casa » Archivo de Etiquetas: Cultura (página 2)

Archivo de Etiquetas: Cultura

Confira os vídeos da abertura do Carnaval 2017 em Alcântara-MA

COMPARTILHE

O carnaval 2017 vai ficar na história do município de Alcântara, na região do litoral ocidental maranhense, como o melhor de todos os tempos. O vídeo abaixo vai mostrar a alegria do povo alcantarense na Praça da Matriz, no centro histórico de Alcântara. Além disso, a população estava carente de diversão e agora encontrou um gestor que valoriza a cultura, como ele explica nesta reportagem.

Com o apoio do governo do estado, dos deputados Othelino Neto (estadual) e Victor Mendes (Federal), o carnaval de Alcântara foi realizado com planejamento, como explicou o prefeito Anderson Wilker ao repórter Paulinho Castro. Confira abaixo o vídeo que mostra a Praça da Matriz Lotada. “Uma Imagem vale por 1.000 palavras.

REPORTAGEM: Paulinho Castro

IMAGENS: Welington

 

Prefeito Anderson resgata Carnaval de Alcântara e coloca o evento como o melhor da história

COMPARTILHE

A empolgação dos foliões no carnaval de Alcântara mostrou a felicidade do povo em ver o resgate da cultura, em que o circuito da Praça da Matriz ficou pequeno para tanta gente que brincou nos 4 dias de folia na cidade histórica. O povoado Oitiua foi contemplado com duas bandas na segunda feira tradicional, que já é realizada há 17 anos. A Praça Central foi palco de uma multidão presente.

A cidade que estava às escuras e suja, voltou a ser vista como um polo turístico e, foi iluminada pelo prefeito Anderson Wilker (PCdoB). Com 12 bandas distribuídas nos 4 dias de folia e em dois circuitos carnavalescos, a festa de momo entrou para a história de Alcântara, como o melhor carnaval de todos os tempos.

Para Ângela Rodrigues Moraes, moradora da cidade histórica há 45 anos, este ano Alcântara tinha cara de festa de carnaval. “Sempre gostei de carnaval desde jovem, cheguei aqui pra morar em 1.972 quando meu pai veio embora, e nunca perdi um carnaval aqui. Mas este ano a cidade entrou no clima da festa. Por todos os lados que você passar tem uma placa de decoração sobre o carnaval, isso mostra a organização do evento. Foram muitas bandas aqui, eu vi todas, mas sou fã da banda Moleca 100 Vergonha e dancei muito, é claro que não estou mais com o mesmo gingado de jovem” – destacou a folia que foi categórica em falar que nunca tinha visto a Praça da Matriz lotada no carnaval.

Mesmo com a crise instalada no Brasil, o prefeito Anderson Wilker destacou que o carnaval em Alcântara foi realizado com o apoio do governo do estado e dos deputados Othelino Neto (estadual) e Victor Mendes (federal), sem comprometer as finanças do município. Para o gestor alcantarense, a folia momesca de 2017 é o primeiro tantos eventos culturais que serão realizados em sua gestão.

Na abertura do Carnaval 2017 em Alcântara, a cidade histórica recebe os deputados Othelino Neto (PCdoB) e Victor Mendes (PSD) que ficaram animados pela organização do evento, mesmo com poucos recursos.

Para o deputado Othelino Neto, a diferença é nítida desde a entrada da cidade. “É uma nova era no município de Alcântara. A gente percebe isso andando e conversando com as pessoas” – destacou o Vice Presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, que visitou Alcântara acompanhado de sua esposa Ana Paula Lobato, e prestigiou a abertura do carnaval alcantarense na Praça da Matriz.

Como forma de incentivo à cultura alcantarense, o prefeito Anderson Wilker deu apoio aos blocos organizados da cidade e da zona rural do município, além dos retiros religiosos que fazem parte do calendário carnavalesco de Alcântara.

De acordo com o prefeito, o resgate das manifestações culturais será uma das metas de sua gestão, para fortalecer o turismo. “Essa é só a arrancada para as mudanças que pretendo implantar no município a partir de agora. Farei parcerias com o estado, não só para o carnaval, mas para todos os eventos culturais da cidade.  Quero agradecer as presenças de Victor Mendes e Othelino Neto, numa demonstração inédita de deputados em carnaval no município. Quando aparecia algum deputado aqui, era na festa do divino” – destacou o prefeito Anderson.

A organização ficou na responsabilidade da Secretaria de Cultura e Turismo, que tem como gestora, Marcelina Serrão. Toda equipe se empenhou nos trabalhos, e o resultado foi o sucesso da festa de Momo na cidade histórica e povoados do município. Da decoração às escolhas das atrações, os funcionários da secretaria foram presentes a cada detalhe da festa, mostrando que a união faz a força.

