, o PT deve lançar candidatura própria e ser apoiado pelo PDT de Antônio Diniz. Ou uma segunda alternativa: sair como vice do PDT, caso Diniz lance candidatura como sempre afirmou nos quatro cantos de Bequimão. Opção que acho difícil Diniz ter coragem de fazer.

A decisão de Elanderson apoiar Cesar Cantanhede foi tomada após reunião entre o Secretário de Comunicação, Marcio Jerry (presidente do PCdoB), o governador Flávio Dino, o subsecretário Robson Paz, o vice-governador Carlos Brandão (PSDB), coronel Lopes e Cesar Cantanhede. Sem muito tempo para esperar a boa vontade de Antônio Diniz, Cesar não perdeu tempo e bateu o martelo.

Três pré-candidatos do grupo de oposição em Bequimão vão ter duas opções nestas eleições: A 1ª opção – seria unir os três pré-candidatos (Dico da Farmácia, Magal e Diniz) e formar uma chapa como terceira via no município. A 2ª opção – Seria apoiar a candidatura de Cesar ou ficar vendo navios na orla marítima de Bequimão. O certo mesmo, é que duas chapas já estão formadas em Bequimão. Que venha uma terceira, e se possível, uma quarta opção. O desafio está lançado, resta saber se quem ficou por ultimo, tem coragem mesmo, ou só tem força no gogó… Quem não dança conforme a música, “Cheira”.

A luta agora é juntar os cacos, já que nos últimos seis meses muitos integrantes do grupo de oposição tentaram secar o pote pela sede de poder. Isso acabou afastando lideranças, como foi o caso do vereador Sinhor (PSB) que abandou a política definitivamente, segundo ele.

 

Flávio Dino contrata gráfica que está sendo usada para fazer jornais impressos pra atacar adversários

COMPARTILHE

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), pode até está agindo de forma legal, mas seus secretários estão usando a máquina pública para ajudar seus aliados a distribuírem mentiras através de jornais impressos que são espalhados no interior do Maranhão.

DOC1

A prova disso são documentos obtidos com exclusividade por este Portal, que mostram a contratação da Empresa Gráfica Sete Cores, Antiga Gráfica Aquarela, pelo governo do Estado para prestar serviços às secretarias de Meio Ambiente (SEMA), Comunicação Social, Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Desenvolvimento Social, além do Instituto Estadual, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema).

DOC2

Dezenas de municípios estão distribuindo jornais factoides sem assinatura do jornalista responsável e muito menos com o nome da gráfica responsável pela impressão, como é o caso de um jornaleco em Bequimão com o nome de Itapetininga, de propriedade do vereador Elanderson (PCdoB). O jornaleco Itapetininga custa por impressão aos cofres do Estado o valor de R$2.600,00 e é também feito na Gráfica Sete Cores. Abaixo o extrato de quanto o Estado já gastou com impressões de jornais para aliados em nome das secretarias.

DOC3

São dois mil exemplares por quinzena, e cada vez uma secretaria conveniada com a gráfica autoriza a impressão do jornaleco. O extrato das secretarias mostra que o governo do Estado está jogando dinheiro fora em tempos de crise. A dívida do Estado com esse tipo de bobagem já chega a quase um bilhão de reais. Dos R$1.622.914.377,26 (Um bilhão seiscentos e vinte e dois milhões, novecentos e quatorze mil, trezentos e setenta e sete reais e vinte seis centavos) a gráfica só recebeu R$ 800.442,10 (Oitocentos mil quatrocentos e quarenta e dois reais e dez centavos).

 

Vereador Sinhor escracha com Elanderson durante sessão da última sexta feira (3)

COMPARTILHE

O vereador de Bequimão, Nestor de Jesus Nogueira Júnior (PSB), também conhecido como Sinhor, eleito em 2012 com 795 votos, subiu a Tribuna da Câmara Municipal nesta sexta feira (3), para fazer um verdadeiro desabafo contra o colega de plenário, vereador Elanderson (PCdoB). Durante seu pronunciamento, Sinhor não mediu palavras e partiu pra cima do recém-batizado comunista, com gosto de gás,  que segundo Nestor está fazendo campanha eleitoral antecipada.

O estopim dos oposicionistas foi gerado após Elanderson sair na fotografia com o secretário de Ciência e Tecnologia do Estado, Jhonatan Almada, durante visita na Escola Liliosa Cantanhede, sem a presença dos outros vereadores da casa, no fim de maio. Para Sinhor, Elanderson está fazendo campanha antecipada e querendo ser um prefeito sem mandato, esquecendo seu papel de vereador.

Ainda em seu discurso, Sinhor disse que Elanderson convidou apenas os filiados do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), se aproveitando do governador para fazer média e não cumpriu com o combinado.

“Vossa excelência trouxe o requerimento pra cá e pra nós vereadores foi uma coisa nova, mas eu lembro que sugeri para criar um que todos assinassem e fosse mandado para a Assembleia para um deputado, seja ele Othelino ou Adriano Sarney, e foi acordado entre nós vereadores. O senhor faz um requerimento na sexta, leva para São Luís no sábado e no domingo o secretário já está aqui, sem sequer avisar os colegas. Na minha concepção eu me sentir traído e oprimido pela atitude de Vossa Excelência. O Robson Paz quis beneficiar apenas os amigos do PCdoB, e, esqueceu-se do acordo feito nesta casa” – disparou o vereador Sinhor, que nas entrelinhas chamou Elanderson de traidor e foi categórico em afirmar que Flávio Dino nunca lhe recebeu e muito menos seus secretários.

