casa » 2016 » dezembro (página 4)

Arquivos Mensais: dezembro 2016

O rádio está em decadência ou se reinventando?

COMPARTILHE

O som que apaixonou o mundo através das ondas, ainda é um caso a ser estudo, para tentar descobrir o motivo da decadência a partir do ano 2000. Estou falando do Rádio, não aquele aparelhinho que carregamos e colocamos onde estamos, mas sim daquele que foi o grande invento e se tornou o maior meio de comunicação do planeta. Desde que surgiu no Brasil em meados de 1923, o veículo de tornou  o maior companheiro dos brasileiros 24 horas.

Em alguns estados o rádio sofreu queda ao nascer, como foi o caso do Maranhão, quando por intermédio dos empresários (Jota Travassos e Nhozinho Santos) foram criadas as duas primeiras rádios (Rádio Clube e Rádio Sociedade), que por falta de patrocínio acabaram saindo do AR dois anos mais tarde. Fundadas em 1924 respectivamente, as emissoras foram administradas através de colaboradores, que pouco tempo desistiram da ajuda sem remuneração. Um ano após as rádios saírem do AR, nasceu a publicidade no Brasil (1.926), que só foi reconhecida e ganhou força no mercado a partir de 1.930.

Após tudo isso, o Maranhão ficou sem emissora de rádio por aproximadamente 15 anos, e só voltou a festejar em 1941 quando entrou no AR a rádio estatal chamada de Difusora, que mais tarde foi batizada por Assis Chateaubriand, como Rádio Timbira, que por interesse político e ser amigo do interventor federal no Estado, Paulo Martins de Sousa Ramos, acabou arrendando a emissora do governo, simplesmente para se eleger Senador da República pelo Maranhão. Caso que se confirmou sem sequer Assis sentar os pés na terra de Gonçalves Dias.

De lá pra cá surgiram inúmeras emissoras, como a Rádio Ribamar (Capital AM) em 1947, a Rádio Difusora em 1955, a Rádio Gurupi (São Luís AM) em 1962, a Rádio Educadora em 1966 e a Rádio Mirante em 1988. Entre esses intervalos nasceram algumas FMs, assim como no interior do estado surgiram emissoras capitaneadas por políticos.

Nesses mais de 90 anos de rádio no Maranhão, muita coisa já aconteceu. Emissoras que eram grandes diminuíram no tamanho e na potência, reduziram salários e quadros de funcionários, outras que até entraram na onda de rede, como foi o caso das Rádios São Luís – Jovempan (AM e FM), que tem 80% suas grades retransmitida através da rede nacional.

A Difusora AM que já passou por isso durante 11 anos quando retransmitia a programação da Rede Aleluia (Igreja Universal), e hoje é feita pela 105,5 FM. Mesmo assim a Difusora AM vive de arrendamentos, assim como todo o Sistema que foi alugado para o Deputado Federal Weverton Rocha, onde inúmeros profissionais de rádio foram demitidos e substituídos por Blogueiros.

Outra emissora que existe, mas desapareceu da frequência dos rádios maranhenses, foi a Rádio Cidade FM, uma das maiores e mais ouvidas do Estado, acabou arrendada para a Igreja Deus é Amor e toda programação foi modificada, sendo assim, muitos funcionários demitidos, onde poucos escaparam da tragédia.

Há pouco mais de 15 anos surgiu uma emissora na Ilha de São Luís, que trouxe o nome de “Mais FM”, mas ninguém a conhecia. A programação era retransmitir o “Mução” 24h, mas poucas pessoas a ouviam. Ai é que vem a história de quem nasceu grande e ficou pequeno, e outras nascem pequenas e cresceram de imediato. Surge um Radialista, que muitos o chamaram de louco, por sair de uma emissora grande e arrendar uma desconhecida (Mais FM).  Diferente da Mais FM, Léo Felipe era muito conhecido na cidade, e isso poderia ser uma saída para o mercado radiofônico do Maranhão, que começava entrar em decadência. A aposta deu certo, a coragem venceu o medo, e em pouco tempo a Mais FM se tornou a emissora dos corações da Ilha e passou a dominar no seguimento popular, sendo a mais ouvida da capital, posição essa que nunca mais perdeu.

