casa » Archivo de Etiquetas: Armando Costa

Archivo de Etiquetas: Armando Costa

Armando Costa mostra força diante de Eliziane Gama e arrasta multidão no São Francisco

COMPARTILHE

O vereador comunitário Armando Costa (PSDC) mostrou mais uma vez força política e reuniu junto com a candidata a prefeita de São Luís, Eliziane Gama (PPS), centenas de pessoas nas ruas do São Francisco. O secretário de Desenvolvimento Social do Maranhão, Neto Evangelista, também participou do ato e reafirmou a parceria que tem com Armando.

No percurso, o vereador foi cumprimentado pelos moradores, que declaravam total apoio à candidatura. Segundo Armando, aceitação na região afirmou que ele caminha no rumo certo. “É uma injeção de ânimo caminhar pelo meu bairro e ser aceito por todos, não só em período de eleições, mas todos os dias quando eu passo por aqui”, frisou.

Armando1 Armando2

Vários benefícios já chegaram ao local por meio das solicitações de Armando Costa, como: a implantação do Restaurante Popular do São Francisco, asfaltamento de ruas e drenagem em alguns pontos.  Ele também já pediu ao Governo do Estado que execute em caráter de emergência a reurbanização da Ponta do São Francisco, projeto assegurado pelo PAC 2.  Além disso, cobra quase que diariamente, junto ao executivo municipal, a reforma e ampliação da feira e a implantação de uma academia ao ar livre na Praça do Botafogo.

A caminhada de hoje (01), confirmou o favoritismo do vereador comunitário nas Eleições 2016. “A política é para se trabalhar pelo povo e não para se beneficiar dela”, destacou Armando, que assumiu o compromisso de continuar lutando por São Luís.

ARMANDO COSTA: Um dos vereadores mais atuantes da capital maranhense

COMPARTILHE

O vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, milita na política à cerca de 30 anos. Quando jovem, Armando iniciou a carreira política na juventude do extinto Partido da Frente Liberal (PFL). Em 2004, tentou uma vaga de vereador na Câmara Municipal de São Luís, mas foi eleito para o legislativo só em 2008.

Armando Costa atua na Câmara como voz da população de São Luís, defende e luta pelos interesses das comunidades por meio de solicitações de melhorias para os bairros. Além disso, ele já foi autor de várias leis, como: o uso obrigatório de no-breaks nos semáforos; implantação de brinquedotecas em hospitais e clínicas; criação do serviço de agendamento de consultas e exames pela internet e telefone; criação do serviço de atendimento por telefone de denúncias de criadouros do mosquito Aedes Aegypti, entre outras.

Em dois mandatos, o vereador protocolou junto à Mesa Diretora da Câmara Municipal 371 requerimentos, que são solicitações enviadas à Prefeitura, 299 indicações, que são solicitações enviadas ao Governo do Estado, 24 projeto de decreto legislativo, 39 projetos de leis, sendo alguns deles já sancionados como leis.

Para protocolar solicitações de melhorias para cidade, Armando sempre se reúne com líderes comunitários em busca de saber a real situação de São Luís.

 

Vereador solicita criação de programa de avaliação médica para crianças da rede pública de ensino

COMPARTILHE

Os exercícios são indispensáveis na vida de qualquer pessoa e fundamental para o desenvolvimento de crianças. Elas precisam ser estimuladas para se movimentarem e motivadas a gostar das atividades físicas, possibilitando que estas se tornem parte do cotidiano delas.

No entanto, alguns problemas causados pelo sedentarismo de algumas crianças devem ser diagnosticados para que elas pratiquem atividades físicas sem prejuízo algum. Pensando nisso, o vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, protocolou junto à Mesa Diretora da Câmara Municipal, uma indicação solicitando que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde (SES) em parceria com a Secretaria de Educação (SEDUC), crie um programa de avaliação médica nas escolas da rede pública de ensino.

Segundo o vereador, a avaliação, realizada por um especialista, vai atestar se o aluno está apto a praticar atividades físicas, além de diagnosticar possíveis restrições. “Os professores de educação física irão programar treino individualizado para o aluno que for diagnosticado com alguma limitação. Após a série de treinos, a criança estará apta a praticar esporte com os outros colegas. Dessa forma os professores não serão surpreendidos e os estudantes terão melhor desempenho nas atividades físicas”, destacou Armando Costa.

O desempenho de alunos na sala de aula é umas das preocupações do vereador Armando. Com a criação do programa, professores e país de alunos estarão seguros em relação a saúde dos pequenos e as crianças serão saudáveis e livres para fazer atividades físicas a vontade.

 

Programa de incentivo cultural deve reduzir o estresse de professores no Maranhão

COMPARTILHE

A educação é um dos principais pontos que formam a base da sociedade. Na escola professores e alunos se revezam em uma incessante troca de conhecimentos, que forma cidadania, capacita e norteia pessoas ao mercado de trabalho.

