casa » 2016 » julho (página 5)

Arquivos Mensais: julho 2016

Esta matéria foi excluída por ordem Judicial

COMPARTILHE

PROCESSO400-07.2016.8.10.0064 (4032016)

Policiais despreparados prendem e agridem Médico que já salvou vidas de inúmeros policiais

COMPARTILHE

O dia São Pedro não foi favorável para um dos maiores profissionais da neurologia do Maranhão. Benedito Sabak Thomé Junior, carinhosamente chamado de Dr. Sabak, um dos médicos que mais já salvou vidas de policiais, quando baleados na cabeça, já que Sabak é Neurocurugião. O médico foi preso e espancado por policiais e ainda teve sua imagem colocada na internet como se fosse bandido. O comando da polícia precisa identificar imediatamente os policiais que por falta de preparo, cometeram uma atrocidade tamanha, contra um homem que faz de sua vida, um instrumento para salvar vidas. Dr. Sabak divulgou nota explicando o acontecido. Os guardas da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de São Luís (SMTT) também estão envolvidos no caso.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Venho a público esclarecer o triste episódio que resultou na minha detenção por Policiais Militares deste Estado, pelos quais fui conduzido para o DP do Parque Bom Menino, fato este ocorrido no dia 29/06/16 (quarta-feira). Cumpre esclarecer ao Público em geral, que sou médico neurocirurgião há mais de 15 anos, com atuação reconhecida nesta cidade e no interior do Estado. Fato é que, no dia 29, eu estava de PLANTÃO DE SOBREAVISO junto ao Hospital Carlos Macieira e me dirigia à ACADEMIA DE POLICIA CIVIL, para ministrar uma aula no CURSO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS – cujo título seria “AS BASES ANATÔMO FISIOLÓGICAS DO TIRO DE DESCONEXÃO”. Pois bem, por volta das 15h, quando me encontrava na Avenida Beira Mar, à altura do terminal da Integração Praia Grande, ali se realizava a Procissão de São Pedro. O trânsito travou em todos os sentidos. Então avistei uma viatura da SMTT, que estava ao lado do meu carro (FIAT UNO). Desci do meu carro e bati no vidro da viatura para chamar a atenção dos guardas. Aí, me identifiquei como médico, e de plantão, e que estava a caminho para ministrar uma aula. Solicitei a eles que criassem uma passagem pela procissão. O policial retrucou com desdém, dizendo: “Tu não tá vendo que é uma procissão?”. Respondi que sim, mas que ele poderia criar uma passagem, pois, uma cidade de um milhão e duzentos mil habitantes, não poderia ficar refém de uma procissão. Foi o suficiente para que o policial de trânsito retrucasse, perguntando: “Tu estás me desacatando?”. Respondi que não, mas que ele deveria fazer o seu serviço, para o qual ele foi designado, no local. Daí, eles desceram do carro e chamaram três policiais militares, que estavam próximo. Os PMs já chegaram me perguntando se eu estava alterado. Disse que não. E os policiais de trânsito sequer registraram aos Militares, que eu havia me identificado. E estes, sequer me ouviram, para saber às razões e os motivos pelos quais eu havia me dirigido a eles. Um PM chegou mais próximo de mim e me deu um empurrão. Numa ação reflexa, eu o segurei pelo colete e caímos no chão. Pronto. Daí, eles me chutaram no chão, e a policial que estava junto, me pediu que largasse o colete e obedeci. O Policial Mário me algemou, me colocou no camburão, e me conduziram ao DP do Parque Bom Menino. Lá, assim que desci, o policial chamado Mário me deu um chute e eu caí por cima do ombro. Diante dessa agressão, disse a ele que só fez isso porque eu estava algemado. Aí ele perguntou: “Estás me ameaçando?”. Respondi que não, mas que ele era um covarde. Pedi para fazer uma ligação e ele respondeu: “Só com a chegada do Delegado”. Nessa espera, fui relatando aos policiais sobre minha profissão. Quando disse que eu era neurocirurgião, que já havia salvado a vida de muitos policiais baleados, e que estava a caminho da Academia de Polícia Civil, para dar instrução sobre tiro, eles saíram da sala e deixaram meu celular em cima da mesa. Aí, consegui ligar para o Delegado André Gossain, que já havia me ligado várias vezes. Disse a ele que estava algemado na DP do Parque Bom Menino. Esse interregno durou mais de 03 (três) horas algemado, esperando o Delegado. Eles haviam chamado outros policiais, para trazerem o teste do bafômetro, e o Delegado chegou junto com estes. Perguntou-me o Delegado, se queria fazer o teste do bafômetro. Respondi ao delegado, dizendo: “Doutor, estou de Plantão. Estava indo à Academia de Policia Civil, dar aula. Estou algemado aqui, há mais de três horas. Levei dois chutes dos policiais, e, portanto, não vou fazer esse teste”. Dr. André Gossain chegou e passaram a me tratar muito bem, me deram água, pois estava cansado, e, depois de todos os procedimentos, me liberaram após o pagamento de fiança. Colocaram no Boletim de Ocorrência, que eu estava bêbado e que havia desacatado a autoridade. Para minha surpresa, já em casa, recebi ligações de amigos que viram uma foto minha algemado na delegacia. Pois bem. Essa foto foi tirada por um dos policiais, pois não havia na DP, durante todo o período que estive detido, qualquer repórter. Esse foi o episódio ocorrido comigo. Tenha muito cuidado, alguns policiais, realmente, não estão preparados para lidar com o público. Pois estes, aos quais fui pedir ajuda, não souberam sequer distinguir uma simples situação, que exige atenção especial, imagina em situações normais! Em qualquer lugar civilizado e com policiais minimamente preparados, no momento em que me identifiquei como médico a eles deveriam, pelo menos, ouvir sobre a situação em que solicitava ajuda.