O mercado radiofônico do Maranhão poderia ter como referência a visão de Léo Felipe, como modelo de gestão do Rádio no Estado, que mesmo com a crise econômica instalada no Brasil, o mercado publicitário sobrevive para aqueles que se reinventam todos os dias. Em matéria de radiodifusor, Léo Felipe é mestre, diferente daqueles que se viciam nas fatias de publicidades públicas, e quando cortam, choram as migalhas. Quem sofre são os profissionais do rádio.

Outro exemplo que deve ser mostrado é a rádio 92 FM,  que nasceu para o seguimento gospel, e mesmo jovem, é a melhor emissora do estilo, tanto administrativamente, quanto programático, dando oportunidades para jovens comunicadores. A linha da 92 vai do romântico até o futebol, tendo visto como a maior paixão nacional. O jovem empresário de radiodifusão, Ramon Fernandes, mostra que rádio se faz com paixão, mas também com muito trabalho.

O FUTURO DO RÀDIO NO BRASIL

A onda de demissão é muito grande, vai das pequenas emissoras até os maiores grupos de comunicação do Brasil. O maior exemplo de decadência são as demissões em massa no Sistema Globo de Rádio (SGR) e no Grupo Tupi por todo país. O profissional escolhido para trabalhar no mercado precisa saber bater escanteio, cabecear, marcar o gol, fotografar, comemorar e no intervalo redigir a matéria.

Com a ideia da Migração do AM para o FM, a corrida será para quem chegar primeiro. Os profissionais precisarão está cada vez mais qualificados, o número de vagas é cada vez menor. As emissoras vão ter um período para retransmitir nas duas faixas (AM e FM) até o público se acostumar, com isso um profissional vai está trabalhando para duas emissoras. Se o mercado publicitário já está deficitário agora, imagina quando todas as emissoras estiverem na mesma faixa de FM? A única saída, segundo pesquisadores de rádio, seria para quem já está no FM, modificar sua programação, criar espaço para o jornalismo, incrementando o esportivo na grade, e trabalhar para aumentar a fatia de público e faturamento. Segundo especialistas, quem sair na frente vai ter mais visibilidade, já que as rádios que migrarem vão esperar um bom tempo para cair na graça da sociedade, principalmente apaixonados por AM. O mercado vai passar por mudanças, é bom começar logo… Com as plataformas digitais, o FM ganhará novos caminhos…

Para quem pensou que a TV e a internet fossem acabar com o rádio no Brasil, o “Arrendamento” para igrejas multinacionais, ou políticos sem visão de mercado, pode ser o começo do fim.

Por João Filho (Jornalista, Radialista e Pesquisador).

Praias de São Luís nunca foram despoluídas, diz Adriano Sarney

COMPARTILHE

Site da Sema não publica laudos atualizados desde que as praias tornaram-se impróprias para banho; deputado fez requerimento à Mesa solicitando mais transparência do órgão.

O deputado estadual Adriano Sarney declarou na tribuna da Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (5), que as praias da Ilha não estão despoluídas, contrariando os laudos de balneabilidade divulgados insistentemente pelo Governo do Estado e pelo próprio governador Flávio Dino (PCdoB) em suas redes sociais. Segundo o parlamentar, a Secretaria de Meio Ambiente vem divulgando ao longo das últimas semanas que as praias apresentam 100% de balneabilidade. Mas o último laudo, divulgado no dia 1º deste mês, revelou o engodo. “Bastou cair uma chuva na Ilha para trazer o esgoto e o lixo da cidade para as praias, revelando sete pontos impróprios para banho. Isso não é uma questão de política. Isso é uma questão de saúde pública. Não podemos brincar com isso”, declarou.

