casa » 2013 » dezembro

Arquivos Mensais: dezembro 2013

Ana Paula é recebida com festa na cidade natal de Bequimão

COMPARTILHE

 

Carreata da jogadora Ana Paula

Carreata da jogadora Ana Paula

A campeã Mundial de Handebol, Ana Paula Rodrigues, foi recebida com festa em sua terra natal, a cidade de Bequimão. Na entrada da cidade, familiares, amigos, autoridades e muitos irmãos, receberam e seguiram em carreata que percorreu as principais ruas e avenidas de Bequimão.

Em cima de um carro de som, Ana Paula foi aplaudida pela população que invadiu as ruas para receber e ver a campeã com sua medalha de ouro no peito. Enrolada com a bandeira do município de Bequimao, Ana Paula foi aclamada por todos.

 Das ruas a campeã seguiu para a Câmara Municipal, onde recebeu das autoridades do município, homenagens e honrária dada somente aos grandes destaques do município.

 O prefeito Zé Martins falou da alegria em receber uma campeã mundial, e dos exemplos que ela dar aos jovens de sua terra. Zé Martins garantiu para Ana Paula, que o incentivo que está sendo dado ao esporte, e a construção de praças esportivas, possam assegurar com esse exemplo, outros campeões no município.

Ana Paula em carro aberto

Ana Paula em carro aberto

Ana Paula que deixou outros convites, para vir a sua terra Bequimão, disse estar realizando um sonho e pedido do seu Pai, de voltar ao município, trazendo um titulo mundial. Para Zé Encarnado, Pai da campeã mundial de Handebol, é um orgulho para a família, mas, também um exemplo para os jovens de Bequimão.

 Ana Paula que mora e joga na Áustria, foi decisiva no campeonato mundial, e confirmou que por onde passa, sempre fala e lembra o nome de sua terra natal e da sua gente. 

 A jogadora finalizou seu discurso dizendo, que: “tem orgulho de ser filha de Bequimão” e vai sempre honrar o nome dessa cidade.

Prefeito Zé Martins & Ana Paula

Prefeito Zé Martins & Ana Paula

Prefeito, Kell Pereira e A Jogadora

Prefeito, Kell Pereira e A Jogadora

Motocicletas desfilam em Bequimão como se fossem bicicletas Infantis

COMPARTILHE
Motos nas ruas de Bequimão

Motos nas ruas de Bequimão

A onda das motocicletas tomou conta das pequenas cidades do interior do Maranhão. Não a diferença entre zona urbana e rural. Em todos os lugares, encontra-se motocicletas novas, semi-novas, velhas, habilitadas, irregulares e até sem o cano de descarga e faróis. Este é o caso da pacata cidade de Bequimão, na baixada maranhense.

Na maioria das vezes as pessoas pilotam sem habilitação, sem capacetes e em alta velocidade. São Veículos que não oferecem segurança a população e isso tem causado dezenas de acidentes no município, muitos até com vítimas fatais.

A cidade de Bequimão conta hoje com uma secretária de segurança, que administra a guarda municipal e nada foi feito até agora, para coibir a violência no trânsito. São crianças pilotando motocicletas, sem o uso do equipamento de segurança, o capacete. Na maioria das vezes, jovens embriagados e até 4 pessoas em um só veículo.

Nos últimos meses, foram dezenas de acidentes com moto no município de Bequimão e quase metade, teve vitimas fatais.

No município de Bequimão o veículo, moto, virou um verdadeiro brinquedo, tanto para os adultos, quanto para as crianças. Sem polícia na cidade, a guarda municipal seria a responsável pela segurança no trânsito, o que não acontece há muito tempo.

O que está faltando? É ordem ou coragem?

O secretário municipal de segurança, Dr. Cassiano, deveria sair do gabinete e no mínimo, dar uma volta ao município e observar o desmando nas ruas e avenidas de Bequimão. Assim também deveria fazer o comandante da guarda municipal, o senhor Saldanha, que faz vista grossa na cidade e deixa o trânsito virar uma verdadeira bagunça.

