casa » 2015 » novembro (página 8)

Arquivos Mensais: novembro 2015

Câmara divulga edital para contratação de instituição financeira

COMPARTILHE

Em um  fato inédito, na próxima quarta-feira (03), será lançado o edital de licitação para contratação da instituição financeira que irá administrar as contas da Câmara Municipal de São Luís. A informação foi anunciada pela diretora financeira do Legislativo, Ana Karina Cordeiro, acrescentando que o processo licitatório será no modelo de pregão presencial, cujo desfecho está previsto para acontecer no dia 13 de novembro, com a escolha do banco melhor credenciado, atendendo todos os requisitos do edital.

 “A nossa expectativa é de realizarmos um processo transparente, com toda lisura, onde todas as instituições financeiras habilitadas possam participar”, afirma a diretora financeira. “Nesse sentido, estamos cumprindo tudo que determina a legislação de licitação pública, para que não haja nenhuma falha num processo de grande importância como esse, que para nós é até um fato inédito, pois nunca havia sido feita uma licitação para a administração da conta da Câmara que vinha sendo feita há mais de uma década por uma instituição bancária, cujo prazo para condução do destino financeiro da Casa já expirou”.

Já o procurador geral Walter Cruz disse acreditar que a disputa será sadia e regular, devendo contar com a participação de diversas instituições bancárias, inclusive públicas, o que dará um aspecto formal e transparente. “É oportuno salientar que todo o processo está sendo desenvolvido conforme a Lei 8.666/93, sem contar, também, a forma como o presidente da Casa vereador Astro de Ogum conduziu esse processo, pois embora tenha prerrogativa de decidir, preferiu determinar que fosse feita licitação na modalidade pregão”.

Ele falou ainda que a realização da licitação no atual momento se trata de uma necessidade, haja vista que o contrato anterior ficou sem razão de existir, tendo sido mantida a sua continuação até a resolução do problema, que se dará com a finalização do processo licitatório.

MELHOR OFERTA – O aviso de licitação Pregão Presencial recebeu o número 001/2015, e é assinado pela pregoeira da Câmara Municipal, Leciana da Conceição Figueiredo Pinto. No documento consta que “na forma Presencial, do tipo MELHOR OFERTA, cujo objetivo é a contratação de Instituição Financeira, doravante denominada Banco, para prestação de serviço de pagamento da folha de salário dos servidores ativos e aposentados, bem como a concessão de crédito aos servidores, mediante consignação em folha da Câmara Municipal de São Luís, conforme Edital e seus anexos. Com realização prevista para as 09 horas do dia 13 de novembro de 2015”, finalizou a pregoeira.

LUSURA E TRANSPARÊNCIA – O presidente Astro de Ogum ressaltou que desde que assumiu o comado da Casa, há exatos 10 meses, não tem envidado esforços para conduzir o processo administrativo com lisura e transparência, por isso decidiu que a contratação de instituição financeira para administrar as contas da Câmara, assim como outras prestações de serviços ao legislativo municipal, deverá ser feita através de licitação.

“Tenho consciência que muito ainda precisa ser feito para corrigir as inúmeras distorções administrativas, mas, diante da realidade em que assumimos a Casa, avanços significativos já foram alcançados. Milhões de reais já foram pagos em impostos, o que não era feito há quase duas décadas, melhoria nas instalações físicas também foram determinadas, garantindo condição de trabalho digna aos nossos funcionários. Agora estamos lutando para reduzir o percentual da folha de pagamento e, assim, cumprir os ditames impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal”, finalizou Astro de Ogum.

 

Texto: Alteré Bernardino e Itamargarethe Correia Lima

 

Sebrae realiza Primeiro Dia de Campo da Piscicultura em Bequimão com palestras e oficinas

COMPARTILHE

FOTOS: Rodrigo Martins

A prefeitura Municipal de Bequimão, através do Prefeito Zé Martins (PMDB), em parceria com o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas) e Associação de Piscicultores de Bequimão, realizaram neste sábado (31) no povoado Balandro no sítio da Piscicultora, Wanda Pereira, o Primeiro Dia de Campo da Piscicultura da região.

Visando aumentar ainda mais a criação de peixes em cativeiros no município, a prefeitura de Bequimão e o Sebrae, reuniram autoridades municipais, dezenas de piscicultores, Estudantes que integram a Escola Técnica Rural de Bequimão e moradores de várias comunidades do município. Entre as autoridades estavam o prefeito de Bequimão, Zé Martins, a Gerente Regional do SEBRAE em Pinheiro, Rosa Amélia, o Presidente da Associação dos Piscicultores de Bequimão, Tonho Martins, o Secretário Municipal de Pesca, Nhô da Colônia, o Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bequimão, Aguinaldo Rodrigues, o vice-prefeito de Bequimão, Pedro Acará, os vereadores Vetinho (PMDB) e Robson Cheira (PTN), os secretários Doutor do Barroso (Articulação), Cassiano Ferreira (Segurança), Dinha Pinheiro (Cultura e Igualdade Racial), Ricardo Lemos (Infraestrutura de Transporte), Ademar Costa (Comércio), o Presidente da Câmara Municipal, Jorge Filho (PP) e o vereador de Peri-Mirim, Jean Reis.