*BENEDITO SABAK THOMÉ JUNIOR – CRM/MA- N° 3.439*

“Edivaldo Holanda Jr. cometeu um golpe de marketing”, dispara vereador Chaguinhas

COMPARTILHE

Em entrevista a TV Guará, o Vereador Francisco Chaguinhas (PP) falou dos sérios problemas que a saúde municipal enfrenta nessa gestão do prefeito Edivaldo Holanda Jr (PDT). Segundo o progressista, as unidades de saúde não estão atendendo os anseios da população, e que lamentavelmente pessoas morrem diariamente sem ter a atenção devida.

“A gestão está perdida. Estamos vendo a falta de respeito da gestão municipal para com o nosso povo. Hoje os hospitais estão sem medicamentos. Pessoas estão sendo mandadas embora sem ter uma avaliação clínica. (…) Enfim, a saúde do nosso município está na UTI, e a prefeitura recebe altos recursos destinados para a saúde, mas lamentavelmente nada fazem”, disse.

Dando continuidade, Chaguinhas diz que o prefeito cometeu um golpe de marketing, pois só não existe superlotação nos corredores dos Socorrões I e II na propaganda do atual prefeito pedetista.

“O prefeito Edivaldo cometeu um golpe de marketing, desrespeitando a população de São Luis ao tentar enganar o povo. Em sua propaganda, o mesmo afirma que não há mais lotação no Socorrão, o que é totalmente o contrário. O Socorrão continua lotado. Isso mostra o despreparo e a falta de responsabilidade que essa gestão tem, em não oferecer ao povo uma política séria e eficaz na saúde pública municipal”, finaliza.

 

Carreta de combate a Hanseníase estará nesta quarta feira, dia 6, na cidade de Bequimão

COMPARTILHE

A cidade de Bequimão, na baixada ocidental maranhense, vai receber nesta quarta-feira, dia 6 de julho, a carreta da Hanseníase, uma parceria dos governos federal, estadual e municipal. A carreta que já se encontra na região da baixada, sai de Guimarães na terça feira dia 5, no fim da tarde e chegará no período da noite na cidade de Bequimão.

Na quarta feira, dia 6, a Carreta da Hanseníase estará na Praça em frente a Escola Minas Gerais, no centro da cidade. Os atendimentos começarão a partir das 8h da manhã e se estenderão até às 17h. O atendimento será para diagnóstico da Hanseníase.