De quem é a culpa da bagunça? Do poder público ou de quem não conhece as leis?

A educação no trânsito é importante, mas só isso não basta. Precisamos coibir a violência nas ruas e avenidas, multar os infratores e apreender os veículos irregulares. Bequimão virou um depósito de veículos sem documentos e sem motoristas. Um verdadeiro refúgio para quem não paga IPVA, não tem habilitação e compra motos montadas de várias marcas e modelos.

A quantidade de motos em dias de festas

A quantidade de motos em dias de festas

Em dias de festas no município de Bequimão, o perigo é dobrado. São motoqueiros em alta velocidade, seja no asfalto ou em estrada vicinal.

Não precisa a Polícia Militar ou os agentes do DETRAN, para acabar com essa banalização e desordem. A guarda municipal tem o poder de coibir, se quisesse trabalhar e cumprir com suas obrigações.

Aqui fica o recado; ou o prefeito Zé Martins aperta o secretário municipal de segurança, ou muitas tragédias serão registradas nas festas de final de ano, como a que aconteceu dia 24 na rua Gedeon Araújo, no bairro Cidade Nova, onde um motoqueiro sem habilitação, em alta velocidade e bêbado, morreu ao bater em caminhão.

Prefeito de Bequimão entrega títulos de terra a moradores do município

COMPARTILHE
Prefeito Zé Martins em reunião

Prefeito Zé Martins em reunião

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, entregou 88 títulos de terra concedidos pela Superintendência de Patrimônio da União no Estado do Maranhão. A entrega aconteceu na manhã desta quinta-feira (26), no Sindicato das trabalhadoras e Trabalhadores Rurais do município.

Os bequimãoenses que receberam o título tiveram reconhecida a posse das terras onde vivem há muito tempo. Agora, eles podem ter acesso a benefícios de programas federais, a crédito em bancos, entre outras vantagens. O Prefeito Zé Martins intermediou o processo junto ao Governo do Estado, para que a regularização das terras acontecesse com mais celeridade.

“Meus horários são para Bequimão. Volto ainda hoje para São Luís para assinar mais dois convênios de beneficio ao povo desta terra. Um deles é para construir a estrada vicinal que a Sede do município ao povoado Paricatíua, no mesmo modelo que estamos fazendo a estrada que vai do Ramal do Macajubal até o povoado Carnaubal”, disse o prefeito.

Com esse mesmo empenho, Zé Martins disse ter buscado os títulos das terras aos moradores. “Estamos trabalhando para que a população de Bequimão tenha dias melhores. Deus ilumine para que consigamos mais coisas”, destacou o Prefeito.

Sr. Gregório ao lado do Prefeito Zé Martins

Sr. Gregório ao lado do Prefeito Zé Martins

Aos 67 anos, o morador do bairro Balandro, Gregório Santos Moreira, conseguiu ter regularizado seu pedaço de chão. “Agora eu posso tentar uma casa. Eu já estou construindo uma pequena residência, mas posso tentar para um filho, que não tem, porque as condições são poucas”, animou-se o aposentado. A felicidade estava estampada no rosto e no aperto de mão firme, ao receber o título das mãos do prefeito Zé Martins.

A secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Dinha Pinheiro, destacou, em sua fala, a disposição do prefeito em buscar benefícios para o município. Ressaltou, ainda, que vários programas já estão em andamento, como fruto desse trabalho, e que os títulos de terra vão possibilitar que mais pessoas acessem essas políticas públicas.

Os beneficiários que não conseguiram participar do evento de entrega dos títulos de terra podem receber o documento na Prefeitura Municipal de Bequimão, em horário comercial. Os títulos foram assinados pelo superintendente do Patrimônio da União no Estado do Maranhão, Jorge Luís Pinto; pelo secretário de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar, Fernando Fialho; e pelo presidente do Iterma, Luís Alfredo Fonseca.