É bom lembrar, que nos últimos meses, Elandeson tem sido chamado por jornalistas Anti-Palacianos de prefeito sem mandato, mas foi eleito vereador em 2012 com penas 371 votos, menos da metade do vereador Sinhor, o que talvez agora não repetisse a mesma votação, já que só acordou após a eleição de Flávio Dino. Sinhor quis dizer que nem bem entrou no trem, Elanderson já apareceu na janela se lançando pré-candidato a prefeito de Bequimão e isso rachou de vez o grupo de oposição, que agora conta com quatro Pré-Candidatos: Antônio Diniz (PDT), Elanderson (PCdoB), Cesar Cantanhede (PSDB) e agora por último Dico da Farmácia (PSB), alem do independente Magal (PT) que se identifica como uma terceira via.

COLÉGIO LILIOSA CANTANHEDE

O colégio Liliosa Cantanhede era a sede da Faculdade Darcy Ribeiro, anexo do polo da UEMA (Universidade Estadual do Maranhão), que formou várias turmas de nível superior em diversas áreas de graduações. Mas após assumir o mandato em 2015, segundo fontes próximas do Palácio dos Leões, o governador do Maranhão Flávio Dino, a pedido de seus aliados Robson Paz e Elanderson, abandou a Escola e acabou com o polo da UEMA, transferindo tudo para São Bento, distante a quase 70km de Bequimão. Como forma de campanha antecipada, como bem disse o vereador Sinhor, o Colégio Liliosa voltou a ser palco daqueles que o abandonaram.

IEMA

O Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), que supostamente seria implantado em Bequimão, anda mal das pernas desde seu nascedouro. Os já inaugurados por Flávio Dino, como por exemplo, o do centro da capital maranhense, está em péssimas condições, professores com salários atrasados e até alunos não conseguiram fazer inscrições para o ENEM, já que o sistema não o reconheceu como Escola. Em Bequimão, o Estado também passa por problemas e não tem professores suficientes, onde as aulas estão sendo ministradas pela metade. Como montar outra instituição estadual, se a única que tem não está sendo bem assistida pelo governador?

 

 

 

Vereador Elanderson tem requerimento aprovado

COMPARTILHE

SD

Na sessão ordinária realizada pela Câmara de Vereadores de Bequimão no último dia 08 de maio, foi aprovado por unanimidade o Requerimento N° 01/2015 de autoria do vereador Elanderson Pereira (SD) em que solicita a realização de uma audiência pública para buscar soluções sobre os maus serviços prestados pelo Banco do Brasil na cidade de Bequimão.

Ao justificar aos colegas parlamentares o requerimento proposto, Elanderson informou que desde o mês de outubro de 2014, após um grupo de homens armados terem explodido o único caixa eletrônico do Banco do Brasil existente na cidade, a população do município não conta mais com esse tipo de serviço, ficando restrita a utilizar apenas o Banco Postal/Correios, que não atende a demanda dos bequimoenses.  Veja matéria: Grupo explode caixas eletrônicos de duas agências em Bequimão.

Além disso, o vereador do Solidariedade, relatou também que a folha de pagamento dos servidores públicos de Bequimão está vinculada ao Banco do Brasil, sendo inadmissível essa Instituição bancária não disponibilizar pelo menos caixas eletrônicos na cidade. Segundo o vereador, essa ausência do Banco do Brasil no município tem prejudicado a população, que fica limitada na realização de suas operações financeiras, tendo em muitos casos que se deslocar até a cidade de Pinheiro, a 40 km para pagar, por exemplo, uma fatura com valor acima de R$ 500,00 (quinhentos reais).

“É um completo absurdo! Sem falar que esse problema contribui com a falta de circulação de dinheiro no nosso município, prejudicando os cidadãos que fazem negócios em Bequimão” – disse o vereador Elanderson que tem feito um grande trabalho junto ao parlamento bequimoense.

No requerimento aprovado Elanderson solicitou ainda a Mesa Diretora da Câmara que ao marcar a realização da referida audiência pública convoque para participar dos trabalhos o Prefeito, Promotor (a) de Justiça da Comarca, o representante do Banco do Brasil S/A, o representante do Sindicato dos Servidores Municipais, o representante da classe empresarial e comercial, assim como a população em geral para que conjuntamente busque a solução desse problema enfrentado pelo povo de Bequimão no seu cotidiano.

SD1

Bequimão teve caravana na posse de Flávio Dino

COMPARTILHE

Eland1

A posse do governador Flávio Dino, na última quinta feira (1) no Palácio dos Leões, mexeu com todo Estado e Bequimão não foi diferente. Há duas horas de viagem até a capital, via Ferry Boat, uma caravana da cidade de Bequimão, na baixada ocidental maranhense, compareceu a posse e viu a proclamação do Maranhão.

Eland1 Elander2Elander7

Liderada pelo Vereador Elanderson Pereira (SD), a caravana chegou ao centro histórico e foi logo recebida por integrantes do governo. Professores e militante da oposição contra o grupo Sarney, tiveram a chance de ver pela primeira vez no Maranhão, o Palácio dos Leões ser literalmente invadido pelo povo, haja vista, que antes era cercado por grades de ferro.

Elander3 Elander4Elander6

Em sua página na rede social, Facebook, o vereador Elanderson, escreveu: “Representativa caravana constituída por bequimoenses da zona rural e da sede do município supera obstáculos, viaja para São Luís e prestigia solenidade de posse do Governador Flavio Dino. Meus agradecimentos a todos os companheiros, Francisco Santos, Nalva, Celiomar, Bel Zé Lopinho, Ivanete, Maria Santana, Leonor, Pixita, Preto e João Augusto, que presenciaram esse momento histórico” – disse o vereador de Bequimão. Avante! Juntos a gente faz a mudança

 

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free