O deputado ressaltou que a poluição das praias é consequência do saneamento básico deficiente, ou seja, o tratamento dos esgotos da Ilha precário ou parcial. Esta constatação emergiu de uma audiência pública realizada no dia 19 de outubro deste ano, coordenada pelo parlamentar, que preside a Comissão de Assuntos Municipais e de Desenvolvimento Regional da Assembleia.

adry1

“Somente quando houver 100% do esgoto tratado e os rios da Ilha estiverem totalmente limpos poderemos dizer que as praias estarão despoluídas. E estamos longe disso. A Estação de Tratamento de Esgoto do Vinhais, que iniciou suas obras no governo Roseana, opera com 30% da sua capacidade, segundo informou a Caema”, ressaltou o parlamentar.

Adriano informou ainda que vai ingressar com um requerimento à Mesa Diretora da Assembleia solicitando à Secretaria de Meio Ambiente esclarecimentos sobre a divulgação dos laudos de balneabilidade, pois o site da Sema, até ontem (04), apresentava os laudos até o dia 22 de novembro, o que prejudica a informação para o cidadão, que não encontra na página oficial do órgão ambiental o relatório atualizado.

 

Assessoria de Imprensa

 

Vereador Chaguinhas diz que Edivaldo e Flávio Dino presentearam São Luís com um “Apagão do Natal”

COMPARTILHE

O Vereador de São Luís, Francisco Chaguinhas (PP), utilizou a tribuna da Câmara Municipal, na manhã desta segunda-feira (05), onde lamentou a falta de investimentos dos governos estadual e municipal, na iluminação natalina nas grandes avenidas da capital ludovicense. Segundo o progressista, Edivaldo e Flávio Dino presentearam São Luís com o  “Apagão Natalino”.

“São Luís, nossa querida e amada ilha do amor, está abandonada. O natal, que acontece uma vez por ano, não está tendo a atenção devida dos governos. A iluminação natalina deveria ser, sem sombras de dúvidas, muito bem feita. As nossas avenidas, como a  Africanos, Casemiro Junior, Santos Dumont, Guajajaras, Rei de França, Holandeses e Daniel de La Touche, deveriam ter uma iluminação diferenciada, mostrando o que temos de melhor”, disse.

Chaguinhas ainda citou as capitais: Belém-PA, Teresina-PI e Palmas -TO, além do estado de Tocantins, como exemplos de uma boa administração cultural,  e que lá, nesse período, a cidade é iluminada pelo brilho natalino.

“Todos esses lugares ganham de cem a zero. O município de São Luis perde até nisso. Lamentável ver que os que administram o estado e município não têm o sentimento natalino, o que é mais uma vez, lamentável”, finaliza.

 

Quer assistir os melhores momentos da 4ª Semana do Bebê Quilombola em Bequimão? Então acesse: www.joaofilho.com, e veja.

COMPARTILHE

A abertura da 4ª Semana do Bebê Quilombola em Bequimão foi um verdadeiro sucesso. VEJA COMO ACONTECEU ATRAVÉS DAS IMAGENS do Repórter Paulinho Castro Neto da TV SBT Pinheiro. CLIQUE AQUI E VEJA.

No encerramento a festa foi ainda melhor, houve brincadeiras, passeatas, e a coroação da nova prefeita da cidade que nasceu na comunidade Ariquipá. CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA COM Paulinho Castro Neto da TV SBT Pinheiro. CLIQUE AQUI E VEJA.

Para encerrar no estilo Quilombola, assista ao um vídeo da festa de Tambor de Crioula ao vivo na Praça 2 de Novembro no centro da cidade de Bequimão, com presença de alunos, professores, autoridades e Comunidades Quilombolas do município.