Os secretários Ademar Costa (indústria e Comércio) e Neide Rodrigues (Assistência Social), além das médicas cubanas Odalys Baro Sanchez e Odalis de Cardena Mejias, participaram do evento.

 

Alcântara comemora 365 anos de emancipação política

COMPARTILHE
Cidade histórica de Alcântara

Cidade histórica de Alcântara

A Prefeitura de Alcântara, administrada pelo prefeito Domingos Araken, comemorou com todos os alcantarenses, moradores e conterrâneos da “Cidade Histórica” a festa de 365 anos de emancipação política. A programação comemorativa aconteceu ontem (22), às 15h, na Praça da Matriz, com atrações culturais para todas as idades.

Abrindo a programação, às 15h, a criançada se divertiu com os brinquedos infláveis infantis. Já às 16h houve show infantil com palhaços, e às 17h teve a chegada do Papai Noel. Logo depois, às 18h, o Coral Juvenil de Alcântara cantou clássicos de natal e às 18h30 aconteceu a apresentação da orquestra de Alcântara. Já às 19h os alcantarenses cantaram os parabéns e cortaram o bolo de aniversário. E às 22 horas, teve show com o ritmo do Forró Zanzibar.

Alcântara tem grandes motivos para comemorar essa data tão importante na história do município. No primeiro ano de trabalho, a nova gestão, administrada pelo Simpático prefeito Domingos Araken, limpou o nome do município, que estava em débito há mais de 15 anos. Agora, Alcântara já está cadastrada e pronta pra receber convênios de todos os programas dos governos estaduais e federais. Hoje, todos os alunos são transportados em novos ônibus escolares e deixaram de andar em paus de arara. A nova administração acabou com o antigo transporte precário, que era mais cansativo para os alunos.

O município já é campeão nacional no “PAA” (Programa de Aquisição de Alimentos). Os salários dos servidores públicos agora estão atualizados e pagos em dia. O prefeito Araken, já inaugurou as barragens dos povoados Tubarão I e II e Itamatatíua, que vão garantir mais comida para o gado, peixes e arroz irrigado à população das comunidades vizinhas. Com a nova gestão, Alcântara ganhou ainda o Odontomóvel e mais médicos, que agora trabalham e moram na sede e nos povoados do município. Com nove equipes do Programa Saúde da Família (PSF) efetivadas, ampliou-se o atendimento de saúde à população.

Outra boa notícia para o povo do município de Alcântara, é que está garantida a construção e o funcionamento do novo hospital com 20 leitos. Alcântara vai ganhar também a UBS marítima e a UBS do Mangueiral, que já está sendo construída na entrada da cidade histórica. As obras das novas creches também já foram iniciadas. Em 2013 foram inauguradas e já estão funcionando a Agência dos Correios, no povoado de São João de Côrtes e a Sala do Empreendedor do SEBRAE.

Alcântara de cara nova com Araken

Alcântara de cara nova com Araken

A cidade agora está limpa e com nova urbanização. Alcântara tem nova cara. A Prefeitura vem melhorando a iluminação pública e realizou a limpeza de áreas históricas, antes cheias de entulho e lixo, o que afastavam os turistas da cidade. Agora, estes locais se transformaram em novos cenários e espaços culturais e sociais, melhorando também a segurança pública. Por meio do Pronatec e em parceria com o SENAI, a Prefeitura ofereceu cursos e qualificou centenas de profissionais em diversas áreas.

A saúde pública também ganhou sala de programas de hanseníase, tuberculose e hipertensão arterial, modernos aparelhos de ultrassonografia e novos profissionais da área. A Prefeitura realizou com sucesso a Festa do Divino, o Clamor Pela Pátria, carnaval e o festejo Junino. Motivos não faltam para comemorar. É um bom começo, mas ainda há muito trabalho e desafios pela frente. O trabalho não pára.

 

Que 2014 o prefeito Araken continue neste mesmo ritmo de trabalho e realizações.

O futebol é um espetáculo. O estádio virou um circo. E nós somos os palhaços!