As Ruas da cidade histórica ficaram pequenas para os desfiles dos blocos alternativos acompanhados de trio elétrico e marchinhas de carnaval que animavam a galera. Na terça feira, a concentração aconteceu no Porto do Jacaré, e arrastou uma multidão pelas principais ruas da cidade. Como folião ilustre, o prefeito Anderson Wilker, acompanhado da Primeira Dama do município, Rayssa Araújo, caiu na folia, mesmo debaixo de muita chuva. O prefeito saiu no meio do povão e percorreu todo circuito até o povão invadir a Praça da Matriz.

Durante os 4 dias de folia, a Praça da Matriz ficou pequena para tanta gente que se divertia ao som das músicas carnavalescas atuais e recordando grandes sucessos do passado. O ponto alto da festa foi a valorização das bandas locais, que agitaram o povão. No último dia da folia (terça feira), a Praça da Matriz recebeu cinco atrações, que estremeceram os casarões da cidade histórica.

A festa foi realizada para agradar todas as idades, com atrações para todos os gostos. Da criança ao idoso, do jovem ao adolescente, todos tiveram a oportunidade de se divertir. Um dos pontos alto da folia foi a segurança durante todo o circuito. Polícias Militar, Civil e Guarda Municipal estiveram presentes durante os 4 dias de folia, realizada tanto na cidade, quanto na Praça Central em Oitiua. Com a segurança presente, as famílias brincaram a vontade.

Fotos: Lindoso Alcântara

Secretária de Alcântara participa de Encontro de gestores municipais de Cultura e Turismo

COMPARTILHE

Com o objetivo de democratizar os projetos existentes e coordenados pela secretaria municipal de Cultura e Turismo, a secretária Marcelina Serrão participou do Encontro de gestores municipais de Cultura e Turismo, realizado pelo secretário de estado, Diego Galdino aconteceu na Casa do Maranhão, no centro histórico de São Luís.

“A Sectur está abrindo as portas para os gestores municipais e a participação de todos, aqui, é importante para criar novos canais de relacionamento e, sobretudo, para efetivar parcerias que favoreçam a formulação e execução dos projetos de cultura e turismo do Maranhão”, disse Diego Galdino.

Sendo assim, os municípios aderiram aos projetos de Cultura e Turismo em parceria com o governo do estado para fortalecimento da política que venha promover a produção, preservação e difusão de bens culturais e turísticos do Maranhão, fortalecendo o desenvolvimento socioeconômico e com o uso sustentável de atrativos ambientais, culturais e patrimoniais do Estado.

Pela manhã foram realizadas palestras abordando assuntos relacionados aos programas Mais Cultura e Turismo, Lei de Incentivo à Cultura, credenciamento cultural, Faróis dos Saberes, Programa Artesanato do Maranhão, mapeamento turístico, Cinema da Cidade, Maranhão Musical entre outros.

Para a secretária Marcelina Serrão, o momento foi impar para resgatar projetos que vão dar um novo rumo à cultura do município de Alcântara. “Tive a oportunidade de conversar com o secretário de cultura do estado Diego Galdino, e falar das nossas potencialidades materiais e imateriais do município de Alcântara. Na oportunidade aproveitei pra tratar do Carnaval 2017 e da Festa do Divino, uma das maiores manifestações religiosas do Estado do Maranhão” – destacou.

De acordo com Marcelina Serrão, o secretário Diego Galdino se colocou à inteira disposição para reunir com o prefeito Anderson Wilker (PCdoB) e juntos oferecer um projeto melhor para o Carnaval e a festa do Divino.

Durante o evento os gestores municipais conheceram as casas de cultura Centro de Criatividade Odylo Costa Filho, Casa de Nhozinho, Centro de Pesquisa Natural e Arqueologia e Casa do Maranhão, por meio de visita guiada. No balcão de informações, montado durante o evento, os gestores municipais tiraram dúvidas e conhecem mais sobre cada programa estadual. Os gestores de programas da Sectur atenderam cada município e apresentaram as informações demandadas.

 

Programa de incentivo cultural deve reduzir o estresse de professores no Maranhão

COMPARTILHE

A educação é um dos principais pontos que formam a base da sociedade. Na escola professores e alunos se revezam em uma incessante troca de conhecimentos, que forma cidadania, capacita e norteia pessoas ao mercado de trabalho.

Muitas responsabilidades são atribuídas aos professores. Planejamentos de aula, preenchimento de diários das aulas com os conteúdos abordados sob a tensão de não rasurá-los, participação de reuniões com pais, reuniões internas e com grupos de estudos para manter-se atualizado e em constante formação, fazem parte da rotina de um educador. O profissional ainda leva trabalho para fazer em casa, como elaborar provas, trabalhos, projetos articulando os conteúdos da grade curricular obrigatória, adequando-os aos temas transversais e etc.