Idosa é estuprada dentro de casa em Bequimão-Ma

COMPARTILHE

Uma idosa identificada por Maria José da Silva, de 79 anos, conhecida na cidade como Dona Maria, viúva de seu Pereira, foi estuprada por um suspeito conhecido na cidade de Bequimão por “Pendão”, que segundo populares, seria filho de um homem conhecido por Mário e neto de seu Newton Boas, do bairro Cidade Nova. Até agora o suspeito não foi preso, mas a polícia continua investigando para confirmar se realmente seria o verdadeiro acusado. Segundo familiares da vitima, o acusado teria ameaçado dona Maria com uma faca.

Segundo informações de populares, o homem teria invadido a residência de dona Maria na noite deste sábado (3) para cometer um furto, mas acabou agredindo a idosa e a estuprando. De acordo com informações repassadas ao Portal, a vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital Lídia Martins, onde se encontra internada.

A vítima mora no centro da cidade. O caso aconteceu por volta das 23h deste sábado (3), e foi registrado o Boletim de Ocorrência (B.O) na manhã deste domingo por volta das 9h, através de seu filho Genivaldo Ribamar da Silva. O acusado está sendo procurado pela Guarnição do 10º BPM da 4ª CIA composta pelos Soldados Stênio e Hugo Nunes, e caso seja preso, será enquadrado na lei Maria da Penha.

SEGURANÇA ABANDONADA

A população de Bequimão está chocada com maldade cometida a uma idosa. O município de Bequimão está esquecido pelo governador do Estado em quase todos os itens, mas no quesito segurança é uma negação, onde assaltos acontecem todos os dias. Os poucos policiais que tem em Bequimão se encontram de mãos atadas sem condições para trabalhar. Quando a viatura funciona, não tem gasolina. Quando tem gasolina, a viatura esta com problemas mecânicos. Assim não dá Flávio Dino!

 

Prefeito de Bacuri Baldoino Nery confia em qual caneta?

COMPARTILHE

POR GILSON VIEIRA – O Prefeito afastado do Executivo Municipal da cidade de Bacuri, diz que hoje ainda retorna ao cargo de prefeito, José Baldoino Nery, foi afastado nesta sexta (02) por atos de improbidade administrativa. Pelo juiz titular da Comarca de Bacuri, Thadeu de Melo Alves.

O mais estranho que Jose Baldoino Nery e seu grupo político comemorou hoje o dia todo seu retorno ao cargo de prefeito. Ele já entrou com recurso no Tribunal de Justiça do Maranhão para tentar reverter a decisão do juiz Thadeu de Melo Alves. Segundo informação repassada ao Blog do Gilson Vieira, a “provável” decisão favorável deve sair no plantão do desembargador. Guerreiro Junior.

processo1

O afastamento do Prefeito atende ao pedido do Ministério Público Estadual, que constatou que Baldoíno Nery não vem cumprindo com seus deveres inerentes ao cargo, em especial no que se refere ao pagamento dos servidores municipais. O MP alegou que atrasos nos salários dos servidores são constantes e que não há motivação extraordinária que justificasse o não pagamento.

Pelo que o Blog foi informado uma grande festa já está preparada para essa decisão favorável a Baldoíno Nery.

Pela a terceira vez Baldoíno Nery é afastado do cargo de prefeito por atos de improbidade administrativa.

 

Edivaldo Jr e Canindé Barros aumentam frota de ônibus novos na capital

COMPARTILHE

O Secretário de Trânsito e Transportes de São Luís, Canindé Barros e o Prefeito da Capital Maranhense, Edivaldo Holanda jr (PDT), entregaram mais ônibus novos para a população ludovicense nesta sexta feira (02) na Praça Maria Aragão, orla marítima de São Luís.

“Avançamos muito na área do transporte público em São Luís. Hoje temos um sistema verdadeiramente reformulado e que já atende aos anseios da população, em termos de qualidade, quantidade e modernidade. E a população já sente e usufrui das melhorias proporcionadas ao setor”, afirmou o prefeito Edivaldo, nesta sexta-feira (02), na Praça Maria Aragão, ao acompanhar ato de entrega de mais nove ônibus novos que foram inseridos no sistema.