COMPARTILHE
Estádio lotado de Brasileiros felizes

Estádio lotado de Brasileiros felizes

Respeitável público torcedor do futebol Maranhense! Saque da infância seu nariz vermelho e pode usá-lo à vontade. Nós, que pagamos os ingressos, que discutimos com o vizinho fanático, que ouvimos rádio e acessamos os sites esportivos todos os dias para acompanhar o que acontece com nosso clube do coração; Teimamos em acreditar na lisura dos homens que dirigem o futebol maranhense. “Eu e você”, querido leitor, que somos os palhaços desse espetáculo chamado futebol brasileiro, agora podemos fazer um pedido ao Papai Noel…

Eu fiquei tentado a completar a frase anterior. Mas lembrei-me que esse espetáculo circense já é tradição de longas datas no estado do Maranhão. Tão velho que já deveria estar aposentado há muito tempo. Deveria ser apenas uma mancha espúria na nossa memória, a macular a tão glorificada história do futebol maranhense. Mas a chamada “Desorganização” transformou-se num fantasma insistente, teimoso, indeciso, do qual não conseguimos nos livrar. Mesmo elegantemente fantasiado de “Sério”, como quiseram nos convencer os promotores do caso Sampaio x Balsas, podemos facilmente sentir seu asqueroso odor peculiar: o mau cheiro do poder do mais forte, aquele que sempre vence, principalmente se tratando de FMF. É lamentável.

Um campeonato é feito por todos os clubes e nunca só por um.

Vamos raciocinar só um pouquinho, porque não precisa de esforço para sentir o cheiro forte de sujeira na coisa toda. Um exemplo muito fácil.

Somos todos eleitores. Se estivermos irregulares, por alguma razão, com a justiça eleitoral, nem precisávamos tentar votar. Não iríamos conseguir. Se usarmos um título de eleitor falso, vamos para a cadeia. E sabemos disso. Porque existe uma coisa chamada organização que nos impede de fraudar o sistema.

Quer outro exemplo? Tente comprar qualquer coisa a prazo se você pisou na bola e entrou na lista negra de mau pagador… Não vai conseguir. Meia hora depois de cair na lista, você perde o credito.

Mas um clube consegue faltar uma partida de futebol, simplesmente por que disputa outra competição. E depois, punem? Opa! Algo cheira mal… Teria a Federação entendido errado o pedido da Bolívia para não comparecer ao estádio Cazuza Ribeiro, ou fundamental mesmo, seria o momento em que o Sampaio disputava uma vaga a Série B do brasileiro?

Não vou nem perguntar se a situação fosse o oposto; se fosse um time do interior… Já Sabemos a resposta.

Então, nobre amigo palhaço, console-se. Se vai continuar torcendo, acreditando que um campeonato se decide de acordo com a tabela planejada no início; saiba que você está sendo enganado. Saiba que os cartolas estão rindo da sua cara, gastando a grana que você deixa na bilheteria, que você gasta para ajudar seu clube. E o seu time do coração continua falindo. Eles não estão nem aí com aquilo que chamamos de futebol. Isso para eles é apenas um negócio extraordinariamente divertido, onde a Federação Maranhense de Futebol (FMF) terá muito mais lucro, que os próprios clubes que gastam o que não tem, ficando muito mais endividados.

 Sou hoje um palhaço homenageado!

Senegal faz homenagem aos palhaços

Senegal faz homenagem aos palhaços

Ontem (17) o 4° arbitro da partida entre MAC x Sampaio realizada no estádio Nhozinho Santos, José Reinaldo Mendes Soares, conhecido como “Senegal” membro da Ceaf (Comissão Estadual de Árbitros de Futebol), protestou com uma máscara de palhaço, contra o presidente da entidade, Marcelo Filho, simplesmente porque foi pouco aproveitado durante 15 anos na comissão. Enquanto isso, jogadores e comunicadores, reclamam do excesso de jogos trabalhados.

A hora da emoção!