O QUE O EVENTO CONTARÁ

  • Barraca da Hanseníase
  • Barraca de verificação da Glicemia
  • Barraca de verificação da Pressão Arterial
  • Barraca do Nasf
  • Barraca da triagem
  • Barraca da notificação compulsória
  • Barraca da Geomintíase e verminose
  • Barraca da imunização
  • Barraca do lanche
  • E dentro da carreta funcionarão os consultórios médicos, o teste de sensibilidade e o laboratório.

 QUEM DEVE PROCURAR OS SERVIÇOS:

  • Pessoas que tenham manchas escuras, brancas ou avermelhadas na pele.

A prefeitura de Bequimão entrará com a logística do evento, e com todo material, além de profissionais, como Médicos, Enfermeiros, Técnicos de enfermagem, Terapeuta ocupacional, Assistente social, Fisioterapeuta, Nutricionista e Farmacêutico.

É bom lembrar, que toda estrutura é da prefeitura de Bequimão, da alimentação e medicamentos.

Imagem de Internet

 

PM fecha o cerco pra pegar vagabundos nas cidades de Alcântara, Bequimão e Peri-Mirim

COMPARTILHE

Devido ao período de pagamento de funcionários e abastecimento de dinheiro nas cidades da baixada maranhense, somado a informes recebidos pelo serviço de inteligência da Policia Militar do Maranhão, sobre possíveis assaltos em instituições financeiras da região, foi realizada ações simultâneas nas cidades de Alcântara, Bequimão e Peri-Mirim para inibir bandidos.

PM1 PM2

A operação consistiu na realização de blitz em pontos estratégicos entre as 8h e 10h da manhã, abordagens da área comercial entre 10h e meio dia, rondas blitz entre 15h e 16h, com posteriores rondas nas áreas comerciais. Todos os eventos aconteceram simultaneamente nos três municípios.

Como resultado, nenhum assalto foi constatado nas instituições financeiras.  Além de que 2 motos roubadas foram apreendidas na cidade de Alcântara, sendo uma Biz vermelha do Estado do Pará e uma fan 125 de São Luís.  Essas motos foram abordadas na blitz pela manhã e encaminhadas ao quartel para que fossem verificados os chassis e foi descoberto que as mesmas contém restrição de roubo/furto.

PM2 PM4

As operações contaram com o apoio da Guarda Municipal, foram removidas 5 motocicletas também em Peri-Mirim, 3 em Alcântara  e 6 em Bequimão que só foram liberadas mediante apresentação de documentação.

BLOG DO VANDOVAL

 

Flávio Dino contrata gráfica que está sendo usada para fazer jornais impressos pra atacar adversários

COMPARTILHE

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), pode até está agindo de forma legal, mas seus secretários estão usando a máquina pública para ajudar seus aliados a distribuírem mentiras através de jornais impressos que são espalhados no interior do Maranhão.

DOC1

A prova disso são documentos obtidos com exclusividade por este Portal, que mostram a contratação da Empresa Gráfica Sete Cores, Antiga Gráfica Aquarela, pelo governo do Estado para prestar serviços às secretarias de Meio Ambiente (SEMA), Comunicação Social, Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Desenvolvimento Social, além do Instituto Estadual, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema).

DOC2

Dezenas de municípios estão distribuindo jornais factoides sem assinatura do jornalista responsável e muito menos com o nome da gráfica responsável pela impressão, como é o caso de um jornaleco em Bequimão com o nome de Itapetininga, de propriedade do vereador Elanderson (PCdoB). O jornaleco Itapetininga custa por impressão aos cofres do Estado o valor de R$2.600,00 e é também feito na Gráfica Sete Cores. Abaixo o extrato de quanto o Estado já gastou com impressões de jornais para aliados em nome das secretarias.

DOC3

São dois mil exemplares por quinzena, e cada vez uma secretaria conveniada com a gráfica autoriza a impressão do jornaleco. O extrato das secretarias mostra que o governo do Estado está jogando dinheiro fora em tempos de crise. A dívida do Estado com esse tipo de bobagem já chega a quase um bilhão de reais. Dos R$1.622.914.377,26 (Um bilhão seiscentos e vinte e dois milhões, novecentos e quatorze mil, trezentos e setenta e sete reais e vinte seis centavos) a gráfica só recebeu R$ 800.442,10 (Oitocentos mil quatrocentos e quarenta e dois reais e dez centavos).