Muitas responsabilidades são atribuídas aos professores. Planejamentos de aula, preenchimento de diários das aulas com os conteúdos abordados sob a tensão de não rasurá-los, participação de reuniões com pais, reuniões internas e com grupos de estudos para manter-se atualizado e em constante formação, fazem parte da rotina de um educador. O profissional ainda leva trabalho para fazer em casa, como elaborar provas, trabalhos, projetos articulando os conteúdos da grade curricular obrigatória, adequando-os aos temas transversais e etc.

Toda essa carga de informação e relações com pessoas de personalidade diferente fica quase impossível evitar o desgaste da rotina, cansaço e o tão perigoso estresse. Mas o entretenimento e participação em eventos culturais podem ser a saída para reduzir o estresse. Essas são excelentes ferramentas que ajudam a ampliar a leitura do mundo e isso, certamente, se refletirá na sala de aula com melhor desempenho do educador.

Segundo o neuropsicanalista Fabiano Goes, quanto mais prazer à pessoa tem, menos ela se detém aos problemas que acontecem no dia a dia e estará livre para se dirigir ao conhecimento. “Se houver entretenimento na vida do professor, a psique dele estará liberado para lhe dar com questões de ordens existenciais e poderá se dedicar ao desenvolvimento de questões de ordem intelectual,” disse o neuropsicanalista.

Pensando no desenvolvimento da educação e no desempenho dos professores na sala de aula, o vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, protocolou junto à mesa diretora da Câmara Municipal de São Luís, uma indicação solicitando ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Educação (SEDUC), a criação de um programa de incentivo cultural a professores do Maranhão.

O objetivo do programa é garantir desconto de meia-entrada para os educadores em sessões de cinema, teatro, shows e eventos culturais realizados no estado. Segundo Armando, o desconto vai incentivar os professores, que muitas vezes recebem baixos salários, a participarem de eventos. “O entretenimento permite relaxamento e vai diminuir a carga de estresse gerada pela rotina dos professores. Dessa forma, o desempenho deles na sala de aula deve melhorar. Com professores sem esses transtornos, o ensino será propagado de forma mais ampla entre os alunos,” destacou o vereador.

Ainda de acordo com Fabiano, quanto mais participação um professor tem no universo cultural, mais conhecimento e habilidade para executar seu trabalho ele desenvolve. A criação do programa irá melhorar o psicológico dos professores, além de fazer com que os alunos tenham ensino de qualidade. A melhoria da educação também faz parte do cronograma de atuação do Vereador Comunitário, que trabalha diariamente buscando soluções para os problemas mais recorrentes em São Luís.

TEXTO: Tarcísio Brandão

Reforma imediata da Feira do João Paulo é solicitada por vereador Comunitário

COMPARTILHE

Um dos principais pontos comerciais de São Luís, fonte de renda para centenas de famílias, a Feira do João Paulo tem de tudo, frutas, legumes, carnes, peixes, farinha, roupas, calçados, lixo, goteiras, esgoto, ratos correndo livremente pelos estabelecimentos e etc. Quem precisa comprar na feira na maioria das vezes volta para casa insatisfeito, não por não ter conseguido o que queria, mas pela falta estrutura que o lugar oferece.

No período chuvoso, a situação complica ainda mais porque a água da chuva invade alguns dos pontos de venda, causando prejuízos para proprietários e frustração para consumidores. O mau cheiro também incomoda quem precisa trabalhar ou passar pelo local. Como se bastasse tudo isso, viciados em drogas circulam nas ruas ao lado da feira, a região foi até batizada como a ‘Cracolândia do João Paulo’.

Mediante a lamentável situação da Feira do João Paulo, o vereador Amando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, protocolou junto à Câmara Municipal, um pedido para que o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr. (PDT), realize estudos técnicos por meio da SEMAPA e SEMOSP, com objetivo de reformar imediatamente a feira.

Para o vereador, o local é um centro importante para a economia de São Luís e Região Metropolitana, porque agricultores, comerciantes e consumidores dos municípios vizinhos da capital também são beneficiados com o mercado. “A reforma, além de melhorar a estrutura física dará mais visibilidade aos pequenos empresários da feira. A segurança também deve ser reforçada para que transtornos entre usuários de drogas sejam evitados”, destacou Armando Costa.

A solicitação da reforma da Feira do João Paulo faz parte do cronograma de obrigações do Vereador Comunitário em favor da melhoria de vida da população de ludovicense. Cabe ao Executivo Municipal executar esse projeto para que milhares de pessoas de São Luís e Região Metropolitana sejam beneficiadas.