Jogo dia sim, dia não. As rádios já não conseguem mais desligar seus equipamentos de transmissão do estádio Municipal Nhozinho Santos. Os narradores já estão sem voz e não tem o que inventar para levar a grande emoção vivida através do rádio esportivo. “O narrador virou um ator de emoções”. Todo mundo está cansado! Até o Papai Noel. Ah!… Ainda restam dois jogos da final da Copa Cidade 2013.

 

 

 

Bequimão realiza a 4ª Conferência Municipal de Saúde

COMPARTILHE
Bastico em discurso durante o evento

Bastico em discurso durante o evento

Para elaborar propostas que favoreçam a reorganização da atenção básica na saúde pública do município, foi promovida, nesta segunda-feira (16), a 4ª Conferência Municipal de Saúde na cidade de Bequimão. O evento aconteceu na Colônia de Pescadores, no bairro da Estiva e reuniu gestores municipais, profissionais da área de saúde, representantes de classe e usuários dos serviços de saúde.

Na abertura, o secretário Municipal de Saúde, Bastico Moraes, que representou o prefeito Zé Martins, apresentou um balanço dos trabalhos realizados desde sua posse no cargo, dia 11 de maio deste ano. Ele destacou a limpeza e restauração da Unidade Mista de Saúde, ressaltando os esforços que têm sido empreendidos para a reabertura do centro cirúrgico. “Encontramos uma situação muito difícil. É um dos maiores desafios vividos por mim, mas estamos conseguindo trabalhar com o apoio dos colaboradores que fazem parte da secretaria de saúde do município de Bequimão”, disse Bastico Moraes.

O secretário de saúde, frisou ainda, o credenciamento de Bequimão no programa “Mais Médicos”, que já destinou duas médicas cubanas ao município e até março de 2014 devem chegar mais quatro profissionais. A reforma e ampliação dos postos de saúde dos povoados Quindíua e Areal; a construção da Academia de Saúde; a realização de 206 cirurgias pelo mutirão da catarata; a reativação do Programa Saúde na Escola e ampliação da Saúde Bucal que terá mais seis equipes, além das duas existentes.

Sobre as próximas ações, Bastico Moraes afirmou que o posto de saúde do povoado Jacioca entrará em funcionamento no próximo mês e anunciou a implantação de um Centro de Antitóxicos, Prevenção e Educação (Cape), para combate e prevenção ao uso de drogas. “Esse programa vamos desenvolver em parceria com a Secretaria de Segurança e de Esportes, porque os mais afetados com esse problema são os jovens”, destacou Bastico.

Colaboraram na organização do evento a secretária adjunta de Saúde, Ramone Araújo, e a coordenadora de Estratégia em Saúde da Família, Karine Macêdo. Prestigiaram a conferência o vereador Jorge Filho (PP); os secretários de Pesca, Nhô da Colônia; Educação, Aristides Amorim; Esporte, Kell Pereira e Segurança, Cassiano Abreu Ferreira.

Preparação

Antes dos grupos se reunirem para elaboração de propostas, foram apresentadas duas palestras. Na primeira exposição, o vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde, Américo de Jesus Soares Araújo, falou sobre a Lei Complementar nº 141/2012, que trata dos valores mínimos a serem aplicados anualmente pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios em ações e serviços públicos de saúde.

Bastico após a palestra da 4ª conferência

Bastico após a palestra da 4ª conferência

Em seguida, o palestrante abordou a temática “Participação da Sociedade nos Direitos Humanos na Saúde”. “O direito à saúde inclui o completo bem-estar físico, social e mental”, destacou Américo. Ele se baseou, principalmente, no artigo 196 da Constituição Federal, que estabelece saúde como direito de todos e dever do Estado.

 

 

Prefeito de Bequimão visita obras e acompanha festejo de Santa Vitória

COMPARTILHE
Estrada que liga Macajubal ao povoado Carnaubal

Estrada que liga Macajubal ao povoado Carnaubal

Está quase pronta a recuperação dos 20 km da estrada vicinal que vai do Ramal do povoado Macajubal até Carnaubal, na zona Oeste do município de Bequimão, na fronteira de São Bento. A via está mais larga, chegando a 8 metros de largura, em alguns trechos. Segundo o prefeito Zé Martins, a obra servirá de modelo para a recuperação de outras estradas vicinais do município a partir de 2014. Com essa obra, serão beneficiados, diretamente, moradores dos povoados de Macajubal, Codozinho, Jeniparana, Marinho, Pontal e Carnaubal.