Toda essa carga de informação e relações com pessoas de personalidade diferente fica quase impossível evitar o desgaste da rotina, cansaço e o tão perigoso estresse. Mas o entretenimento e participação em eventos culturais podem ser a saída para reduzir o estresse. Essas são excelentes ferramentas que ajudam a ampliar a leitura do mundo e isso, certamente, se refletirá na sala de aula com melhor desempenho do educador.

Segundo o neuropsicanalista Fabiano Goes, quanto mais prazer à pessoa tem, menos ela se detém aos problemas que acontecem no dia a dia e estará livre para se dirigir ao conhecimento. “Se houver entretenimento na vida do professor, a psique dele estará liberado para lhe dar com questões de ordens existenciais e poderá se dedicar ao desenvolvimento de questões de ordem intelectual,” disse o neuropsicanalista.

Pensando no desenvolvimento da educação e no desempenho dos professores na sala de aula, o vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, protocolou junto à mesa diretora da Câmara Municipal de São Luís, uma indicação solicitando ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Educação (SEDUC), a criação de um programa de incentivo cultural a professores do Maranhão.

O objetivo do programa é garantir desconto de meia-entrada para os educadores em sessões de cinema, teatro, shows e eventos culturais realizados no estado. Segundo Armando, o desconto vai incentivar os professores, que muitas vezes recebem baixos salários, a participarem de eventos. “O entretenimento permite relaxamento e vai diminuir a carga de estresse gerada pela rotina dos professores. Dessa forma, o desempenho deles na sala de aula deve melhorar. Com professores sem esses transtornos, o ensino será propagado de forma mais ampla entre os alunos,” destacou o vereador.

Ainda de acordo com Fabiano, quanto mais participação um professor tem no universo cultural, mais conhecimento e habilidade para executar seu trabalho ele desenvolve. A criação do programa irá melhorar o psicológico dos professores, além de fazer com que os alunos tenham ensino de qualidade. A melhoria da educação também faz parte do cronograma de atuação do Vereador Comunitário, que trabalha diariamente buscando soluções para os problemas mais recorrentes em São Luís.

TEXTO: Tarcísio Brandão

Insatisfação total com a política dispensada à cultura maranhense

COMPARTILHE

AR1

Na noite deste sábado (13), no Arraial da Cidade, localizado ao lado da Casa de Eventos Batuque Brasil, na Avenida Daniel de La Touche – na Cohama, o público percebeu o descontentamento dos presidentes das brincadeiras que abrilhantam a temporada junina com a política do Governo Flávio Dino.

Antes de dar início à apresentação, o presidente Zé Olhinho, que há várias décadas comanda um dos mais tradicionais grupos de bumba meu boi, sotaque da Baixada – Unidos de Santa Fé, do bairro de Fátima, fez duras críticas ao modelo de política voltada para cultura implementada pelo Governo do Estado.

“Antes de darmos início à apresentação, preciso fazer um desabafo. Vocês irão acompanhar a beleza da nossa apresentação, contudo não tem ideia das dificuldades que enfrentamos para conseguir colocar o nosso batalhão nas ruas, principalmente este ano. Pois, diferentemente dos anos anteriores, o Governo do Estado não antecipou nenhuma das parcelas e, ainda, anunciou o pagamento para 90 dias após o término da temporada”, afirmou Zé Olhinho.

E um recado foi mandado em tom de indignação. “Governador, todos nós que fazemos cultura neste estado, esperamos que, no ano que vêm o senhor nos olhe com o carinho e atenção merecida”, desabafou.

Pensamento semelhante também foi externado pela presidente Júlia, do Bumba Boi Oriente. “Cultura precisa ser feito por quem gosta de cultura. Nós que somos responsáveis por brincadeiras vivemos momentos terríveis nos últimos dias, em razão do anúncio feito pelo Governo do Estado, mas graças a Deus em primeiro lugar e ao vereador Astro, sensível as nossas dificuldades para findar o processo de confecção das indumentárias, antecipou duas apresentações para os grupos de bomba meu boi, dos vários sotaques, permitindo, assim, que tivéssemos hoje aqui. É lamentável que o Governo tenha decidido trabalhar desta forma”, finalizou Júlia.

Além do retardo no pagamento, a redução no número de apresentações também foi alvo de muita reclamação no segmento cultural.