_DSC0622 _DSC0726

Durante as Oficinas, os consultores técnicos do Sebrae, mostraram as vantagens da Piscicultura aos secretários municipais, vereadores, piscicultores e estudantes da Escola Técnica Rural, que atende os municípios de Bequimão, Peri Mirim e Alcântara.

_DSC0674 _DSC0763

PROGRAMAÇÃO COM CONHECIMENTO

A programação contou com palestras sobre gestão de negócio, manejo e qualidade na produção de peixes e exposição de tipos de tanques e alternativas para a criação e reprodução de peixes. Os consultores fizeram oficinas e montaram uma mostra de como produzir bem, sem degradar a natureza, com investimento bem menor e produção ainda maior. No final das oficinas, houve entrega de brindes e certificados aos participantes.

_DSC0747 _DSC0755

Para o Gestor de Projetos de Desenvolvimento da Piscicultura na baixada maranhense, Raimundo Junior (Sebrae), esse tipo de evento, serve para qualificar e melhorar a produção de pescado na região.

“É um projeto que trabalha o Associativismo, Planejamento Empresarial, Compras Institucionais (onde o produtor possa vender seus peixes na merenda escolar), aquisição de alimento pela Conab, aprimoramento da produção, boas práticas de comercialização do pescado (filé, e outros tipos de cortes do peixe). Com toda produção, a economia do município fica aquecida e gera renda e empregos”, destacou o gestor técnico.

_DSC0611 _DSC0620

VISÃO DE PRODUÇÃO

Já o presidente da Associação de Piscicultores do município de Bequimão, Antônio Martins, se mostrou satisfeito com as palestras e oficinas realizadas pelo Sebrae.

“Bequimão já tem uma quantidade significativa de piscicultores e a produção de peixes vem aumentando a cada ano no município. Antes, a gente trabalhava errado, e não tínhamos resultados. Hoje com a orientação do Sebrae, nossos Associados estão conseguindo lucros e investindo ainda mais em seus criadouros. Hoje até o povoamento melhorou e os peixes passaram a crescer muito mais. estamos exportando mais ou menos 30 toneladas por ano, levando em conta que a produção ainda não funciona o ano inteiro e só apenas a partir de dezembro até março. Temos 25 piscicultores associados e a tendência é aumentar”, disse o presidente.

_DSC0763 _DSC0776 - Cópia

O secretário municipal de pesca, Nhô da Colônia, destacou a importância de um projeto dessa grandeza para o município de Bequimão.

“Não dar pra esconder o quanto um projeto dessa natureza engrandece e aquece a economia do município de Bequimão. Um exemplo grande é a compra para a merenda escolar e que facilita a vida da gestão municipal e principalmente dos produtores. Hoje com a safra de peixes em açudes, a concorrência da uma trégua e com isso o preço do pescado fica menor por muito tempo”, afirmou o secretário.

A Gerente Regional do Sebrae em Pinheiro, Rosa Amélia, foi categórica em sua explanação durante a apresentação do Primeiro Dia de Campo realizado em Bequimão.

WP_20151031_10_01_39_Pro WP_20151031_10_10_58_Pro

“Este Dia de Campo que está sendo realizado hoje (31) aqui nesta propriedade, vai disseminar a parte tecnológica para que o pequeno Piscicultor possa inovar não só a parte de manejo, mas também apreender novas técnicas, evitando talvez a escavação e fazendo a criação de peixes em tanques de lona. Além disso, os piscicultores criam oportunidades, gerando renda e contribuem para o desenvolvimento do município. A piscicultura faz parte de nossa região, é uma atividade econômica que devemos intensificar e ajudar a desenvolver, porque a região tem potencialidade, e já tem um nível organizacional básico, que a associação, e com as consultorias começa a evoluir, saindo do básico para o intermediário. E com o aumento dos associados e principalmente com a organização e união do projeto, facilita em tudo, até na compra conjunta”, destacou a Gerente.

WP_20151031_10_12_52_Pro WP_20151031_10_23_19_Pro

Para o Superintendente do Sebrae, João Martins, as intervenções de empreendedorismo, inovação e tecnologia serão constantes a partir de agora em Bequimão e nos demais municípios da baixada e Litoral Ocidental. “Vamos, através do Sebrae, provocar e fomentar uma transformação de hábitos e costumes nos empresários e potenciais empreendedores de Bequimão e da nossa região como um todo”, destacou João Martins.