No último domingo (15), o prefeito  Zé Martins, acompanhado do superintendente regional da Codevasf, João Martins, e do gestor da Agerp em Pinheiro, Marcelo Martins, aproveitou a ida ao Festejo de Santa Vitória, em Pontal, para observar o andamento da obra. “Estamos viabilizando melhores condições de deslocamento para a população dessa região. Com uma estrada boa, será possível escoar melhor a produção, o transporte escolar ficará mais seguro e quem precisar de atendimento de saúde na sede do município, poderá acessar de maneira mais rápida. Esta é a estrada modelo, que queremos seguir, interligando outros povoados”, garantiu o prefeito Zé Martins.

Para João Martins, o progresso chega à região com a estrada. “Estrada significa desenvolvimento; é infraestrutura para deslocamento da produção”, destacou. Ele acredita que essa obra, somada aos impactos positivos dos Diques da Baixada, que estão sendo construídos pela Codevasf, vai fortalecer a economia local. “Com os diques, haverá água para produção, irrigação, para beber e para os animais. Agricultores familiares, pescadores artesanais e outras pessoas que praticam atividades econômicas vão poder melhorar de vida, no que diz respeito à agregação de renda para essas pessoas”, assegurou João Martins.

O gestor da Agerp em Pinheiro, Marcelo Martins, reafirmou seu compromisso com Bequimão, por meio de parcerias que pode firmar com a Prefeitura Municipal. “Estamos percebendo a vontade política do prefeito. A recuperação da estrada é um passo importante, para que outros serviços públicos cheguem às pessoas que moram na região”, ressaltou. O vice-prefeito de Bequimão, Pedro Acará, e a presidente da Câmara Municipal, França Pereira, também manifestaram contentamento pela estrada.

A satisfação com a obra está nos olhos do senhor Henrique França, 80 anos, morador do povoado Jeniparana. Ele observa, atentamente o trabalho das máquinas. “Agora, melhorou mais. Aqui era estreito e só dava pra passar um carro”, contou o pescador.

Festejo de Santa Vitória

Dona Lourença e sua devoção

Dona Lourença e sua devoção

Dona Lourença Amorim, moradora da comunidade Pontal, herdou a tradição de fazer o festejo de Santa Vitória, como pagamento de uma promessa feita por Chicão, pai de criação. Ele se apegou à santa quando estavam sendo recrutados jovens da região para servir na guerra (eles não sabem precisar em qual guerra). “Nesse tempo, alvoraçou uma guerra e ela é guerreira. Ele pediu que se a guerra não continuasse, porque ele tinha um sobrinho que podia ser chamado, ele fazia a festa. A guerra parou e cada ano a festa era melhor”, lembrou a atual dona da festejo.

Ao lado do altar dedicado a Nossa Senhora da Vitória, acontece o baile, com radiola e banda. Nos últimos anos, a festa foi incrementada com uma vaquejada, que movimenta competidores de Bequimão e de municípios vizinhos.

 

 

Bequimãoense é o novo gestor da Agerp em Pinheiro

COMPARTILHE
Marcelo Martins juntamente com o Prefeito Zé Martins na posse da Agerp

Marcelo Martins juntamente com o Prefeito Zé Martins na posse da Agerp

O presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), Jorge Fortes, recebeu na tarde desta quarta-feira, (11), o novo gestor da Regional da Agerp em Pinheiro, o bequimãoense Marcelo Henrique Martins Pereira. Participaram do ato o prefeito de Bequimão, Zé Martins, e o superintendente da Codevasf, João Batista Martins.