Dos nove ônibus disponibilizados, quatro são do modelo articulado, que tem capacidade para transportar cerca de 200 passageiros por viagem. “Com a entrega de mais esse lote, o sistema de transporte público da capital conta agora com um total de 14 ônibus articulados circulando principalmente nas linhas consideradas de maior demanda. Esse serviço vai desafogar de forma significativa as plataformas de ônibus com grande contingente de usuários”, afirmou o secretário municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), Canindé Barros.

onibus1 onibus2

Ainda conforme Canindé Barros, um dos veículos do tipo articulado atenderá ao bairro da Cidade Olímpica e outros três farão a linha BR-135, para atender principalmente os bairros da zona rural. “Com a entrada dos veículos articulados nessa região, vamos melhorar bastante o transporte na zona rural”, frisou o secretário.

Outros cinco ônibus convencionais inseridos ao sistema vão atender as linhas da Vila Janaína, Vila Esperança, Cidade Olímpica/Ipase, Cidade Operária/Africanos e Santa Clara/Pavão Filho.

“Não há como não notar a mudança. Temos um novo sistema de transporte reformulado não apenas com a inserção de ônibus novos, mas também com a realização de uma série intervenções importantes que contribuíram para a melhoria do serviço de modo geral”, acrescentou Edivaldo.

RENOVAÇÃO

Os ônibus novos que estão sendo inseridos no sistema fazem parte da licitação do transporte, realizada este ano pela Prefeitura de São Luís. De 2013 até hoje, foram inseridos 535 veículos novos à frota do transporte público da capital. Destes, 165 foram incorporados após o processo licitatório, o que representa uma renovação de mais de 60%. Todos os novos veículos disponibilizados ápos o certame vêm equipados com ar-condicionado e acessibilidade.

onibust onibust1

A renovação da frota de ônibus da capital é parte das ações de reestruturação do sistema de transporte público de São Luís, que contempla ainda a criação da Central de Controle Operacional por Videomonitoramento do Trânsito (CCO), possibilitando o acompanhamento direto e em tempo real de todo o sistema de trânsito e transporte da cidade. Entre outras ações realizadas pela Prefeitura de São Luís, no setor estão também a adoção do sistema de fiscalização por biometria facial; bilhetagem eletrônica com recarga embarcada; o bilhete único; o cartão criança e instalação de GPS em 100% da frota.

Além dessas ações, foram executadas ainda intervenções pontuais em trechos dos principais corredores viários da capital, que contribuíram para dar fluidez à circulação dos veículos.

 

AGÊNCIA SÃO LUÍS

Vereador Nato Junior divulga nota desmentindo factoide colocado na mídia

COMPARTILHE

O vereador de São Luís, Nato Junior (PP), eleito no último dia 2 de outubro com 6.514 votos, usou sua página na rede social Facebook, para esclarecer aos seus eleitores, amigos e correligionários sobre um boato espalhado na mídia, inclusive nos blogues da capital referente a uma possível desaprovação de contas do jovem político.

Segundo o vereador, tudo não passou de um factoide. Todos os trâmites de prestação de contas foram feitos de acordo como manda a legislação eleitoral. Para Nato Junior, seu compromisso com a população ludovicense está firmado, e será cumprido.

 

Nota de Esclarecimento

Ao tomar conhecimento, através de apoiadores e amigos, que se mostraram preocupados com as notícias divulgadas hoje (2), em vários blogues da capital, de que eu poderia ser alvo de um processo de cassação; quero aqui tranquilizar todo o meu eleitorado e dizer que estamos dentro da legalidade, e que nossa prestação de contas foi aprovada, ou seja, tudo está no seu devido lugar. Reafirmo ao povo de São Luís o meu compromisso de que, a partir do dia 1° de Janeiro, estarei representando com força e garra todos os ludovicenses que em mim depositaram o seu voto de confiança. Agradeço o carinho de todos e que Deus possa nos abençoar nessa nova jornada!