Serrano: O carnaval do Século XXI

COMPARTILHE

DONÀRIA

Se o carnaval da baixada já era famoso, agora ganhou uma pitada a mais. Este ano, a cidade de Serrano do Maranhão, recebeu o maior público carnavalesco da história do município. Com apenas dois anos de mandato e em sua terceira temporada de folia como gestora, a prefeita de serrano inovou e tornou o carnaval da cidade, como um dos melhores da baixada ocidental maranhense. Com o título: Serranofolia, dias “D” alegrias, a prefeita Donária Rodrigues (PMDB), conseguiu atrair mais foliões, que o número de habitantes do próprio município. Mais de 10 mil pessoas, curtiram o carnaval de Serrano, que agora fica na história da festa momesca mais atraente da baixada.

DcerD4D7

Durante os cinco dias de folia (Sábado, Domingo, Segunda, Terça e Quarta feira de cinzas) os foliões que escolheram a cidade de Serrano para se divertirem, tiveram as maiores atrações da baixada e puderam fazer a festa com segurança. Com várias bandas, a prefeita Donaria Rodrigues, modificou a estrutura desde o ano passado, quando a folia momesca começou a ganhar formato. Donária acrescentou “Palco” que nunca havia existido na história da cidade, além Sonorização, e bandas famosas. Sem nenhuma ocorrência, o carnaval de Serrano, agora é visto como uma grade opção para 2016 na baixada.

D3D1 D2

Coordenado pelo professor Julyercio Diniz (Subsecretário de cultura e Turismo) o carnaval de Serrano ganhou a mídia local e estadual. Criativo, Julyercio conseguiu unir o últil ao agradável. Mesmo com pouco recurso, a cidade parou para receber os foliões, que apesar das dificuldades, consumiram e geraram renda no município.

D6D11 D12 D13

Mesmo ligada à folia, a prefeita Donária não parou com as obras, que são muitas e pretende bater Record durante sua administração. Com as bandeiras da Educação, Saúde, Infra-estrutura, Laser e Saneamento, Donária vem mostrando que para se governar é preciso competência. Durante esses 25 meses de gestão, dezenas de obras já foram entregues e outras dezenas serão entregues ainda este ano. São escolas, estradas, pontes, quadras esportivas, prédio do Cras e tantas outras obras que vão beneficiar a população de Serrano.

Seção da Câmara Municipal de São Luís é encerrada por falta de Quórum

COMPARTILHE
Ivaldo Rodrigues em pronunciamento no plenário

Ivaldo Rodrigues em pronunciamento no plenário

Com a galeria do plenário lotada de representantes da cultura maranhense, a seção foi encerrada pelo presidente Isaías Pereirinha (PSL) por falta “Quórum”. Os representantes da cultura maranhense foram recebidos na casa legislativa, pelo vereador Ivaldo Rodrigues (PDT).

Ivaldo ocupou a tribuna do plenário para falar sobre a criação da secretaria municipal de cultura, e foi aplaudido de pé por todos que estavam na galeria, após comprar a briga sobre o edital para contratação das brincadeiras para o período junino deste ano. “Nós temos que resgatar, valorizar e fortalecer a nossa cultura. A cultura não é só bumba-meu-boi. Temos a dança do cacuriá, o tambor de crioula, tambor de mina, o Lelê, danças portuguesas e tantas outras manifestações culturais do Maranhão – disse Ivaldo Rodrigues.

Para Ivaldo Rodrigues, não basta fortalecer uma parte, o executivo tem que ajudar 100% dos grupos. Ontem (4) o Vereador recebeu em sua residência, vários lideres da cultura maranhense. Após seu discurso na tribuna do plenário, Ivaldo foi elogiado pelo companheiro de Câmara, vereador Fábio Câmara (PMDB), por sua brilhante atitude.

A câmara contava hoje (5) com 24 vereadores em plenário, mas acabou sendo reduzido para 15 e por isso foi adiada a votação de um veto, que ficou para amanhã 9hs. Os Vereadores que permaneceram no plenário foram: Isaías Pereirinha, Ivaldo Rodrigues, Rose Sales, Fábio Câmara, Professor Lisboa, Honorato Fernandes, Marquinhos, Estevão Aragão, Bárbara Soeiro, Gutemberg Araújo, Luciana Mendes, Josué Pinheiro, José Joaquim, Bispo Paulo e Nato Gomes.

Já os vereadores que deixaram o plenário para não votar o veto, que poderia derrotar o prefeito Edivaldo Holanda Junior (PTC), foram: Pavão Filho, Osmar Filho, Armando Costa, Ricardo Diniz, Pedro Lucas Fernandes, Edmilson Jansen, Chaguinhas, Beto Castro e Manoel Rego.

Na última quarta feira (30) o vereador Ivaldo Rodrigues, perdeu a paciência, quando mais uma vez não houve seção por falta de “Quórum”. Na ocasião, Ivaldo falou em voz alta, que quem não quisesse trabalhar, era só entregar o cargo.

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free