Para a estudante da Escola Técnica Rural, Alice Barbosa Gonçalves, moradora do povoado Floresta, e que recebeu o cerificado no final do evento, o Primeiro Dia de Campo foi muito proveitoso para os alunos.

WP_20151031_12_51_50_Pro _DSC0747

“Nó estudantes precisamos buscar mais conhecimentos e em todas as áreas. Aqui neste evento, a gente pode aprender várias técnicas e isso vai nos ajudar futuramente no mercado de trabalho, que pode ser aqui mesmo em nossa região. Eu fiquei encantada com as palestras e oficinas. Sempre quis trabalhar no ramo e agora fiquei mais confiante, já que a nossa produção vai aumentar e consequentemente a mão de obra qualificada vai ser prioridade”, disse a estudante.

APOIO NO CULTIVO DE PEIXES

Para o prefeito de Bequimão, Zé Martins, a gestão municipal tem ajudado nesse projeto e os resultados estão aparecendo.

“É um evento muito importante para os criadores de peixes, para a população e principalmente para a economia do município. Numa oficina como esta, os piscicultores vão poder conhecer novas técnicas e se capacitarem para aumentar sua produção e melhorar seus ganhos e consequentemente a sua qualidade de vida. Onde tem produção, tem renda e isso dar dignidade aos produtores. Um grande exemplo é a comunidade de Itans, bem perto, aqui no nosso vizinho município de Matinha e que hoje serve como referência para o Brasil e nos dar forças para chegarmos ao mesmo patamar. Esse Primeiro Dia de Campo com os piscicultores é um marco para o município, onde reuniu produtores, autoridades e estudantes”, destacou o prefeito.

WP_20151031_10_00_51_Pro WP_20151031_10_44_02_Pro

No final do evento, a proprietária do sítio onde aconteceu o Primeiro Dia de Campo, Wanda Pereira, falou da satisfação em criar peixes e também de agregar um evento dessa natureza.

“A criação de peixes é uma parte do empreendedorismo rural que tem muito a crescer. Nós ainda estamos caminhando para desenvolver e termos um resultado satisfatório, ainda mais agora, com a ajuda do Sebrae, onde estamos corrigindo as nossas falhas e buscando novos resultados. Nós não tínhamos conhecimento de manejo, de comercialização e principalmente sobre higiene, hoje estamos fazendo as coisas certas com o apoio do Sebrae. A ideia do Sebrae não termos como apenas criadores de peixes, mas transformar cada piscicultor como produtor rural de grande potencial e expandir o pescado, já que o mercado é muito grande e tem espaço pra todo mundo. Não podemos deixar de ressaltar o apoio da prefeitura de Bequimão para o crescimento deste mercado”, finalizou a filha de seu Antônio.

_DSC0635 _DSC0639

Para encerrar em bom estilo, houve um churrasco de peixes para todos os participantes. Além disso, uma feijoada e muitas frutas. Tudo produzido no sítio da Wanda Pereira.

FOTOS: Rodrigo Martins

VEJA MAIS FOTOS EM: http://clubedafotobequimao.blogspot.com.br/

Tapa Buracos: Mudam-se os atores, mas o espetáculo permanece o mesmo!

COMPARTILHE

Se não bastasse a falta de honestidade e puramente o respeito pelo povo da baixada, a gestão estadual que sempre condenou os governos anteriores, está apresentando o mesmo espetáculo na MA-106, que liga os municípios de Alcântara e Pinheiro. As imagens abaixo mostram o quanto o dinheiro público desce pelo ralo ou simplesmente está sendo enterrado entre o barro e o asfalto. Os leitores da baixada poderiam dizer que seria invenção, mas a surpresa está nas fotos. Se uma imagem vale mais do que mil palavras, aqui a representatividade imagética será bem aceita.

MA2b2

Dizem que falar é fôlego, mas não seria melhor ficar calado? As propagandas atuais estão iguais aquelas onde um personagem cita uma frase que virou chacota na boca da oposição em 2014. “Uma Estrada brilhosinha”. O governo do Maranhão ta tapando os buracos da MA-106, entre Cujupe e Bequimão, simplesmente com barro vermelho. Houve um boato muito forte durante a semana e as rodas de conversas dentro do Ferryboat são apenas a irritação dos motoristas que trafegam diariamente por lá. Como sou igual a São Tomé, só acredito vento, fui até a MA-106 e verifiquei e presenciei a falta de respeito com o povo. Vi de perto que estão jogando barro vermelho dentro dos buracos e cobrindo com uma capa de asfalto.