Nato Junior (PP)

Vereador eleito

 

 

“Emenda de Weverton Rocha favorece a corrupção” – escreve Professor Universitário

COMPARTILHE

O radialista e apresentador Fausto Silva, da rede Globo de Televisão, usa um bordão durante seu programa dominical, de que “quem sabe faz ao vivo”. Essa lógica eu uso para classificar o professor Ed Wilson Araújo, ao descrever perfeitamente em seu blogue o perfil do deputado federal, Weverton Rocha (PDT) após aprovar emenda que vai aliviar corruptos e apertar os magistrados.

Abaixo o doutor em comunicação, coloca cada corrupto em seu quadrado. O texto mostra o quanto políticos desqualificados aproveitam de suas “nobrezas” para tentarem se dar bem durante seus mandatos, sejam eles executivos ou legislativos. CONFIRA O TEXTO NA ÍNTEGRA...

 

POR ED WILSON – Enquanto o Brasil chorava a tragédia de Chapecó, na madrugada do dia 30 de novembro, o deputado federal Weverton Rocha (PDT) apresentava a pior de todas as emendas ao projeto de combate à corrupção no Brasil.

Apoiadas por mais de 2 milhões de pessoas, as 10 Medidas contra a Corrupção eram a última tentativa de amenizar a sangria do erário, acionada pelas quadrilhas de gestores e parlamentares que aviltam a ética.

Na madrugada, em surdina, o projeto foi estraçalhado.

De hoje em diante, os beneficiados pela emenda de Weverton Rocha ficarão ainda mais empoderados, porque poderão processar promotores, procuradores, policiais e juízes sob o argumento de abuso de autoridade.

Prefeitos contumazes em desviar dinheiro da merenda escolar e dos hospitais públicos tocam foguete Brasil afora.

A emenda de Weverton Rocha é uma espécie de salvo conduto para gestores e parlamentares corruptos continuarem saqueando os cofres públicos.

É importante registrar que o jovem deputado maranhense não agiu sozinho. Seu cúmplice no Senado, Renan Calheiros (PMDB), conspira sem tréguas para impedir as iniciativas do Ministério Público e da Justiça que atuam no combate à corrupção.

Weverton Rocha operou os interesses de Renan Calheiros e da corporação criminosa que sangra o país. Agora, eles têm nas mãos o trunfo de coagir e intimidar os agentes e guardiões da Lei.

Como não poderia deixar de ser, a emenda tem certeza e esperteza. É certo que o pedetista agiu para proteger as organizações criminosas que dilapidam o patrimônio público. A esperteza fica por conta de uma suposta boa intenção do deputado, qual seja: impedir o abuso de autoridade dos procuradores, promotores e juízes.

O deputado maranhense será sempre lembrado e festejado pela escória da política – os parasitas do dinheiro público.

Iniciado nas estripulias políticas quando dirigia a União Municipal dos Estudantes Secundaristas (Umes), em São Luís, ele atingiu o auge da carreira quando mandou uma empreiteira derrubar o ginásio Costa Rodrigues (ainda hoje abandonado) e passou a ser conhecido pelo epíteto de “deputado black bloc”.

Mas, na madrugada do dia 30 de novembro, Weverton Rocha superou os próprios limites.

Entre a certeza e a esperteza, uma síntese: o deputado meteu os pés na lama da História.