 

III Festival de Cultura Quilombola começa hoje na comunidade Conceição

COMPARTILHE

A comunidade quilombola de Conceição, localizada na estrada que liga o povoado Paricatiua, a 12KM da sede do município de Bequimão, realiará nos dias 01, 02 e 03 de julho (Sexta, Sábado e Domingo) o III Festival de Cultura Quilombola.

O quilombo possui 13 famílias e conta com 68 moradores. A população da comunidade vive da agricultura e da pesca artesanal, já que a comunidade está próxima às margens do Rio Itapetininga.

Como tradição a comunidade se reúne todo mês de julho, já que é considerado mês de férias para fazer festa de tambor de crioula, tambor de caixa e pajelança.

Com a certificação da comunidade quilombola a população local começou a pensar em estruturar e investir ainda mais na festa, divulgando para outras comunidades.

Em 2014 foi realizado o I Festival de Cultura Quilombola na comunidade Conceição. Em 2015 a prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Cultura e Igualdade Racial abraçou o projeto e a festa deu um salto muito alto, onde houve palestras de vários temas.

Este ano, a comunidade vai receber uma programação completamente diferente com presenças de Quilombos de São Bento, Alcântara, Peri-Mirim, Santa Helena e Serrano do Maranhão.

O principal objetivo do Festival é fortalecer a identidade Quilombola, como estratégia de combate ao racismo e ao preconceito.

CONFIRA ABAIXO A PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL:

Sexta Feira  01/07

8h – Ação Social

18h30 – Celebração

20h – Forró de Caixa

Sábado – 02/07

7h30 – Acolhida das comunidades com salva de tambor

8h – Café Comunitário

9h – Abertura do Festival (discurso da liderança do Quilombo e do prefeito)

10h – Oficinas temáticas com temas variados

Oficina 1: Direito previdenciário e Quilombola (Dr. Márcio Rabelo)

Oficina 2: Território Quilombolas e Zonas Úmidas (Profº. Edimilson Pinheiro)

Oficina 3: O direito territorial no atual contexto político – A luta e resistência (Regiane Araújo e Pedro Costa – LIDA/UEMA)

Oficina 4: Preconceito e Racismo (Drª. Gisele – FJM)

Oficina 5: Atlântico Negro – Na rota dos Orixás (Thito)

19h – Seresta

Domingo – 03/07

8h30 – Partida de futebol

12h – Churrasco para os presentes

REALIZAÇÃO:

#Quilombo Conceição

#Secretaria de Igualdade Racial

#Secretaria de Cultura de Bequimão

APOIO CULTURAL:

#Prefeitura Municipal de Bequimão

Prefeito Zé Martins autoriza pagamento dos salários do mês de junho

COMPARTILHE

O prefeito de Bequimão, Zé Martins (PMDB), autorizou nesta sexta feira (1), o pagamento dos servidores efetivos e contratados da Prefeitura Municipal de Bequimão, referente ao mês de junho e será realizado neste sábado, dia 2 de julho.

O depósito dos vencimentos referentes ao mês de junho foi efetuado nesta sexta (1), e amanhã, sábado, estará disponível  respectivamente em suas contas bancárias. Mais uma vez os salários dos funcionários municipais serão pagos em dia, como já se tornou marca da administração de Zé Martins.

Com toda crise que afeta o país, a economia do município de Bequimão ganha novos ares e o comércio da cidade aumenta seu faturamento.

O prefeito Zé Martins, avisa ainda, que a primeira parcela do 13º salário deverá ser paga aos servidores municipais na primeira quinzena do mês de julho, já que por lei, o município tem até o dia 30 de novembro para efetuar o pagamento da primeira metade do décimo, e a segunda metade até dia 20 de dezembro.

OBS: O 13º salário foi instituído pela Lei Nº 4.090/62 e pela Lei Nº 4.749/65, regulamentado pelo Decreto Nº 57.155/65, as quais dispõem que o pagamento deve ser feito em duas parcelas, sendo a primeira, equivalente a 50% do valor a que o empregado tem direito até o dia 30 de novembro de cada ano e a segunda, equivalente aos 50% restantes, até o dia 20 de dezembro de cada ano.