A visita teve como objetivo apresentar o termo de posse do novo gestor da Regional de Pinheiro, Marcelo Henrique Martins Pereira. “É importante que o gestor que está tomando posse tenha conhecimento dos municípios situados na regional e esteja sintonizado com as políticas públicas em execução no Estado, visto que facilitará a sua atuação e proporcionará maior eficiência aos resultados que a Agerp busca pra a Regional de Pinheiro”, disse Fortes.

Marcelo Henrique destacou o trabalho que executou com a Agerp antes de assumir o cargo e enfatizou as ações a serem tomadas. “ Tive a oportunidade de trabalhar em parceria com a Agerp quando eu era gestor no Sebrae, e estou, nesse primeiro momento, conhecendo a estrutura nova da Agerp e conhecendo os convênios que estão sendo executados, para poder montar o planejamento para 2014 e desenvolver as ações que ficaram pendentes”, declarou Marcelo à respeito da posse.

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, acredita que o município, assim como a região, poderá avançar na assistência técnica, pela visão estratégica e comprometida de Marcelo.  “Viemos aqui acompanhá-lo e torcemos para que ele faça uma boa gestão na regional de Pinheiro e que possa dar continuidade ao trabalho desenvolvido pela Agerp na cidade”, declarou o prefeito, satisfeito pela escolha do bequimãoense para estar à frente da regional.

Empresa pública de referência na promoção da assistência técnica e da agricultura familiar, a Codevasf foi colocada à disposição para apoiar a regional da Agerp em Pinheiro. “É de grande relevância ter um gestor que seja técnico, porque ele pode contribuir de forma diferenciada, buscando parcerias. Nesse sentido, a Codevasf já está disponível para dividir sua experiência em desenvolvimento regional”, garantiu o superintendente da Codevasf, João Martins.

Com certeza, a entrada de Marcelo Henrique Martins Pereira é interessante tanto para a região quanto para o município de Bequimão, local onde nasceu e com o qual mantém estreita relação. Ele tem experiência na gestão de projetos, pelos anos de atuação no Sebrae/MA, e possui todo potencial para realizar um trabalho competente.

 

Governadora Roseana prestigia formatura de 437 profissionais da Polícia Civil

COMPARTILHE
Governadora Roseana Sarney em discurso na formatura da polícia civil

Governadora Roseana Sarney em discurso na formatura da polícia civil

Mais de 430 candidatos participaram do encerramento do Curso de Formação Profissional da Polícia Civil do Maranhão, nesta quinta-feira (12), em cerimônia que contou com a presença da governadora Roseana Sarney. O evento foi realizado no Centro de Convenções Governador Pedro Neiva de Santana. O curso é a última etapa do concurso realizado pelo Governo do Estado, por meio das Secretarias de Segurança Pública (SSP) e de Gestão e Previdência (Segep). A partir de agora, terá início o processo de nomeação e posse dos concursados.

A governadora Roseana Sarney lembrou que este é o maior concurso para a Segurança Pública, já realizado no estado. “Todo esse efetivo, de quase 2.500 policiais militares, civis e bombeiros, começará a ser empregado no início de 2014, principalmente nas cidades do interior do estado, onde há grande demanda. Além do concurso público, as ações e investimentos na área de segurança não param. Adquirimos mais 400 novas viaturas e 150 motos, que serão entregues em fevereiro”, disse.

Roseana Sarney destacou que na próxima semana também será encerrado o Curso de Formação de Bombeiros Militares. Informou, ainda, que no dia 13 de janeiro terá início o curso para delegados e em fevereiro será concluído o curso da Polícia Militar.

Aumento de vagas

O secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, lembrou que o número inicial de vagas no concurso aumentou. “Na Polícia Civil, aumentou em 70% o contingente inicialmente previsto, totalizando 437. E na Polícia Militar se for confirmada a inclusão de mais 1.000 vagas, vai aumentar em 50% o número de policiais aprovados. Com certeza, a política de segurança no estado, que é de inclusão de novos profissionais, deve ser mantida nos próximos anos e com isso, ganha toda a sociedade maranhense, que vai sentir a presença mais efetiva da polícia nas ruas”, ressaltou.