MA3B3

A empresa que não se sabe de onde saiu e nem de onde veio, faz a “Escariação ou obturação” e em seguida enchem os buracos mais profundos com barro vermelho, trabalho inédito no Maranhão. E fiquei mais surpreso ainda, por que ouvi do Governador Flavio Dino (PCdoB), em São Bento, quando ele Diaz em um discurso muito empolgado, a seguinte frase: “Vai começar a recuperação da MA-106 de Cujupe a Pinheiro e não terá sócios, como havia no passado. A recuperação será a melhor de todas, vamos refazer a estrada e os acostamentos também”, disse o governador que ainda não desceu do palanque! Até o deputado Fernando Furtado (PCdoB), viu o absurdo e usou a tribuna da Assembleia para reclamar da situação. Veja Aqui!

MA4 MA3

Isso foi dito em alto e bom som para todos os presentes ouvirem e levarem também. Seria o governador um mentiroso ou os sócios não foram embora? Ou ele não governa ou não sabe o que acontece em sua gestão? A pergunta está lançada e todos querem a resposta com trabalho e principalmente atitude. É mais asfaltou ou Mais barro vermelho?

Ao contrario do que esbravejou o governador em São Bento, o esquema no tapa Buracos da Ma 106 entrará para a história das coisas mais absurdas que já se tenha visto em um governo que foi batizado de “Mudança”. O que estão fazendo na MA-106 é um crime. A operação lava jato, com certeza está bem longe do que estão fazendo nas estradas do Maranhão. Com a palavra o governador Flavio Dino!

 

Do Blog de Paulinho Castro (Com edição)

Implantação da Redesim avança nos municípios maranhenses

COMPARTILHE

O Maranhão está em quinto lugar do ranking dos estados que mais avançam na implantação da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Redesim) no Brasil, com a parceria salutar do Governo do Estado – por meio da Junta Comercial do Maranhão (Jucema) e parceiros institucionais, envolvidos nos processos, como o Sebrae.

A meta do Governo do Estado, que disponibiliza gratuitamente às Prefeituras o sistema sincronizador – batizado no Maranhão de Empresa Fácil – é chegar no final do ano com 40 municípios integrados à Redesim tornando as operações mercantis mais efetivas e céleres para os empresários. Atualmente, 23 municípios já aderiram ao sistema.

Em outubro, o gerente de Integração Nacional da Redesim na Receita Federal, auditor fiscal Carlos Nacif, veio a São Luís participar da reunião do Comitê Gestor da Rede e congratulou os parceiros pela agilidade no processo de implantação no Maranhão. Nacif ressaltou, ainda, o importante papel do Sebrae no processo.

“A instituição apoia diretamente a implantação da Redesim na articulação junto aos municípios, contribuindo financeiramente com mais de R$ 2,8 milhões para digitalização dos documentos da Jucema, agente integrador da Rede no Maranhão. O que observamos em todo o país é que, onde o Sebrae entra como parceiro estratégico, a implantação da Rede tem ocorrido de maneira mais rápida. Destacamos, também, o empenho do Governo do Estado em disponibilizar a ferramenta gratuitamente às prefeituras, o que ajuda na adesão do poder público municipal à integração”, destacou Nacif.

Para o Sebrae, que apoia a implantação da Redesim no país por meio de suas Unidades de Políticas Públicas estaduais, as micro e pequenas empresas e os grandes empreendimentos ganharão com a integração do sistema, principalmente na redução da burocracia e prazo de abertura ou fechamento dos estabelecimentos.

“A principal vantagem para os empresários com a sincronização dos sistemas na Redesim é a entrada única de documentos, para o registro na Junta Comercial, sem necessidade de se dirigir aos demais órgãos envolvidos. Toda a tramitação do processo é por internet, com redução de tempo e custo. Já para os órgãos públicos, as vantagens são o acompanhamento e definição do processo online, redução do fluxo de contribuintes e garantia de não haver registro de nenhuma empresa na esfera federal ou estadual sem conhecimento do Município”, informa o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, comentando que a redução do tempo para a abertura ou fechamento de uma empresa, que antes era de até dois meses, será reduzido para cinco dias no máximo.

PROJETO ESTRUTURANTE

O Sebrae iniciou este ano um projeto estruturante na Unidade de Políticas Públicas para apoiar, até dezembro de 2016, a implantação da REDESIM em 90 municípios maranhenses – onde estão instaladas aproximadamente 165 mil empresas ativas, que correspondem a 97,3% do total de estabelecimentos empresariais legalizados no estado.

A REDESIM é um sistema de simplificação e diminuição do tempo e custo para abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas, buscando, em conjunto com os parceiros, compatibilizar, integrar e harmonizar regras e procedimentos de modo a evitar duplicidade de exigências e garantir a linearidade do processo.