Faculdade Estácio aceita oferta da Kroton, e fusão deve criar gigante Universidade

COMPARTILHE

POR G1 – A Kroton melhorou sua oferta, e o Conselho de Administração da Estácio aceitou os novos termos para ser comprada pela rival direta, em uma operação avaliada em cerca de R$ 5,5 bilhões. O negócio criará uma gigante faculdade no setor universitário brasileiro, unindo a líder e a vice-líder do segmento.

“O Conselho de Administração da Estácio, em reunião realizada ontem [quinta-feira], manifestou que está de acordo com os termos econômicos da nova proposta da Kroton, desde que os demais termos da operação sejam estabelecidos de forma satisfatória”, afirmou a Estácio em comunicado ao mercado nesta sexta-feira (1º).

A Kroton, maior empresa de educação superior privada do país, encerrou março com 1,01 milhão de alunos, enquanto a Estácio, segunda maior do setor, tinha base total de 588 mil estudantes. A Kroton tem operações de ensino presencial mais concentradas, nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país, enquanto a Estácio possui campi em todos os Estados do Nordeste e em alguns da região Norte.

Entre as instituições que integram a rede Kroton estão Universidade Norte do Paraná (Unopar), Faculdades Pitágoras, Unic (Universidade de Cuiabá), Unime (Universidade Metropolitana de Educação e Cultura) e a rede Anhanguera.

A PROPOSTA
A nova oferta da Kroton envolve relação de troca de 1,281 ação de sua emissão por cada papel da Estácio e também distribuição de dividendos (parcelas de lucro) aos acionistas da Estácio de R$ 170 milhões, o que representa cerca de R$ 0,55 por papel da companhia. A ação da Kroton encerrou na véspera cotada a R$ 13,60. Nesta sexta, por volta das 11h30, os papéis subiam cerca de 5%.

A proposta anterior da Kroton contemplava relação de troca de 1,25 ação de sua emissão para cada ação da Estácio, sem pagamento de dividendo.

A Estácio informou ainda que seu Conselho vai se reunir em 8 de julho para avaliar todas as condições da proposta da Kroton, antes de convocar assembleia de acionistas da companhia.

A conclusão da fusão entre Kroton e Estácio depende tanto da aprovação dos acionistas de ambas as empresas como também do aval das autoridades regulatórias.

DISPUTA COM SER EDUCACIONAL
A nova oferta da Kroton veio pouco depois da rival de menor porte Ser Educacional ter elevado sua proposta na quarta-feira (27) para pagamento de R$ 1 bilhão em dividendos extraordinários aos acionistas da Estácio, ante oferta anterior de distribuição de R$ 590 milhões, e ter dado como prazo para ela o dia de 8 de julho.

Os planos da Kroton ocorrem em meio à redução das verbas federais para o financiamento do ensino superior privado por meio do Fies e à recessão no Brasil, que trouxeram dificuldades ao setor de ensino superior privado na captação e na retenção de alunos.

FUSÃO É QUESTIONADA
fusão entre Kroton e Estácio foi questionada por entidades do setor de educação, que veem risco de que o negócio possa criar um grupo com amplo poder de mercado e que concentra parcela significativa de fundos de incentivo à educação.

A Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OABRJ) entrou com uma medida no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) contra o interesse da Kroton em adquirir a Estácio, em meados de junho. A Ordem alega que a operação trará concentração econômica ilegal ao mercado, de mais de 30%, diante de um limite estabelecido pelo Cade de 20%.

SBT paga até R$ 10 mil por reportagens de freelancers

COMPARTILHE

“Atenção, jornalistas!”. É assim que começa o anúncio do Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), que busca profissionais de rádio, jornal ou televisão para reportagens freelas. A ideia da emissora de Silvio Santos é que “casos jornalísticos” sejam veiculados pelo canal, sendo que o dono do material pode ser remunerado em até R$ 10 mil.

O regulamento informa que qualquer jornalista pode participar, sendo que o projeto não se trata de concurso. “O SBT está comprando qualquer assunto que possa ser apresentado em nossos programas de televisão. Não é concurso! É compra de casos jornalísticos”, diz a campanha veiculada pelo canal.

Para oferecer a pauta, basta acessar este link e preencher o questionário com informações como nome, e-mail, telefone e sugestão de caso jornalístico – a descrição limita o texto em até 1000 caracteres com espaço.

PORTAL COMUNIQUE