TEXTO: Tarcísio Brandão

Lei determina inclusão do peixe na merenda escolar da rede de ensino de São Luís

COMPARTILHE

Os peixes são fontes de substâncias químicas que compõem as proteínas necessárias para o crescimento e a manutenção do corpo humano, possuem todos os aminoácidos essenciais para uma boa alimentação, além de serem boas fontes de cálcio, ferro e ácidos graxos como ômega 3, que é um componente fundamental na membrana externa das células cerebrais, por onde todos os sinais nervosos fluem, segundo especialistas.

O Brasil está entre os vinte países do mundo com as maiores costas marítimas e com suas inúmeras bacias hidrográficas, tem as maiores reservas de água doce. Mesmo assim, parece que os brasileiros não conhecem os benefícios do peixe na alimentação humana, porque a produção e o consumo é abaixo do que as características geográficas podem oferecer.

Na alimentação de crianças, o peixe é fundamental para o desenvolvimento escolar. O ômega 3 permite que os pequenos tenham boa memória, maior concentração, motivação, habilidades motoras, velocidade de reação e menos estresse. O pescado também é rico em vitaminas e sais minerais, essenciais para prevenir a anemia, manter o sistema imunológico forte.

Em São Luís, a Lei 249 de 21.05.2013, de autoria do vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, obriga a inclusão do peixe no cardápio da merenda escolar da Rede de Ensino Municipal.

Segundo Armando, a inclusão do peixe irá ajudar no desempenho escolar dos alunos, além de estimular a produção e movimentar a comercialização do alimento na cidade. “A lei também beneficia a economia da capital. Na sala de aula, teremos estudantes mais atentos ao aprendizado, que será muito útil para eles no futuro”, destacou o vereador.

A prefeitura de São Luís tem que cumprir essa para garantir o desenvolvimento cerebral e nutricional das crianças que frequentam a Rede Municipal de Ensino. A melhoria da educação também é um alvo de trabalho do vereador Armando Costa, que luta diariamente para atender as necessidades das comunidades ludovicenses.

 

Programa Saúde na Escola irá contribuir na melhoria o desempenho de estudantes

COMPARTILHE

Dores de cabeça, baixo rendimento e notas baixas são dificuldades comuns de crianças e adolescentes que frequentam a sala de aula. Essas adversidades podem ser causadas por problemas visuais e auditivos que comprometem o rendimento dos alunos. É comum que os pais só procurarem ajuda oftalmológica ou otorrinolaringológica depois que os filhos já apresentam algum problema.

Para o professor de matemática Edilson Batista, qualquer limitação inviabiliza o aprendizado dos estudantes, além de dificultar a ministrar a aula. “É complicado exigir resultados de alunos que apresentam essas dificuldades”, destacou o professor.

De acordo estudo do CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia), o uso de óculos ou aparelho auditivo melhora o desempenho escolar de uma em cada duas crianças, acarretando mais interesse pelos estudos e concentração nas tarefas.

Pensado em melhorar o aprendizado, o vereador Armando Costa (PSDC) solicita o encaminhamento de oficio ao Governo do Estado, para que realize estudos técnicos, por meio da Secretaria de Saúde (SES), com objetivo de implantar o Programa Saúde
na Escola. A ideia do projeto é disponibilizar aos alunos da rede municipal e estadual exames oftalmológicos e otorrinolaringológicos.

Segundo Armando, alguns alunos apresentam baixo rendimento na escola por não ouvir ou não enxergar direito.
“O diagnóstico dos exames irá revelar se eles possuem limitações visuais ou auditivas. Com o resultado em mãos, os problemas serão resolvidos e assim os estudantes terão melhor desempenho na sala de aula,” relatou o vereador.

Ainda de acordo com o professor Edilson, implantação desse programa nas escolas é extremamente necessária. “Os exames são caros e os alguns país de alunos da rede pública não têm condições de pagar pelos testes”, frisou o educador.

O Governo do Estado tem que implantar de forma imediata a solicitação do vereador Armando Costa, para melhorar o aprendizado na rede de ensino. O vereador trabalha incessantemente na Câmara Municipal de São Luís e junto ao Executivo Municipal e Estadual para que os anseios da população ludovicense sejam alcançados.

FIQUE SABENDO

O não uso dos óculos ou aparelho auditivo quando ele se faz necessário, prejudica a visão, e cerca de 75% do aprendizado da criança é corrompido.

O uso excessivo de computador e a leitura não prejudicam a visão, porém cansam os olhos. Então é importante impor certos limites para as crianças.

É totalmente contraindicado usar óculos ou aparelho de outras pessoas, com o risco de acabar prejudicando a visão ou audição. Cada pessoa tem uma necessidade.