Para o secretário de Gestão e Previdência, Fábio Gondim, esse é um momento importante para os concursandos, que em breve serão nomeados e a sociedade vai receber novos de policiais, competentes e capacitados. “O governo está realizando um conjunto de ações que vão melhorar as políticas públicas de segurança. Foram abertas pouco mais de 200 vagas para diversas áreas na Polícia Civil e foram selecionadas 437 pessoas que estão aptas para assumirem os cargos”, afirmou

A delegada geral da Polícia Civil, Maria Cristina Meneses, reforçou que o certame beneficia todo o Maranhão. “Com o concurso, vamos suprir as comarcas que ainda não possuem delegados, a partir de março, quando eles se formarão. Com isso, vamos agilizar os inquéritos, fazer a investigação de modo mais proveitoso e rápido. Os aprovados atuarão tanto no interior, como na capital”.

Aprovada em 1º lugar no curso de formação na área de Médico Legista, a concludente Flávia Figueiredo falou da emoção em encerrar esta etapa. “O curso foi especial, tivemos aulas que servirão ao exercício profissional, como as de tiro e de defesa pessoal, que irão nos embasar na carreira. Fico feliz em acrescentar ao quadro de médicos legistas do estado e prestar um bom serviço ao Maranhão”.

Também participaram da solenidade o secretário chefe da Casa Civil, João Abreu; o chefe do Gabinete Militar, coronel José Ribamar Vieira; os deputados federais Lourival Mendes e Sétimo Waquim; o deputado estadual, José Carlos Nunes; o comandante do Corpo de Bombeiros, Vanderley Pereira; e o diretor da Academia Integrada da Polícia Civil, Mauro Costa da Rocha; além dos superintendentes, diretores de órgãos da Polícia Técnico-Científica, representantes do Sistema de Segurança e familiares dos formandos.

Novos profissionais

Ao todo, foram formados 437 candidatos, sendo 261 Investigadores, 80 Escrivãs, 45 Peritos Criminais; 14 Médicos Legistas, nove Farmacêuticos Legistas, 12 Odontolegistas e 16 Auxiliares de Perícia Médico Legal. O treinamento teve duração de três meses e, a partir de agora, o Governo do Estado dará início ao processo de nomeação e posse.

Cada curso teve a carga horária total de 350 horas/aulas, constituído por uma média de 25 disciplinas, em que os alunos foram submetidos a avaliações teóricas e práticas, sendo todas de caráter eliminatório e classificatório, tais como: Educação Física, Defesa Pessoal e Armamento e Tiro, Ética e Cidadania aplicada à Atividade Policial, Psicologia e Saúde Aplicada, Direitos Humanos, Investigação e Inteligência Policial, entre outras.

Conforme previsto no edital do certame, foram considerados aprovados os alunos que obtiveram em cada disciplina nota igual ou superior a 5, sendo eliminado automaticamente e desligado do curso, o aluno que alcançou nota inferior.

Para o concurso da Polícia Civil foram inscritos um total de 14.485 candidatos. A realização de todas as etapas do processo seletivo é de responsabilidade da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Outras ações

O Governo do Estado também desenvolve um leque de ações para fortalecer as ações de segurança. Está em fase de construção a Unidade de Segurança Comunitária (USC) do Coroadinho e já foi assinada a Ordem de Serviço para a obra na Cidade Olímpica. A previsão é que sejam criadas mais 11 USCs na capital e no interior.

Também já está autorizada a reforma e construção de Delegacias e Batalhões da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros no interior. Ainda este mês, será inaugurado o Grupamento do Corpo de Bombeiros em Bacabal, que contará com caminhão de combate a incêndio, ambulância e outros equipamentos.

Roseana Sarney e seus secretários

Roseana Sarney e seus secretários

Governadora com os Formandos da polícia civil

Governadora com os Formandos da polícia civil

Matéria da Jornalista “Stephanie Coutinho”