 

 

Bequimão encerra a 4ª Semana do Bebê Quilombola com festa de Tambor de Crioula

COMPARTILHE

O município de Bequimão, no Litoral Ocidental Maranhense, encerrou nesta quarta feira (30) a 4ª Semana do Bebê Quilombola, promovida pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria da Cultura e Promoção da Igualdade Racial. O evento, que começou no último dia 25, contou com palestras, recreação e oficinas educativas, tendo como tema central “O direito à sobrevivência e o desenvolvimento da criança quilombola”.

wp_20161130_09_41_48_pro wp_20161130_09_57_18_pro

A professora Claudete Ribeiro (Fundação Josué Montelo) comentou sobre a importância do evento. “A Semana do Bebê Quilombola é muito mais que um evento, é uma estratégia comandada pelo prefeito Zé Martins, no sentido de mostrar para os pais das comunidades Quilombolas que a esperança são as crianças. Temos que abraçá-las, amá-las e estimular para que elas cresçam e se tornem cidadãs de bem”, destacou.

wp_20161130_10_08_12_prowp_20161130_10_09_38_pro

Para a moradora da comunidade Quilombola de Juraraitá, Euzébia Braga, o evento teve impacto inclusive na economia das comunidades. “Antes, não tínhamos onde vender nossos produtos, vendíamos de porta em porta ou de comércio em comercio, e muita das vezes a gente trocava com outras mercadorias. Hoje não; temos onde vender e o que sobra a secretaria de agricultura do município compra para nos ajudar”, contou.

wp_20161130_09_47_06_pro bb1

Na Semana do Bebê Quilombola, há também espaço para a valorização das tradições quilombolas, como as brincadeiras de cavalo de pau, a tecelagem de redes, a boneca de pano, os carrinhos feitos de lata de sardinha e garrafas de água sanitária, o peão feito do coco babaçu, o tripé feito do casco de coco manso, assim como o berço feito do cofo artesanal, onde as crianças eram colocadas após nascer.

bb2 bb3

Para a secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Dinha Pinheiro, a 4ª Semana do Bebê Quilombola mostra os avanços alcançados desde 2013 em Bequimão. “Trabalhamos com a Educação, Assistência, Saúde, Esporte e a Agricultura. A tendência é melhorar ainda mais a Semana do Bebê Quilombola, que já é uma referência no Brasil. A partir de agora, as gestantes vão fazer parte da Semana do Bebê como prioridade na gestão do prefeito Zé Martins”, ressaltou.

wp_20161130_10_09_57_pro wp_20161130_10_10_17_pro

Os resultados da iniciativa atraíram a atenção do professor Arlindo Cavalcante, da Universidade Federal da Paraíba. “Eu tomei conhecimento dessa experiência e a partir de um convite da professora Claudete Ribeiro pude vir e ver de perto a grandeza desse trabalho”, reconheceu.

bbp bbp1

Para o prefeito Zé Martins, o trabalho está apenas começando. “O UNICEF tem 13 indicadores e, desses 13, nós já atingimos 11. Mas eu posso destacar nessas comunidades quilombolas as melhorias na saúde, educação e infraestrutura, que foram nosso foco principal nesta gestão. Mas nossa luta é para alcançarmos os 13 indicadores, para que possamos ganhar o selo do UNICEF, até porque é um parceiro nosso juntamente com a Fundação Josué Montelo e o Governo do Estado, além do Sebrae. Se já vencemos 11 deles, isso mostra que estamos no caminho certo”, destacou o prefeito de Bequimão.

wp_20161130_10_14_27_pro wp_20161130_10_16_01_pro

A 4ª Semana do Bebê Quilombola foi encerrada ao som de Tambor de Crioula, Forró de Caixa e uma passeata pelas principais ruas da cidade. Estiveram presentes secretários municipais; lideranças quilombolas, além de alunos e professores, representantes da Secretaria de Igualdade Racial do Estado, da Fundação Josué Montelo e de outras entidades.

O prefeito Bebê Quilombola de 2015, Renê Cantanhede, da comunidade Santa Rita, passou a chave da cidade e a faixa para a nova prefeita Quilombola, Alice Sofia Rodrigues, do povoado Ariquipá. Durante a Cerimônia, o Prefeito Zé Martins (PMDB), conduziu a posse.

VEJAM AS FOTOS AQUI