Texto: Tarcísio Brandão

Vereador visita comunidade Buriti, no bairro São Francisco

COMPARTILHE

Em cumprimento do seu mandato, o vereador Armando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, visitou a comunidade Buriti, localizada na região do São Francisco, para saber dos moradores as dificuldades enfrentadas no local.

Os moradores solicitaram a limpeza dos terrenos baldios do bairro e coleta de lixo regular, principalmente para combater a proliferação do mosquito aedes aegypti. Segundo os residentes, várias pessoas já foram de diagnosticada com Dengue e Zica na comunidade. Também foi solicitado asfaltamento das vias, melhoria na infraestrutura, além da criação de uma academia ao ar livre e área de lazer para as crianças.

Para o vereador Aramando Costa, visitar as comunidades é essencial para a continuidade do mandato de um parlamentar, porque dessa forma é mais fácil saber a real necessidade dos moradores de São Luís. “Vou lutar na Câmara Municipal, junto ao Governo do Estado e Prefeitura para que as demandas da comunidade Buriti sejam executadas”, destacou Armando Costa.

TEXTO: Tarcísio Brandão

Armando Costa propõe ao Executivo Municipal o “Programa São Luís mais Amiga do Pedestre”

COMPARTILHE

O vereador Armando Costa (PSDC) inicia o período legislativo com uma proposta para o trânsito de São Luís, que se constituiu em importantes observações em pontos da cidade de nossa capital e conversas com pedestres.

O “Programa uma São Luís Mais Amiga do Pedestre” deverá ser implantado pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte e terá participação de instituições municipais e da iniciativa privada, uma vez que todos estão dentro do contexto é para termos um trânsito mais humanizado.

Armando em seu requerimento apresenta propostas bastante significativas, destacando-se faixa de travessia elevada, faixas diagonais, ilhas de pedestres e prolongamentos de calçadas, que serão importantes para dar segurança dos pedestres.

O vereador atenta com a iniciativa do programa, um serviço de prevenção, que vai precisar ser trabalhado pelos mais diversos segmentos da SMTT, estendendo-se a outros órgãos. Armando defende que debates sejam promovidos em escolas, principalmente da infância, do fundamental e do ensino médio.

“As crianças precisam ser ouvidas e a partir delas haverá uma multiplicação dentro de todos os ambientes em que ela estiver. Quanto aos alunos do fundamental e do ensino médio, eles perfeitamente podem se tornar educadores de trânsitos com incentivos das próprias escolas municipais e estaduais e naturalmente do legislativo municipal”, concluiu o vereador Armando Costa.

Texto: Tarcísio Brandão

 

Vereador Amando Costa participa da Mobilização Contra o Mosquito Aedes Aegypti

COMPARTILHE

O vereador Amando Costa (PSDC), o Vereador Comunitário, participou na manhã deste sábado (13), da Mobilização Contra o Mosquito Aedes Aegypti. O evento é nacional e é realizado pelos Ministérios da Saúde e da Defesa com o objetivo de combater o principal transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus. Em São Luís, a mobilização foi realizada no bairro São Francisco. Também participaram do ato, o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner; o governador do Estado; o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT); deputados federais e estaduais; secretários de Estado; vereadores, entre outras autoridades e membros da sociedade civil.

Para Amando Costa, essa mobilização nacional é o ponto de partida para a vitória da guerra contra Aedes Aegypti. Segundo ele, a população de São Luís já vestiu a camisa na luta contra a proliferação do mosquito.

No Maranhão, a mobilização é liderada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), juntamente com as Forças Armadas, Secretaria Municipal de Saúde de São Luís (Semus), Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e demais instituições que integram o Comitê Interinstitucional de Combate ao mosquito no Estado.

Os moradores do São Francisco receberam durante toda a manhã de hoje (13), orientação sobre como proceder para manter o local livre dos criadouros do Aedes Aegypti. De acordo com Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRA), o São Francisco é considerado de alto risco de infestação do mosquito

“Essa localidade, assim como toda ilha de São Luís, faz parte da nossa área de atuação. Com o empenho dos moradores vamos diminuir número de criadouros e consequentemente reduzir os casos de Dengue, Chikungunya e Zika Vírus no nosso estado”, destacou o Vereador Comunitário.

Vale ressaltar, que o vereador Armando Costa é autor do Projeto de Lei nº 237/2011, recentemente adotado pelo Executivo Estadual, que objetiva sanar uma epidemia das doenças causadas pelo mosquito Aedes Aegypti. Trata-se do “Disque Dengue”, um serviço de denúncias feitas por telefone, no qual a população pode informar quando houver situações que levem aos riscos de contaminação.

TEXTO: Tarcísio Brandão

Responsive WordPress Theme Freetheme wordpress magazine responsive freetheme wordpress news responsive freeWORDPRESS PLUGIN PREMIUM FREEDownload theme free